Sistema de Representação Comercial para Representantes Comerciais

Adicionar a Favoritos

.

JORNAL De REPRESENTAÇÃO comercial sdr - EDIÇÃO Nº 240 - 23.01.2004

.

SDR - SISTEMA DE REPRESENTAÇÃO E VENDAS

MIGUEL PEDRO TERRA VELAZCO

EDITOR DO JORNAL SDR

fone: 51 3019 2817.

.

Funções do Sistema de Representação Comercial e Vendas - SDR

Testes do Sistema de Representação Comercial e Vendas - SDR

Solcite seu Orçamento

Manual do Sistema de Representação Comercial e Vendas - SDR

Biblioteca dos Jonais de Representação Comercial SDR

Assinatura livre e gratuita do Jornal de Representação Comercial

Contrate os melhores e mais capacitados Representantes Comerciais

Contato com a Equipe do SDR Sistema de Representação

As melhores Dicas sobre softwares livres, Bibliotecas, Links...

FUNÇÕES

TESTE

ORÇAMENTO

MANUAL

JORNAIS

ASSINe

saiba

contato

dicas

.

.

.

.

 

.

" LEIA NESTA EDIÇÃO "

.

..DICA DA SEMANA DA EQUIPE DO SOFTWARE SDR - "NADA É SAGRADO"

..CARTAS RECEBIDAS DO JORNAL 239

..HISTÓRIA DA MARCA - "A HISTÓRIA DAS CONSERVAS"

..ARTIGO DO PROF. JOSÉ TEOFILO NETO - "VOCÊ É VENDEDOR OU UM COMPRADOR DO CLIENTE" 

..CURIOSIDADES, FRASES E IDÉIAS

..ARTIGO DO PROF. FÁBIO L VIOLIN - "CAVALO CANSADO SENTE ATÉ O PESO DO SEU PRÓPRIO RABO"

..TRANSPORTES E LOGÍSTICA Nº18

..PRINCIPAIS NOTÍCIAS DA SEMANA

..ARTIGO DO PROF. J. A. WANDERLEY - "AO FINAL O QUE NEGOCIAÇÃO?"

..REFLEXÃO - "SEMPRE DEVEMOS LEMBRAR"

..ARTIGO DO PROF. ANTÔNIO B. DE PÁDUA - "HOJE CAROÇO, AMANHÃ FRUTO"

..PIADAS DO SDR

..ARTIGO DO PROF. RICARDO JORDÃO - "UMA SEGUNDA CHANCE"

..INTERNET, FUTURO, TENDÊNCIAS, PESQUISAS

.

.

..

.

.

" DICA DA SEMANA 003 da equipe do software sdr "

.

.
Nada é sagrado!

"Houve uma época em que existia quatro pessoas chamadas: Todo mundo, Alguém, Qualquer um e Ninguém. Um importante trabalho precisava ser feito, e Todo mundo se assegurou que Alguém faria. Qualquer um poderia fazê-lo, mas Ninguém o fez. Alguém ficou bravo a respeito porque esse era o trabalho de Todo mundo. Mas Ninguém percebeu que Todo mundo pensou que Alguém iria fazê-lo. No fim, terminou que Todo mundo culpou Alguém quando Ninguém fez o que Qualquer um poderia fazer". 

.

Autor desconhecido.

Seja Alguém que faz as coisas acontecerem! Seja Alguém que tem a coragem de se importar de VERDADE com as pessoas, com os clientes, com a carreira e com a empresa onde trabalha. 
.

"Seja Alguém que aceita Mudanças como regra e não como exceção" .

  • Como você pode acreditar que fazendo as mesmas coisas da mesma maneira durante TODA A SUA VIDA você vai conseguir obter sempre os mesmos resultados? 

  • O que você acha que a Gol, a Assolan, a Sony, a Microsoft e o Magazine Luiza tem a dizer a respeito?

  • A propósito, você já reparou que MUDANÇAS fazem parte dos Valores da sua Empresa? 

  • O que você está pensando, que os valores da sua empresa foram feitos para enfeitar a parede da sua sala?

  • Quando você vai começar a levá-los a sério e aplicá-los de verdade no seu dia-a-dia?

Talvez hoje você não ligue muito para isso porque o seu chefe não cobra essa atitude de você, certo?

