Como página inicial

Sistema de Representação Comercial para Representantes Comerciais

Adicionar a Favoritos

.

JORNAL De REPRESENTAÇÃO comercial sdr - EDIÇÃO Nº 178 - 04.03.2003

.

SDR - SISTEMA DE REPRESENTAÇÃO E VENDAS

MIGUEL PEDRO TERRA VELAZCO

EDITOR DO JORNAL SDR

fone: 51 3019 2817.

.

Funções do Sistema de Representação Comercial e Vendas - SDR

Testes do Sistema de Representação Comercial e Vendas - SDR

Solcite seu Orçamento

Manual do Sistema de Representação Comercial e Vendas - SDR

Biblioteca dos Jonais de Representação Comercial SDR

Assinatura livre e gratuita do Jornal de Representação Comercial

Contrate os melhores e mais capacitados Representantes Comerciais

Contato com a Equipe do SDR Sistema de Representação

As melhores Dicas sobre softwares livres, Bibliotecas, Links...

FUNÇÕES

TESTE

ORÇAMENTO

MANUAL

JORNAIS

ASSINe

saiba

contato

dicas

.

.

.

 .

.

. " ESPECTADOR OU PARTICIPANTE "
.

.

PROF. RICARDO JORDÃO

.

PRESIDENTE, FUNDADOS E SEU AMIGO

BIZREVOLUTION CONSULTORIA DE MARKETING

 



"O ser humano vitorioso define metas DIÁRIAS.  O perdedor dá desculpas DIÁRIAS" 

Autor desconhecido 
.
.

Muitos dizem que a pior coisa na vida é não ter metas para atingir. Mas ainda mais triste, é ter uma META para atingir, e não fazer nada, nenhum pequeno movimento todos os dias para atingi-la. Não existe problema algum em não conseguir atingir as metas. O problema é não fazer algo TODOS OS DIAS
.

Mas você poderia dizer: "Eu tenho metas! O meu problema hoje é não conseguir atingi-las". 
.

Será mesmo? Você tem certeza? Você é um Espectador ou Participante no cumprimento das metas? Os seus funcionários são Espectadores ou Participantes no cumprimento das metas? 

Qual é a sua META? Crescer 20% no ano como todo mundo? Vender 20% a mais do que no mês passado? Essa é a meta da sua empresa?!! Quem você pensa que vai se entusiasmar com uma meta dessas, que é igual a meta dos seus concorrentes, que foi feita dentro de uma sala com ar-condicionado, e por meia dúzia de engravatados que não sai a campo? 

.
É assim que você pensa que vai INFLAMAR o coração dos seus funcionários?!!! 

Você é um Espectador ou um Participante?
 
.

Se você for um Espectador, você é daqueles que nos últimos três dias do mês ou do trimestre, sai disparando e-mails, sorrisos e frases de efeito para todos aqueles que você acredita que estão envolvidos com o atingimento da meta. 

Se você for um Espectador, você é daqueles que nos últimos três dias do mês ou do trimestre, faz coisas que se recusou terminantemente a fazer nos primeiros vinte e sete dias do mês. 
.

Se você for um Espectador, você é um perdedor! Um preguiçoso! 
.
Você é um Espectador ou Participante?
 
.

Se você for um Participante, você é daqueles que nos vinte e sete primeiros dias do mês, conversou com TODOS os seus comandados um-a-um DIARIAMENTE e perguntou a eles: "Quantos contatos fizemos com novos clientes HOJE? Quantos negócios perdemos HOJE e porque? Quantos clientes perdemos HOJE e porque? O que fizemos HOJE para fechar os negócios amanhã? Que tipo de ajuda os nossos funcionários estão precisando HOJE? O que precisamos aprender HOJE que não sabemos? O que a nossa concorrência fez HOJE? 

Se você for um Participante, você é daqueles que faz TODOS entenderem qual é a participação de cada um no cumprimento da meta. Se a meta da empresa (que dizer que não é uma meta apenas da área de vendas?) for crescer 20%, qual é o papel da Área Financeira nessa meta, eles já sabem? Qual é o papel da Área Técnica nessa meta, eles já sabem? Qual é o papel da Área de Produção nessa meta, eles já sabem? Qual é o papel da Área de Recursos Humanos nessa meta, eles já sabem? 
.

Essas áreas também serão recompensadas pelo atingimento da meta? Não?!! 
.

A grande verdade é que maioria das pessoas estão sempre focadas em fazer as suas atividades e não tem tempo para definir suas metas individuais. É por isso que a sua META é ajudar essas pessoas a perceber a necessidade de concentrar os seus esforços em atividades diárias que as levem a atingir metas mais elevadas. Nada menos que isso interessa! 
.

.

Se você não fizer isso hoje, no final do dia você não passará de um simples Espectador. 

Ser um Participante! Nada menos que isso interessa. 

QUEBRA TUDO! Foi para isso que eu vim e vocês? 


Ricardo Jordão Magalhães 
Fundador, Presidente e seu amigo 
ricardom@bizrevolution.com.br

.

..

LOGÍSTICA    &    TRANSPORTES  -  VOCÊ  CONHEÇE ?

.

Quantos tipos de containers você conhece nos modais de transportes?

CIF, C&F, FOB dirigido, Intermodal, Aftermarket, Cost Drivers, Fulfillment ?

Trens, Bitolas, Tipos de Vagões, Intermodais, malhas rodo-ferroviarias ? 

Cubagens, Medidas de Caminhões, Pallets, ACF - Attainable Cubic Feet ?

Distâncias, Cruze de Balsas, Consumo/Caminhão/km, Pedágios?

Seguros de mercadorias para acidentes, Roubos e Franquias?

Logística, processos e administração do Transporte Rodoviário Brasileiro ?Leis de transito e responsabilidades de transportes, tolerância de balanças ?

 

Se não consegue responder 4 das 8 perguntas acima, você está no jornal certo. Vamos dar um pontinho (mergulho), pela "Logística e Transporte", como primeiro passo para enfrentar o inimigo... (risos). - Vamos dar uma resposta a aqueles que acudiram a nós, relatando problemas com entregas de transportadoras, processos e logística.

E não se preocupem, são apenas 22 aulas ou 3 meses de Jornais , mas unicamente para assinantes CADASTRADOS do Jornal do SDR "Dicas da Semana". Aguardem...

Conhecimento é tudo!!!

EQUIPE DO SDR

 

 

MENU DO JORNAL "DICAS DA SEMANA" nº178

.

...

.ESPECTADOR OU PARTICIPANTE - BIZREVOLUTION - PROF. RICARDO JORDÃO

 CARTAS DE AGRADECIMENTO

ARTIGO I - "A VOLATILIDADE DO NOVO PARADIGMA HUMANO" - SR. PROF. MARCO A. VIANA

 DICAS DA SEMANA DA EQUIPE DO SDR

 ARTIGO II - "A SECRETÁRIA QUE PENSA DIFERENTE" - PROF. PAULO R. SILVA FERREIRA

 REFLEXÃO - "QUANTO VOCÊ USA DO SEU TALENTO" - SRA. PROF. LEILA NAVARRO

 ARTIGO III - DEMITA-SE! - PROF. MÁRCIO MIRANDA

 PIADAS DA EQUIPE DO SDR

 ARTIGO IV - " A INTERNET E A QUALIDADE DE VIDA" - SR. PROF. SÉRGIO VELASCO 

 FUTURO - TENDÊNCIAS - IDÉIAS - PENSAMENTOS

....

.

.

PRÁS CABEÇAS!!!

Um crítico de arte que tinha uma enorme miopia era considerado um expert em avaliações de arte, visitou um museu com seu amigo. Mas por obra do destino, esqueceu seus óculos em casa e não conseguia enxergar as obras de arte com claridade.

.

Mesmo assim não se conteve e começou com as suas críticas e fortes opiniões. Ao se deter perante uma tela de quase três metros, com ar de superioridade espetou... 

.

O marco é completamente inadequado para o quadro. O homem está vestido duma forma muito ordinária e vulgar, e para dizer a verdade, o pintor cometeu um erro primário é imperdoável, ao selecionar um modelo tão simples e sujo para seu retrato! Considero uma falta de respeito para com o visitante.

