Como página inicial

Sistema de Representação Comercial para Representantes Comerciais

Adicionar a Favoritos

.

JORNAL De REPRESENTAÇÃO comercial sdr - EDIÇÃO Nº 147 - 29.11.2002

.

SDR - SISTEMA DE REPRESENTAÇÃO E VENDAS

MIGUEL PEDRO TERRA VELAZCO

EDITOR DO JORNAL SDR

fone: 51 3019 2817.

.

Funções do Sistema de Representação Comercial e Vendas - SDR

Testes do Sistema de Representação Comercial e Vendas - SDR

Solcite seu Orçamento

Manual do Sistema de Representação Comercial e Vendas - SDR

Biblioteca dos Jonais de Representação Comercial SDR

Assinatura livre e gratuita do Jornal de Representação Comercial

Contrate os melhores e mais capacitados Representantes Comerciais

Contato com a Equipe do SDR Sistema de Representação

As melhores Dicas sobre softwares livres, Bibliotecas, Links...

FUNÇÕES

TESTE

ORÇAMENTO

MANUAL

JORNAIS

ASSINe

saiba

contato

dicas

.

.

.

 

O QUE É IMPORTANTE!!!

 

As coisas se tornam melhores para as pessoas que fazem o melhor das coisas como elas são.” 

 

Autor desconhecido.


Você gostaria de ser dono de uma Grande Empresa ? Entenda “Grande Empresa” como aquela que efetivamente faz a diferença para os seus funcionários, clientes e comunidade. - O que você acredita que é importante para atingir esse objetivo ? - Como chegar lá ? 

"Você precisa ter as pessoas certas com as atitudes certas." - O momento mais importante da sua empresa é o momento em que você contrata um funcionário. Se você escolher errado, você perde. Se você escolher certo, você ganha. Esse é o momento onde tudo pode mudar para melhor ou para pior. 

Um fato é indiscutível: ”Você não consegue construir uma grande empresa sem grandes pessoas.” - Você precisa das pessoas para se relacionar com os seus clientes. Você precisa das pessoas para criar os seus produtos e serviços. Você precisa das pessoas para cobrar e receber dos seus clientes. Você precisa das pessoas para reinventar a sua empresa de tempos em tempos. Você precisa das pessoas para pensar em como diferenciar a sua empresa dos seus concorrentes. ”Você precisa das pessoas. Elas fazem acontecer.” 

Mas como escolher as pessoas certas ? Na hora de contratar você deve procurar por ATITUDE e não por habilidades. Não cometa o erro de dizer que “Nós podemos mudar as pessoas”. Já dizia o sábio marinheiro Popeye: “Eu sou o que sou. Você não pode mudar isso." - Você pode treinar pessoas para desenvolver novas habilidades, mas você muito dificilmente conseguirá mudar as suas atitudes. 

Mas qual o tipo de atitude você deve procurar nas pessoas ? Energia, Senso de Humor, Espírito de Equipe e Autoconfiança. Mesmo que você tenha uma posição aberta que você precise desesperadamente preenchê-la..., não se apresse. Não contrate o primeiro que aparecer contando os feitos maravilhosos do passado. Procure por ATITUDE! Procure por comportamentos passados frente a adversidades e obstáculos. 

Você precisa de pessoas que olhem para os resultados da sua empresa e digam: “Nós estamos tendo um mês fantástico. Os clientes adoram os nossos produtos e serviços e nós estamos vendendo mais do que no mês passado”. E você definitivamente não precisa de pessoas que digam: “É isso aí, se as coisas continuarem assim nós teremos que comprar mais produtos.” ou, "Nós temos um problema na empresa, já tentamos de tudo e não acredito que vamos conseguir resolver." 

Se você contratar errado, esqueça sobre realizar a missão da sua empresa, o planejamento estratégico, sobre se diferenciar da concorrência, aumentar as vendas... esqueça tudo isso. Por que você se esqueceu da coisa mais importante de todas: as pessoas.


As pessoas certas. As atitudes certas. Nada menos que isso interessa. 

QUEBRA TUDO! Foi para isso que eu vim e vocês ? 

Sr. Prof. Ricardo Jordão Magalhães 
Fundador 
ricardom@bizrevolution.com.br

PALESTRA

 

 

 

 AS CARTAS DE AGRADECIMENTO DA SEMANA

 ARTIGO I - " AS LINHAS DAS MÃOS " - Sr. Prof. Luciah Rodriguez

 RESUMO DE NOTÍCIAS DO 26.11.2002 A 29.11.2002 

 ARTIGO II - " Seu corpo é um diferêncial competitivo? " - Prof. Eunice Mendes do Inst. MVC

 DICAS DA SEMANA

 ARTIGO III - Vendendo no século XXI - Prof. Marco Aurélio Ferreira Vianna (Professor Novo)

 REFLEXÃO - " O Poder da Gentileza "

 PIADAS, TESTES E MALVADEZAS 

 

 

AS CARTAS DE AGRADECIMENTO DA SEMANA: 

 

Recebemos semanalmente muitas assinaturas e pedidos de CD's, e metade delas vem com cartas. Gostaríamos de publicar todas elas, para lhes mostrar nossa alegria, por ter cada um de vocês como leitoras/es e usuárias/os. - Mas, e os artigos, as matérias, as Piadas, as Reflexões ? Então vamos fazer assim, as primeiras 10 cartas serão publicadas e representarão todos os demais, que cheguem na semana? Ta bom assim? Todos conformes, felizes ? O maior abraço do Oiapoque ao Chuí, e de Manaus a Vitória, para todos vocês, 

GUTENBERG R. FERRAZ JR
Estou enviando este cadastro para o meu filho, tbm. participar do sdr

EDMAR VILELA
RECEBI DE UM AMIGO O ENCAMINHAMENTO DO JORNAL E GOSTEI MUITO.
FICAREI MUITO GRATO EM RECEBE-LO!
UM ABRAÇO E PARABÉNS PELO TRABALHO!!

GILSON DIAS DOS SANTOS
SOU FÃ DO SDR, TRATA-SE DE UM TRABALHO BEM ELABORADO E DE MUITO BOM GOSTO.

ROSANGELA KLEIN
Cada edição é uma maravilha pois nos atualizamos sempre; já estou montando 1 apostila do jornal.
Professor Gretz, volte logo a Porto Alegre, pois você como palestrante é dez, um grande abraço e escreva sempre, motivação é a palavra chave em vendas.
Trabalho na Telsul Telecomunicações S.A., setor de televendas.

LUÍZ GUSTAVO DA COSTA
Sou estudante de Administração e estou muito interessado pelo jornal

VERÔNICA SOARES
Recebi de um amigo e achei bastante interessante. Vou passar adiante, nem só de besteiras vive a Internet!!!

VÍVIAN B. GUAZZELLI
Achei o jornal muito interessante. uma boa fonte de motivação.

ROGERIO CUNHA ROCHA
A minha empresa recebe este informativo. Gostaria tambem de recebê-lo.

Wagner Fernandes
Gostaria de começar a receber este jornal virtual.

LRF - REPRES.COMERC.S/C LTDA
É um instrumento muito útil para representantes comerciais.


Vocês que são maravilhosos em nos dar esta oportunidade, e queremos que sempre, nossa humilde contribuição os motive, enriqueça e ilumine no dia a dia, porque essa é nossa recompensa.

 


Equipe do SDR

 

 
VENDENDO NO SÉCULO XXI
MARCO AURÉLIO FERREIRA VIANNA
PRESIDENTE DO INSTITUTO MVC

Há alguns anos e de maneira progressiva, os atores da comunidade empresarial vêm dedicando uma boa parte das suas reflexões às mudanças que o mundo dos negócios vem vivendo. Este conjunto de energias, canalizado muito mais através do "pensamento" e muito menos através das "ações", merece, de maneira acelerada, uma reorientação de rumos. Em primeiro lugar, não vivemos apenas uma era de mudança; estamos no meio da maior mudança que a história do Planeta Terra já passou. Convivem, em uma mesma amplitude temporal, pelo menos seis consistentes e profundas Revoluções, a saber:

  • Revolução Tecnológica

  • Revolução da Globalização

  • Revolução Econômica

  • Revolução da Gestão e Organização

  • Revolução do Ser Humano

  • Revolução da Demografia

Portanto, é preciso verificar e conscientizar-se de que mudou o próprio conceito de mudança. Em segundo lugar, é de fundamental importância sair do eixo passivo da reflexão sobre a "mudança em si" para a "ação sobre a mudança". Um pouco na linha do que Prahalad afirma:

"Planejadores avaliam o que está ocorrendo de diferente;
triunfadores determinam o que vão fazer de diferente."