.

Talvez nem o chefe do seu chefe.  - Mas acredite, muito em breve chegará o dia em que o chefe do seu chefe será guilhotinado e uma postura FOCADA em Mudanças, Ação e Senso de Urgência atingirá o seu dia-a-dia. 
.

MUDE TUDO antes que seja preciso mudar!

.

É tão difícil assim entender isso?

.

.

.

..

..

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

dicas da semana 

"CARTAS RECEBIDAS DAS AMIGAS E AMIGOS DO SDR - JORNAL N°239"

.

SEJAM MUITO BEM VINDOS.

.

..

FÁBULAS DE ESOPO 

560 - 640 ac

...

O VELHO CÃO CAÇADOR

.
Um velho cão caçador, que em seus dias de juventude e fortaleza jamais se rendeu ante nenhuma besta da floresta, encontrou em seus dias de ancião um javali em uma caça. O agarrou pela orelha, mas não pode retê-lo devido a debilidade de seus dentes, de modo que o javali escapou.
.
Seu dono, chegando em seguida, se mostrou muito desgostoso, e grosseiramente repreendeu o cão.
.

O cachorro o olhou lastimosamente e lhe disse: - Meu espírito está tão bom como sempre, mas não posso me sobrepor as fraquezas do corpo. Prefiro que me elogies pelo que fui, e não pelo que sou agora.
....

MORAL: - "Respeita sempre os mais velhos, que já não podem fazer de tudo 

e deram o melhor de sua vida para o e teu benefício!"

..

.

Nos desculpem por não publicar todas as cartas que recebemos, apenas as primeiras 20 são as que publicamos e o fazemos em representação de todas as que recebemos

.

EQUIPE DO SDR

.

LUCIENE PELEGRINO DEL GROSSO
QUERO PARABENIZÁ-LOS PELA TRABALHO. TENHO ACOMPANHADO O JORNAL SEMANALMENTE E GOSTO MUITO DO CONTEÚDO. UM ABRAÇO, LUCIENE.

SOHLANGE CANOSSA ROSSETTI - FIERGS
GOSTEI DO CONTEÚDO E QUERO ASSINAR O JORNAL, 

OBRIGADA

GASPAR SCHAEFER - SCHWAN ASSESSORIA COMERCIAL LTDA.
OS ARTIGOS PUBLICADOS SÃO PERTINENTES E MUITO ÚTEIS PARA OS ADMINISTRADORES QUE SE INTERESSAM EM PERMANECER ATUALIZADOS OU ALINHADOS COM AS CORRENTES DE PENSAMENTO MODERNAS E MAIS EFICAZES DA ADMINISTRAÇÃO

PAULO MATIAS DOS SANTOS
PARABÉNS , POR ATITUDES TÃO NOBRE COMO ESTA DE LEVAR CONHECIMENTOS DE IDEAIS QUE PODEM MUDAR UMA VIDA INTEIRA DE EXISTÊNCIA.

ROBER MACHADO - SCHWAN ASSESSORIA COMERCIAL LTDA.
FUI INDICADO PELO SENAI E GOSTARIA DE ASSINAR O JORNAL, 

GRATO

PATRICIA PEREZ - KLIN PROD. INFANTIS LTDA.
Assinar jornal gratuitamente, 

obrigada.

CICERO NECO MORAIS
BOA TARDE EM PRIMEIRO LUGAR: - EU GOSTARIA DE SABER SE VOCÊS SE SOMENTE TRABALHAM PARA AS GRANDES EMPRESAS, POIS EU TENHO DUAS MICRO EMPRESAS E ME INTERESSEI EM CONHECER MAIS DA EMPRESA DE VOCÊS NAS ÁREAS DE TREINAMENTO DE PESSOAL, VENDAS E EM TUDO QUE VOCÊS PUDER ME INFORMAR. AS MINHAS EMPRESA É UMA DE MATERIAL DE CONSTRUÇÃO E UM HOTEL.

GRATO

SILVIA REGINA ASSUMPÇAO BARBOSA
SENHORES, ENTREI NA PÁGINA E SENTI LOGO: VOU GOSTAR DE SABER MAIS. 
ESTOU ANSIOSA POR COMEÇAR A RECEBER GRATUITAMENTE, O QUE É MELHOR, INFORMAÇÕES QUE ME SERVIRÃO, COM CERTEZA. 
PARABÉNS AOS EDITORES E SUCESSO!