.

Nesse momento o amigo o apartou e lhe dize baixinho e discretamente: Estás olhando um espelho e não um quadro...

..

...

.

.

.

.

 

" CARTAS DO JORNAL 177"

LUCASAS MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO LTDA
EXCELENTE FONTE DE MOTIVAÇÃO E INFORMAÇÃO.

ELENA ARRIAGDA
Gostaria de participar e enviar alguns temas também.

RANAM LTDA
O trabalho desta equipe do SDR é dez........

ANDRÉA OLIVEIRA - TELEPERFORMANCE 
Gostaria de receber o SDR.

AUGUSTO ORTÁCIO
Recebi a indicação do site de vcs de um amigo que disse-me ser muito interessante. 
Espero que o Jornal seja também. 

SONIA REGINA ESTEVES
Gostaria de receber o jornal semanal do SDR.

ANDREIA MATIAS - VITYALLY - IND. DE EQUIP. DE GINÁSTICA
ESTOU ANSIOSA P/RECEBER.

REGINALDO NAGASE
Parece-me que este jornal é ótimo. Espero não me decepcionar.
Abraços.

M.B. MARCHINI
Desejo assinatura do Jornal SDR - Dicas da Semana.

MARLEI CORRENTE COSTA
Os artigos tem sido de grande valia para o enriquecimento do meu trabalho.

ELIANA DA SILVA
Gostei muito do jornal por isso quero receber em meu computador.

.

A CRIANÇA E A URTIGA

.
Uma criança foi ferida por uma urtiga. 

Correu para a sua mãe e disse: - Me urtigou fortemente, mas eu só a toquei levemente.

Por isso te urtigou - disse a mãe, - da próxima vez que te aproximes de uma planta dessas, agarra-a com força, sem carícias, e então será tão suave como seda, e não te maltratará novamente.

.
MORAL:

.

"Ao insolente, ao desrespeitoso, ou delinqüente, 

deve demonstrar sempre que a autoridade prevalece sobre ele!"

.

COM MUITO CARINHO DA EQUIPE DO SDR

.

.

.

.

.

.

.

" A VOLATILIDADE DO NOVO PARADIGMA HUMANO "
.
Conclusões da Conferência de RH em Buenos Aires (AR)

..

.

SR. PROF. Marco Aurélio Ferreira Vianna

.

PRESIDENTE DO Instituto MVC 

.M. Vianna Costacurta Estratégia e Humanismo

 

.
Não há dúvida de que se encontra em momento de sólida formação o paradigma da ascensão da importância do "lado humano da gestão" (human side of management).

Evidências por todas as partes demonstram que pessoas deixam de ser consideradas recursos ou, em conotação mais crítica, custos variáveis, e passam a ser elevadas ao patamar mais nobre de prioridades estratégicas. Algumas afirmações advindas de presidentes e CEO's dão aval a esta tendência: 

.

"homens e mulheres não são recursos humanos das organizações; 

ao contrário, as organizações são recursos dos Seres Humanos."
.

Dave Ulrich, um dos mais renomados consultores no campo de Recursos Humanos afirma que RH agora está na mesa da direção estratégica das empresas. Parece que começa a se dissipar a dúvida de que gente motivada aumenta a rentabilidade das organizações.

Em estudos que realizamos no Instituto MVC, concluímos que há uma clara evidência de que as empresas mais admiradas selecionadas pela revista Exame em suas edições Melhores Empresas Para se Trabalhar, têm efetivamente uma rentabilidade melhor do que a média do setor em que atuam. Huselia / Becker, em importante estudo que realizaram na Sears em 1998, demonstraram que o engajamento em boas práticas de RH acarreta conseqüências positivas nos resultados de vendas, com evidente impacto na sua rentabilidade. 

 

A empresa Franklin R&D Inc. também obteve a conclusão de que as cem melhores empresas para se trabalhar da Revista Fortune foram duas vezes mais rentáveis do que a média das quinhentas empresas do índice S&P. A própria Bolsa de Nova York fez um completo estudo demonstrando que 75% das empresas pesquisadas melhoraram seus resultados com programas de RH. 

 

Enfim, saímos da discussão dialética e podemos concluir que pelo menos há uma boa probabilidade de aumentar o lucro com a ação da melhoria humana. Um argumento que certamente homens e mulheres de RH ainda necessitam para convencer seus presidentes, diretores e conselheiros a abrir seus bolsos e seus orçamentos para área humana.
.

.
Segurando talentos
Neste sentido, os humanistas têm motivos de sobra para comemorar com rejúbilo multiplicador a transformação do capitalismo selvagem e até predatório em uma filosofia empresarial com mais responsabilidade social. Entretanto, esta alegria não pode, de modo algum, gerar um comportamento de acomodação. 

.

"O preço da liberdade é a eterna vigilância" deverá ser lema de uma guerra que continua. A ascensão do humano e seu coordenador maior nas empresas não significa que necessariamente estaremos assistindo a uma humanização das organizações. Há necessidade absoluta de se acompanhar pari-passu a essência de formação deste novo paradigma. 

 

Muita gente importante, de pensadores a consultores, de professores a executivos, está defendendo uma numerização exagerada das novas práticas do novo RH ou, se quiserem, da prática de um novo RH. Em alguns extremos, já se afirma que a empresa não deve se preocupar com a felicidade de seu empregado, mas sim com seu sucesso, com seu desempenho, com sua performance, com suas competências. 

 

Em meu ponto de vista, sinto o enorme risco de se aplicar a este novo RH um modelo contábil-financeiro-econômico, bem no estilo mecanicista/reducionista , em que simplesmente seres humanos continuarão a ser recursos, agora administrados e controlados com práticas e processos muito melhores e mais efetivos.

Não há dúvidas de que RH deve ser um centro de lucros, não há dúvida de que uma Universidade Corporativa deve ter seus resultados mensurados de uma forma extremamente eficaz. No entanto, isto não significa que se repitam erros do passado e só o lucro seja importante. Se prevalecerem princípios tão somente matemáticos, haverá sérias conseqüências negativas para ambos os lados: para o capital e para o trabalho, para o empregador e para o empregado.

Eu não tenho medo de afirmar que uma empresa com excelentes práticas e processos de RH não será o único leitmotif nem mesmo a principal razão de atração e retenção de talentos. Talentos serão atraídos em termos mais permanentes pelo ambiente humano de uma organização, em um sentido mais global: clima, respeito, valorização, integração, liberdade, autonomia, perspectiva de desenvolvimento, desafio. Coisas humanas e não simplesmente matemáticas.

.
Sempre é bom lembrar que nos próximos anos o pêndulo histórico vai mudar e de maneira radical. De tanto se alardear o "fim do emprego", os jovens acabarão aprendendo. Como natural reação, as novas gerações X e Y vão buscar a construção de suas competências como empreendedores. E então, ao contrário do que se imagina hoje, as empresas terão uma absoluta escassez de pessoal qualificado. Aliás, eu não sei se, na cabeça do jovem do futuro, será pouco nobre pertencer a uma organização na condição de empregado. 

.

O "quente", o "legal" ou a gíria que seja criada na época será tocar seu próprio negócio. A Era do Conhecimento e o mundo eletrônico são combustíveis de alta potência para impulsionar esta tendência. Por tudo isto, vale a pena gastar algum tempo em reflexões sobre o futuro de RH.

.

.

SR. PROF. Marco Aurélio Ferreira Vianna

 

PRESIDENTE DO Instituto MVC 

.M. Vianna Costacurta Estratégia e Humanismo

.

Marco Aurélio Ferreira Vianna - Presidente do Instituto MVC - M. Vianna Costacurta Estratégia e Humanismo. Consultor, desde 1965, em Planejamento Estratégico, Motivação, Energização, Desenvolvimento de Capital Intelectual e Universidades Corporativas. Já atendeu a 890 empresas, em mais de 20 países. Escreveu 32 livros. Ganhou vários prêmios nas áreas de Planejamento Estratégico e Recursos Humanos. Eleito personalidade brasileira de Recursos Humanos, pela ABRH Nacional. Conferencista Internacional, já realizou mais de 50 palestras em cerca de 20 países. Proferiu cerca de 1600 palestras e conferências. Foi professor do EUROFORUM (Espanha), Instituto de renome no campo da educação corporativa na Europa (1999 - 2001). Palestrante convidado em diversas Universidades como FGV, USP, UFRJ - COPPEAD, UNISINOS - RS, e em inúmeros outros. 
.