A revista Fortune, em recente pesquisa, concluiu que apenas 5% das tendências e mudanças conhecidas recebem um tratamento pragmático de adequação. Em outras palavras, 95% daquilo que as pessoas nas empresas sabem que devem mudar não é efetivamente transformado. Por isto mesmo, Peter Drucker, em seu último livro, sem abusar do jogo de palavras, o que está longe de seu feitio, afirma que o papel do líder no século XXI não é "gerenciar a mudança" (já que a mudança, em si, não pode ser mudada), mas sim criar o próprio futuro dentro do panorama que se está modificando em um conceito que ele determina como "liderar a mudança".

A outra característica desta época que estamos vivendo é o que podemos denominar de "universalização da mudança", o que significa que praticamente ninguém escapará de seus impactos. Do dentista ao auditor, do comandante de aviação à área de Recursos Humanos, do chefe de família ao músico, todos terão que se adequar. A profissão de vendedor não poderá ficar fora deste movimento. Aliás, grandes impactos ocorrerão sobre o seu futuro. Algumas tendências e mudanças afetarão diretamente sua estrutura profissional. Por exemplo:

  • A globalização permitirá ao cliente um leque de opções de compra de produtos/serviços infinitamente maior do que os padrões atuais;

  • Concorrências, ortodoxas e heterodoxas, mudarão inteiramente a estrutura de ofertas de serviço do setor;

  • Pelo nível maior de ofertas, o nível de qualidade e exigência do cliente aumentará em taxas geométricas;

  • A Revolução da Tecnologia permitirá uma mudança radical na forma pela qual são estabelecidos os preços dos produtos e serviços;

  • Ocorrerão mudanças em todas as empresas e profissionais que estão no campo da intermediação dos negócios;

  • A tecnologia transformará a essência de como se compra, vende, trabalha, aprende-se, ensina-se no mundo dos negócios;

  • A expansão da expectativa de vida, evidentemente, acarretará sérias mudanças nos hábitos de consumo dos seguros de vida;

  • A taxa de inovação e velocidade será cada vez mais contundente, devendo ser ressaltado que a massa de conhecimento e tecnologia do mundo dobra a cada ano.

Por isso mesmo, o perfil deste profissional deverá sofrer uma forte evolução, dotada de um caráter de agilidade compatível com a velocidade supersônica do mercado e dos negócios.

Sem a menor pretensão de esgotar o assunto, podem ser detectadas algumas transformações de competência, indicadas no esquema abaixo:

Vendedor – Perfil de Competências:

ANTIGO PARADIGMA

NOVO PARADIGMA

Postura rígida

Focado no produto

Imediatista

Baixa tecnologia aplicada

Baseado em resultados financeiros

Poucos serviços

Distância do cliente

Burocrático

Postura muito flexível

Focado no cliente

Visão de longo prazo

Altíssima tecnologia aplicada

Baseado em valor agregado

Excelência nos serviços

Próximo ao cliente

Competitivo

A mudança de capacitação e mentalidade deverá merecer, assim, alta prioridade na definição estratégica da classe, sendo criados efetivos mecanismos que motivem os vendedores a trilhar estes novos e difíceis caminhos. Por tudo que está sendo estudado e pesquisado no mundo, parece que, claramente, Treinamento, Desenvolvimento e Educação são a grande arma para sensibilizar e capacitar profissionais para mudança calcados nos eixos da emoção (motivação) e da razão (competência).

Finalmente, cabe comentar que não só o conteúdo é importante neste tipo de ação. A velocidade de implantação do novo também é fator crítico de sucesso nesses tempos atuais. Em verdade, estamos no olho do furacão da mudança e, nesta primeira década do século XXI, vão ser moldados a estrutura e os pilares de como o mundo de negócios vai operar durante muito tempo. Quem perder este timing estará simplesmente fora do jogo.

 

RESUMO  DE  NOTICIAS  "
26.11.2002    AO    29.11.2002


ECONOMIA
TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

7 de cada 10 novos negócios morrem antes de completar dois anos de vida, segundo o IBGE.

Organização do setor privado, com senso de cidadania empresarial, de caráter apolítico e interlocução aberta com as diferentes esferas do Governo. É assim que se autodenomina a mais recente novidade da Web, o BrasilcomBR (www.brasil.com.br), site lançado na terça-feira (26/11)

Alguns dos mais importantes bancos de investimentos de Wall Street foram informados nesta sexta-feira sobre os montantes das multas que terão de pagar por iludir os investidores com pesquisas tendenciosas sobre ações, prática que pode lhes custar até 1 bilhão de dólares.
As multas, que podem ser as mais altas na história do setor de valores mobiliários dos Estados Unidos, seriam possivelmente o primeiro passo para levar o demorado inquérito a uma conclusão.

O ano de 2001 foi marcado por fusões e aquisições e isso refletiu-se positivamente no setor de alimentos. De acordo com a Associação Brasileira da Indústria de Alimentos, o segmento movimentou R$ 112 bilhões, sendo R$ 1,4 bilhão abocanhados pela Kraft Foods Brasil, que incorporou a Nabisco em dezembro de 2000. Ao contrário do que tradicionalmente acontece nas aquisições, a companhia não impôs a padronização de sua gestão de TI (Tecnologia da Informação) à sua coligada, adquirida por US$ 19,2 bilhões. 

A Receita Federal colocou no ar ontem, dia 20, o site Leãozinho, para a educação social e fiscal de crianças e adolescentes. - O novo site faz parte do Programa Nacional de Educação Fiscal, da Esaf (Escola de Administração Fazendária) e traz uma biblioteca, com artigos, textos para download e um glossário; uma escola, com dicas de cidadania; a Casa dos Três Poderes, que fala sobre o Executivo, o Legislativo e o Judiciário; uma área com diversos personagens, a Vila Esperança; e uma área com jogos e brincadeiras. (www.leaozinho.receita.fazenda.gov.br)

Os indicadores de produção industrial e de vendas do varejo mudaram definitivamente de sinal no último trimestre (setembro a novembro). Todos pararam de cair. Alguns apontam crescimento, outros estabilidade. A economia entrou claramente em recuperação. - As principais incógnitas estão nos indicadores do mercado de trabalho. A renda do brasileiro cai há 21 meses consecutivos. Uma perda de poder aquisitivo que deve se acentuar dada a aceleração dos índices de inflação. Desemprego e renda trazem, portanto, dúvidas sobre o fôlego da retomada.

A agilidade na busca de novos mercados evitou que o Rio Grande do Sul tivesse ainda mais perdas nas exportações depois de ver a Argentina reduzir em 70% as compras neste ano e a diversificação de novos mercados foi suficiente para que a indústria gaúcha esteja crescendo mais do que a média do setor no Brasil. - O país vizinho era o segundo destino dos embarques gaúchos antes de amargar uma crise econômica sem precedentes. Em poucos meses despencou para o sexto lugar. Ao comprar do Rio Grande do Sul US$ 133,9 milhões em produtos nos nove primeiros meses de 2002, a participação da Argentina no total exportado pelo estado caiu de 13% para abaixo de 3% em um ano. "Houve um sofrimento inicial provocado pela recessão argentina, mas a maioria dos exportadores gaúchos saiu-se bem", diz o coordenador do Conselho de Comércio Exterior da Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul (Fiergs), Paulo Tigre.

