Sistema de Representação para Representantes Comerciais

 

 

DICAS DA SEMANA DO WWW.SDR.COM.BR

 

.

Sonhe com aquilo que você quiser, vá para onde você queira ir, seja o que você quer ser, porque você apenas possui uma vida e nela só temos uma chance de fazer aquilo que queremos.

.

.

DICAS PARA ESCOLHER PARCEIROS 

Escolha alguém do seu tamanho. 
Antes de escolher, converse com parceiros dos seus parceiros potenciais. 
Um relacionamento pessoal facilitará a parceria. 
Busque pessoas menos individualistas, com orientação grupal ("nós" e não "eu"). 
Identifique pessoas com objetivos comuns e prioridades idênticas às suas. 
Não tenha pressa, "namore" antes de casar. 
Coloque por escrito as expectativas e o que for acertado e acordado entre as partes. 
Estabeleça momentos/datas para acompanhamento do progresso da relação.] 

L A COSTACURTA JUNQUEIRA

VICE PRESIDENTE DO INSTITUTO MVC – M. VIANNA COSTACURTA ESTRATÉGIA E HUMANISMO

HISTÓRIA DAS CONSERVAS 

,

A necessidade de sobrevivência do homem primitivo o obrigou a criar as primeiras embalagens da humanidade. Conchas marinhas, cascas de castanhas ou de coco devem ter sido as primeiras embalagens utilizadas para beber e estocar. Usados em estado natural, sem qualquer beneficiamento, os primeiros recipientes passaram, com o tempo, a ser fabricados a partir da habilidade manual do homem. Assim, surgiram as tigelas de madeira, bolsas de pele e cestas de fibras naturais.

,

A primeira matéria-prima usada em escala industrial e de transformação para a produção de embalagens foi o vidro, por volta do ano 500 d.C. Metais como o ferro, cobre e estanho eram utilizados há muito tempo, surgindo praticamente junto com a cerâmica. Mas somente nos tempos modernos passaram a figurar com destaque na produção de embalagens. A Marinha Inglesa adotou no início do século XIX as embalagens de estanho para conservar os alimentos da tripulação em alto mar. Assim, os alimentos enlatados chegaram aos supermercados por volta de 1830.

 

AS PANELAS DE PRESSÃO  
A primeira versão foi criada em 1680 por Denis Papin, que teve alguns probleminhas, dado a que não conseguia controlar a temperatura e nem o vapor, nas medidas certas, pelos que houveram algumas - digamos - explosões. Mas conseguia já 15% de redução no tempo de cozimento.

Cento e vinte anos mais tarde, os detalhes da guerra conduziram a Napoleão a oferecer doze mil francos, a quem  desenvolvesse uma maneira de preservar o alimento, já que logística e estrategicamente era humanamente impossível realizar campanhas de guerra longe e por muito tempo, sem ter a certeza de que as tropas iriam ser bem alimentadas, devido que, naquela época não haviam meios de conservar os alimentos, a não ser defumados, salgados ou ao natural.

 

OS PRIMEIROS VIDROS COM SELADORES

Em 1809 o prêmio foi dado ao Francês  Nicholas Appert, que usou uma versão melhorada da panela de pressão a vácuo de alimentos, sem selo e em vidros limpos, conduzindo ao desenvolvimento eventual da indústria de conservas em vidro e lata. Este método utilizava um lacre de cimento acima dos alimentos envasados, mas era muito rudimentar além de que os primeiros vidros, não tinham sido desenvolvidos para poder perfurar o selo de cimento, que depois se alterou para cera.

Raymond Chevallier-Appert melhorou em cima do projeto inventando (e patenteou) um Esterilizador que forneceu resultados mais consistentes. 

 

AS PRIMEIRAS LATAS

A 2ª Guerra Mundial impulsionou a indústria de latas de aço e estanho. O preço da folha de flandres foi elevado com o crescimento da demanda, obrigando os produtores a encontrar no alumínio a substituição da matéria-prima. A Adolph Coors Company começou a vender cervejas em latas de alumínio a partir de 1959. Depois da 2ª Guerra Mundial surgiram os supermercados e inúmeras inovações na produção de embalagens, entre elas, o plástico. As latas de aço produzidas com chapas metálicas, conhecidas como folhas de flandres, são compostas por ferro e uma pequena parte de estanho (0,20%) ou cromo (0,007%), materiais que as protegem contra a oxidação (ferrugem).
Para a obtenção das chapas de aço é necessário extrair da natureza o minério de ferro, denominado hematita, e a partir de sua redução com carvão vegetal, produz-se uma chapa com alto grau de pureza.