Telefones: 11 3171-1645 / 3285-2438 - costacurta@institutomvc.com.br  (Luiz Augusto Costacurta / Angélica Stein (SP) - www.institutomvc.com.br 

.

.

.

.

.

 

.

 

DICAS DA SEMANA DO WWW.SDR.COM.BR

.

.

SE A MONTANHA NÃO VEM A MAOMÉ, MAOMÉ AI À MONTANHA

. 
Maomé (570-632), profeta e fundador do Islamismo, ensinava seus seguidores Islâmicos a preferirem o simples ao complicado. A frase foi pronunciada quando Maomé tentava converter um grupo de Árabes que o desafiaram a mover o Monte Safa para perto de si. 

.

Maomé tentou, mas não conseguiu. Foi até a montanha e disse ter recebido uma graça de Deus por não ter conseguido o milagre. Ele acreditava que se a montanha viesse aos incrédulos, mataria todos ali reunidos. 

.

.

DICAS SENSACIONAIS PARA PROFISSIONAIS DE VENDAS

PROF. MAURÍCIO GOIS

 

.

CARÁTER: 

O que adianta você ter todas as qualidades da Venda se tudo isso não for complementado e enriquecido por uma Honestidade notável? Citar estatísticas mentirosas, argumentos enganosos, informações falsas, criar desarmonia entre os colegas e usar de truques para amaciar a inteligência dos clientes fazem o Vendedor entrar para uma CPI - Clube dos Picaretas Impunes. Já os profissionais vencedores, ao contrário, são membros de uma outra CPI - Caráter, Persuasão e Integridade. 

CRENÇA: 

Vender é você acreditar: 

  • Primeiro em Deus que lhe emprestou um corpo saudável para você beneficiar pessoas. 

  • Depois acreditar que você é um ser especial com 144 milhões de neurônios e que nasceu para vencer. 

  • Em terceiro lugar acreditar que sua Empresa tem o melhor produto/serviço, o melhor preço, os melhores motivos para o Cliente ser feliz nesta cumplicidade de parcerias. 

CRESCIMENTO: 

Crescer é viver no futuro hoje, parar de crescer é viver no passado amanhã. Investir no que você não sabe imediatamente é regar seu Crescimento Pessoal e ter Sucesso imediato em Vendas. Bem, esses conselhos são os essenciais. Há ainda outros como:

  • Coragem (para superar objeções), 

  • Curiosidade (para se desenvolver sempre ), 

  • Correção (para saber recomeçar mesmo diante das falhas ), 

  • Credibilidade (para vender muitas vezes para muitos clientes sempre ), 

  • Conveniência (para decidir onde, para quem e em que quantidade vender), 

  • Coerência (entre o que você diz e o que você fala ou para não desmentir no Fechamento o que você disse na Abordagem), 

  • Concisão (para não falar muito e não dizer nada ) etc.

Bem, mas para que tanto C's, se você só precisa de um ? 

.

.

Troque o 'd' de Vendedor pelo 'c' de Vencedor

.

Não é o que você sempre sonhou?

 

PROF. MAURÍCIO GOIS

contato@mauriciogois.com.br 

.

.

 VOCÊ TAMBÉM CONSEGUE... 
.

Era o ano de 1951, Bette Nesmith Graham, nascida em Dallas - Texas, separada em 1946 e casada novamente em 1964, se destacava na digitação entre suas colegas. Mas não era tanto pela velocidade, mas pelo empenho que ela tinha em melhorar tudo. Ela acreditava em si, no trabalho, na equipe e gostava da confiança que o Banco no qual trabalhava, lhe oferecia.

.

Nesse ano, as máquinas de escrever elétricas já tinham sido lançadas e a empresa onde a "Bette Nesmith" era secretária, comprou algumas. Qual não foi a surpresa dela, que acostumada nas teclas manuais, nem bem começou a tocar as teclas da máquina elétrica, começaram a disparar letras por todos lados. Quem diria, Bette tinha um sonho e era ser artista...

.

O costume de uma máquina a qual já estava habituada e uma nova que prescindia de força para escrever levou ela ao desespero. Ela precisaria de leves toques para preencher as cartas. Foi assim que começaram alguns problemas desse departamento incluídos para domar a nova tecnologia das máquinas elétricas. 

.

Cansada de passar borracha nos papéis, que além de deixar marcas, a certas alturas chegava a rasgar o papel, comprometendo até a qualidade dos trabalhos que Bette era acostumada a apresentar, fora o tempo que lhe consumia. E qual não foi a surpresa dos colegas, quando Bette trouxe de casa uma mistura de têmpera diluída com água, para apagar as letras e os erros da digitação.

.

O departamento inteiro se encantou com a inovação de Bette, que soube aplicar solução para a tecnologia ainda bruta. Soube colar uma etiqueta no frasquinho que dizia "Mistake Out" ou (em inglês: "Elimina erros"). Por cinco anos seus colegas de empresa se dedicaram a pedir a Bette que prepara-se frasquinhos para eles, e a medida que o tempo passava e isto falo de 5 anos, todos e cada vez mais, a encorajavam a comercializar o produto.

.

Mas o negócio não foi bem. Ao final e 1957, apenas vendia 100 vidrinhos por mês. No ano seguinte uma revista de material de escritório, inclui o corretor de Bette entre os produtos oferecidos. A demanda do líquido mágico aumentou e muito, chegando em 1967, a 1 milhão de vidrinhos. A revista "Secretary" a qualificou com a "Resposta as rezas das Secretárias". Bette preparava seu produto na cozinha de sua casa e ia testando suas misturas com a batedeira elétrica e outros utensílios domésticos.

.

Utilizando o método cientifico de "ensaio, prova e erro", Bette foi aperfeiçoando o produto. Para resumir a história, depois que a IBM se negou a comprar-lhe a idéia, Bette vendeu em 1979 para Gilette a invenção, por 48 milhões de dólares. 

.

.

.

Entende porque você também consegue... 

.

.

LEMBRE SEMPRE... OS PROFESSORES E A EQUIPE DO SDR, ACREDITAM EM VOCÊ!

.

 

.

Diversão no Trabalho, Alegria para Viver !

.
Se ao acordar pela manhã você tem aquela sensação de estar indo ao trabalho... trabalhar. Bem, pense a respeito. Você precisa fazer algo AGORA. 

Especialistas das mais diversas áreas de atuação estão cansados de afirmar que: Diversão, Diversão, Diversão são os três fatores mais importantes para geração de criatividade, produtividade, auto-estima, moral, satisfação, retenção de funcionários e conseqüentemente clientes dentro de uma empresa. 

E melhor, Diversão não é cara. E pode ser criada em ambientes empresariais através da implementação de detalhes pequenos como: música no ambiente de trabalho, títulos diferentes para cargos tradicionais, cores vibrantes & frases motivacionais pelas paredes do escritório, criação de um quadro de sugestões de lazer sugeridas pelos próprios funcionários (restaurantes, filmes, viagens etc), entre muitas outras idéias possíveis. 

Diversão SIM! Diversão no ambiente de trabalho, Diversão nas comunicações inter-pessoais, Diversão na forma de conduzir treinamentos, Diversão na forma de conduzir reuniões, Diversão em programas de reconhecimento, Diversão em suas atitudes. 

A melhor fase das nossas vidas é aquela que vai dos 22 aos 40 anos de idade, e das 8:00 as 20:00 h quando o Sol está brilhando. Portanto trate de escolher uma profissão onde você possa se divertir enquanto trabalha. 
.

Ao se divertir no trabalho,  Você terá ainda mais ALEGRIA PARA VIVER! 


QUEBRA TUDO ! 

