Como página inicial

Sistema de Representação Comercial para Representantes Comerciais

Adicionar a Favoritos

.

JORNAL De REPRESENTAÇÃO comercial sdr - EDIÇÃO Nº 154 - 27.12.2002

.

SDR - SISTEMA DE REPRESENTAÇÃO E VENDAS

MIGUEL PEDRO TERRA VELAZCO

EDITOR DO JORNAL SDR

fone: 51 3019 2817.

.

Funções do Sistema de Representação Comercial e Vendas - SDR

Testes do Sistema de Representação Comercial e Vendas - SDR

Solcite seu Orçamento

Manual do Sistema de Representação Comercial e Vendas - SDR

Biblioteca dos Jonais de Representação Comercial SDR

Assinatura livre e gratuita do Jornal de Representação Comercial

Contrate os melhores e mais capacitados Representantes Comerciais

Contato com a Equipe do SDR Sistema de Representação

As melhores Dicas sobre softwares livres, Bibliotecas, Links...

FUNÇÕES

TESTE

ORÇAMENTO

MANUAL

JORNAIS

ASSINe

saiba

contato

dicas

.

.

.

.TRATE SEUS FUNCIONÁRIOS COMO FILHOS ! 

SR. PROF. RICARDO JORDÃO

Sun Tzu, um dos maiores estrategistas de todos os tempos disse: - "Trate os seus funcionários como soldados e eles lutarão por você. - Trate os seus funcionários como filhos e eles morrerão por você".

Essa frase consegue resumir com perfeição o sentimento que todo empresário deve ter para com seus COLABORADORES. A empresa de sucesso será aquela que conseguir inspirar seus funcionários e motivar seus clientes. Os Funcionários são o maior patrimônio que uma empresa pode ter, e inspirá-los e conseguir sua dedicação é crucial para ser bem-sucedido. 

Nos dias de hoje, a combinação de Liderança e estratégias de marketing para uso interno e externo em uma empresa pode criar - inclusive dentro da menor das empresas - uma vantagem competitiva insuperável frente inclusiva a grandes corporações altamente capitalizadas. Independente do tamanho, toda empresa deveria concentrar seus esforços em desenvolver produtos e serviços que maximize a lealdade de seus clientes e a dedicação de seus funcionários. 

Inspirar funcionários tem dado origem a uma nova disciplina na moderna administração de empresas: O Gerenciamento da Performance das Pessoas, e que demanda "LIDERANÇA" para ser conduzida a alta performance. Quando os funcionários não estão dando o máximo de si em suas tarefas, isso demonstra clara falta de liderança no trabalho. 

.

Líderes efetivos tem o poder mágico de influenciar pessoas e os resultados das empresas, enquanto cria novas culturas e estratégicas de negócios que irá mobilizar todos os recursos e energia da empresa. 

A função de um líder é criar líderes em todos os níveis da empresa, oferecendo oportunidades para seus funcionários crescerem e se desenvolverem como cidadões e seres humanos. 

Como fazer isso ? Conheça os 5 passos para inspirar seus funcionários: 

  • Alinhamento: Transmita metas claras a seus funcionários e explique a função de cada um deles no cumprimento das mesmas. 

  • Autonomia: De liberdade e treinamento para realizarem suas tarefas.

  • Envolvimento: Faça-os participarem da discussão de idéias para melhorar processos internos.

  • Recompensa: Reconheça-os publicamente por seu desempenho e performance.

  • Entenda a necessidade de prêmios tangíveis: Dinheiro, viagens e objetos para consumo pessoal desenpenham uma importante função para a motivação de seus funcionários. Não se esqueça. 

Por fim, existe uma lei de marketing que diz que:

.

"A satisfação de seus funcionários é diretamente proporcional a satisfação dos seus clientes. - Se você quer descobrir o quanto os seus clientes estão satisfeitos com a sua empresa, basta verificar o quanto os seus funcionários estão satisfeitos com a sua empresa". 

.

PENSE A RESPEITO 

QUEBRA TUDO ! 


SR. PROF. RICARDO JORDÃO MAGALHÃES 
Fundador 

 

 AS CARTAS DE AGRADECIMENTO

 ARTIGO I - "VENDER: - A ARTE QUE FAZ O MUNDO SE MOVER - SR. PROF. EUGÊNIO MUSSAK.

 RESUMO DE NOTÍCIAS DO 20.12.2002 A 27.12 2002

 ARTIGO II - "VOCÊ USA SUA CRIATIVIDADE" - SR. PROF. ANTÔNIO C. TEIXEIRA DA SILVA

 DICAS DA SEMANA

 ARTIGO III - "PORQUE ESTUDAR O FUTURO- SR. PROF. SÉRGIO VELASCO - INST. MVC.

 REFLEXÃO DO SDR

 PIADAS

 

 

AS CARTAS DA SEMANA:

Recebemos semanalmente muitas assinaturas e pedidos de CD's, e mais da metade delas vem com cartas. Gostaríamos de publicar todas elas, para lhes mostrar nossa alegria, por ter cada um de vocês como leitoras/es e usuárias/os. - Mas, e os artigos, as matérias, as Piadas, as Reflexões ? Então vamos fazer assim, as primeiras 10 cartas serão publicadas e representarão todos os demais, que cheguem na semana ? Ta bom assim ? Todos conformes, felizes ?. - O maior abraço do Oiapoque ao Chuí, e de Manaus a Vitória, para todos vocês,

PAULO CHUGI TANIGUCHI
Recebo esta, atraves da minha Diretoria , o que julgo de extrema importância.

LUCIANA CARRENHO
Tenho alguns amigos que recebem o Jornal do SDR, e como é muito interessante e informativo, gostaria de receber. E tambem parabenizar voces...

PREZADOS AMIGAS E AMIGOS,
Nós do ProChile desejamos a todos um Feliz Natal e um Próspero Ano Novo!
Atenciosamente
Rigoberto García G - Adido para Assuntos Econômicos do Chile no Brasil

ADÃO (JANDAIA ESTOFADOS LTDA)
Gostaria que fosse publicado novamente, aqueles termos que estão intresecos, em nosso dia a dia, e que sua tradução nos faz falta. Tais Como Feedblack, etc.
Obrigado,

BOM DIA!
É com satisfação que numa das minhas viagens de trabalho à BH, meu representante mandou uma cópia de sua página, pois aquí gostamos muito da qualidade e do conteúdo. - Esperamos que em 2003 possas sempre nos enviar mensagens e textos iguais e ou melhores, que Deus lhe abençoe e conceda muita saúde. Sabemos a seleta linha de leitores que tens, aquí em nosso escritório são 12 pessoas.
Sem mais, abraços e cordiais saudações! - Feliz Natal e um Próspero Ano Novo!!!!!
João Carlos Dewes
Sasun Ind. Term. Transf. Ltda
São Leopoldo - RS

CIARDULO & CIARDULO LTDA
Gostei muito de ter recebido o jornal SDR, pois traz materias muito interessantes para nos  representantes.Parabens!

CARLOS ALBERTO PIRES
Fui recomendado por um colega a cadastrar-me no SDR. Li algumas materias e achei-as interessantes.

JOSÉ GARCIA
Aprendi quando menino a contar usando os dedos.
A vida deu-me outros ensinos:
Fazer os próprios brinquedos,
Fiz bola de meia usada, carro de lata furada e \"papagaio de papel\".
Feliz de quem nasce pobre pequeno ainda descobre que não existe Papai Noel.
NORTENE REPRESENTAÇÕES - SÃO LUÍS - MA.