.

CURIOSIDADES

.

Uma latinha de alumínio vazia pesa apenas 14,5 g.
70 latinhas vazias correspondem a 1 kg.
Com uma chapa de alumínio de 1 metro de comprimento por 1,72 m de largura podem ser produzidas aproximadamente 99 latinhas. 
O Brasil tem uma das três maiores reservas de bauxita (matéria prima do alumínio) do mundo. Cada 1 ton. de alumínio reciclado significam 5 ton. de minério bruto (bauxita) poupados. 
Para reciclar o alumínio são gastos apenas 5% da energia que seria utilizada para produzir o alumínio primário, ou seja, uma economia de 95% 
No Brasil aproximadamente 17% das bebidas são embaladas em latas de alumínio. 
A reciclagem do alumínio no Brasil em sua cadeia - reciclagem, recuperação e transporte - envolve mais de 6.000 empresas e proporciona uma fonte de renda alternativa para milhares de famílias. 
O ciclo da lata de alumínio, entre a produção e o retorno aos centros de reciclagem, leva em média 35 dias, reduzindo o impacto sobre o meio ambiente. 
O ciclo da lata de alumínio, a partir da matéria-prima até a reciclagem, passando pela coleta de latas, envolve mais de 150.000 pessoas no Brasil, a grande maioria vivendo hoje exclusivamente da coleta de latas de alumínio. 
Em 2001, o Brasil reciclou 85% das 11 bilhões de latas de alumínio produzidas. 
Os Estados Unidos produzem cerca de 100 bilhões de latas de alumínio por ano e conseguem reciclar aproximadamente 55% desse total. 
Hoje, mais de 43% das cervejas e refrigerantes produzidos em USA são envasados em latas de alumínio. 
No Brasil, são consumidas 50 latas de alumínio/ habitante/ ano, enquanto em USA o consumo chega a 375 latas/ habitantes/ano 
O volume de lata mais comum no Brasil é de 355 ml 
O Brasil tem, atualmente, quatro fabricantes de lata de alumínio: Crown Cork, Latapack-Ball, Latasa e REXAM,? 
..

ANEL DA LATINHA 

..
Há um boato de que uma determinada quantidade de anéis de alumínio pode ser trocada por diversos equipamentos como cadeiras de roda ou sessões de hemodiálise, entre outras coisas. Isso não passa de um mito, pois até hoje não houve nenhuma comprovação da campanha, instituição ou movimento em todo o Brasil que promova tal troca. - Mas nem só de mitos vivem os anéis da latinha de alumínio. É verdade, por exemplo, que eles são recicláveis, no entanto, não podem ser reciclados separadamente das latinhas. Por isso, recicle a lata inteira, não somente o anel.

.

Todas as pessoas do mundo sorriem no mesmo idioma.
(Morris Mandel)

.

 

Jim McCann - CEO da Flowers.com

.

Provérbio favorito: "Não é um provérbio, é um conselho. Quando você cometer um erro - todos nós cometemos erros -, o importante é se recuperar rápido. Quanto mais rápido você se recuperar, melhor." 
A qualidade mais importante que um Líder deve ter: "Primeiro é preciso entender que não é possível fazer tudo. Admitir isso irá fazer você se cercar das melhores e mais talentosas pessoas que existe. A partir daí será apenas uma questão de passar a bola para eles e deixá-los correr. A segunda qualidade mais importante, é a habilidade de criar uma cultura e atmosfera de trabalho que permita todas as pessoas fazerem o seu melhor." 
O melhor treinamento que um Líder pode ter: "Ter experiência no varejo, onde é possível aprender a interagir com clientes, uma habilidade raramente usada pelos CEOs quando eles atingem o topo de uma empresa." 
Qual é a pior característica que um líder pode ter? "Acreditar que pode fazer tudo, e assim não contratar e não delegar os negócios às melhores pessoas possíveis." 
Como um CEO deveria investir o seu tempo livre ? "Visitando clientes, a comunidade financeira, a mídia, e caminhando por toda a empresa para conversar com o maior número possível de funcionários."

.

CAMARÃO QUE NÃO NADA, A LEVA O CORRENTE...

.