Ricardo Jordão Magalhães 
Fundador, Presidente, Seu amigo.

 

ricardom@bizrevolution.com.br  

.

.

"No único lugar onde o cliente não tem a razão, é no analista"

.

..

.

.

.

.

VOLTAR

 

A SECRETÁRIA QUE PENSA DIFERENTE
.

.

SR. PROF. PAULO RICARDO SILVA FERREIRA

DIRETOR DA ECKART CONSULTORIAS

 

paulo@eckart.com.br  -  www.eckart.com.br 


Neste mundo globalizado, a Secretária moderna participa cada vez mais do dia-a-dia da empresa e dos negócios. Deve atualizar-se com as novas tecnologias que surgem freqüentemente, entender as tendências no mundo de hoje, a sociedade
high tech e onde estas tendências poderão nos levar. Isto é fundamental para dar suporte ao seu chefe.

A Secretária, como todos, encontra novos problemas e novas oportunidades que exigem novas maneiras de pensar e diferentes ângulos de visão. Espera-se que possa resolver problemas com criatividade e iniciativa. A Secretária conectada a todas estas novas exigências do mercado está cada vez mais valorizada.

Em um outro extremo, aquelas que ficarem se queixando porque "
as coisas já não são tão fáceis como antigamente" ou "por que mudar o que sempre funcionou ?" necessitam rever urgentemente suas premissas. Ou usam sua capacidade criativa para descobrir novas respostas, novas soluções novas idéias ou estarão em situações mais delicadas para não dizer difíceis. Mas como diferenciar-se nesta aldeia global tão competitiva?

Com Criatividade. Pensando diferente. Atualmente, é a criatividade que determina a diferença entre as pessoas, determina o resultado do trabalho e o sucesso.

Nesta época de tantas mudanças e transformações uma coisa permanece: todos querem o sucesso pessoal e profissional.

O sucesso não é uma loteria nem uma montanha que você pode escalar. Sucesso é um direito que você tem. Trabalhe para isto. Desenvolva novos hábitos. Diferencie-se. Pense diferente. Exerça o seu potencial criativo. Questione tudo. Questione a maneira como você realiza seu trabalho. O fato de você estar fazendo uma tarefa da mesma maneira há muito tempo não garante que esta seja a melhor maneira. Sempre é possível fazer mais eficiente, mais rápido, melhor, mais economicamente.
.

  • Fazer mais com menos faz a diferença!

  • Desenvolva sua imaginação, sua sensibilidade e seu intelecto.

  • Seja pró-ativa com sua carreira definindo sei portfólio de habilidades. Olhe as mesmas informações que você tinha antes sob um novo ângulo. Este novo e diferente ângulo vai ajuda-la a ter novas idéias. Comunique-se perfeitamente, mantenha aprendizado constante e, obviamente, olhe sempre para o futuro.

Isto é pensar diferente: ver as coisas sob prismas que ninguém vê. Este é o diferencial que deve ser cultivado.

Em resumo, se você não acredita que poderá melhorar suas habilidades, seu desempenho, cuidado, muito cuidado! 

.

Alguém mais criativo acredita que pode.

.

.

.SR. PROF. PAULO RICARDO SILVA FERREIRA
.DIRETOR DA ECKART CONSULTORIAS


paulo@eckart.com.br - www.eckart.com.br

.

Administrador de Empresas pela FAPCCA, pós-graduado em Administração Hospitalar, curso de psicologia pela UCS e doutorando em Ciências Empresariais pela Universidade de Leon/Espanha. Criador e consultor sênior da Eckart Consultorias em desenvolvimento organizacional intervencionista, estratégia empresarial, comportamento e treinamento com visão holística.
Possui diversos artigos publicados em jornais e revistas do Estado. Participações em cursos, congressos, conferências e entrevistas junto a escolas, associações, faculdades, universidades, rádio e televisão em todo o Brasil. Destacado como palestrante em assuntos ligados a administração, estratégia e ética; é professor universitário em cursos de graduação e pós-graduação da FAPCCA, ULBRA, FACCAT, UCS e MBA Gestão Estratégica da FA.RS.
Chefe de Departamento de Ciências Humanas da FAPCCA durante dez anos. Especialista na criação e gestão de fundações, cooperativas, organizações não governamentais e processos de terceirização. Criador e atual Presidente da FA.RS - Fundação dos Administradores do RGS - Gestão 2001-2004. Ex-Conselheiro do Conselho Regional de Administração - CRA/RS.

 

.

.

.

.

.

.

. " QUANTO VOCÊ USA DO SEU TALENTO... "
..

.

SRA. PROF. LEILA NAVARRO

.

Por diversas vezes, perguntei para as platéias das minhas palestras, às vezes com mais de 1000 pessoas, se cada um que ali estava poderia me dizer quanto do seu talento e inteligência disponibilizavam em suas respectivas funções. 

Muitos não entendiam essa pergunta, então eu explicava e perguntava novamente. Uma ou outra pessoa levantava a mão. Perguntei em uma platéia de empresários, de empreendedores, de pessoas que tem seu próprio negócio. Acreditava que ali eu teria uma reposta mais satisfatória, mas também somente algumas poucas pessoas levantaram os braços.

Se você é um estudante, um empresário ou um colaborador de uma grande ou de uma pequena empresa privada, enfim, e se ainda não usa 100% do seu talento, da sua inteligência no que desempenha hoje, exatamente hoje, você não entendeu nada. 

Você sabe o que é economia de guerra? Você está se economizando para quando? Para o quê? Aliás, esta é a economia mais paradoxal que conheço, pois, enquanto você acredita que está se economizando, se poupando, tirando vantagem da situação, de ir levando, de ir empurrando com a barriga, você está, na realidade, desperdiçando a si mesmo, perdendo grandes oportunidades para aprender, se conhecer e viver plenamente.

Certo dia assisti a um filme, destes que não saem da nossa da cabeça. Era a história de um homem, workaholic, que estava fazendo quarenta anos e, de repente, num passe de mágica, entra em sua vida um menino, que na história, é ele mesmo aos oitos anos de idade.

Quando o menino se dá conta de que os dois são a mesma pessoa, sai correndo pela casa perguntando por seu cachorro e família. O quarentão responde que não tem cachorro, nem esposa e filhos. O menino, desconcertado, arrisca perguntar sobre o avião, se ele era um piloto. Mais uma vez recebe uma negativa. 

O menino sai desconsolado para a varanda. Olha a lua, que se encontra cheia e avermelhada, e então, sentindo que ele, adulto, está próximo, faz uma última pergunta: "Por que a lua está vermelha?" E o quarentão responde grosseiramente: "Não sei!"

Então o menino diz: "Pôxa, mas o que aconteceu, cresci e não sei nada, não tenho cachorro, não tenho família e não sou piloto. O que eu fiz nestes 32 anos?"

Quando você se olha no espelho, pela manhã, reconhece nele a pessoa que gostaria de ser hoje? Reconhece ali aquela criança que foi e que sonhava em ser e fazer milhões de coisas?

Quer outro exemplo? Eu estava dentro de um elevador cheio e sem ascensorista. Gentilmente, comecei a perguntar para as pessoas para qual andar iriam, e então, apertava o botão correspondente. Havia um senhor no fundo do elevador que foi o último a quem perguntei e ele disse: "Não se incomode não, qualquer andar serve, eu entrei no edifico errado!"

Creio que muita gente está em edifício errado, mas tem casos piores: há pessoas que não arriscam e nem entram em edifício algum! Por isso acredito que hoje o caminho da felicidade, da realização, está em você ter muito claro para você mesmo o que quer. Quem não sabe o que quer, chega aonde não quer. E se você não sabe e nem define o quanto do seu potencial, do seu talento é usado, pior ainda.

Uma ótima solução é fazer um planejamento estratégico pessoal, utilizando todos os seus recursos intrínsecos e extrínsecos com realidade, ousadia e flexibilidade. Um planejamento estático de nada vale, deixo-o vivo, dê-lhe vida, reveja sempre e se pergunte sempre: "Se eu ganhasse R$ 10 milhões de reais o que faria?"

