Sistema de Representação para Representantes Comerciais

.

"CARTAS RECEBIDAS DAS AMIGAS E AMIGOS DO JORNAL N°228"

.

.

SEJAM TODAS E TODOS MUITO BEM VINDOS 
..

.

Este CONSELHO é de uma amiga muito zen sata...

.

.

.

"Que hei de fazer para perdoar aos outros?
.

Se não condenasses ninguém, nunca terias necessidade de perdoar"

.

.

JOSÉ HENRIQUE DA SILVA
GOSTEI MUITO DA SALA DOS PROFESSORES.
PARABÉNS!!!!!!!!!!!

ANDRÉ LUIZ BUENO DE OLIVEIRA
O JORNAL É UMA FERRAMENTA DE APOIO MUITO INTERESSANTE, COM MATÉRIAS E  DE EXTREMA IMPORTÂNCIA PARA O EMPRESÁRIO QUE PRECISA ESTAR BEM INFORMADO.

EDUARDO NERY C. CABRAL E SILVA - IMA TECIDOS DA MODA
ESTOU NO 6º PERÍODO DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO EM MARKETING DO UNICENTRO NEWTON PAIVA - BHTE (MG) E SOU SUPERVISOR DE COMPRAS DE UMA DAS MAIORES  EMPRESA QUE ATUA NO RAMO DE COMÉRCIO ATACADISTA DE TECIDOS EM MINAS GERAIS. NÃO CONHEÇO O JORNAL, MAS JÁ OUVI FALAR QUE É BOM E COMO ESTÁ LIGADO TOTALMENTE À MINHA ÁREA, VAI SER EXCELENTE PARA ADQUIRIR CONHECIMENTOS E EXPERIÊNCIAS. 

POR ISSO GOSTARIA MUITO DE RECEBER O JORNAL SDR.
DESDE JÁ AGRADEÇO, ABRAÇOS.

ANTONIO LIRIO DE OLIVEIRA SANTOS
BASES PARA O PROGRESSO:  - TRABALHO E HONESTIDADE.

AÍLTON MENDES - SPX JURUBATECH Tecnologia Automotiva Ltda

Boa Tarde,
Parabéns pelo excelente conteúdo do jornal SDR; uma grande ferramenta de informação para os profissionais de vendas; gostaria de receber maiores informações de como obter o Software de Vendas SDR.
Saudações!

DAYSI DIAS MENDONÇA
ESTOU ACOMPANHANDO AS PALESTRAS POIS JÁ CONHEÇO ALGUNS CONFERENCISTAS E JÁ LI ALGUNS LIVROS.

VÂNIA DOS SANTOS MARTINS
PELA PRÉVIA QUE TIVE LENDO O SITE CREIO QUE AS DICAS DIÁRIAS DO JORNAL PODERÃO SER DE MUITO AUXÍLIO PARA O MEU DIA A DIA COMO VENDEDORA.

ADRIANA SHIMABUKURO 
OLÁ, GOSTARIA DE RECEBER INFORMAÇÕES SOBRE LOGÍSTICA.

MILENA MANCINI
ACESSEI SEU SITE ATRAVÉS DE UMA BUSCA NO CADÊ. ACHEI O CONTEÚDO MUITO INTERESSANTE. GOSTARIA DE CONTINUAR LENDO O JORNAL. GRATA.

ANA PAULA COSTA SOUZA
sOU NOVA NO SITE E GOSTARIA DE RECEBER TODAS AS NOTICIAS DO JORNAL!

LEILA LEITE
SOU INICIANTE DE COMERCIANTE, ESPERO TER DICAS DE COMO COLOCAR MEU NEGÓCIO PARA FRENTE.

MELK
GOSTARIA DE ATUALIZAR MEU E-MAIL PARA CONTINUAR RECEBENDO JORNAL. SEU REPRESENTANTE NO SUL DE MINAS NA ÁREA DE DESCARTÁVEIS.
GOSTO BASTANTE DE LER JORNAL SDR.

WAGNO COELHO - LOJA ELÉTRICA LTDA.
FAÇO CURSO DE MARKETING, E FIQUEI INTERESSADO EM RECEBER O JORNAL.

EVELINE CAMASSOLA  - ÁGATA SEGUROS
GOSTARIA DE RECEBER O JORNAL POR ACHAR MUITO INTERESSANTE NA ÁREA DE MKT.

 .

DICA DA SEMANA  

.  