MARILENE CÂNDIDO DA SILVA
Estou adorando as mensagens e dicas que venho recebendo deste jornal.
Parabéns e Feliz Natal para todos vocês.
Abraços,

LUIS ANTÔNIO GONÇALVES DE OLIVEIRA
Recebi o jornal atraves de um amigo e tambem quero assina-lo

WALTER DE LUCCA
Fiquei muito contente ao receber as informações do SDR,
Esta mesmo faltando este tipo de comunicação para nós que somos RC. Tanto é meu interesse que estou me cadastrando para mais informações
Atenciosamente, Walter de Lucca

ELIZINHA
Estou muito feliz em receber SRD,tem me ensinado muitas coisas.Obrigado pelo carinho de voces ao leitor.

.

Vocês que são maravilhosos em nos dar esta oportunidade, e queremos que sempre, nossa humilde contribuição os motive, enriqueça e ilumine no dia a dia, porque essa é nossa recompensa.

Equipe do SDR

 .


.

 

" VENDER " 

A ARTE QUE FAZ O MUNDO SE MOVER
.

SR. PROF. EUGÊNIO MUSSAK

EDUCADOR


 

PRODUZIR E VENDER... - QUEM VEM ANTES ?

  • "VOCÊ VAI VENDER TUDO O QUE EU PRODUZIR", DIZ O DIRETOR INDUSTRIAL!!!

  • "NEGATIVO", RETRUCA O DIRETOR COMERCIAL, "É VOCÊ QUE VAI PRODUZIR TUDO O QUE EU VENDER"!!! 

Cada dia está mais claro que o segundo tem mais razão. É ele, afinal, que tem contato com o cliente (atualmente chamado de mercado) e é quem sabe, portanto:

  • O QUE ELE QUER

  • E QUANTO

  • E POR QUANTO

  • E PARA QUANDO

Já cruzamos a longa era feudal, a industrial e agora estamos na chamada “era do conhecimento”. Indiferente a essas variantes históricas, só há um homem que continua incólume, com seu emprego garantido, e esse é o VENDEDOR.

Na atualidade sofisticada do mundo contemporâneo, globalizado, informatizado, informado, o VENDEDOR deixou de ser o patrocinador do escambo e passou a ser o catalisador do progresso. 

VENDEDOR que honra o nome não vende, realiza sonhos. E se orgulha disso. O CORRETOR de imóveis resolve o problema da moradia, bem primário e imprescindível. É um mágico que ajuda a encontrar aqueles tijolos arranjados de tal maneira a permitir o abrigo, o controle das intempéries e o afastamento dos inimigos, e os faz coincidir com o desejo e com a capacidade de pagamento de seu CLIENTE. 

O VENDEDOR de automóveis nos dá rodas e a conseqüente mobilidade, o CORRETOR DE SEGUROS, SOSSEGO, o de Passagens, viagens, o de Roupas, calor e vaidade, e assim por diante. O VENDEDOR vende mais do que o produto explícito, vende o valor tácito. Apresenta soluções para ansiedades de consumo. É um terapeuta pragmático.


O mais incrível, e que não combina em absoluto com a missão do vendedor, independentemente de sua área de atuação, é uma freqüente baixa auto-estima. Em nosso país, diferentemente dos Estado Unidos, a capital mundial do consumo e, portanto da venda e, portanto, dos vendedores, parece que a profissão não é valorizada. 

 

É comum o sentimento de que se é vendedor porque não se conseguiu ser outra coisa, quem sabe um profissional liberal. - Trata-se de uma postura mental mesquinha e altamente prejudicadora dos resultados, que dependem, sim, de uma auto-estima elevada. 

 

PERGUNTO EU: 

  • Como ter em baixa sua auto-apreciação considerando que você é a pessoa capaz de resolver o problema de seu cliente e melhorar a vida dele, criando felicidade ? 

  • Como pode ser infeliz o catalisador da felicidade ? 

E ainda há que considerar que o vendedor não tem um CLIENTE, TEM DOIS. O DONO do produto e o DONO do dinheiro. A troca de mãos, o que é patrocinada pelo VENDEDOR, satisfaz, portanto, a dois SENHORES. Alegria dobrada!

 

O que é um VENDEDOR (com V maiúsculo) olhado de dentro para fora ? 

 

É alguém que entende do produto ? Pode até ser, mas sua especialidade não é essa. Ele é alguém que entende de GENTE!!! - E é aí que mora a beleza.

 

GENTE tem necessidades, ambições, vaidades, e também inseguranças, limitações, medos. O VENDEDOR lida com todos esses sentimentos como o pintor que joga as tintas da palheta na tela, que representa o cenário da venda. Cria harmonia, equilíbrio, solução. Transforma o útil no belo, aumentando-lhe a utilidade e justificando-lhe a existência. 

VENDEDOR se comunica. Sempre lembrando que a comunicação tem dois sentidos. O verdadeiro comunicador é aquele que sabe escutar. Só então decodifica a informação recebida e a transforma em resposta, em argumento. 

 

VENDEDOR não força venda, encontra solução para os problemas das necessidades. Ouvir, refletir, argüir, esclarecer, organizar, acalmar, situar, argumentar, resolver e então vender. 

Maravilhosa essa tal de relação comercial, quando se tem em mente que ela é uma variante da relação humana: percepção, senso de oportunidade, empatia, respeito, rapport, aclimatização, comunicação.
NEGÓCIO FECHADO!!!


 

SR. PROF. EUGÊNIO MUSSAK

EDUCADOR


Consultor de empresas na área de educação corporativa e desenvolvimento humano. Professor de biologia e fisiologia humana desde 1971. Docente da Universidade do Professor do Paraná. Professor colaborador do MBA de RH da Universidade de São Paulo–USP. Colunista do portal da revista Você S/A, da revista Vencer! e colaborador da revista Superinteressante. Considerado pela imprensa (revistas Veja e T&D) um dos palestrantes mais influentes da atualidade. Formado em Medicina pela UFPR, especialista pela Universidade da Califórnia (UCLA) e pelo Instituto Biosystem da Argentina, dedicou-se à Fisiologia , modalidade da medicina que aplicada ao esporte, estuda o desenvolvimento de competências críticas à prática de uma determinada atividade esportiva. Ao lado do Doutor Keneth Cooper, em Dallas (EUA), iniciou a migração desse conceito para atender às necessidades profissionais em empresas. - www.eugêniomussak.com.br - eugeniomussak@uol.com.br - fone: [11] 3661.2765

 

.

.


RESUMO  DE  NOTICIAS  "

20.12.2002    AO    27.12.2002


ECONOMIA
TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

O endividamento bancário da indústria atingiu o maior nível em dez anos, alcançando 79% do patrimônio líquido. No ano passado, estava em 54%. Diferentemente do que aparenta, os dados, que constam de estudo da Serasa, exclusivo ao Valor, não são um sinal ruim. - "Essa é uma situação típica de fase de investimento", explica o gerente de análise de crédito da Serasa, Marcio Ferreira Torres. Ele atenta para o fato de a dívida a longo prazo ser predominante. Ela passou a representar 47% do total, ante 29% no ano passado.

A indústria mundial de seguros, em 89 países pesquisados, movimentou US$ 2,408 trilhões em 2001 em prêmios de seguros. Depois dos ajustes monetários à inflação de cada país, o valor total dos prêmios registra um crescimento de apenas 1% em comparação com 2000. Se comparados apenas os valores em dólares americanos, há uma queda de 1,3%. Os números fazem parte do último relatório anual sobre o mercado segurador mundial elaborado pela Swiss Re, a segunda maior resseguradora do mundo. 