ANA CLÁUDIA REPRESENTAÇÕES LTDA.
JÁ RECEBIA REGULARMENTE O JORNAL E POR ALGUMA RAZÃO PAREI RECEBER, ACHO O JORNAL ÓTIMO PARA MINHA ÁREA.

SALOMÃO COHEN ADMINISTRAÇÃO E REPRESENTAÇÕES

SOU ADMINISTRADOR DE EMPRESAS E,TRABALHO COM REPRESENTAÇÕES E, COSTUMO ME INFORMAR O MAXIMO POSSÍVEL.

WILSON LEE - MIDOPA ELETRÔNICA LTDA.
FIQUEI SABENDO DO JORNAL ATRAVÉS DE TERCEIROS, E É UM BOM CANAL PARA ATUALIZAR CONHECIMENTOS

REMO REPRESENTAÇÕES DE MÓVEIS LTDA.
GOSTARIA DE ASSINAR SEU JORNAL GRATUITAMENTE,

OBRIGADO

APARECIDO JORGE - SERCOMTEL (Serviço de Comunicações Telefônicas de Londrina
AS DICAS SOBRE VENDAS SÃO BOAS, SEMPRE QUE TENHO TEMPO ACESSO E LEIO PARA AMPLIAR MINHA MOTIVAÇÃO.

ALEX
PREZADOS SRS. - PARABENIZO PELA INFORMAÇÕES CONTIDAS NO JORNAL INFORMATIVO.
SDS,

LUIZ PAULO DOS SANTOS - LP REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS LTDA
PARABÉNS PELO EXCELENTE SITE.

MARICLEIA MARQUES
IDEIAS DE TELE MARKETING
NÃO GOSTARIA DE DAR SUGESTÃO, OU MENOS AINDA DE CRITICAR ALGUMA COISA, APENAS ESTOU A PROCURA DE IDÉIAS PARA UM BOM RESULTADO NA ÁREA DE TELE MARKETING, SE VCS. CONSEGUIREM ME AJUDAR AGRADEÇO! 

MARI

THIAGO C. HOSSRI - MIGLIORI
AGRADEÇO A VOCÊS A DISPONIBILIZAÇÃO DO JORNAL.
ATENCIOSAMENTE,
THIAGO C. HOSSRI

SERGIO BACK
AGRADEÇO O ENVIO DO JORNAL SEM CUSTO, É DE MEU INTERESSE ESTE TRABALHOS QUE VCS FAZEM.

GILENO DANTAS VIEIRA - ABADIR SOL. PARA MANUTENÇÃO LTDA.
GOSTARIA DE RECEBER DICAS DO PROFESSOR MARINS

OSE EUSTAKIO DE MORAES
VAI SER MUITO BOM PARA MIN ASSINAR ESTE JORNAL, ESTOU PRECISANDO ME ATUALIZAR MAIS SOBRE O ASSUNTO.

.

.

.

..

.

.

..

.

.

.

.

.

.

.

HISTÓRIA DAS CONSERVAS 

,

A necessidade de sobrevivência do homem primitivo o obrigou a criar as primeiras embalagens da humanidade. Conchas marinhas, cascas de castanhas ou de coco devem ter sido as primeiras embalagens utilizadas para beber e estocar. Usados em estado natural, sem qualquer beneficiamento, os primeiros recipientes passaram, com o tempo, a ser fabricados a partir da habilidade manual do homem. Assim, surgiram as tigelas de madeira, bolsas de pele e cestas de fibras naturais.

,

A primeira matéria-prima usada em escala industrial e de transformação para a produção de embalagens foi o vidro, por volta do ano 500 d.C. Metais como o ferro, cobre e estanho eram utilizados há muito tempo, surgindo praticamente junto com a cerâmica. Mas somente nos tempos modernos passaram a figurar com destaque na produção de embalagens. A Marinha Inglesa adotou no início do século XIX as embalagens de estanho para conservar os alimentos da tripulação em alto mar. Assim, os alimentos enlatados chegaram aos supermercados por volta de 1830.