Por quê? Se você continuar fazendo as mesmas coisas que faz hoje é porque está realizando o que veio para realizar e isto é o seu grande diferencial, pois esta é a sua essência, o seu real objetivo de vida. Se você mudar radicalmente tudo é porque está insatisfeito, infeliz. 

Agora perceba que há diversas coisas que você pode fazer para ser feliz, para mudar a sua vida, sem precisar ganhar os R$ 10 milhões. Uma vez uma mulher me respondeu que, se ganhasse todo esse dinheiro, largaria o marido e o emprego, faria uma plástica, mudaria o guarda-roupa e moraria em outra cidade!

Será que ela precisaria ganhar todo este dinheiro para fazer isto? E você, o que está esperando? Você tem o seu talento e inteligência e o quanto utiliza deles para fazer a real transformação de que necessita.

Ao perguntarem como vai a sua vida, não responda que ela está indo, levando ou durando! Diga que você está vivendo e realizando através do quanto utiliza do seu talento e inteligência. Você pode!

..

.

SRA. PROF. LEILA NAVARRO

 

Destacada como Guru de Palestras, no CONARH/2002, um dos maiores eventos de RH no Brasil, Leila Navarro é fisioterapeuta formada pela Universidade de São Paulo (USP). Autora dos livros "Talentos para ser Feliz" (também lançado em Portugal em abril de 2002) e "Obrigado, equipe" (ambos Editora Gente), é presidente Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento do Capital Humano, Professora Emérita da Universidade Continental do Peru e Professora convidada da Universidade de Barcelona (Espanha), Coordenadora do Departamento de Qualidade de Vida e Conselheira da Associação Brasileira de Prevenção de Acidentes (ABPA)/ SP, Membro da Business Professional Women e da Guild for Structural Integration. 

.
Nos últimos três anos, mais de 150 mil pessoas assistiram às suas palestras. Em 2001, Leila Navarro realizou 132 eventos, com um público de 87.990 expectadores. Em janeiro e fevereiro de 2002, ministrou palestras na Universidade de Barcelona e pelo País Basco, na Espanha, e na Associação Empresarial de Portugal (AEP). Recém chegada do Japão, onde fez um curso de Resolução de Problemas Organizacionais, pela The Assiciation for Overseas Technical Scholarship (AOTS), Leila Navarro é a primeira palestrante brasileira a aderir ao e-learning e oferecer, gratuitamente, em seu site -  www.leilanavarro.com.br - um curso de Planejamento Estratégico Pessoal como complemento de suas palestras.

 

Qualidade Produções Ltda - São Paulo – (SP) - Telefone/Fax : (11) 3258-2253
E-mail : anaclaudia@leilanavarro.com.br - © Copyright - www.leilanavarro.com.br - 2.002/2.003

 

.

.

.

.

.

 

.

.

" DEMITA-SE!!! "

.

.
PROF. MÁRCIO MIRANDA


PRESIDENTE DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NEGOCIADORES

.

Como provavelmente você está trabalhando para alguém, eu o desafio a dar um salto para a riqueza do século 21 fazendo algo dramático: demita-se… pelo menos na sua mente. Os colaboradores, na sua grande maioria, assumem o pressuposto de que ao obter um emprego, o terão até suas aposentadorias. A realidade é bem diferente.

A maioria dos formandos em universidades passarão por pelo menos 10 empregos diferentes ao longo de suas vidas, e passarão por pelo menos três profissões totalmente diferentes antes de se aposentarem. O futuro significará mais mudanças de empregos e mais mudanças de profissões. Se, inevitavelmente, você vai ficar pulando de um lado para o outro, é melhor começar a pensar desde já a seu próprio respeito como um profissional independente.

Quando um atleta profissional assina um contrato com uma equipe, ele está olhando para um tempo no futuro quando ele será um agente independente, e terá passe livre. Ele sabe que se tiver melhorado continuamente as suas habilidades, existirão várias equipes querendo os seus serviços. O resultado mais provável será um novo contrato com um salário maior. O seu primeiro objetivo é o de aumentar o seu valor para a equipe na qual ele está jogando, de tal modo que ao fim do seu contrato, pelo menos uma equipe estará competindo pelos seus serviços: a sua atual equipe.


Como você poderá valer mais para a sua equipe atual? 

 

Passe a valer pelo menos o dobro do que o seu empregador lhe está pagando.
Definir um objetivo é uma coisa; dobrar o seu valor é outra totalmente diferente. Talvez já sinta que lhe estão pagando apenas a metade do que você vale. Então o problema pode não estar com você, mas em como está sendo visto – ou no que o seu empregador deseja pagar, ou qual é o salário do mercado para o seu tipo de trabalho. Entretanto, tudo tem que começar com o seu objetivo não apenas para dobrar o seu valor, mas para dobrar o seu salário.

Vamos começar pelo valor. O que você pode fazer, agora mesmo no seu trabalho, para ser visto como uma pessoa que vale mais do que realmente ganha? Passe uma hora na próxima semana registrando pelo menos 25 coisas que você pode fazer para ter maior valor para o seu empregador.

Como um empregador, ao longo do meu trabalho contratei e demiti empregados. Cerca de 20% dos empregados em qualquer tipo de negócio são importantes e vitais para o sucesso da empresa e fazem 80% do serviço necessário para manter viva a empresa.

Deixe-me explicar melhor. Suponhamos que estamos para ter uma recessão. Se a sua empresa quiser sobreviver, terá que demitir certos funcionários, para perder peso e continuar na luta. Certas pessoas terão que ficar. Se você estivesse no lugar do seu chefe, demitiria a você mesmo? O que o torna tão importante para a empresa? Por que o seu chefe ao ter que decidir entre demití-lo ou mantê-lo, chegaria à conclusão de que você é muito importante para a empresa?

Suponha que o seu superior imediato tenha sido promovido para uma nova função com a tarefa de criar uma nova divisão para a sua empresa. Por que ele ou ela ficaria tentado a levá-lo junto? Você é importante para o seu superior imediato? A verdade é, se você não for indispensável, você é dispensável. Quantas histórias você já ouviu sobre pessoas que foram demitidas pouco antes de suas aposentadorias apenas porque não mais eram necessárias? Isto nunca deve acontecer com você. Então como pode se tornar indispensável?
.

.
Pense como o patrão
Todos os negócios têm duas funções principais: reduzir as despesas e aumentar as vendas. Você deve se tornar um descobridor de lucros. Fique à espreita procurando novas maneiras de reduzir os custos e aumentar as vendas. A verdade é que a maior parte dos empregados é vista por seus empregadores como itens de despesas. Os empregadores tentam obter o máximo de trabalho ou de produtividade de cada empregado ao menor custo. O seu empregador deve vê-lo não apenas como um item de despesa, mas como uma maneira de reduzir despesas em tempos de aperto. O seu empregador deve vê-lo como fonte de receita. O único modo disto acontecer é mantê-lo informado. Compartilhe constantemente as suas idéias sobre como reduzir os custos e aumentar as receitas. Mostre ao seu empregador que você se interessa pelo resultado final. Pense como o dono de sua empresa, e você acabará se tornando um deles.
.

.
Faça com que o seu superior imediato se pareça com um vencedor
Seja defensor do seu chefe. Faça com que ele seja bem visto. Isto pode não ser bem aceito por seus colegas de trabalho, que podem estar mais interessados na velha batalha entre os chefes e a "classe operária" (ou a alta ou a média chefia). Mas você não quer ficar onde está – você quer subir até o topo. Tornar-se mais valioso. Se necessário, faça as pazes com o seu chefe. Já tentou se aproximar do seu chefe e pedir trabalhos extras? Pergunte-lhe o que ele precisa? Torne-se mais valioso. Comprometa-se com os objetivos do seu chefe. Deixe que ele conheça não apenas as suas palavras, mas as suas ações, ações extras especiais, que ele saiba que os seus objetivos são os mesmos objetivos dele. Acredite no seu chefe. Algumas pessoas podem chamar isto de bajulação, mas eu chamo isto de dobrar o seu valor. Além disto, na verdade, você não estará jogando neste time para sempre. Você está apenas melhorando o seu valor para quando for um agente independente.
.