" A Frustrada decisão dos caranguejos "

.

.
Houve certa vez uma reunião muito importante no fundo do mar. Era a reunião dos caranguejos. O mais velho dos caranguejos a havia convocado, para tomarem, segundo o que ele pensava, uma decisão muito importante. Vieram caranguejos de todos os mares, desde mares pequenos e águas tranqüilas, até aqueles que vinham dos oceanos mais agitados. Até aqueles que viviam nos rios mais contaminados mandaram o seu representante.

.
A reunião começou pontualmente. O líder pediu a palavra e disse: - "Meus amigos, viemos fazendo algo que tem se constituído como um péssimo exemplo para o resto.... É um costume que temos que mudar".
.
Muito preocupados todos o olhavam com curiosidade. Um jovem caranguejo de água doce não pode reprimir a curiosidade, e perguntou: - "E qual é este costume? Por que acredita que é um mau exemplo para o resto...?"
.
O caranguejo ancião respirou fundo. Muito preocupado tomou a palavra novamente e continuou: - "O direi sem rodeios. Devemos deixar de andar para trás. Todos nos usam de exemplo negativo e falam de nos como retrógrados". Um caranguejo vermelho que vinha de muito longe, dando-se conta do sério problema perguntou: "E o que propõe para remediar o péssimo exemplo que damos?"
.
O caranguejo líder continuou: - "Serei realista. Para nós já é muito difícil mudar. Mas para os caranguejos pequenos será mais fácil. Eu proponho que as suas mães lhes ensinam a andar para frente".
.
Os caranguejos se emocionaram com a sinceridade com que havia lhes falado, e concordaram com entusiasmo a proposta. Desta forma ficou instituído que todos os caranguejos que nascessem deste momento em diante, seriam instruídos por suas mães para caminhar para frente.
.
Cada um voltou para seu lar. E as mães começaram a ensinar aos seus pequenos. Guiaram com amor suas patinhas, primeiro uma para frente depois a outra. Insistiram na nova forma de avançar. Os pequenos tentaram seguir as instruções, ainda que fosse muito difícil e complicado. Mas com sinceridade trataram de faze-lo.
.
No entanto aconteceu algo curioso. Suas mães lhes diziam como deviam caminhar, mas elas mesmas e todos os outros caranguejos continuavam a caminhar para trás como sempre. - "Como é que eles fazem uma coisa e me ensinam outra?" disse um pequeno muito estudioso. Os demais concordaram. Alguns pensavam que era uma brincadeira que eles queriam jogar, outros diziam que deveria ser mais fácil caminhar para trás, por isso os outros o faziam.
.
Em vista da insurgência, tiveram que convocar outra uma nova reunião de caranguejos.  - "A norma que propus não funciona", admitiu o caranguejo líder que sempre dizia a verdade. E continuou:  - "E não funciona por que não predicamos com o exemplo e o certo é que não podemos pedir para os outros, que façam o que nós não fazemos".
.
A história diz que esta é a razão pela qual os caranguejos seguem andando para trás. E a lição que aprendemos com esta simpática história nos ensina que os outros prestam mais atenção ao que fazemos, que ao que dizemos.
.
E é uma verdade que devemos aprender. É muito difícil pedir a um filho que não beba, se o pai bebe nos finais de semana. E exigir que estude, quando nós não tocamos um livro. Predicamos muito mais com o exemplo que com todas as palavras do mundo.

.
E também nas empresas seria mais fácil pedir aos funcionários para que produzam mais, se nós fossemos produtivos. E que apliquem bons princípios nas relações humanas, se nós também as aplicássemos. Mas não podemos esperar que sejam sinceros, se nós não formos com eles. 

.

Os romanos diziam "Exemplum docet", "o exemplo ensina". E o professor Dale Carnegie dizia que para os outros: - "o exemplo é quase o único que ensina".

.
Todos aqueles que estão em um posto de liderança, supervisores, gerentes, dirigentes, pais, professores,  políticos, religiosos, devem compreender a fundo esta indiscutível verdade. Como dizia William James:  - "
O que fazemos fala tão alto que não deixa ouvir o que dizemos"..

.
O NEGATIVO:  - Pensar que para influir nos outros, bastam nossas intenções e nossas palavras.

. 
O POSITIVO:  - Compreender que sempre acabamos predicando com o exemplo. 


Escrito por Emilio Santamaría 

publicado na imprensa de Honduras