O "sinter feed", um pó fino resultante do processo de beneficiamento do minério de ferro, está sendo vendido a empresas endividadas com o Fisco. O deságio é de 70% sob a cotação do produto em bolsa, que está em torno de US$ 3,20 por tonelada, o que torna o negócio bastante interessante para as empresas com dívidas tributárias. - Na prática, é a possibilidade de conseguir quitar o débito desembolsando apenas 30% do valor original. As empresas que vendem o minério e o armazenam tornam-se fiéis depositárias do ativo. - A possibilidade de penhora do minério de ferro é garantida pela Lei de Execução Fiscal de 1980, em caso de dívidas tributárias, e pelo Código de Processo Penal, em dívidas particulares.

MERCADO INTERNO

Unilever e Colgate-Palmolive, as duas gigantes do mercado brasileiro de higiene pessoal, perderam market share no mercado de sabonetes em 2002, segundo pesquisa da Latin Panel Ibope. Em volume, a Unilever caiu de 49% para 47%, e a Colgate-Palmolive, de 17% para 16%. Uma pequena parte desse mercado está sendo conquistado por marcas como Natura e Boticário, que, com produtos de alto valor agregado, têm aproveitado o surgimento de consumidores cada vez mais exigentes, mesmo em períodos de crise. Elas cresceram 20% e 30% em 2002, respectivamente.
Mas, quem tomou mais espaço nesse últimos anos, foi a Unisoap. Segundo a pesquisa, o market share em volume da empresa cresceu de 14% entre janeiro e outubro de 2001 para 17% no mesmo período de 2002. Segundo André Barbieri, diretor de vendas da companhia, a Unisoap já ultrapassou a Colgate-Palmolive em volume, e está se aproximando em valor. A Colgate-Palmolive não quis se manifestar sobre o assunto. A pesquisa também apontou que a penetração (percentual de domicílios que tinham algum produto da companhia) da Unisoap cresceu de 46,2% para 51,8%. O conjunto das empresas menores teve seu market share por valor aumentado de 11% em 2001 para 14% em 2002.

Disposta a mostrar que açúcar não é sinônimo de obesidade, mas sim de energia, a Copersucar União decidiu jogar suas fichas no esporte. A estratégia da cooperativa visa reforçar a potente marca do açúcar União, líder nacional com 46% do segmento, para estendê-la a outras categorias de produto. Um dos planos da Copersucar para o ano que vem é entrar no ramo de doces.

A Basf vai fechar o ano como a maior recicladora de garrafas PET do país. A empresa alemã deve ser responsável por 15,6% da reciclagem dessas embalagens no país neste ano. A companhia desenvolveu uma nova tecnologia para utilizar o material na fabricação de tintas. A novidade melhorou a qualidade do produto e ainda está proporcionando uma economia de US$ 1 milhão por ano. - O PET vem sendo utilizado desde abril em 100% da linha de esmalte sintético e vernizes das marcas Suvinil e Glasurit. Isso representou um consumo de 18 mil toneladas da resina neste ano, perto de 50 milhões de garrafas. Em 2003, a utilização deve chegar a 24 mil toneladas, ou cerca de 60 milhões de embalagens. - A previsão da Associação Brasileira dos Fabricantes de Embalagens de PET (Abepet) é de que neste ano cerca de 115 mil toneladas do material sejam recicladas, com um índice de 40% de reciclagem. - Se o número se confirmar, a Basf terá sido responsável pela reciclagem de 15,6% do total de garrafas, o que a coloca na liderança da reciclagem do material no país.

O Vale do Iuiú, no sudoeste da Bahia, está renascendo para o algodão. A região, uma planície de cerca de 180 mil hectares à beira do Rio São Francisco, foi uma das mais prósperas para a cultura até o fim dos 80. Mas a atividade foi praticamente dizimada nos anos seguintes, com o avanço de pragas, degradação do solo e medidas econômicas desfavoráveis. - Agora, com o emprego de novas tecnologias e a recuperação dos preços do algodão, o plantio do produto está sendo retomado - em muitos casos, pelos filhos de antigos produtores da região. - Com um solo argiloso e baixo índice pluviométrico - cerca de 800 milímetros por ano -, o algodão encontrou no vale condições favoráveis de desenvolvimento. No fim dos 80, a região chegou a contabilizar área plantada superior a 100 mil hectares. Era ali que se concentrava toda a produção de algodão da Bahia numa época em que o Estado era o terceiro maior produtor brasileiro, atrás de São Paulo e Paraná.

As empresas de fertilizantes devem ser beneficiadas no médio e longo prazos com o aumento gradual da safra agrícola e da área de plantio no Brasil, segundo a opinião dos analistas. De acordo com algumas estimativas feitas por especialistas no setor de fertilizantes, esse segmento deverá registrar em 2002 um crescimento de aproximadamente 7%. Para 2003 as perspectivas são de um crescimento entre 6,5% e 7%.

Apesar de um ano difícil, as grandes varejistas de eletroeletrônicos e móveis mantiveram o cronograma e investiram em inauguração em 2002. Ponto Frio, Casas Bahia e Magazine Luiza abriram vários pontos-de-venda, acirrando a competição em um momento em que algumas redes, como a concordatária Arapuã, ainda tentam sobreviver. - Em contrapartida, a rede Eletro, a estagnada bandeira especializada em eletroeletrônicos do grupo Pão de Açúcar, foi incorporada ao Extra, divisão de hipermercados da companhia. Com a fusão, o Eletro, que fatura em torno de R$ 400 milhões por ano, passa a contar com o marketing musculoso da rede de hipermercados, cujas vendas líquidas anuais beiram R$ 4 bilhões. 
"Ainda há espaço para ocupar", afirma Marise Araújo, diretora de marketing e vendas do Ponto Frio. A rede, que havia inaugurado apenas quatro lojas em 2001, abriu oito unidades só no último trimestre de 2002, além de investir em um novo centro de distribuição em São Paulo, que lhe dará condições de abrir mais um grande número de lojas em 2003 e 2004. A varejista, com sede no Rio, está dirigindo o seu foco para São Paulo, onde inaugurou 6 lojas.
As redes paulistas, porém, também continuam reforçando sua presença e defendendo o território. 
O Magazine Luiza, rede do interior paulista, levantou um empréstimo de R$ 20 milhões no BNDES para financiar a construção de lojas e está em pleno ciclo de expansão. Apenas no 2º semestre deste ano, foram abertas 15 lojas, elevando para 130 o total de pontos-de-de-venda da varejista. "Em 2003, vamos abrir mais 25 a 30 lojas", diz Luiza Trajano Rodrigues, superintendente da empresa, que deve faturar R$ 650 milhões em 2002, 10% a mais que em 2001. A rede do interior também está chegando à capital paulista via o seu formato de loja física virtual. O primeiro terminal eletrônico de vendas foi instalado em uma unidade da videolocadora Blockbuster em novembro. 
A Casas Bahia - que planeja alcançar a marca de R$ 4 bilhões em vendas em 2002 - abriu 25 lojas, menos do que em 2001, quando inaugurou 28 pontos-de-venda. No entanto, a líder de mercado em eletrônicos vem investindo em unidades maiores para abrigar a linha móveis, cuja participação em seu faturamento vem crescendo há 2 anos.
A varejista tem a sua própria fábrica de móveis e começou a dar mais ênfase para este segmento desde o racionamento de energia, que abalou a demanda por aparelhos elétricos. 
A loja inaugurada no bairro de Interlagos, na cidade de São Paulo, nas vésperas do Natal, passou a ser a maior da rede, com 4,1 mil metros quadrados. A unidade superou a loja no bairro do Jardim Ângela, também na capital paulista, de 3,9 mil metros quadrados. Segundo a empresa, as lojas de 600 a 700 metros quadrados serão ampliadas para 1 mil metros quadrados em endereços onde há potencial. 
A Arapuã, que já chegou a ter 240 lojas e hoje possui 88 pontos-de vendas, está seguindo a fórmula da concorrência e começou a apostar na linha de móveis. Segundo Fabio Marcondes, diretor financeiro da rede, a meta é elevar a participação desse segmento nas vendas totais de 15% em 2002 para 30% ou até mesmo 40% em 2003. 
A mudança tem a vantagem de diversificar o leque de fornecedores da rede, deixando-a menos dependente de seus credores, as indústrias de eletroeletrônicos. A Arapuã entrou em concordata há cerca de cinco anos e conseguiu a adesão de 85% dos fornecedores para o seu plano de salvamento. - Nem todas as redes, porém, apostam nos móveis. Segundo Valdemir Colleone, supervisor da Lojas Cem, a rede sempre vendeu móveis e foi "copiada" pela concorrência. A varejista, porém, prefere manter em 25% a participação deste segmento nas vendas. Os motivos são a necessidade de espaço para exposição e armazenagem, além de custos de montagem. "As margens nos móveis são maiores, mas você tem que lembrar que existem vários outros custos associados que não existem nos eletroeletrônicos", afirma.