.

AS PANELAS DE PRESSÃO  
A primeira versão foi criada em 1680 por Denis Papin, que teve alguns probleminhas, dado a que não conseguia controlar a temperatura e nem o vapor, nas medidas certas, pelos que houveram algumas digamos explosões. Mas conseguia já 15% de redução no tempo de cozimento.

         

.

Cento e vinte anos mais tarde, os detalhes da guerra conduziram a Napoleão a oferecer doze mil francos, a quem  desenvolvesse uma maneira de preservar o alimento, já que logística e estrategicamente era humanamente impossível realizar campanhas de guerra longe e por muito tempo, sem ter a certeza de que as tropas iriam ser bem alimentadas, devido que, naquela época não haviam meios de conservar os alimentos, a não ser defumados, salgados ou ao natural.

.

OS PRIMEIROS VIDROS COM SELADORES

Em 1809 o prêmio foi dado ao Francês  Nicholas Appert, que usou uma versão melhorada da panela de pressão a vácuo de alimentos, sem selo e em vidros limpos, conduzindo ao desenvolvimento eventual da indústria de conservas em vidro e lata. Este método utilizava um lacre de cimento acima dos alimentos envasados, mas era muito rudimentar além de que os primeiros vidros, não tinham sido desenvolvidos para poder perfurar o selo de cimento, que depois se alterou para cera.

Raymond Chevallier-Appert melhorou em cima do projeto inventando (e patenteou) um Esterilizador que forneceu resultados mais consistentes. 

       

.

AS PRIMEIRAS LATAS

A 2ª Guerra Mundial impulsionou a indústria de latas de aço e estanho. O preço da folha de flandres foi elevado com o crescimento da demanda, obrigando os produtores a encontrar no alumínio a substituição da matéria-prima. A Adolph Coors Company começou a vender cervejas em latas de alumínio a partir de 1959. Depois da 2ª Guerra Mundial surgiram os supermercados e inúmeras inovações na produção de embalagens, entre elas, o plástico. As latas de aço produzidas com chapas metálicas, conhecidas como folhas de flandres, são compostas por ferro e uma pequena parte de estanho (0,20%) ou cromo (0,007%), materiais que as protegem contra a oxidação (ferrugem). Para a obtenção das chapas de aço é necessário extrair da natureza o minério de ferro, denominado hematita, e a partir de sua redução com carvão vegetal, produz-se uma chapa com alto grau de pureza.

         

.

CURIOSIDADES

.

Uma latinha de alumínio vazia pesa apenas 14,5 g.
70 latinhas vazias correspondem a 1 kg.
Com uma chapa de alumínio de 1 metro de comprimento por 1,72 m de largura podem ser produzidas aproximadamente 99 latinhas. 
O Brasil tem uma das três maiores reservas de bauxita (matéria prima do alumínio) do mundo. Cada 1 ton. de alumínio reciclado significam 5 ton. de minério bruto (bauxita) poupados. 
Para reciclar o alumínio são gastos apenas 5% da energia que seria utilizada para produzir o alumínio primário, ou seja, uma economia de 95% 
No Brasil aproximadamente 17% das bebidas são embaladas em latas de alumínio. 
A reciclagem do alumínio no Brasil em sua cadeia - reciclagem, recuperação e transporte - envolve mais de 6.000 empresas e proporciona uma fonte de renda alternativa para milhares de famílias. 
O ciclo da lata de alumínio, entre a produção e o retorno aos centros de reciclagem, leva em média 35 dias, reduzindo o impacto sobre o meio ambiente. 
O ciclo da lata de alumínio, a partir da matéria-prima até a reciclagem, passando pela coleta de latas, envolve mais de 150.000 pessoas no Brasil, a grande maioria vivendo hoje exclusivamente da coleta de latas de alumínio. 
Em 2001, o Brasil reciclou 85% das 11 bilhões de latas de alumínio produzidas. 
Os Estados Unidos produzem cerca de 100 bilhões de latas de alumínio por ano e conseguem reciclar aproximadamente 55% desse total. 
Hoje, mais de 43% das cervejas e refrigerantes produzidos em USA são envasados em latas de alumínio. 
No Brasil, são consumidas 50 latas de alumínio/ habitante/ ano, enquanto em USA o consumo chega a 375 latas/ habitantes/ano 
O volume de lata mais comum no Brasil é de 355 ml 
O Brasil tem, atualmente, 4 fabricantes de lata de alumínio: Crown Cork, Latapack-Ball, Latasa e REXAM,? 