Um pouco da história da bebida mais conhecida do mundo contada pelas meias soquetes. É esse o tema da Coca-Cola Socks Collection, coleção de meias, que será lançada hoje, e retrata 100 anos de vida do refrigerante. A coleção foi criada pela marca brasileira Puket para artigos femininos, masculinos e infantis. Idealizado pelo diretor de marketing da Puket, Cláudio Bobrow, o projeto de licenciamento da marca Coca-Cola foi apresentado aos executivos da empresa de refrigerantes em agosto. A idéia foi tão bem aceita que, em uma semana, o acordo estava fechado e a empresa se tornou a única do gênero, no mundo, autorizada a usar a imagem do refrigerante em meias. Por enquanto, a comercialização se dará apenas no Brasil. Os produtos chegarão às lojas, gradualmente, a partir de dezembro. - Segundo Bobrow, o projeto possibilitou trabalhar com uma marca que está entre as mais democráticas do mundo. "A Coca-Cola está presente em mais de 220 países. É o único produto consumido por todas as idades, sem distinção de sexo, religião, classe social, cultural ou política", diz o diretor da Puket, empresa paulista que existe há 14 anos e produz 1 milhão de pares de meias por mês. Para desenhar a coleção, a Puket aproveitou imagens usadas na comunicação da Coca-Cola e criou 120 modelos de meias de algodão com Lycra, com desenhos feitos em jacquard. Além das meias, a equipe de criação da Puket fez embalagens especiais para o produto. São latas, copos de plásticos e caixinhas estampadas, que poderão ser colecionadas. "São objetos que saltam aos olhos", acredita Bobrow, que fechou contrato com a matriz, em Atlanta, por três anos renováveis, automaticamente, por mais três .

Para poder enfrentar o câmbio previsto para 2003 sem problemas, as empresas do setor automotivo precisam exportar pelo menos 30% da produção e não podem importar mais do que 20% dos custos que compõem os produtos que fabricam no Brasil. O cálculo é do diretor da General Motors, Francisco Satkunas. Ele e o presidente da Scania, Hans-Christer Holgersson, concordam que o ideal para enfrentar o problema com tranqüilidade é conseguir exportar metade da produção. 

O dólar estará sob pressão de vencimentos recordes de US$ 13,54 bilhões da dívida interna pública e externa corporativa nos próximos 32 dias. São US$ 8,362 bilhões de vencimentos da dívida pública interna indexada ao câmbio, incluindo títulos e "swaps", contratos de troca de indexadores nos quais o governo oferece variação cambial mais juros em troca de juros em reais. Outros US$ 5,178 bilhões representam vencimento de dívida externa de empresas e bancos do setor público ou privado, que poderão ter de comprar dólar para enviar para o exterior.

As mulheres já representam 15,7% dos executivos das 500 maiores companhias americanas, tomando por base o ranking publicado pela revista Fortune. Em 2000, elas representam apenas 12,5% dos cargos. O percentual pode não parecer tão expressivo, mas se for comparado a 1995 quando a Catalyst começou a acompanhar a questão, o aumento foi significativo. Naquele ano, as executivas ocupavam apenas 8,7% dos cargos.

O Ibama liberou hoje (25), na internet, os formulários para a obtenção da licença de pesca amadora com validade em todo o território nacional. Antes, para retirar e preencher os formulários do Programa Nacional de Desenvolvimento da Pesca Amadora (PNDPA), os fãs deste hobby tinham que ir a agências bancárias e casas lotéricas ou às agências do Ibama - que continuarão com a distribuição dos documentos. A licença custa 20 reais para a categoria desembarcada (pescas em plataformas ou no mar, por exemplo) e 60 reais para a categoria embarcada, mas aposentados e menores de 18 anos estão isentos da taxa. Logo após o pagamento - que não pode ser feito na web ainda - o pescador já recebe uma licença provisória com validade de 30 dias. Segundo o Ibama, no prazo de uma semana, a licença definitiva estará disponível no mesmo site. Para preencher o cadastro, entre no link Licença do menu principal do site
www.ibama.gov.br/pescaamadora.

 

TELEFONIA

 Telas coloridas, toques polifônicos e câmeras embutidas convenceram as pessoas a comprar mais telefones celulares que os analistas da Dataquest haviam previsto para este terceiro trimestre do ano. - Um estimado de 104,3 milhões de aparelhos foram vendidos para consumidores finais em todo o mundo no período - um volume 7,8% maior que os 96,7 milhões de dispositivos comercializados há um ano. - Segundo o instituto, esta é a segunda vez na história dos celulares que o volume de vendas bate os 100 milhões em um trimestre. 

O aparelho A830, da Motorola, considerado o primeiro celular que suporta tanto tecnologias de telefonia móvel de segunda geração (2G) como de terceira geração (3G) aproxima-se da realidade. 

Quatro operadoras de telefonia móvel do Japão resolveram se unir para estudar os possíveis efeitos biológicos da exposição dos humanos às ondas de rádio, segundo o USA Today. A iniciativa é resultado de uma crescente preocupação por parte de usuários, empresas e órgãos governamentais sobre os possíveis riscos à saúde relacionados aos dispositivos. 

A Telepar, operadora da Brasil Telecom no Paraná, foi multada pela Anatel em R$ 5.051.998,35. A taxa foi aplicada porque a empresa não informou ao órgão regulador que estaria prestando serviços de locação da aparelhos, o que fere regulamento do STFC 

A Telemig Celular lançou um serviço de chat via portal de voz. Batizada de Voz, a novidade pode ser acessada por qualquer pessoa (clientes e não-clientes da empresa), de qualquer telefone, dentro e fora da área de concessão da operadora mineira. Para ter acesso ao serviço, o usuário precisa discar *3000 e falar "chat". Ao utilizar telefones que não são da operadora ou quando estiver fora de Minas Gerais, o cliente deve ligar para (DDD) 9933-3000.

A Ericsson informou nesta segunda-feira ter assinado um contrato de três anos para administrar a rede de linha fixa da Brasil Telecom no Rio Grande do Sul. Sob o contrato, a fabricante sueca de equipamentos de telecomunicações será responsável pelas operações diárias e pela manutenção da rede, permitindo que a Brasil Telecom se volte para a área de serviços aos clientes. O contrato foi obtido pela unidade de serviços globais da Ericsson. A empresa não divulgou o valor do contrato.

NTT DoCoMo Inc, maior operadora de telefonia celular no Japão, disse nesta terça-feira que já conseguiu mais de 3 milhões de usuários de seus celulares-câmara fotográfica desde o lançamento dos aparelhos em junho. Um sucesso raro em um mercado saturado. - Os celulares com a câmara digital embutida suplantaram a Internet móvel como a tendência mais quente das telecomunicações do Japão, e agora representam cerca de 7 por cento dos 42 milhões de assinantes da DoCoMo. A nova tecnologia, que permite que os usuários tirem fotos e as enviem por e-mail, levou muitos usuários de celulares trocarem seus aparelhos mais antigos. - É uma excelente notícia para fabricantes de celulares como Sharp, uma vez que o mercado antes aquecido parece estar se aproximando de sua maturidade.

A terceira geração da telefonia móvel não deverá chegar ao Brasil antes de 2005, segundo o vice-presidente da Anatel, Antônio Carlos Valente. - Para dar respaldo a sua afirmação, o conselheiro do órgão regulador cita o resultado das licitações de 3G na Europa. O investimento foi excessivo e o endividamento das operadoras aumentou num momento em que estourou a crise mundial do setor. Assim, os projetos estão postergardos.

 

Agilizar o processo de vendas e reduzir a distância entre filiais e concessionárias. Foi com esse objetivo que as fabricantes de automóveis Peugeot e Citroën implantaram um sistema de comunicação online no país. O projeto de e-business, batizado de ABC@Net, foi desenvolvido pela Bull. - Entre os resultados obtidos com o uso da solução, nas agências da América do Sul e Europa, estão rapidez na realização de negócios, diminuição nos custos com telecomunicações, melhoria no relacionamento empresarial e aumento na comercialização de veículos, peças e serviços.

O mercado de acesso gratuito à Internet ganha um novo competidor. Operando em versão beta, há cerca de uma semana, o provedor Tô Ligado! (www.toligado.com.br), iniciativa da empresa Grupos Internet S/A, em parceria com o site Fulano e a operadora de telefonia fixa GVT, será lançado oficialmente no começo de dezembro. 