MERCADO EXTERNO

A forte desvalorização cambial deste ano teve mais efeitos para reduzir importações, que caíram 15,5%, do que para expandir exportações, que cresceram apenas 2,3%. Para 2003, porém, as grandes empresas exportadoras esperam um salto nas vendas ao exterior. Os setores brasileiros mais competitivos no mercado internacional contam com algum aquecimento da economia mundial e, especialmente, com o avanço das exportações para novos mercados, como a China.

O comércio entre Brasil e Coréia do Sul sofreu mudanças significativas neste ano de altas cotações do dólar. As vendas de produtos brasileiros cresceram cerca de 21% até outubro e devem fechar o ano com aumento expressivo. Em 2001, as exportações à Coréia já tinham se elevado 26%. Mas, a importação de itens coreanos, até outubro, caiu 33% após ter se elevado 10% no ano passado. - O resultado não altera a tendência de déficit comercial do Brasil com a Coréia. Mas com exportações de US$ 723,6 milhões e importações de US$ 935,5 milhões em 2002, o saldo negativo (de US$ 211 milhões) está longe do que foi registrado no ano passado - US$ 837,5 milhões.

 
A AOL Latin America (AOLA) e o Banco Itaú resolveram reforçar sua campanha de marketing conjunta para alavancar o número de usuários do provedor, hoje com 1,2 milhão na América Latina, e dos serviços de Internet banking da instituição. 
Como parte da estratégia, as empresas começarão a demonstrar os recursos da AOL em todas as 900 agências da instituição espalhadas pelo País, visando promover o serviço para os 9 milhões de correntistas do Itaú. 
INFORMÁTICA
TELEFONIA

A operadora de telefonia móvel Oi espera fechar o ano com 1,3 milhão de assinantes, sendo 300 mil só em dezembro. Luiz Eduardo Falco, presidente da companhia, diz que a marca será conquistada “apesar da guerra promovida pela concorrência”. - Utilizando como exemplo o Rio de Janeiro, Falco conta que a Telefônica está oferecendo crédito de R$ 500 aos usuários e a ATL oferece gratuitamente um telefone celular para cada usuário que comprar um novo aparelho.

 

O "RESUMO DE NOTÍCIAS", é baseado em levantamentos realizados pela equipe do SDR, e apresenta os tópicos mais importantes para que você, fique por dentro dos principais acontecimentos que sua profissão exige. - Este serviço de CLIPPING (resenha de informações), é a metodologia utilizada para assessorar 100% das principais autoridades, desde Presidentes da República, Diretores, Gerências e agora VOCÊ, e queremos que possa estabelecer o vínculo entre os assuntos expostos e suas estratégias, como forma de prestigiar seu TEMPO. - Os endereços abaixo, representam as fontes que diariamente consultamos ou enviam noticias, e são ao nosso entendimento, as mais fidedignas e neutras, como a seguir:

.

.

.

" VOCÊ USA A SUA CRIATIVIDADE "

SR. PROF. ANTÔNIO C. TEIXEIRA DA SILVA

.

Mais do que nunca, o mundo moderno exige criatividade e inovação. Com o dinamismo do dia-a-dia surgem novos problemas e novas oportunidades. Novas maneiras de pensar e diferentes ângulos de visão são necessários.

Uma das defesas contra as grandes exigências deste mundo complicado é colocar-se no "piloto automático". Aí você faz sempre a mesma coisa, tudo igual. Fixa-se em um padrão e perde a flexibilidade.

A secretária moderna, além de suas funções clássicas, defronta-se com situações inusitadas. Muitas vezes, sozinha, tem que encontrar soluções rápidas . Isso torna crescente a demanda por secretárias criativas aptas a ter novas idéias, fazer mais com menos, simplificar procedimentos, otimizar o tempo, buscar novas soluções para velhos problemas e muito mais. A habilidade para adaptar-se a novas situações e para aprender constantemente é a moeda de maior valor atualmente.

A secretária, ou qualquer outro profissional no terceiro milênio não sobreviverá por muito tempo se continuar fazendo as coisas da mesma maneira como fazia no passado. O Dr. Edward de Bono diz que " Os desafios são cada vez maiores. Em razão disso, a necessidade cada vez maior do pensamento criativo. Não mais é suficiente fazer as mesmas coisas da melhor maneira, ou apenas ser eficiente e resolver problemas. Muito mais é necessário. Os negócios necessitam de criatividade."

Saber como solucionar problemas criativamente é uma habilidade muito valorizada atualmente. Em minhas palestras e workshops costumam perguntar-me: - "Como resolver um problema criativamente?" Eu respondo: - "Permitindo-se pensar diferente, fora da mesmice, fora da caixa"


O pensar diferente é um grande aliado nestes desafios porque permite a criação de muitas alternativas. Para solucionar um problema é importante não contentar-se com a primeira idéia que lhe vem a mente. Lembre-se que sempre existe mais do que uma resposta certa. 

Mas a criatividade não é usada apenas para resolver problemas. Sua utilização é ampla e infinita. Use-a, por exemplo, para ser melhor. Para inovar na sua carreira, nas suas qualificações.

"Se você não tiver nenhum diferencial em suas habilidades profissionais, não importa o quanto esforçada seja. Você não será notada e não será bem remunerada por isso."

Esta frase, que li não sei onde, retrata muito bem o mercado atual. As qualificações profissionais, tal qual muitos produtos e serviços, estão virando commodities. A criatividade é um diferencial competitivo. 

Não existe uma fórmula para uma secretária ou qualquer outra pessoa tornar-se mais ou menos criativa. Porém, algumas atitudes caracterizam sua postura de abertura às novas idéias. As pessoas criativas são curiosas, observadoras e questionadoras. Quebram paradigmas e consideram os contraditórios. 

Comece observando o que acontece no seu dia-a-dia. As idéias mais geniais podem vir de onde você menos suspeita. Portanto, preste atenção em tudo. 

  • Olhe para as situações do dia-a-dia sob novos ângulos. Busque novos pontos de vista. 

  • Amplie sua capacidade de pensar. 

  • Imagine possibilidades que você não conseguiria pensar normalmente. 

  • Pense "fora da caixa". Desenvolva novas habilidades e atitudes. 

  • Melhore constantemente. 

  • Não perca o foco na busca pelo novo. 

  • Maximize vantagens que ninguém percebe.
    Desafie constantemente o status quo perguntando: 

"De que maneiras eu posso fazer isto melhor?" 
"De que maneiras eu posso ser melhor em..............................? 