..

ANEL DA LATINHA 

..
Há um boato de que uma determinada quantidade de anéis de alumínio pode ser trocada por diversos equipamentos como cadeiras de roda ou sessões de hemodiálise, entre outras coisas. Isso não passa de um mito, pois até hoje não houve nenhuma comprovação da campanha, instituição ou movimento em todo o Brasil que promova tal troca. - Mas nem só de mitos vivem os anéis da latinha de alumínio. É verdade, por exemplo, que eles são recicláveis, no entanto, não podem ser reciclados separadamente das latinhas. Por isso, recicle a lata inteira, não somente o anel.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

" AFINAL "

.

SR. PROF. JOSÉ TEOFILO NETO
.
DIRETOR
COMUNICAÇÃO DIRETA CONSULTORIA.

.

.

VOCÊ É UM VENDEDOR DA EMPRESA ONDE VOCÊ TRABALHA
.
OU
.
UM COMPRADOR DA EMPRESA PARA QUEM VOCÊ QUER VENDER ?

.

.
Diariamente em meus trabalhos como consultor de empresas ou como professor de cursos de vendas, tenho que fazer tal pergunta diante das posturas atuais da maioria daqueles que me dizem serem vendedores.
.
Parece-me que o talento mais valorizado num bom vendedor, qual seja a sua capacidade de entender e superar objeções dos clientes não existe mais! Invariavelmente, diante da afirmação do comprador de que seu preço está caro, as atitudes mais comuns são:

  • oferecer imediatamente descontos.

  • dizer que acompanha a concorrência.

  • solicitar ao supervisor descontos acima do preço mínimo da tabela.

  • concordar com o cliente e dizer " fica para a próxima vez então". 

  • calar-se.

Todas estas atitudes justificam o título deste artigo:

.

"Afinal, nossos vendedores trabalham como compradores de nossos clientes?"
.

Entendo que os vendedores também precisam vestir a camisa dos clientes de sua carteira; entendo também que em certas ocasiões perdemos a mão e fixamos nossos preços fora da realidade e que os questionamentos dos vendedores nos fazem abrir os olhos para a realidade, mas basta o cliente falar "ta caro" para que tudo se volte contra nós?
.
Uma simples pergunta do vendedor pode abrir espaço para uma ampla argumentação de vendas:

.

"ta caro comparado com quem?"
.

Não acostumados com vendedores que entendem que sua missão é negociar até o fim, os compradores invariavelmente colocam qual a verdadeira objeção que se esconde atrás do "ta caro"
.
Diante da real objeção, poderemos utilizar uma adequada argumentação de vendas, sem baixarmos o preço, pois quem somente vende preço, entrega o futuro de sua empresa nas mãos da concorrência.

.

.
QUANDO O CLIENTE DIZ : - "TA CARO", ELE PODE ESTAR QUERENDO DIZER :

  • NÃO TENHO O DINHEIRO AGORA

  • A SUA EMPRESA NÃO É CONHECIDA

  • SUA EMPRESA É PEQUENA , SEM TRADIÇÃO

  • NÃO POSSO DECIDIR SOZINHO

  • ULTRAPASSA MEU ORÇAMENTO

  • É MAIS DO QUE EU PRECISO

  • NÃO É 100% O QUE EU DESEJAVA

  • EXISTEM PRODUTOS MAIS EFICIENTES

  • AS CONDIÇÕES DE PAGAMENTO SÃO APERTADAS

  • NÃO PRECISO COMPRAR AGORA

  • ESTÁ EM PROMOÇÃO NO CONCORRENTE

  • EM RELAÇÃO À SUA ÚLTIMA VENDA 

  • PRECISO DE AUTORIZAÇÃO SUPERIOR


.

.

SR. PROF. JOSÉ TEOFILO NETO
.
DIRETOR
COMUNICAÇÃO DIRETA CONSULTORIA

.