.
Descubra o serviço que você mais gosta no seu trabalho e seja o melhor nele
Se você quer valer mais no seu trabalho, descubra o que mais gosta de fazer, o que tem prazer em fazer. Siga o seu coração, e o dinheiro o seguirá. Se atualmente você não está fazendo o que mais gosta, faça planos para ir para tal posição na sua empresa o mais rápido possível. Você somente será maior – e valerá um salário maior – se descobrir o que faz de melhor e o que mais ama fazer. Faça isto. Quando for para o serviço amanhã, descubra lá o que mais gosta de fazer. Que tragédia seria aguentar um serviço durante 40 anos, quando com um pouco mais de esforço, você teria conseguido descobrir algum lugar para crescer fazendo o que ama. Se não for possível crescer onde você trabalha atualmente, deve procurar em outro lugar. A vida é muito curta para se vender barato num emprego que você odeia apenas por questão de segurança. A sua grande segurança está em aprender e crescer com maiores e maiores responsabilidades.
.

.
Enfrente o desconhecido. Cresça

Você poderá descobrir novas oportunidades que estão escondidas de sua visão. Penso que você deve estar sempre procurando melhores empregos. As suas habilidades melhoram em entrevistas com outras empresas. Peça posições desafiadoras e maiores receitas. Podem apenas dizer não. E você poderá sempre voltar para o seu emprego atual. Decida onde você quer estar profissionalmente, e trace um plano para chegar lá. Se precisar de um maior desenvolvimento profissional, programe-o já. Se você não está crescendo, está apodrecendo.
.

.
Constantemente treine a si próprio
Esta regra fala por si só. O mundo está mudando muito rapidamente para que se possa aprender tudo o que precisa no serviço. Você deve estar sempre a par de todos os conhecimentos e desenvolvimentos na sua área profissional.
.

.
Estas são as regras básicas para se tornar um agente independente no século 21. Na forma tradicional, as empresas tentam criar em seus empregados um senso de propriedade permitindo-lhes participar em planos de aposentadoria, adquirir ações da empresa, ter opções de comprar ações, ou a empresa pode contribuir para os planos de aposentadoria dos empregados. 

Estes programas são bons e válidos – e certamente você deve estar participando deles ao máximo possível – mas se tornar um agente independente vai mais longe ainda. O seu objetivo é o de se tornar um profissional independente – dono de seu próprio nariz. 

.

Boa sorte !
.

..

PROF. MÁRCIO MIRANDA

PRESIDENTE DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NEGOCIADORES

.

Márcio Miranda é o presidente da Associação Brasileira de Negociadores e autor de diversos livros e vídeos sobre o tema. Seu livro "Negociando Para Ganhar" já está na quarta edição e é leitura obrigatória quando o tema for negociação. - Negociar bem é uma mistura de arte e ciência. Saber negociar é fundamental para o seu sucesso, tanto profissional quanto pessoal. 

 

Iniciou sua carreira, ainda jovem, nos Estados Unidos, onde residiu sete anos e graduou-se em Engenharia Eletrônica, pela Columbia Pacific University na Califórnia. Cursou, também, Marketing e Administração de Empresas na Louisiana State University, University of Houston e University of Wisconsin.

.

.

A Workshop tem o objetivo de ajudar os seus clientes a procurarem caminhos que os levem a aumentar a lucratividade e produtividade, sem esquecer que tudo isso só será possível através do comprometimento dos seus profissionais e colaboradores. 
.

Rua Adib Auada 41 - Centro Empresarial Granja Viana - Cep: 06710-700

Cotia (SP) - Tel: 11 4612-6054 ou 3871-3124  fax: 11 4612-6056 

.

.

.

.

.

.

 

.

 

PIADAS DA SEMANA DO WWW.SDR.COM.BR

.;;

 

 

PIADAS  DE  COR AZUL = LINDINHAS 

PIADAS DE  COR  ROXA = PICANTES   

PIADAS DE COR VERMELHO = PAHH

 

 

Jovem tímido procura... bueno.. não... nada... não importa.... 
Letreiros no Parque Zoológico do Uruguai:
Antes de 1980.......Favor não dar comida aos animais.
Entre 1990 y 1999...Favor não tirar a comida dos animais.
Depois de 2000.....Favor não comer os animais...

O Nono está no leito de morte, os filhos, netos e bisnetos vieram de todos os cantos Brasil à fora. Os médicos mandam que os parentes levem-no para casa, para cumprir o desejo de morrer no lar.
No quarto as visitas vão se revezando para tentar consolar e dar conforto ao Nono. De repente o Nono sente um aroma de cuca que vem da cozinha. Era a Nona tirando do forno o manjar. O olhos do Nono brilham e ele se reanima.
Então pede ao bisneto: - Guri, vá lá na cocina e pede um pedaxo de cuca pra Nona...
O guri vai e volta voando.
- Ma, E a cuca?
- A Nona disse que não.
- Má per que non, porca miséria?
- A Nona disse que é para o Velório.

Estava um bêbado em um restaurante e pergunta ao garçom: - Tem ovos de tartaruga?

- Sim.

- É por isso que é tão lento!

1º ato: Um homem fazendo amor com três mulheres.
2º ato: O mesmo homem  fazendo amor com seis mulheres.
3º ato: Outra vez o mesmo homem a fazer amor com 9 mulheres.
- Como se chama a obra? 
- O Pássaro Louco!
Havia uma vez um santo muito preocupado porque ninguém rezava para ele.
As pessoas rezavam a São José, a São Pedro, a São Isidoro; mas para ele nada. Por isto pediu uma reunião com Deus e este lhe recomendou: Faz-te uns santinhos de apresentação e distribui por todo o  mundo. De que fazes milagres por encargo, mas isto se, não as der nem aos homossexuais nem as mulheres fáceis. 
E assim o fez, e agora é o santo mais milagroso e de maior devoção em todo o mundo.
Sabes como se chama este santo?...
Pensa!, lembras ?
Não sabes ou não lembras?
Estas seguro que não te recordas?
ha ha ha ha  ha ha ha  - Deve ser porque não podiam te dar santinho...

.

.

.

.

.

.

 

.

.

A INTERNET E A QUALIDADE DE VIDA

.

.

SR. PROF. SÉRGIO DUARTE VELASCO
VICE - PRESIDENTE 
.

Instituto MVC  M. Vianna Costacurta Estratégia e Humanismo

 


A utilização cada vez mais intensa da Internet transformará radicalmente a nossa sociedade do futuro ao permitir o aumento da qualidade de vida dos indivíduos. Fatores como acesso facilitado à informação e o uso expandido do tempo aumentarão a possibilidade dos seres humanos alcançarem maior prazer no trabalho e, conseqüentemente, viverem vidas mais felizes. A seguir descrevemos alguns de seus impactos nestes campos:

Tempo como um recurso a ser cada vez mais controlado. A maior contribuição atual da Internet é o tempo que economiza. Empresas que deixarem de explorar adequadamente esta qualidade não sobreviverão por muito tempo. Tempo é um recurso garantido igualmente para todos. Entretanto, neste ambiente de mudanças, o conceito de tempo também estará constantemente mudando. Num mundo em que controlar o tempo será um fator ainda mais crítico de sucesso a maioria hoje é que é controlada pelo tempo. 

 

Como usar o tempo que a Internet economiza? 

Mudando o conceito de trabalho, buscando cada vez mais o prazer por meio da realização de atividades interessantes. O objetivo principal do ser humano será usar melhor o tempo economizado em proveito de sua qualidade de vida. A Internet, então, viabilizará novos estilos de vida para o próximo século. 
.

.

A responsabilidade dos seres humanos na civilização da Internet. 

Como usar o tempo livre será o maior desafio do futuro. A qualidade de vida dos indivíduos dependerá de suas escolhas. Uma delas, que toma forma de um círculo virtuoso, refere-se a uma sociedade que prioriza uma vida com saúde, realizando exercícios físicos regularmente. Seus tempos livres são despendidos com a família, amigos e em trabalhos prazerosos. 