Criatividade é como andar de bicicleta. Uma vez que aprendeu nunca mais esquece. Mas é preciso treinar. Para começar solicite, gratuitamente, um exemplar do livro digital COMO EXERCITAR MINHA CRIATIVIDADE no site www.pensediferente.com.br
 

Sr. Prof. Antonio Carlos Teixeira da Silva

pensediferente@uol.com.br - www.pensediferente.com.br

Antonio Carlos Teixeira da Silva, autor do livro " O Ataque às Idéias" é o criador e realizador do Projeto PENSE DIFERENTE, cujo objetivo é estimular a Criatividade e a Inovação no comportamento das pessoas e das empresas. Ele encerrou sua carreira como executivo da Kolynos do Brasil para dedicar-se ao desenvolvimento de seu projeto por meio da realização de palestras e consultorias em grandes empresas. Formado em Direito com Pós- Graduação em Marketing, Antonio Carlos dedica-se ao estudo da Criatividade desde 1974, quando participou pela primeira vez do Curso de Criatividade da Creative Education Foundation, na Buffalo State University, NY, USA. Em 1998, após retornar diversas vezes a Buffalo para reciclagem e atualização, graduou-se facilitador em Criatividade e Inovação.

.

.


.

.

" DICAS      DA      SEMANA "

ASPIRINA: "A" por acetil e "SPIR" por "spirsäure" (ácido salicílico, em alemão) 

José Galló, Diretor-Superintendente, das Lojas Renner
"As crianças e os jovens de hoje têm amplo acesso à Internet, uma das novas maneiras de comprar. Só que novas tecnologias, como essa, não deverão alterar o aspecto lúdico da compra. Eles continuarão indo às lojas experimentar uma roupa, por exemplo, movidos simplesmente pela emoção e fantasia que isto causa. Nada substituirá o ato de tocar a mercadoria no momento da compra.

O consumidor, principalmente a mulher, terá cada vez mais tempo livre, como conseqüência das mudanças que introduzirão maior autonomia na maneira de realizar o trabalho (trabalho em casa, horário flexível), facilitando a vida das pessoas. O consumo tende, assim, a estar cada vez mais ligado ao lazer. 

Quanto ao gosto, as previsões são de que os jovens se voltarão para as coisas básicas, simples, práticas, confortáveis."

BISCOITO: Provém de "bis coctus" (duas vezes cozido, em latim) e era originariamente 

o tipo de pão com que se abasteciam os barcos.

A soma do ano 2003 (2+0+0+3) tem como resultado o número 5, que simboliza: a verdade, o poder espiritual, a autoridade, a inteligência analítica, a prudência, a benevolência, o equilíbrio, a dignidade, o dever moral e a facilidade de expressão. As pessoas terão necessidade de conhecer todos os lados de uma questão antes de opinar sobre ela. 

A missão espiritual de todo ser humano neste ano, é a de ampliar a sua capacidade para tornar o mundo melhor. Os brasileiros terão a perfeita claridade da sua consciência para a solidariedade. Teremos a promessa e a potência de uma qualidade de vida melhor, começando já no primeiro semestre. A soma do ano, 5, representa a bênção, a marca mágica do pensamento e da vontade pessoal impressa a alguém - é a ação do poder divino, que transcende o pensamento.

Este número é o guardião dos preceitos espirituais; é o representante da lógica moral. Corresponde a letra H, o número da Humanidade, a estrela de cinco pontas, o número dos sentidos, a corrente vital que circula no corpo, a respiração (inspirar Deus), a vida criada e preservada através da respiração. "Aquele que viu, dá o testemunho e seu testemunho é verdadeiro; ele sabe que diz a verdade, para que também você creia". 

Mônica Buonfiglio

Todas as flores do futuro estão nas sementes de hoje. - Provérbio Chinês

A EMAV lançou o self-service contábil, onde o profissional faz ele próprio a sua contabilidade, por meio de uma orientação inicial do contador e uma agenda com a relação de suas obrigações fiscais e contábeis. O contador só trabalha (e cobra) quando é requisitado e para executar as contas. "É comum esse tipo de profissional achar que tudo está certo com suas contas até tentar abrir alguma firma e a Receita Federal apontar irregularidades no seu passado", diz Eugênio Rupeika, sócio-diretor da EMAV. 

Para quem quer um acompanhamento mais minucioso do contador, estréia em janeiro o portal da internet. Contador 24 Horas, que pretende servir de ponte entre a pessoa jurídica e o contador. O profissional liberal coloca na sua conta do site todas as informações contábeis relevantes. O próprio software calcula as obrigações fiscais, e mostra ainda o resultado do mês. O contador, como na EMAV, também só trabalha quando requisitado e para validar as contas. A Contador 24 Horas já tem cerca de 150 especialistas contábeis e firmas como concessionárias para serem escolhidas pelos clientes.

CURRICULUM: É um termo latim, que significa "carrera a pé". 

O termo completo é "curriculum vitae" (carrera de uma vida, em latim). 

Atreva-se a ser diferente. Libere-se e faça algo selvagem!!! Demonstre sua energia!!! Pareça VIVO!!! Se o vendedor A e o Vendedor B oferecem o mesmo produto, e ao mesmo preço, mas o Vendedor A, fez uma apresentação que provocou um sorriso... Quem conseguirá a Venda ?

Aplique diversão em suas inicitivas de marketing. Envie títulos atrativos em seus e-mails, que agreguem condimento as insípidas comunicações rotineiras. 

Chame seus clientes de vez em quando, para que assim possam ouvir sua voz e saibam que estão tratando com um ser humano. Envie flores com seu catálogo de produtos no interior. Faça que um amigo lhe tome uma fotografia simpática, em que você aparece subindo uma ladeira soleada, com seu produto amarrado nas costas e escreva alguma coisa como: "AS COISAS ESTÃO MELHORANDO". Obrigado por ter feito negócios com nós!!!, e envie-o com um postal. A boa vontade e o bom humor nos mantém motivados, especialmente em uma economia deprimida, assim não tenha medo de ser um pouco louquinho. Capturará a atenção de seus clientes e a fixará longe da dos demais. 

Laurel Delaney  

É impossível espirrar de olhos abertos. 

Envie sempre o seu nome, endereço, número de telefone, fax e endereço do seu e-mail. Mas além disso, pense um pouco sobre o que você está precisando comunicar sobre você e a sua empresa. Existe um slogan ou logo que você poderia enviar em anexo ? 

Existe alguma oferta especial que você precisa comunicar a seus clientes ? Pense sobre as possibilidades e seja criativo. 
Procure por um nova e sincera forma de começar uma conversa.
Como você inicia um diálogo com alguém que você acaba de conhecer ? 

90% das pessoas usam a mesma pergunta: “O que você faz ?” 
Tipicamente, essa ou outras perguntas similares resultam em conversas superficiais e que são esquecidas assim que o diálogo termina. 

Se você quiser se diferenciar das outras pessoas, encontre uma nova maneira de iniciar o diálogo. 
Algumas sugestões: 

“Por que você veio a esse evento ?”, 

“Você já viu algo interessante hoje ?”, 

“Eu conheço alguém que talvez possa ajudá-lo...”, 

Se você pensar um pouco você irá encontrar uma nova forma de iniciar o diálogo. Apenas se livre dos velhos modelos. 

Guerra de secessão: quando regressavam as tropas a seus quartéis, sem ter nenhuma baixa, escreviam em um grande quadro " 0 KILLED" (zero mortos). Daí provém a expresão "O.K" para dizer que tudo estava bem. 