Os lucros da Nintendo despencaram 45% no primeiro semestre de seu ano fiscal sobre o mesmo período de 2001, atingindo US$ 155 milhões. A queda, segundo a empresa, está relacionada à guerra de preços travada entre a fabricante do GameCube e seus rivais PlayStation 2, da Sony, e o Xbox, da Microsoft. 
Segundo o USA Today, a fabricante cortou o preço do GameCube em US$ 50 para US$ 149 em maio, após as duas concorrentes baixarem os preços de US$ 299 para US$ 199. - A receita da empresa para o período caiu 8% para US$ 1,7 bilhão. Já as vendas nos mercados externos somaram US$ 1,4 bilhão e foram reponsáveis por 83% de todo o faturamento da companhia. 

A japonesa Sony e a Gradiente estão próximas de fechar o acordo para a transferência da marca PlayStation, que, no Brasil, foi comprada pela companhia brasileira em 1999. Mundialmente, porém, o nome já é utilizado pela Sony desde 1994, quando foi lançado seu console de videogame, um dos mais populares do mundo. A pendência com a Gradiente seria um dos motivos que impediam a Sony de lançar o produto no país. - Trata-se de um negócio de peso. A multinacional japonesa faturou no ano passado US$ 7,5 bilhões com sua divisão de games, a segunda maior fonte de receita para a corporação e na qual o PlayStation é o carro-chefe. As empresas não divulgam quanto a Sony vai pagar pela marca mas, pela importância do nome, a cifra não deve ser modesta.

De cada 11 pessoas em todo o mundo, pelo menos uma tem acesso à Internet. Pelo menos é o que indica a última pesquisa divulgada pela Nielsen NetRatings. Segundo a companhia, o mundo soma 563 milhões de pessoas com acesso à rede em casa. O dado faz parte do levantamento feito entre junho e setembro, período em que cerca de 10 milhões de residências passaram a ter conexão com a rede mundial. Os Estados Unidos continuam sendo a nação com maior número de usuários, concentrando 30% do total. A Europa soma 23% e a Ásia aparece com 13%. A América Latina corresponde a apenas 2% da população mundial com acesso à Web. Demais regiões do mundo somam 32% dos lares conectados. Os números são um pouco inferiores em relação à pesquisa realizada em agosto pelo site de pesquisas Nua.com. De acordo com a análise da empresa, a audiência global da Internet tinha 580,78 milhões de pessoas no final de maio de 2002, o que representava um salto de 173,68 milhões de usuários desde dezembro de 2000, quando totalizava 407,1 milhões de adeptos. O estudo indicava ainda que, pela primeira vez em toda sua história, a Europa possuía o maior número de internautas no mundo. De acordo com o site, a região somava 185,83 milhões de europeus online, comparado com os 182,83 milhões nos EUA e Canadá, e 167,86 milhões na Ásia-Pacífico. 

A licença-chave para o uso do padrão de compressão digital MPEG-4 está enfim disponível, segundo o MPEG LA, grupo que detém as patentes da tecnologia. - A notícia encerra uma disputa em torno da licença do MPEG-4, que no início do ano levou a Apple a adiar o lançamento de seu QuickTime 6, ferramenta que utiliza a tecnologia MPEG-4. Em fevereiro, a entidade organizou um debate para propor os novos termos de licenciamento da ferramenta, que foram atualizados em julho, para a satisfação dos usuários do MPEG-4. - O MPEG-4 é um padrão de compressão digital para multimídia desenvolvido pelo Moving Pictures Experts Group (MPEG), embora muitas empresas possuam patentes de partes da tecnologia. O sucessor do MPEG-2 será o primeiro a ser utilizado na Web. Ele promete a reprodução de imagens com mais qualidade e em velocidades mais rápidas que as ferramentas atuais. 
A novidade também poderá ser utilizada em diversos dispositivos, incluindo set-top boxes de TV e telefones celulares. A Apple e a RealNetworks estão entre as prinicipais apoiadoras do uso do MPEG-4 na Internet. O acordo, baseado nas negociações seladas em julho, estabelece a cobrança de taxas para o uso da tecnologia em codificadores e decodificadores embutidos em dispositivos como PCs, telefones celulares e em produtos eletrônicos voltados para o mercado consumidor. Sob os termos de licenciamento, uma provedora de vídeo (baseado em MPEG-4) para a Web ou para usuários de celulares, por exemplo, poderá escolher pagar US$ 0,25 por assinante por ano ou US$ 0,02 por hora do vídeo utilizado. Não será cobrada taxa de royalty para os primeiros 50 mil assinantes do serviço por ano. Já as companhias de software, que fornecem os decodificadores e codificadores do MPEG-4, deverão pagar US$ 0,25 por codificador e outros US$ 0,25 por decodificador vendidos, sem a cobrança de royalties nos primeiros 50 mil produtos vendidos ao ano. 

Mais um provedor de internet rápida foi lançado hoje. O Fastbee, que já funciona em caráter experimental em 200 domicílios, chega com a pretensão de atingir 200 mil clientes no primeiro ano de operação. O acesso pode ser feito via rádio, ADSL ou fibra óptica. A escolha será feita pela empresa, com base na localização e viabilidade do serviço em cada local. Além de uma infra-estrutura própria, a start-up conta com a parceria de empresas como Diveo e GVT para garantir a conexão. A velocidade nominal é de 256 Kbps, mas a empresa garante somente 10% dessa velocidade para cada usuário. O preço será de 69,90 reais mensais pelo acesso e link. Caso o assinante queira usar um acesso compartilhado entre outras máquinas, ele terá que pagar um valor adicional de 49 reais por máquina. Por enquanto o serviço já está em pleno funcionamento na cidade de São Paulo. Até o mês que vem o serviço será estendido também para as cidades do Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Curitiba. No futuro também serão atendidas as capitais da Bahia, Pernambuco, Rio Grande do Sul e também Brasília. 

O Denatran, Departamento Nacional de Trânsito, liberou na internet a consulta a todos os documentos de habilitação e de cadastro de veículos registrados no país. - O banco de dados geral dos documentos de Registro Nacional de Condutores Habilitados (Renach) e de Registro Nacional de Veículos Automotores (Renavam) deve entrar no ar dentro de mais ou menos 15 dias, segundo a Agência Brasil. Além de facilitar a consulta online, o sistema também servirá para integrar todos os Detrans do país via internet. O site do Denatran na web fica em
www.denatran.gov.br

 

INFORMÁTICA

Os interessados em adquirir a nova versão do tradicional programa gráfico CorelDRAW podem aproveitar a promoção iniciada nesta semana pela Corel, em todo o País. A fornecedora promove um desconto de 17% na Suíte de Aplicativos Gráficos CorelDRAW 11, em versão para PC ou Macintosh. A ação faz parte da estratégia da Corel, que decidiu congelar a cotação do dólar de referência, usado na tabela de preços do produto, em R$ 3,35. Com isso, o preço sugerido para o produto completo cai de R$ 2.515 para R$ 2.140. Quem já tem uma versão anterior do CorelDRAW pode fazer o upgrade, com a promoção, por R$ 1.022. 

A holandesa Philips Electronics NV informou nesta terça-feira que concordou com uma aliança estratégica com a espanhola Telefónica para o desenvolvimento de produtos de banda larga para uso doméstico. A aliança, que inicialmente deverá durar dois anos, tem por objetivo ampliar a atual oferta da Telefónica de acesso à internet de banda larga para computadores pessoais. A Philips pretende oferecer serviços multimídia, televisão digital e jogos para uma série de aparelhos eletrônicos conectados.