 

Sua população é mentalmente saudável, ocorre redução de comportamento anti-social, produz o sentimento de que a vida vale a pena ser vivida e desenvolve o potencial de cada indivíduo - aprendem, crescem como ser humano e fazem com que a sociedade inteira se desenvolva. Este círculo virtuoso acabará introduzindo novos valores positivos na sociedade, que, por sua vez, terminará por incorporar o respeito pelo uso efetivo do tempo pelos indivíduos. A outra, a de um círculo vicioso, é exatamente o oposto e acaba destruindo a sociedade. 
.

.

Valores atuais e do futuro. 

Hoje, a sociedade valoriza dinheiro, poder, fama, bens e status; no futuro, mesmo pretendendo estes objetivos, os indivíduos deverão usar seu tempo da melhor forma possível para que sejam respeitados. Deveremos então mudar nossa forma de pensar de modo a incorporar objetivos que visem à realização de um trabalho motivador e a uma vida feliz – valores mais importantes no futuro do que simplesmente ganhar dinheiro. Naturalmente, os lucros crescerão se as pessoas trabalharem com prazer, o que significa utilizar ao máximo o tempo e a responsabilidade que tiverem assumido. 

.

.
O trabalho hoje. 

Hoje, a maior parte de nossas vidas é gasta com o trabalho. Infelizmente, são poucas as pessoas que extraem prazer do trabalho que realizam. A maioria trabalha rotineiramente, sob grande estresse, para viver, sustentar a família e contribuir para a sociedade. Apenas uma minoria vive uma existência que vale a pena, que se realiza pelo prazer, por suas próprias habilidades e alcança seus sonhos. O conceito atual de trabalho está intimamente associado ao estresse, um estado certamente não prazeroso e que não leva as pessoas ao desenvolvimento de novas capacitações. E que, em última análise, não leva a sociedade a crescer. Isso só ocorrerá se as pessoas começarem a fazer coisas novas. 
.

.

O futuro do trabalho. 

No futuro mudará a forma de se pensar a respeito do trabalho. Aqueles que trabalharão por prazer serão a maioria. O mundo mudará quando pudermos trabalhar com criatividade, sensibilizados com respeito ao nosso futuro. O aprimoramento desta sensibilidade passará pelo resgate da emoção no presente que, entretanto, não ocorrerá em ambientes de estresse. Por outro lado, uma vida com emoção não tem lugar para o tédio, para o estresse. Neste contexto emocional, nossa consciência se expande e nos permite visualizar futuros alternativos. 

SR. PROF. SÉRGIO DUARTE VELASCO
.
VICE - PRESIDENTE 
.

Instituto MVC  M. Vianna Costacurta Estratégia e Humanismo

...

Sérgio Duarte Velasco - Vice - Presidente do Instituto MVC Consultor na Área de Estratégia, Planejamento e Finanças, acumulando a Coordenação Geral e a Vice-Presidência da Área de Pesquisas e Publicações do Instituto MVC – M. Vianna Costacurta Estratégia e Humanismo. Graduado em Telecomunicações pela PUC-RJ, com MBA em Business Administration pela UCLA - Univ. Califórnia. Atuou como Analista de Sistemas da IBM por 2 anos e por 13 anos no Mercado Financeiro, como Sócio-Diretor de Distribuidora de Valores Mobiliários. Autor de artigos publicados no Estado de São Paulo. Autor do livro Futuro: Prepare-se! e do mais recente lançamento Nas Ondas do Futuro. Editor do Site Ameaças e Oportunidades e do e-mail do Triunfo. 
.

Telefones: 11 3171-1645 / 3285-2438 - costacurta@institutomvc.com.br  (Luiz Augusto Costacurta / Angélica Stein (SP) - www.institutomvc.com.br 

 

.

.

.

.

.

FUTURO - TENDÊNCIAS   IDÉIAS - PENSAMENTOS

 

.

Criando Clientes fiéis 
.

Para desenvolver a fidelidade de seus clientes com seu negócio você não precisa necessariamente trabalhar mais pesado. O que você realmente precisa é trabalhar de forma “mais inteligente”. Concentre-se nas coisas que você pode fazer para manter seus clientes felizes.

Faça mudanças antes que você tenha que ser obrigado a mudar. Pergunte a você mesmo quais melhorias você precisa fazer em seu negócio de maneira a oferecer aos seus clientes um bom serviço. Comece, então, as mudanças de modo racional;

Venda seu serviço com personalidade. É o profissional de vendas que desenvolve a verdadeira lealdade junto aos clientes. Para ter solidez em seu negócio você precisa criar um sistema. Pense a respeito do que pode gerar a fidelidade com determinado cliente antes mesmo que ele ligue ou visite você. Pense no modo como você pode manter o contato a fim de desenvolver um relacionamento duradouro visando muitas vendas futuras;

Seja diferente de seus concorrentes. Crie uma característica única que o diferencie dos demais. Se um cliente não é capaz de perceber a diferença entre você e seu concorrente, ele vai fazer sua escolha baseada no preço e não no valor de seu produto ou serviço;

Mantenha-se em contato periódico com seus clientes. Tenha certeza de que seu negócio está presente na mente de seu cliente na próxima vez que ele precise fazer uma compra. Peça que seus clientes enviem um feedback sobre seus serviços. Perceba o que eles gostariam que você mudasse. Tente organizar um seminário ou um encontro que demonstre sua preocupação com seus clientes. Você pode também enviar a seus clientes artigos que você julgue de interesse.

.

PROF. MÁRCIO MIRANDA

PRESIDENTE DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NEGOCIADORES

.

.

.

TECNOLOGIA E RUMOS DOS NEGÓCIOS PELA INTERNET.

  • A acessibilidade mundial instantânea, provocada pela internet, muda a maneira como as empresas fazem seus negócios e também a vida das pessoas.

  • Pesquisas apontam que as pessoas que trabalham em casa são três vezes mais produtivas e vivem melhor, pois passam mais tempo com a família, jantam e almoçam em casa e evitam o estresse do trânsito.

  • A tecnologia de informação deve estar associada às estratégias empresariais. Esta máxima está gerando uma verdadeira revolução no papel dos autodidatas ou técnicos de TI (Tecnologia da Informação - que nada mais é que o entendimento e segmentação da nova fase da informação e sua modelagem em conceitos de comunicação universal).

  • Enquanto a tecnologia de informação provocou o que pode ser chamado de colapso do tempo, a globalização é responsável pelo colapso da distância.

  • A diferenciação no mercado, com isso, dura muito menos, aumentando a velocidade do surgimento de cópias de produtos e aumentando, também, a concorrência. “Empresas de todo o mundo estão on-line 24 horas por dia e quem está no controle – fazendo pedidos, emitindo ordens para o estoque e a produção – é o comprador, não mais o vendedor.”

  • Uma nova concepção de arquitetura em TI, que alinha blocos de construção da tecnologia básica e os agrupamentos desses blocos em padrões capazes de abranger estilos, que representam os principais modelos de negócios. O objetivo é facilitar a integração de empresas às novas necessidades de negócios e o e-business, que avança em vários países e setores produtivos e é impulsionado ainda mais pela globalização. Essa nova arquitetura é também uma alternativa para que as pequenas e médias empresas concorram no novo cenário global, avalia o vice-presidente para a América Latina do Gartner Inc., Donald Feinberg. Mas, neste caso, apoiadas pela oferta dos chamados Application Service Providers (ASP). “Este é um mercado muito importante que começa a surgir na América Latina”, diz ele, referindo-se à oferta de serviços de aplicações nas áreas de e-commerce, business-to-business, CRM e outras. “Temos que ter provedores de serviços de aplicativos na região, que possibilitem que as pequenas e médias empresas concorram de igual para igual com as grandes”, afirma. A contratação de serviços junto a um ASP possibilita ter aplicativos de classe global, sem gastar demais.

  • Mais de 149 milhões de brasileiros, dos cerca de 170 milhões de habitantes do País, não tem acesso à Internet. Segundo dados divulgados pelo presidente da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), Luiz Guilherme Schymura, a taxa no País é de 7,27 internautas para cada 100 habitantes, enquanto que em países como os Estados Unidos este número atinge 65 internautas para cada 100 habitantes.