Marketing no dia-a-dia.
Você bem que gostaria de encontrar fórmulas mágicas de Marketing, não é ? - É claro! Afinal, idéias originais existem e devem ser caçadas. Mas... pense em quanto dinheiro você tem perdido por não acreditar no feijão-com-arroz do Marketing-nosso-de-cada-dia. Pense em quantas vezes você já leu ou ouviu que estamos vivendo na Revolução do Conhecimento Contínuo e que não adianta mais usar fórmulas antigas. Pense em quantas vezes você já ouviu os gurus proféticos das Novas Mudanças berrarem nos seus ouvidos:- Quem insistir com métodos antigos não sobreviverá. Mas o que são fórmulas novas ? Você já parou para pensar que novidade, muitas vezes, é a moda antiga redescoberta e reinventada? Acredite, se quiser: as idéias que mais dão certo hoje em dia, em muitos cenários mercadológicos, são exageradamente simples e agressivamente comuns. Tanto que você tem vergonha de usar, por acreditar que elas são muito manjadas. Vejamos algumas:
1 - Enviar carta de aniversário para o cliente.
É mais velho que andar para frente. No entanto, todos os empresários que utilizam corretamente (eu disse corretamente) estão tendo resultados.
2 - Dar diploma 'Pagador Nota Dez' ao cliente.
Basta selecionar os 5.000 clientes que mais foram fiéis em pagar suas contas, enviar a cada um deles um cartão personalizado, inventando nomes sugestivos para esse cartão como: Cartão Cliente Nota Dez, Cliente VIP, etc. O subtítulo tem que ser claro: Você é um Cliente Especial, por isso terá 15% em qualquer compra.
3 - Tratar o cliente pelo nome.
Os mais antigos livros de vendas já ensinavam isso. Mas quantos estão aplicando esse fundamento? Lembre-se de que quem sabe e não pratica, ainda não sabe. Pronuncie o nome de seu cliente num tom de veludo vocal, com carinho e consideração. É uma das melhores maneiras de seduzir um cliente.
4 - Sorrir para o cliente.
Eta, idéia mais manjada! No entanto, o sorriso tem um poder que os próprios lábios desconhecem. O sorriso, para dar certo, precisa nascer da alma, nunca da boca. A boca termina, nunca começa um sorriso. Quando você apenas mostra os dentes, o cliente traduz: - Você está querendo ser agradável apenas para arrancar minha grana, não é, seu trouxa? Sorria com os olhos e diga com os dentes: - Eu estou feliz pela oportunidade de poder ajudar uma pessoa especial, como você.
5 - Campanha 'Atendimento de Coração'.
Simples e funcional. Espalhe bandeirolas com coraçõezinhos por toda empresa. Coloque corações vermelhos com flechas por todo lado. Esparrame frases, do tipo: Atendimento de coração pelos quatro cantos da empresa. Escreva nas camisetas dos vendedores textos de reconhecimento humano aos clientes. E espere pelos resultados.
6 - Premiar sugestões - 'A boa idéia do mês'.
Aplique essa idéia no seu dia-a-dia e você verá que ela ainda funciona. Diga a seus funcionários que quem der uma sugestão que faça a empresa ou setor economizar dinheiro ou tempo terá 20% do que a organização ganhar com a idéia. Descreva critérios de medição tangíveis. Faça um pomposo lançamento da Campanha. Jogue combustível motivacional na turma. E você verá de novo que árvores velhas dão frutos de lucros novos. 

Da próxima vez que quiser implantar uma idéia de marketing, não pense na velhice dela. Pense apenas se ela funciona. A Era da Globalização revolucionária já chegou. A Era Digital já está aí. A Era do Conhecimento em Turbilhão já surgiu. Mas nem por isso seja uma pessoa discriminadora. Idéias originais são bem vindas. Mas as antigas que dão resultados comprovados não podem ser esquecidas.

SR. PROF. RICARDO JORDÃO

"O professor Goddard não conhece a relação entre ação e reação e a necessidade de ter algo melhor do que o vácuo contra o qual reagir. Ele parece não ter o conhecimento básico ensinado diariamente em nossas escolas secundárias".
Editorial do "The New York Times" em 1921 a respeito do estudo revolucionário de Robert Goddard sobre os foguetes. 

DICAS PODEROSAS

Elabore com seus colegas de trabalho ou colaboradores, e até com os seus familiares e amigos, um material para compor um "kit auto-consciência". Esse kit deverá ser utilizado por todos para o aprimoramento e autoconhecimento constante. O kit pode conter artigos, dicas, indicações de livros, sites, revistas, cursos e palestras. 

Pratique o relaxamento. Há vários produtos super interessantes no mercado, como livros, cd's, clínicas de massagem, aromaterapia, cromoterapia e etc. Em meu site eu disponibilizo uma faixa de relaxamento que você pode ouvir sempre que quiser. 

Invista na assinatura de publicação periódica (jornal ou revista) que aborde assuntos sobre autodesenvolvimento, motivação e auto-estima, para o seu uso pessoal e para indicar e presentear a amigos.

Leia e indique o livro "Talento para ser feliz", que é voltado ao autoconhecimento, talento e ao seu autodesenvolvimento pessoal, social e profissional.

Leia e indique o livro "Obrigado equipe", que tem por objetivo fortalecer a nossa relação com as equipes de que fazemos partes nos diversos setores de nossas vidas, pois este é mais um dos grandes diferenciais dos nossos tempos: saber trabalhar em equipe.

 

SRA. PROF. LEILA NAVARRO

BMW: "Bayerische Motoren Werke" (fábrica bávara de motores, em alemão).

SERVIÇO E SORTIMENTO COMPLEMENTAR

"As lojas de departamento deverão ser, em número de lojas e resultados financeiros, uma atividade em declínio ou, no máximo, estável, devido à expansão dos category killers e das lojas especializadas.
Os supermercados se transformarão em lojas de bairro, de conveniência, enquanto que os hipermercados serão os grandes abastecedores de mantimentos das famílias - em outras palavras, das grandes compras compostas de básicos.
Todos os varejistas, de alguma forma, deverão tornar possível a alternativa de compras em suas lojas via mídia eletrônica, ou seja, televisão e informática. Value (relação qualidade/preço) estará permanentemente na cabeça do consumidor na tomada de decisão ao comprar."

José Paulo Amaral, Presidente das Lojas Americanas

.

.

 


.

.

" PORQUE ESTUDAR O FUTURO ? "

Sr. Prof. Sérgio Duarte Velasco

INSTITUTO MVC - ESTRATÉGIA E HUMANISMO

 

Vocês sabiam que a humanidade levou séculos para descobrir a existência de uma relação causal entre o ato sexual e o nascimento de uma criança?

Assim, à queima roupa, começou uma palestra a que assisti sobre liderança. Em meio ao burburinho que se seguiu - este conhecimento parece tão óbvio – voei mentalmente para aqueles tempos e me perguntei: 

  • como seria uma vida humana sem este conhecimento ? 

  • O que, naquela sociedade, seria equivalente à família de hoje ? 

  • Existiria a idéia de pai ? 

  • Como eram vistos a gravidez e o nascimento ?

Meu espanto foi mais além, quando nos foi dito que a expectativa de vida média dos Homens das Cavernas – habitantes da época acima descrita – era cerca de apenas 10 anos. A maioria dessas pessoas não chegava à fase adulta e não procriava; a população crescia muito lentamente e, em conseqüência, também a massa crítica geradora de novos conhecimentos – seres humanos pensantes. Mesmo na Grécia antiga esta expectativa não ia além dos 22 anos. - Era uma época em que a população mal se dava conta das mudanças.

Nesta virada do milênio estamos muito distantes deste mundo. Vivemos uma situação única na História. Existem hoje pelo menos três gerações de cientistas – cérebros em contínua atividade – trabalhando em conjunto, gerando diariamente uma infinidade de novos conhecimentos. Com o aumento da expectativa da vida humana espera-se que em poucos anos mais gerações estarão trabalhando juntas. 

 

Este é um dos impactos do envelhecimento da população mundial - a taxa de conhecimento das próximas décadas continuará a crescer intensamente e, com ela, também o ritmo de mudanças. E nem ao menos estou considerando os efeitos da inclusão da inteligência artificial neste campo.