Aquele sonho de infância de possuir um brinquedo que conhece seu dono e se importa com ele está prestes a se tornar realidade. A companhia norte-americana Snowdroid Industries está desenvolvendo um brinquedo com inteligência artificial, que tem como base o cérebro de um inseto, segundo o USA Today. 
Criado por Steve Matson, CEO e criador da empresa, o invento foi batizado de Snowbird e já captou US$ 750 mil de investidores. O valor, de acordo com Matson, é suficiente para criar um protótipo do brinquedo e desenvolver sua tecnologia principal: um cérebro artificial conhecido como Simian. O executivo afirma que, para realizar a tarefa, ele precisaria ter como base um cérebro de processamento simples. Matson decidiu então pesquisar os cérebros de insetos que permanecem em reservatórios de água. Esses, segundo ele, têm cérebros com somente um par de neurônios, enquanto que os humanos possuem trilhões. Matson explica que, de certa forma, as crianças terão que domesticar e ganhar a confiança do Snowbird antes de brincar com ele, já que o brinquedinho sairá da caixa um tanto assustado com a empolgação de seus novos donos. O criador do Snowbird prefere manter suspense com relação ao design do brinquedo, mas garantiu que ele não se parecerá com gatos ou cachorros. O executivo espera que o produto seja lançado ao mercado no Natal de 2003, custando cerca de US$ 100. 

Microsoft pesquisa a memória humana - IDG Now!. - Incentivar a digitalização de recordações pessoais — fotografias, cartas, vídeos, músicas, gravações de voz, CDs — em um banco de dados tão acessível quanto um sistema de busca na Web. O projeto, batizado de MyLifeBits é uma das iniciativas do laboratório MediaPresence, da Microsoft, que vislumbra uma maneira mais fácil de armazenar e encontrar memórias, criando uma espécie de “caixa de sapatos virtual”.

 

 

 

O "RESUMO DE NOTÍCIAS", é baseado em levantamentos realizados pela equipe do SDR, e apresenta os tópicos mais importantes para que você, fique por dentro dos principais acontecimentos que sua profissão exige. - Este serviço de CLIPPING (resenha de informações), é a metodologia utilizada para assessorar 100% das principais autoridades, desde Presidentes da República, Diretores, Gerências e agora VOCÊ, e queremos que possa estabelecer o vínculo entre os assuntos expostos e suas estratégias, como forma de prestigiar seu TEMPO. - Os endereços abaixo, representam as fontes que diariamente consultamos ou enviam noticias, e são ao nosso entendimento, as mais fidedignas e neutras, como a seguir:

 

 
 
AS LINHAS DA MÃOS
Sra. prof. Luciah
Você sabia que as linhas das mãos escondem mistérios e que nelas podem estar contidas, várias informações sobre o indivíduo? 

De acordo com a quiromancia, sistema de suposta adivinhação pelo exame das linhas da palma da mão , as correntes planetárias oriundas do sistema solar se infiltram em pequenas saliências existentes abaixo de cada dedo, chamadas de montes e se canalizam através das linhas de influências que há nas mãos, constituindo-se em fontes segurar de informações sobre o carácter, as inclinações e, sobretudo, as potencialidades da pessoa. 
Por isso, saber interpretá-las é a chave do mistério. Povos como os chineses, caldeus, tibetanos, sumérios, hebreus, persas, egípcios, gregos, praticamente todas as civilizações passadas buscaram desvendar através desses estudos as marcas mutáveis e as imutáveis das linhas das mãos. 

Como a quiromancia tem uma estreita ligação com a astrologia, os montes e as linhas situados na palma da mão mostram certa relação com os símbolos astrológicos. 
Assim, o dedo indicador é conhecido por dedo de Júpiter e a sua base é o monte do mesmo nome. Simboliza a capacidade de comando, o impulso que o indivíduo possui para conquistar o seu sucesso. 
O anular é o dedo de Apolo e o médio, o maior de todos, representa Saturno, o pai. Agora, um dedo médio recto indica harmonia perfeita entre emoção e vontade, equilíbrio entre a vida social e solidão. Quando ele se curva para o dedo de Júpiter, o indicador, evidencia uma personalidade espontânea, extrovertida e amante de uma vida social intensa. Se esse se inclinar para o dedo de Apolo, mostra que a pessoa tem tendência para a depressão crónica. Por outro lado, essa posição também indica que o indivíduo possui muita criatividade, gosto artístico e enorme capacidade de expressão. 
Já um anular longo longo e recto traz a indicação , de muitos dotes artísticos e interesse por actividades ligadas directamente ao público. Porém, se a inclinação se der para o dedo de Saturno, o médio, revela forte tendência para super estimar os outros. 
E o dedo mínimo ? O que revela ? Ah!... Esse está associado à comunicação e aos negócios. É sempre muito bom quando o seu comprimento atinge a falange do dedo de Apolo, o anular. Porque sendo longo e bem feito, mostra que a pessoa possui grande poder de comunicação escrita ou oral, sucesso nos negócios, além de facilitar as uniões estáveis, como o casamento. Se for curto, mostra dificuldade para estabelecer e manter relacionamentos íntimos. Já a honestidade, a franqueza e a credibilidade são marcas de pessoas com o dedo mínimo recto. Entretanto, é interessante observar se o dedo foi acometido por doenças degenerativas como artrite, artrose, etc... 

As mãos além das linhas possuem pequenas áreas conhecidas por montes e, como estradas abrigam informações. 
Eles são em número de 8 (oito) e recebem as seguintes denominações relacionadas com os planetas do sistema solar: 
O monte de Júpiter localiza-se abaixo do dedo indicador; 
O de Saturno na base do dedo médio; 
O de Apolo acha-se na parte inferior do anular. 
Já o monte de Mercúrio se situa, no apoio do dedo mínimo; 
Enquanto o de Marte subdividem -se em duas partes: Monte de Marte superior que se localiza abaixo do monte de Mercúrio e o de Marte inferior que fica entre os montes de Júpiter (dedo indicador) e o de Vénus que compreende toda a base do polegar; 
E o da Lua acima do pulso, lado oposto ao monte de Vénus. 
Deste modo a mão se apresenta com seus respectivos montes e linhas que delineiam toda a palma. - Nela está a linha da Vida, a mais importante de todas porque revela a constituição física da pessoa e o nível de força vital. 
Mas há também outras interessantes como as linhas do Coração e da Cabeça. A do Coração é aquela que começa na parte inferior do monte de Mercúrio, na origem do dedo mínimo, produz informações sobre o estado emocional do indivíduo, a sua capacidade de amar, diz se ele é instintivo ou racional, além de revelar a saúde física desse órgão e o tipo de desejo sexual.
Quando a linha da Cabeça se encontra próxima à do Coração, mostra que a pessoa é de mente aberta, mas sem convencionalismo nos relacionamentos. E se a linha do Coração for bastante unida à da Cabeça demonstra personalidade contida, visão estreita e mente selectiva. Quem tem a do Coração muito afastada da linha da Cabeça é uma pessoa despreocupada e satisfeita com aquilo que possui. 

Existem ainda mais linhas distribuídas pelas mãos denunciando destinos e traçando novos caminhos. Se você se interessou pelo texto e querendo aprofundar-se mais sobre o assunto, existem editoras especializadas nesse e em outros temas curiosos.. 
No Brasil a editora Pensamento pode oferecer a seus leitores boas literaturas sobre o assunto.. Abaixo também indicamos o site sobre estudos das mãos. Entre e divirta-se.
Na semana que vem vamos comentar um tema muito interessante, mas que vai ajudar-lhe a conhecer seus clientes no primeiro golpe de vista "Conheça o segredo das rugas..... indesejáveis sinais ... 

 
Sra. Prof. Luciah
 

 
DICAS DA SEMANA
Sua roupa é a secretária
Pode parecer uma fantasia high-tech, mas num futuro muito próximo qualquer pessoa poderá contar com a ajuda de sua roupa para, por exemplo, não esquecer a chave do carro sobre a mesa da sala ou ainda para realizar uma planilha de exercícios físicos adequada a seu corpo. As roupas inteligentes, que podem estar prontas para o mercado em cinco anos, estão sendo desenvolvidas pelo grupo Starlab - com financiamento da Nasa e da Comissão Européia.

As roupas inteligentes são uma espécie de secretária pessoal do usuário. Pode lembrá-lo de objetos esquecidos ou até controlar sua temperatura durante uma sessão de exercícios, informá-lo das calorias gastas e do batimento cardíaco. E mais: pode ainda mandar e-mails para uma academia de ginástica, por exemplo, relatando o desempenho da pessoa durante o treinamento.

No seu estágio inicial, o protótipo de roupa inteligente lembra uma camisa composta por várias camadas equipadas por sensores de calor e microfones escondidos na bainha e no colarinho para medir a luz e os sons.