OVO-GOPÓLIO

.

A Páscoa ficou mais concentradinha neste ano, depois da aquisição da Garoto pela Nestlé. 55% dos ovos de chocolate comprados pela rede Carrefour neste ano são da Nestlé/Garoto e outros 35% foram fornecidos pela Kraft, dona da Lacta. Juntos, os dois fabricantes detêm hoje 90% do mercado. 

.

Bobagem, apenas 90% nas mãos de gente finíssima, que nunca vai desrespeitar o mercado...

.

.

PESQUISAS...

 

 Uma pesquisa realizada pela Forrester Research com 60 empresas norte-americanas traz dados que demonstram não só como as corporações tratam seus consumidores, mas também como não os conhecem.

.

  • apenas 48% das empresas identificam um problema antes do cliente;

  • só 43% alteram o tipo de suporte com base na lucratividade dos clientes;

  • somente 37% sabem se compartilham um cliente com outra divisão;

  • e 20% sabem se os clientes visitam o Web site. 

.

.

.

CHURRASCO, EMPADA E DOCE DE LEITE SÃO "BENS ARGENTINOS"

.
O assado de carne bovina, a empada e o doce de leite, serão declarados Patrimônio Cultural Alimentício e Gastronômico da Argentina, segundo disse o governo da Cidade de Buenos Aires. Estes três alimentos formam parte da tradição culinária da Argentina, mesmo que sejam conhecidos em outros países. A Secretaria de Cultura disse em um comunicado de imprensa que a decisão de incorporar "ao patrimônio cultural alimentício" a carne assada, a empada e o doce de leite se fará entre os dias 10 e 11 de abril, em um seminário internacional e ninguém será convidado. Durante estes dois dias se realizará em Buenos Aires um denominado "Seminário Latino-americano de Cultura e Alimentação", auspiciado pelo governo desta cidade.

.

.

.

.

Nielsen Netratings revelaram o resultado de um estudo elaborado para determinar que meio teria maior influência na decisão de compra dos usuários de Internet de altos ingressos durante os últimos seis meses:

  • 58% Jornais

  • 55% Internet

  • 47% Televisão

  • 39% Revistas

  • 26% Rádio

.

.

.

AS MARCAS TRADICIONAIS RETIVERAM OS 30% DA PUBLICIDADE ONLINE NOS EEUU.
Os cem maiores anunciantes tradicionais retiveram os 30% do mercado publicitário na Internet em finais de 2002 – medido em impressões -. Ascende assim a porcentagem desde janeiro de 2000, quando estas marcas representavam unicamente os 15% da publicidade online. É uma das conclusões do último estudo da consultora Nielsen Netratings realizado nos EEUU

.

.

.


Primeira ligação de telefone celular completa 30 anos 
.

Há exatos 30 anos, Martin Cooper, então pesquisador da Motorola, fazia a primeira demonstração pública de ligação a partir de um telefone celular. 

No dia 3 de abril de 1973, Cooper telefonou de uma esquina da rua 56 para um telefone na avenida Lexington, em Manhattan, nos Estados Unidos, deixando os transeuntes boquiabertos.

O telefone Il Motorola Dynatac3 usado na época era gigante quando comparado aos padrões atuais - pesava cerca de 1,130 gramas e tinha 25 cm de comprimento por 3 cm de espessura e 7 cm de largura. Sua bateria era de 30 minutos de conversa.

Trinta anos depois, mais da metade dos norte-americanos possui um telefone celular. No Brasil, segundo estatísticas da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) já são cerca de 35,2 milhões.

Hoje, com 74 anos, Cooper é o principal executivo da www.arraycomm.com, uma empresa que está desenvolvendo o que, segundo ele, será o próximo grande avanço na tecnologia sem fio: as chamadas antenas inteligentes, que prometem maior confiabilidade, menor custo e mais velocidade para a navegação na internet. 

.

.

Como inovar mesmo sendo pequeno? 
.

Não existe empresas criativas, talentosas, inteligentes. Isto porque as empresas são compostas por pessoas. As empresas são geridas por seres humanos. Estes sim são os detentoras do talento, da criatividade, da motivação e da garra para fazer as coisas acontecerem. 

Muitas vezes se as coisas não acontecem, culpamos a inércia. Mas o primeiro passo é descobrir qual é a causa da inércia perguntando-se: Por que? Ao encontrar a resposta, pergunte-se outra vez: Por que? Siga perguntando-se ‘por que’ até você descobrir a causa original da inércia ou do problema. Comprove a importância de resistirmos a inércia com o caso verídico abaixo. 

Há alguns anos, a criatividade deixou de ser vista como mera excentricidade e passou a ser valorizada e incentivada. Sua importância é cada dia mais presente na vida profissional e nos negócios. Ao contrário do que muitos acreditam, todo ser humano nasce com talento criativo. Basta exercitar. 

No começo pode ser um pouquinho mais difícil. Mas, não dói tanto e realmente vale a pena. Quer testar? Feche os olhos e pense numa pessoa que você conhece e que está de bem com a vida. Concentre-se nas coisas que ela faz, no seu comportamento, na posição que ela tem perante a vida. Ela faz tudo sempre igual? Ela faz coisas diferentes? Como ela consegue isto? Isto não quer dizer que você deva fazer o que ela faz. Talvez, o segredo dessa pessoa seja saber usar sua Criatividade da melhor maneira possível. 

É importante saber que a Criatividade sozinha não faz nada, sua parceira inseparável é a Motivação. Esta dupla é fundamental para você pensar em maneiras novas de fazer as coisas, de viver a sua vida com mais qualidade, simplificando tudo para sobrar mais tempo para você. 

Mas, isso não é tudo. Não abandone suas idéias na gaveta, você deve agir, colocando-as em prática. Policie-se para não encontrar desculpas tais como: “Vai ser muito difícil fazer isto agora”; “Vou esperar até ter mais tempo”; “Será complicado”; “Não tenho todas as informações de que preciso”; “Ninguém vai interessar-se por isto”; “Eu ando muito cansado”; “Já tenho muitas dores de cabeça”. 

O primeiro passo é começar com um sonho. As grandes realizações tiveram início assim, quase sempre vistas como impossíveis. Por isso, não se intimide com o tamanho do seu desejo . E nunca ria do sonho das outras pessoas. Pense diferente e você começará a solucionar problemas antes que eles destruam você, fazendo mais com menos e identificando as melhores oportunidades. Pense Diferente. Vale a pena!
.

Prof. Antônio Carlos Teixeira da Silva

Conferencista e consultor sobre Criatividade e Inovação. 

pense@pensediferente.com.br

Sistema de Representação para Representantes Comerciais

.

SISTEMA DE REPRESENTAÇÃO, VENDAS E SERVIÇOS SDR

.

o sistema sdr já inclui NO PREÇO o uso em rede ilimitado sem custos extras E não tem taxa de manutenção mensal. a única taxa que o sistema sdr tem, é a anuidade de R$:120,00 para efeitos de suporte e atualização, com vencimento em março de cada ano (2007 bonificada).

.

 

.

.

caso deseje alterar ou cancelar sua assinatura, clique no link a seguir:

ALTERAR ASSINATURA

.

.

ÓTIMO TRABALHO E ATÉ A PRÓXIMA EDIÇÃO!

.

SDR - SISTEMA DE REPRESENTAÇÃO E VENDAS

MIGUEL PEDRO TERRA VELAZCO

EDITOR DO JORNAL SDR

fone: 51 3019 2817.

.

Clique aqui para nós enviar um e-mail

.

INDIQUE SEU TEMA  ..-  ENVIE-NOS SUA OPINIÃO

.

Av. Caçapava 425 - sala 03 - Petrópolis -  Porto Alegre (RS) - BRASIL cep: 90460-130

 FONES: 51 -  3019 2817  -  FAX 51 3333 3553

.

.

Sistema de Representação para Representantes Comerciais

Como página inicial  Adicionar a Favoritos

Resolução mínima de 800x600 © Copyright 2007 - SDR