Hoje, estamos longe de poder reclamar de tédio em nossas vidas. Vivemos numa época em que as mudanças cada vez mais farão parte integrante de nossa existência. Só nos resta aprender a conviver com ela.

Uma das conseqüências da aceleração do ritmo das transformações ao longo dos séculos é a integração progressiva da população mundial. Vejamos alguns fatos e situações que descrevem a lenta e progressiva aproximação das sociedades:

  • Os povos primitivos viviam em pequenas comunidades, a maioria das quais nem sonhava com a existência das demais; 

  • Os primeiros contatos efetivos entre estas sociedades começaram a ocorrer nos séculos XV e XVI durante as viagens exploratórias de alguns países europeus; 

  • A comunicação entre estes mundos era, entretanto, muito precária. Mensagens poderiam levar meses para atingir o destinatário. Imigrações entre esses países constituíam-se em verdadeiras epopéias;

  • O tempo de viagem entre um continente e outro começou a encurtar durante os séculos XVII e XVIII com o aprimoramento dos barcos à vela;

  • A introdução dos barcos a vapor no século XIX provocou verdadeira ruptura na comunicação e nos meios de transporte entre essas sociedades distantes – a maioria das viagens passou a durar menos de uma semana;

  • A economia mundial começou a se globalizar com a utilização do cabo transoceânico (1865) e a comunicação à longa distância (a partir de 1953);

Com o aparecimento dos primeiros aviões a jato em 1958 quase todos os cantos de nosso planeta passaram a ser atingidos em 24 horas. É difícil hoje compreendermos com profundidade os impactos que o uso cada vez mais disseminado do telefone, dos automóveis, dos aviões, da TV, foram provocando ao longo dos tempos na integração mundial. 

 

A Segunda Guerra Mundial, por exemplo, nunca foi vista pela TV, mas a do Vietnam sim. E a do Golfo, ao vivo pela CNN? Qualquer que seja a análise das transformações sociais vindas destas invenções – e nem ao menos estou falando de computadores, Internet, celulares cada vez mais sofisticados, além do uso deles todos em convergência com a própria TV –, de uma coisa podemos ter a certeza: a medida do nosso tempo de hoje é completamente diferente daquela do passado.

  • Vocês acreditam que, em termos de mudanças, os próximos cinco anos poderão ser equivalentes aos últimos 50 ? 

  • Já pensaram o que seria para uma pessoa de 1950 imaginar as transformações que ocorreriam em sua vida até o ano 2000 ? 

Mesmo que esta não seja a relação correta – ela é diferente para cada grupo social - asseguramos que cada cinco anos a mais nesta primeira metade do século XXI conterá progressivamente mais mudanças do que qualquer período idêntico no passado.

Enfrentamos hoje transformações que configuram uma autêntica revolução em nossas vidas. O que fizemos no passado certamente não produzirá os mesmos resultados no futuro. O que fazíamos em 1950, em 1960, ou até mesmo em 1990, daria certo hoje? 

 

Neste ritmo de mudanças, o risco de empreendermos um investimento baseado em uma hipótese errada sobre o futuro é enorme e será cada vez maior. Mas não podemos ficar imobilizados. Como disse Peter L. Berstein, em seu livro Desafio aos Deuses, "Eu sei que não vou acertar o futuro; aliás, eu sei que eu vou errar sobre o futuro. Mas eu não quero ser eliminado pelo futuro."

Constituem um exemplo clássico dos anos 60 as projeções equivocadas de superpopulação mundial para este início de novo milênio. A realidade mostrou uma população quase 50% inferior - seus autores simplesmente se esqueceram de considerar a ação de inúmeras forças redutoras da natalidade. Esta é uma característica indiscutível do futuro – ser imprevisível. Nesta nossa atividade, jamais pretendemos prever o futuro.

Mudanças aceleradas aumentam o risco das decisões e nos forçam a buscar novas metodologias que nos auxiliem a visualizar o longo prazo (lembrem-se de como os próximos cinco anos serão diferentes). Neste contexto, o estudo do futuro se traduz como um processo de pensamento capaz de tornar mais conhecidas as diversas possibilidades futuras e aumentar nosso poder para influenciar o que irá ocorrer. Objetivamente, pretende-se com esta atividade ajudar pessoas a antecipar e a se preparar para o imprevisível. São os seguintes seus principais resultados:

  • A criação de futuros hipotéticos amplia nosso conhecimento a respeito dos principais sistemas que interagem para a formação do ambiente em que vivemos;

  • A compreensão dos impactos destas hipóteses de futuro sobre nossas vidas nos dá capacitação para antecipar ações que atuem sobre os sistemas de nosso interesse;

  • Pessoas e organizações ampliam a compreensão de suas crenças - muitas das quais extremamente limitadoras - a respeito do futuro,. 

Esta atividade é, portanto, um processo que nos ajuda antecipar possibilidades futuras e estruturar as incertezas com as quais nos defrontaremos em nossa marcha para o longo prazo. Infelizmente, sua prática não é bem compreendida e várias vezes é rejeitada porque confundida com simples previsões. 

 

Nossa experiência mostra que, sob o impacto de mudanças não antecipadas, esforços e recursos são gastos desnecessariamente com questões operacionais e com a solução dos problemas surgidos. Michel Godet, renomado estudioso do futuro, nos empresta uma frase que alerta para este risco:

 

"A antecipação não é prática disseminada entre os tomadores de decisão; quando as coisas vão bem eles a dispensam mas, quando as coisas vão mal, é muito tarde para eles verem além da ponta de seus narizes".

Sr. Prof. Sérgio Duarte Velasco

Vice-Presidente do Instituto MVC

 

Sérgio Duarte Velasco - Vice - Presidente do Instituto MVC Consultor na Área de Estratégia, Planejamento e Finanças, acumulando a Coordenação Geral e a Vice-Presidência da Área de Pesquisas e Publicações do Instituto MVC – M. Vianna Costacurta Estratégia e Humanismo. Graduado em Telecomunicações pela PUC-RJ, com MBA em Business Administration pela UCLA - Univ. Califórnia. Atuou como Analista de Sistemas da IBM por 2 anos e por 13 anos no Mercado Financeiro, como Sócio-Diretor de Distribuidora de Valores Mobiliários. Autor de artigos publicados no Estado de São Paulo. Autor do livro Futuro: Prepare-se! e do mais recente lançamento Nas Ondas do Futuro. Editor do Site Ameaças e Oportunidades e do e-mail do Triunfo. - Site: http://www.institutomvc.com.br

.

.


.

.

" REFLEXÃO "

DUPLO SILÊNCIO

Foto enviada pela querida Arq. Denise Fraga, sempre tão sensível, 

Texto enviado pela nossa querida Psicologa Dra. Silva Baumkarten.


Dois amigos cultivavam o mesmo campo de trigo, trabalhando arduamente a terra com amor e dedicação, numa luta estafante, às vezes inglória, à espera de um resultado compensador.

Passam-se anos de pouco ou nenhum retorno. Até que um dia, chegou a grande colheita. Perfeita, abundante, magnífica, satisfazendo os dois agricultores que a repartiram igualmente, eufóricos. - Cada um seguiu o seu rumo. 

À noite, já no leito, cansado da brava lida daqueles últimos dias, um deles pensou: - "Eu sou casado, tenho filhos fortes e bons, uma companheira fiel e cúmplice. Eles me ajudarão no fim da minha vida. O meu amigo é sozinho, não se casou, nunca terá um braço forte a apoiá-lo. 

Com certeza, vai precisar muito mais do dinheiro da colheita do que eu". - Levantou-se silencioso para não acordar ninguém, colocou metade dos sacos de trigo recolhidos na carroça e saiu.