Os pesquisadores explicam que, colocando um chip de computador em suas chaves do carro, para que possa ser reconhecido por outro chip na camisa, a roupa pode facilmente identificar se o objeto está ou não no bolso e alertar o usuário. O pesquisador também sugere sensores de calor que "percebem" o humor da pessoa, detectando pânico ou embaraço, e toca uma música adequada à sensação por pequenos alto-falantes. Bom, talvez seja melhor eliminar esta função. Afinal, seria ainda mais embaraçoso ter sua roupa cantarolando repentinamente. 
Instituto MVC Estratérgia e Humanismo 
 
Quebrando o gelo.
Seja em reuniões de negócios, eventos, feiras ou convenções, as oportunidades para fazer "networking" sempre se apresentam. Nestes casos nós sempre nos perguntamos se seria educado perguntar sobre negócios ao encontrar uma pessoa pela primeira vez. Como driblar esse medo ? 

Fazendo perguntas que as pessoas se sentiriam orgulhosas em responder. Veja algumas perguntas que você poderia fazer: 

Como você começou o seu negócio ? 
O que você mais gosta na sua profissão ? 
O que diferencia a sua empresa da concorrência ? 
Que conselho você daria para uma pessoa que está iniciando na sua profissão ? 
Quais são as tendências que estão vindo por aí ? 
Quais as grandes mudanças que você vivenciou nos últimos anos na sua profissão ? 
Quais são as formas mais bem-sucedidas de promover o seu negócio ? 

É claro que você não pode fazer todas essas perguntas de uma só vez. Você precisa perceber qual o momento de fazer a segunda pergunta. O importante é buscar a confiança do seu cliente. - Segundo os especialistas, a melhor pergunta seria "Como eu poderia identificar ao encontrar uma outra pessoa, se ela seria um potencial cliente para você ?" 
Experimente ! 
Sr. Prfo. Ricardo Jordão
Revista Valor Online ( www.valoronline.com.br)
Place Vendôme, Paris. De terno Armani e óculos Oakley, você acaba de deixar o hotel Ritz e o manobrista corre em sua direção: “As chaves da sua Harley Davidson, senhor”. O ronco grave da motocicleta corta a cidade rumo a Tiffany & Co. Aquele bracelete em ouro é todo seu, finalmente. Para comemorar, uma garrafa de Absolut, a vodca sueca. Mas sem exageros, porque a noite vai ser longa e a BMW alugada já está à sua espera no Ritz. 
Quem é você? A pessoa mais sofisticada do mundo. É que nesse roteiro pela capital francesa você teve contato com algumas das marcas mais luxuosas do planeta. Elas foram apontadas num estudo inédito feito pela americana FutureBrand, e a lista completa traz 32 nomes. 
Não é um trabalho exaustivo, tampouco um ranking financeiro. Mas não deixa de ser instigante.  No topo da compilação está a centenária vodca Absolut. “Hoje, é a marca que melhor se encaixa nos principais critérios de classificação do estudo”, diz Susan Betts, gerente de produto da FutureBrand. 
“Ela apresenta baixo risco de morrer ou de não ser aceita.” Os critérios aos quais a executiva se refere são: status, exclusivismo e acessibilidade da marca (porque não adianta ser très chic e estar à venda só em Estocolmo). 
A Absolut é produzida numa única destilaria, no interior da Suécia, e vendida em 125 países. Mas a chave da questão para essas marcas é estabelecer uma relação emocional, e não racional, com o consumidor. 
“Vendemos fascínio, não só um produto de alta qualidade”, explica Fernando Julianelli, diretor de marketing da Harley-Davidson no Brasil. O mito das motos, segundo colocado no ranking, é a prova de que marcas de luxo não estão necessariamente ligadas a grandes investimentos em publicidade. “Gastamos R$ 3 milhões por ano, o equivalente a seis Harleys top de linha”, afirma Julianelli.
Esse ponto ajuda a entender o fato de grifes novatas como Diesel e Oakley aparecerem na lista ao lado das tradicionais Rolex e Chanel. 
“No processo de construção de uma marca, o que menos importa é sua idade. Vale mais a idéia de como ela quer ser percebida”, diz Eduardo Tomya, diretor de avaliação de outra empresa especializada no assunto, a InterBrand. 
A rede americana de cafés Starbucks que o diga. Ela ficou à frente de Armani e Jaguar e até mereceu uma observação dos pesquisadores: “A marca foi incluída por causa de sua habilidade única de transformar commoditie em um produto premium”. Traduzindo: ali se toma um “estilo de vida” – também conhecido no boteco da esquina como “cafezinho” – por US$ 4,50. Simplesmente um luxo.
Este artigo foi publicado pela www.valoreconómico.com.br e nem sabemos como está aqui... ;)
 

 

SEU CORPO É UM DIFERENCIAL COMPETITIVO? 
Eunice Mendes
Consultora do INSTITUTO MVC


 

Você já pensou no seu corpo como um grande diferencial competitivo nas apresentações em público? - Ele poderá ser ou não, dependendo de como você encara a sua missão de se apresentar perante uma platéia.

Longe das ferramentas high-tech, independentemente das estratégias comerciais mais bem elaboradas, a linguagem corporal é algo que pode e deve ser otimizado nas relações interpessoais mediante treino constante das habilidades verbais e não-verbais.

Podemos potencializar a capacidade de expressão física e a forma como nos apresentamos. Esse diferencial depende, única e exclusivamente, da nossa compreensão quanto à importância de cada gesto que permeia a interação humana.

O corpo é um mapa fidedigno de nossa história pessoal. - Nele está inscrito tudo aquilo que vivemos, todas as emoções... Não reconhecer o que os movimentos corporais revelam é não reconhecer a memória do nosso passado e a cara do nosso presente. 

O corpo é um espelho altamente revelador do inconsciente. Ele mostra flashes da personalidade, expõe crenças, valores, preconceitos, forças e fragilidades do caráter. Não nos deixa mentir e escancara os segredos mais íntimos... Não adianta, mesmo que não queiramos, nosso corpo fala e, às vezes, grita! Ele trai o que a palavra insiste muitas vezes em esconder, ele tira os véus e desnuda quem realmente somos...!

As mensagens que emitimos por meio do nosso corpo constroem aquilo que temos de mais verdadeiro e substancial. A linguagem corporal, quando bem utilizada, ajuda a dizer o indizível, a dar forma a um sentimento e a concretizar as imagens das emoções mais verdadeiras.

Como apresentadores, exercitando o nosso ofício de transmitir idéias com naturalidade, envolvemos, além da palavra, o jogo fisionômico, a postura cênica, a flexibilidade dos músculos, o domínio das expressões faciais, dos movimentos de braços, pernas e quadris.

A platéia lê pela nossa linguagem corporal o nosso humor, nosso medo, nossa atitude defensiva ou receptiva. Sabe-se que 55% de nossas comunicações são viabilizadas pela expressão do nosso corpo. A fala do corpo pinta a forma das palavras.

Os sinais involuntários do corpo, assim como os sinais externos (constituição física, forma de andar, jeito de se vestir, penteado) são pistas que revelam ao público quem você é, como pensa e vê o mundo.

Daí a importância da lapidação verbal e não-verbal para que o sentimento, a ação, a palavra e os movimentos corporais atendam à necessidade primordial da inteireza e congruência da mensagem, num todo afinado e integrador, resultando numa comunicação sem barreiras.

Sempre que você se apresentar em público, mesmo em ocasiões informais, os gestos devem ser claros e expressivos, porque isso ajudará a reforçar, a complementar e a compreender melhor as idéias. Mas, fique atento, pois o excesso deles não substituirá a falta de conhecimento sobre o assunto e comprometerá a apresentação.

Quando se trabalha bem a postura corporal e sabe-se em que momento gesticular ou quando usar a expressão facial da forma mais natural, pode-se então proporcionar imagens marcantes e exatas sobre as informações que se comunica. Dessa forma, a tradução das idéias fica mais fácil, deixando a apresentação mais rica e multidimensional. O segredo para isso são os gestos ordenados, rítmicos, seguros e harmoniosos.