Ao mesmo tempo, em sua casa, o outro não conciliava o sono, questionando: - "Para que preciso de tanto dinheiro se não tenho ninguém para sustentar, já estou idoso para ter filhos e não penso mais em me casar ? As minhas necessidades são muito menores do que as do meu sócio, com uma família numerosa para manter".
.
Não teve dúvidas, pulou da cama, encheu a sua carroça com a metade do produto da boa terra e saiu pela madrugada fria, dirigindo-se à casa do outro. - O entusiasmo era tanto que não dava para esperar o amanhecer.
.
Na estrada escura e nebulosa daquela noite de inverno, os dois amigos encontraram-se frente a frente. - Olharam-se espantados. Mas não foram necessárias as palavras para que entendessem a mútua intenção.
.

Amigo é aquele que no seu silêncio escuta o silêncio do outro. 
.

Autor desconhecido

.

.


.

.

" PIADAS "

A mulher diz para o Marido: - Bem, vou falar dois minutos com a vizinha, podes dar uma olhada no frango a cada meia hora ?

.

Sabem em que mês as mulheres falam menos ? - Em fevereiro, porque tem apenas 28 dias!!!

.

Em que se parece um homem com a comida chinesa ?

É que começa como um rolinho primavera, e termina como um porco agridoce!!!

.

-Desde ontem meu Tio descansa em Paz!

-Poxa amigo, desculpe, não sabia que tinha falecido.

-Não quem morreu foi a Tia!!!

.

Sabem o que é a mulher ? - O motor da vassoura!!!

.

Como te dás conta que teu marido está morto ? - O sexo é igual, mas agora tu que tens o controle remoto!!!

.

-Oi amor... Que tal se ensaiarmos uma posição diferente esta noite ?
-Boa idéia meu bem... Tu ficas atrás da mesa de passar e eu me sento no sofá a assistir TV...
.

-Amor, como devo fazer para ter um busto maior e mais desenvolvido ?

-Esfrega ele com papel higiênico amor!

-Papel higiênico, tu achas ?

-Claro amor, olha como ficou tua bunda!!! 

.
No Trem ia sentada uma Mãe lindíssima com seu bebê, e um homem sentado na sua frente. A criança após a partida começa a chorar, ao que a mãe dá o peito para ele se satisfazer... Meio minuto depois a criança nada de parar de chorar, e a mãe avisa, - se continuar chorando, vou dar o peito para esse Senhor da frente ? 
Dez minutos depois o bebê começa novamente a chorar, e a mãe dá o peito novamente, ela se tranqüiliza, mas meio minuto depois solta o berro. A mãe avisa de novo, se não parar de chorar, vou dar o peito para o Senhor da frente.
Assim passam mais dez minutos e o bebê rompe o silêncio aos berros, e a mãe volta a dar o peito. Ele acalma mas volta a chorar meio minuto depois, ao que mãe avisa, se não parar vou dar o peito para o Senhor da frente, mas nisso o Senhor da frente, embesta e avisa: - Senhora, que se decida a criança, que eu teria que ter descido, três paradas atrás...
.

.

.

NÃO CONTINUE - SE É SUSCEPTÍVEL NÃO LEIA

Os amigos se encontram e um pergunta ao outro... - Me contaram que te casaste ? - Seguro é uma mulher muito bonita, tu sempre teve sorte...
-Não, nada disso, e feia, gorda e cheia de espinhas!!!
-Bom, mas seguramente é muito carinhosa, te mima e te cuida muito ?
-Capaz, é insuportável, nem a mãe dela a agüenta!!!
O amigo surpreso, mas tentando achar as qualidades continua...-Sim mas deve ser uma excelente cozinheira, e deve te fazer todos os gostos ?
-Nunca!!! Queima todas as comidas, não te prepara nem um pão com manteiga!!!
Mas surpreso ainda, o amigo conclui...-Bom, mas seguro é de família muito rica e estás preparando um golpe do baú ?
-Estás louco... Os pais dela moram embaixo da ponte, não tem onde cair mortos!!!
-Mas então, te explica como te casaste com uma Tia dessas ?
-Te explico. Tu sabes que adoro pescaria né ?
-Claro, sempre gostou pescar e estavas sempre indo as pescarias... Mas o que tem a ver ?
-Pois então... Ela bosteia umas lombrigas fantásticas...
.

Uma senhora moralmente distraída, está a ponto de se casar, e decide ir ao Médico para ver se pode recuperar sua virgindade. - O mata-saúde lhe orça o trabalho em 3 valores diferentes e explica...1.000, 500 e 100 reais. - A mulher por problemas econômicos opta pelo tratamento de 100 reais.
Retornando da sua lua de mel, vai direto ao Médico, para lhe agradecer e parabenizar pelo excelente trabalho, e comenta: - Dr. Você é um gênio, me doeu, sangrou e ficou super apertada! O que não entendi, é porque se é tão bom custa tão pouco, comparando com as outras duas ?
-Bem, a de 1.000 é porque reconstituímos toda ela, a segunda opção de 500 reais, é porque reconstituímos apenas parte dela, e a terceira opção é apenas uma amarração de pêlos.

.

Um Fulano sai com uma guria muito fina e bonita. Leva ela para jantar em um restaurante muito fino e elegante. Convida ela antes para um drink, depois na mesa pede um chardonay reserva 88, e um gaspacho e outras delicadezas. Depois vão ao cinema,  ver o filme que ela escolheu. Retornando ao carro depois do filme, o cara parqueia o veículo no lado do caminho. Começam os beijos e apertos e o cara tenta meter a mão por debaixo da saia, mas ela o detém, dizendo que é virgem, e que quer permanecer assim. 
-Bom diz ele, que tal se... - e faz umas caretas e aponta para ...
-E ela... PUAJJJJ!!! Não vou meter isso na boca.
-Tudo bem e com as mãos ?
-Nunca fiz isso, que devo fazer ?
-Bem, lembras quando eras guria e sacudias garrafas de refrigerante para molhar alguém ?
-Sim, lembro...
-Bem, é igual!
A Moça aceita e ele abre a jaula, ela o pega e começa a sacudir. E sobe e desce, e vai que vai, até que a cabeça do fulano bate no encosto do assento, vira os olhos, sai tatu, lagrimejava, uivava.... - E ela grita desesperada... 

-Que foi... Diz alguma coisa ?
-Sua F... da P..., tira o polegar do buraquinho...

Sistema de Representação para Representantes Comerciais

.

SISTEMA DE REPRESENTAÇÃO, VENDAS E SERVIÇOS SDR

.

o sistema sdr já inclui NO PREÇO o uso em rede ilimitado sem custos extras E não tem taxa de manutenção mensal. a única taxa que o sistema sdr tem, é a anuidade de R$:120,00 para efeitos de suporte e atualização, com vencimento em março de cada ano (2007 bonificada).

.

 

.

.

caso deseje alterar ou cancelar sua assinatura, clique no link a seguir:

ALTERAR ASSINATURA

.

.

ÓTIMO TRABALHO E ATÉ A PRÓXIMA EDIÇÃO!

.

SDR - SISTEMA DE REPRESENTAÇÃO E VENDAS

MIGUEL PEDRO TERRA VELAZCO

EDITOR DO JORNAL SDR

fone: 51 3019 2817.

.

Clique aqui para nós enviar um e-mail

.

INDIQUE SEU TEMA  ..-  ENVIE-NOS SUA OPINIÃO

.

Av. Caçapava 425 - sala 03 - Petrópolis -  Porto Alegre (RS) - BRASIL cep: 90460-130

 FONES: 51 -  3019 2817  -  FAX 51 3333 3553

.

.

Sistema de Representação para Representantes Comerciais

Como página inicial  Adicionar a Favoritos

Resolução mínima de 800x600 © Copyright 2007 - SDR