Vejamos algumas técnicas facilitadoras:

  • Procure conhecer o impacto que a sua linguagem corporal provoca nas platéias. Isso ajuda no processo de autoconhecimento e permite identificar o que nos aproxima ou nos afasta das pessoas.

  • Quando estamos nos comunicando, precisamos sentir nosso corpo muito firme no chão. Imagine um fio que sai da terra, passa pelas pernas, pela cabeça e alcança o teto. É um fio flexível, mas firme, que sustenta muito bem a estrutura corporal e evita que ela desmonte, conferindo maior domínio físico e permitindo uma dança mais equilibrada dos gestos. Os pés e pernas devem ficar paralelos sem estarem enrijecidos. Para isso dê uma ligeira "quebradinha" nos joelhos.

  • Evite a postura subserviente: os ombros caídos, o olhar baixo, as costas curvadas e uma expressão de desamparo não contribuem para uma comunicação efetiva. 

  • Em contrapartida, um nariz empinado, olhos ameaçadores, queixo erguido e ar de superioridade costumam criar um distanciamento da platéia e uma certa animosidade.

  • Estabeleça a interação visual. O ser humano gosta de ser olhado, valorizado e aceito. Olhe para as pessoas e não por cima de suas cabeças. Os olhos existem também para promover o diálogo silencioso do contato visual.

  • Quando se sentir tenso, olhe para a pessoa que lhe parecer receptiva, guarde essa imagem dentro de você como uma âncora positiva e prossiga com sua palestra. Caso haja um olhar hostil por parte de um espectador, evite-o durante algum tempo, até você ficar mais seguro. A rigidez muscular interfere na harmonia dos gestos.

  • A segurança e simpatia com que olhamos nossa platéia são alavancas importantes para o envolvimento e a busca da sintonia com a platéia. Olhe com simplicidade para seus ouvintes. Deixe-os perceber que você está querendo realmente promover a integração.

  • Cuide das expressões faciais. Elas são o termômetro das emoções do comunicador. Por meio delas depreendem-se a afetividade, a segurança, a autoridade sobre o assunto, o entusiasmo e a crença na mensagem que está sendo transmitida. O jogo fisionômico expressivo desperta o interesse da platéia, envolvendo-a numa sintonia fina que valoriza a força da apresentação.

  • Se o assunto permitir, exiba o seu melhor sorriso, aquele que reflete o seu lado mais bonito. 

  • O sorriso espontâneo e natural é um convite ao público: "a porta está aberta, seja bem-vindo". Os espectadores tendem a sentir-se mais à vontade diante de pessoas com sorriso franco, receptivo.

 

Procure seguir os elementos regularizadores da gesticulação eficaz:

  • espaços pequenos pedem gestos menores; 

  • espaços abertos, grandes, pedem gestos amplos;

  • o gesto precisa vir acompanhado de uma intenção de estar sintonizado com a palavra.

  • Não utilize gestos exagerados e estereotipados. 

  • Deixe que as mãos acompanhem naturalmente a sua fala. Se não souber o que fazer com elas, deixe-as ao longo do corpo. Aos poucos elas encontrarão espaço para expressar-se.

  • Fique atento para que seus movimentos estejam alicerçados numa idéia que os fortaleça e ganhe significado na transmissão da mensagem. 

  • Sintonize os movimentos corporais com a palavra, buscando o equilíbrio.

  • Não basta que o corpo se expresse: é preciso que ele se comunique! Para isso é necessário fazer uma análise objetiva da força e da coerência da nossa comunicação não-verbal. O corpo é um instrumento que, se bem afinado, promove maior harmonia e maior consistência da mensagem.

Se quisermos conquistar a autenticidade da linguagem corporal, é preciso que haja uma intenção bem formulada e adequada da mensagem. Se isso não estiver bem definido, a gestualidade resultará em movimentos vazios, em falta de credibilidade, causando perturbação nos espectadores. O ideal é que a comunicação não-verbal ilumine a apresentação e não se torne uma sombra que diminua o poder e a dimensão positiva das idéias veiculadas.

É necessário trabalhar pelo gesto vital! Os movimentos podem propiciar beleza, plasticidade, consistência e força simbólica à mensagem: gesto e palavra devem estar ajustados à excelência do processo comunicativo.

Enfim, observe se a sua postura está casando com a sua personalidade, treine e aprimore-se, seja mais autêntico em suas comunicações formais e informais, encante os seus ouvintes e... Sucesso!


Sra. prof. Eunice Mendes


REFLEXÃO

" O PODER DA GENTILEZA "

Samuel era um rabino que, na década de 1930, vivia numa aldeia polonesa. Gostava de dar longas caminhadas pelo campo. Era conhecido pela sua gentileza, pela forma com que a todos se dirigia. - As relações entre cristãos e judeus não eram muito boas, naquela aldeia. Mesmo assim, toda vez que o rabino passava pelo camponês Sr. Mueller o cumprimentava com um sonoro: bom dia!

Naturalmente que não havia resposta. O lavrador lhe voltava as costas, em silêncio. O rabino, contudo, não desistia. Todos os dias, nas manhãs de sol, passava e cumprimentava o Sr. Mueller. Finalmente, depois de muito tempo, o lavrador decidiu corresponder ao cumprimento. Primeiro com um leve toque no chapéu. Depois, acrescentou um sorriso. Mais tarde, gritava de volta: bom dia, Rabino.

Os anos se passaram. Chegaram os nazistas e o rabino e toda sua família foram feitos prisioneiros e levados a um campo de concentração. - O rabino foi sendo transferido de um campo para outro até chegar ao de Auschwitz. - Desembarcando do trem, ele entrou em uma enorme fila para seleção.

Enquanto caminhava ao ritmo da fila, percebeu que lá na frente estava o comandante do campo. - Era ele que indicava com um bastão para onde o prisioneiro deveria ir: para a esquerda ou para a direita. - A esquerda queria dizer morte imediata. A direita garantia algum tempo de sobrevivência.

O coração começou a palpitar. A fila avançava e ele pensava: esquerda ou direita ? - Morrerei ou viverei ? Que tipo de homem, pensou, seria aquele comandante que assim decidia sobre a vida e a morte de outros tantos homens?

Quando estava apenas a uma pessoa de distancia do oficial, afastou o medo e olhou com curiosidade para o rosto do comandante. Naquele momento, o homem se voltou e os olhos de ambos se encontraram. O rabino se aproximou. Era a sua vez. Olhou fixamente para os olhos que o fitavam e disse baixinho: bom dia, Sr. Mueller. 

Os olhos do comandante tremeram por um segundo. A seguir, respondeu: bom dia, Rabino. Estendeu o bastão para a frente. Apontou a direita e gritou: passe. E o rabino passou para a direita, para a vida.

Os pequenos gestos, tantas vezes considerados insignificantes, podem acarretar conseqüências. Se forem gestos infelizes, as conseqüências serão graves. Se forem bons, gerarão felicidade. O rabino jamais pensou que um dia a sua vida estaria nas mãos daquele homem simples, que lavrava o campo todos os dias, em sua aldeia.
Mas o cultivo da gentileza, do bom humor, da cortesia lhe salvaram a vida. 

Possivelmente, o rude comandante se recordou dos dias de calor, de sol ardente em que a única voz humana afetuosa que ouvia era a do rabino, com o seu sonoro "bom dia, Sr. Müeller."

Um gesto e uma voz que estavam acima do preconceito e que falavam, em verdade, da fraternidade doce e singela ensinada por ELE!


Autor desconhecido


 " PIADAS "

O cara vai andando pela rua quando de repente, um assaltante mascarado lhe aponta a arma e lhe diz - Passa o relógio! - O coitado lhe dá seu Rolex falso e o ladrão reclama - O que é isto? Esta porcaria qualquer camelô vende por 10 reais! Passa a carteira, e logo! O homem lhe alcança sua carteira imitação couro, e o assaltante encontra nela 8 pilas, 2 vales refeição e dois passes. Já meio brabo, o ladrão diz - Você é um merda ... teu paletó ta gasto, teus sapatos numa pior e a única coisa que parece que presta é uma bugiganga imitação barata! - Afinal, o que você faz na vida? - O cara responde, quase chorando: - Sou Representante Comercial! - E o ladrão, tirando a máscara, pergunta com um sorriso simpático: - É mesmo? Qual o teu segmento ?

Um advogado gostava de caçar nas férias. Estava metendo bala nos marrecos selvagens, numa região de lagoas, em Minas. Um dos patos que ele alvejou caiu dentro de uma propriedade protegida com uma cerca de arame farpado. Sem ver ninguém por perto, pulou a cerca e, quando penetrava na propriedade, apareceu um velho dirigindo um tratorzinho, em sua direção.
- Moço, isso aqui é particular. Cê pode ir vortando.
- Mas é que eu atirei naquele pato, ele caiu aqui; só vim pegá-lo.
- Pode vortá. Caiu aqui, é meu.
- Olha, meu senhor, sou um influente advogado. Posso meter-lhe uns processos e lhe tomar sua propriedade. O senhor não me conhece, não sabe do que sou capaz.
O velho assume um ar entre preocupado e amedrontado e argumenta: - - Peraí, sô. Purquê que a gente não resorve a questão usando a Regrinha Minera pra Resolvê Pendenga?
- Como é isso?
- É assim: eu dou três chutes nocê. Depois você dá três chutes nimim. Quem aguentá mais caladim, quem gritá menos, ganha a pendenga.
O jovem advogado avalia aquele velhote franzino e, por curiosidade e pelo vício de ganhar disputas, resolve topar.
- Eu que sou mais velho, chuto primeiro.
O advogado concorda. O velho salta do trator e só aí o advogado vê as botas dele. Mas raciocina: "mesmo com essas botas, é um coroa franzino; eu agüento e depois acabo com ele no primeiro pontapé".
O primeiro chute do velho é bem no saco do advogado, que se curva e se ajoelha gemendo. O segundo pega bem no nariz e o jovem se estatela no pasto, tentando segurar os urros. O terceiro pegou nos rins e o advogado, mesmo que quisesse não conseguiria gritar, seqer consegue respirar, tamanha a dor. Acha até que está morrendo. Mas dentro de alguns minutos se refaz, põe-se de pé e ameaça: - Agora pode ir rezando, vovô, que eu sou kik boxer e vou desmontá-lo.
- Num carece não. Eu desisto da pendenga. Reconheço que perdi. Pode pegar seu marreco e sair.

A mãe de minha namorada, minha futura sogra, é genial (além de ser terrivelmente gostosa). - Há pouco me chamou e pediu que fosse a sua casa para revisar a lista de convidados . - Quando cheguei, revisamos a lista e foi quando me deixou boquiaberto: - Me disse que sempre me achou um homem atraente , que dentro de um mês eu seria um homem casado e que antes de que isso ocorresse queria ter sexo selvagem comigo. - Então se levantou, caminhou sensualmente para o quarto e me sussurrou que eu sabia onde estava a porta de saída se o que eu queria era ir embora. - Fiquei em pé imóvel por uns 3 minutos e finalmente decidi que sabia perfeitamente que caminho tomar. - Me dirigi correndo para a porta, sai, e lá fora apoiando-se sobre o capo de meu carro estava seu marido sorridente. - Creio recordar que me explicou que queriam unicamente estar seguros de que sua querida filha iria se casar com um homem educado e honesto, e lhes ocorreu essa pequena prova que eu havia superado com êxito, me pegou pelo ombro e depois me abraçou sem eu poder raciocinar, nem falar ainda atordoado pela emoção.
Conclusão: - Melhor carregar as camisinhas no carro do que no bolso...

Tese de um dos mais conceituados civilistas, o ilustre jurista Washington de Barros Monteiro colhida no
Curso de Direito Civil - (Volume 2, Direito de Família, pág.117): - "...Entretanto, do ponto de vista puramente psicológico, torna-se sem dúvida mais grave o adultério da mulher. Quase sempre, a infidelidade no homem é fruto de capricho passageiro ou de um desejo momentâneo. Seu deslize não afeta de modo algum o amor pela mulher.
O adultério desta, ao réves, vem demonstrar que se acham definitivamente rotos os laços afetivos que a prendiam ao marido e irremediavelmente comprometida a estabelecida estabilidade do lar.
Para o homem, escreve Somersen Maugham, uma ligação passageira não tem significação sentimental ao passo que para mulher tem.
Além disso, os filhos adulterinos que a mulher venha a ter ficarão necessariamente ao cargo do marido, o que agrava a IMORALIDADE, enquanto os dos maridos com a amante jamais estarão sob os cuidados da esposa.
Por outras palavras, o adultério da mulher transfere para o marido o encargo de alimentar prole alheia, ao passo que não terá essa conseqüência o adultério do marido. Por isso, a sociedade encara de modo mais severo o adultério da primeira."
CONCLUSÃO: - O homem não é infiel, ele apenas tem "caprichos passageiros".

Um homem estava sentado do lado de uma mulher no avião, na primeira classe. A mulher espirra, pega um guardanapo do seu bolso, e com cuidado se seca nas entre pernas. O homem não parece estar seguro do que tinha visto, mas fica sumamente curioso. Minutos mais tarde, a mulher espirra novamente, pega outro guardanapo e limpa novamente as entre pernas. O homem fica pasmo, e lhe custa creditar no que vê. Passam alguns minutos, e a mulher novamente espirra, pega outro guardanapo e seca novamente as entre pernas. - O homem pensa que já foi suficiente e sem suportar mais a curiosidade, se vira para ela e pergunta: - Está tratando de insinuar alguma coisa ou quer me enlouquecer ?
Desculpe, sinto ter-lo incomodado. - Tenho uma coisa inexplicável...mas cada vez que espirro...tenho um orgasmo!
Ora, sinto muito, mas que está tomando para isso ?
A mulher diz: - Pimenta moída...

Teoria Interessante

Quando uma manada de búfalos é caçada, são os búfalos mais fracos e lentos, em geral doentes e que estão atrás do rebanho, que são mortos primeiro. Essa seleção natural é boa para a manada como um todo, porque aumenta a velocidade média e a saúde de todo rebanho pela matança regular dos seus membros mais fracos.

De um jeito muito parecido, o cérebro humano pode operar apenas tão depressa quanto seus neurônios mais lentos. Beber álcool em excesso, como nós sabemos, mata neurônios, mas naturalmente, ele ataca os neurônios mais fracos e lentos primeiro.

Neste caso, o consumo regular de cerveja, elimina os neurônios mais lentos, tornando seu cérebro uma máquina mais rápida e eficiente... e ainda, 23% dos acidentes de trânsito são provocados pelo consumo de álcool, isto significa que 77% dos acidentes são causados por pessoas que bebem água.
JÁ PRO BOTECO !!!

Sistema de Representação para Representantes Comerciais

.

SISTEMA DE REPRESENTAÇÃO, VENDAS E SERVIÇOS SDR

.

o sistema sdr já inclui NO PREÇO o uso em rede ilimitado sem custos extras E não tem taxa de manutenção mensal. a única taxa que o sistema sdr tem, é a anuidade de R$:120,00 para efeitos de suporte e atualização, com vencimento em março de cada ano (2007 bonificada).

.

 

.

.

caso deseje alterar ou cancelar sua assinatura, clique no link a seguir:

ALTERAR ASSINATURA

.

.

ÓTIMO TRABALHO E ATÉ A PRÓXIMA EDIÇÃO!

.

SDR - SISTEMA DE REPRESENTAÇÃO E VENDAS

MIGUEL PEDRO TERRA VELAZCO

EDITOR DO JORNAL SDR

fone: 51 3019 2817.

.

Clique aqui para nós enviar um e-mail

.

INDIQUE SEU TEMA  ..-  ENVIE-NOS SUA OPINIÃO

.

Av. Caçapava 425 - sala 03 - Petrópolis -  Porto Alegre (RS) - BRASIL cep: 90460-130

 FONES: 51 -  3019 2817  -  FAX 51 3333 3553

.

.

Sistema de Representação para Representantes Comerciais

Como página inicial  Adicionar a Favoritos

Resolução mínima de 800x600 © Copyright 2007 - SDR