José Teofilo Neto, é engenheiro eletricista formado pela FEI (72), com especialização em Telecom e Marketing; durante muitos anos atuou em companhias telefônicas como gerente de relacionamento para grandes empresas, responsabilizando-se pela consultoria técnico - comercial, sugerindo ações quanto ao dimensionamento de linhas e equipamentos e venda de serviços de telecom. Foi um dos iniciadores da atividade de tele-marketing de maneira profissional e estruturada. Palestrante em inúmeros seminários; articulista de diversas revistas, jornais e sites.
.;

 

 

Alameda dos Guainumbis, 1617 - Planalto Paulista - CEP 04067-003 - São Paulo (SP) - Brasil
FONE: (11) 5044 5822
- e-mail: falecom@comunicacaodireta.com.brwww.comunicacaodireta.com.br

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

dicas e curiosidades 

"JORNAL DICAS DA SEMANA" Nº240 DO WWW.SDR.COM.BR

.

FRASES, CURIOSIDADES   NEGOCIAÇÃO, VENDAS

..

..

.
"Nem sempre quando você sai do buraco, 

..

a sua vida melhora."

.

Saddam Hussein

.

.

Vá com calma

.

Você é o tipo de pessoa que está preocupada com a lucratividade 

das suas vendas e compras? 

.

Se não for, repense agora os seus conceitos. 

.

Aprenda que o importante no fim não é o volume de vendas, 

mas a lucratividade das vendas 

.

.

.
"É a ação que prova a vida, e é também a ação que prova e demonstra a vontade"

.
. 

.
Apele para a emoção

.

Embora algumas pessoas utilizem a lógica para decidir-se por uma compra, todos somos vulneráveis às nossas emoções. A emoção tem muito mais peso no fechamento de uma venda que a razão. Crie, portanto, um quadro emocional envolvendo as perspectivas, interesses, desejos do comprador e as qualidades de seu produto. 
. 
Diga, por exemplo: -
"você certamente ficará muito feliz quando perceber o que esse software pode fazer por sua equipe de vendas". " Seus vendedores se tornarão muito mais eficientes e você não precisará se preocupar se seus contatos estão organizados ou se eles estão utilizando o tempo inteligentemente". 
. 
Em seguida, descreva a satisfação que seu cliente terá ao adotar uma medida que criará uma situação de ganha/ganha para todos.
.

...
Rua Adib Auada 41 - Centro Empresarial Granja Viana - Cep: 06710-700 - Cotia - SP 
Tel: (011) 4612-6054 ou 3871-3124 - fax: (011) 4612-6056

..

.

.
"A PESSOA que não comete erros geralmente não faz nada"

.
Eduard J Dhelps

.

.

AFIE O MACHADO

.

Conhece a historia do lenhador que está tão imerso no trabalho cortando arvores que esquece de dedicar uns minutos para afiar seu machado, o que lhe pouparia muitas horas de esforço...? 

.

Aplicado a nossa vida, afiar o machado se refere a dedicar um breve espaço de tempo para melhorar nossas condições físicas e intelectuais mediante o exercício físico e o estudo.

.

Stephen Covey

.

.

.

.
NO SÉCULO XIX NA INGLATERRA, 

.

A TENTATIVA DE SUICÍDIO ERA CASTIGADA COM A FORCA
.

.

.


Pare de reclamar! 
. 

Demonstre iniciativa. - As melhores idéias estão aí!

  • Todo empresário gostaria de dirigir o seu negócio usando as melhores idéias disponíveis, certo?

  • Mas até onde você vai para conseguir essas idéias? 

A maioria dos empresários subestima uma das melhores fontes de idéias que existe:.

"os seus funcionários"  

.

O dia-a-dia de trabalhar na sua empresa cria uma perspectiva única que não está disponível em lugar nenhum, mas para ter acesso a essas idéias, você precisa PERGUNTAR! Crie oportunidades para que os seus funcionários possam se expressar: 

  • crie caixas de sugestão, 

  • concursos para escolher as melhores idéias da empresa, 

  • reuniões para levantar novas idéias e muito mais. 

As melhores idéias para a sua empresa já estão dentro da sua empresa.

Dentro da cabeça e coração daqueles que trabalham por ela. 
..

.

.
"Sabemos que o que fizemos foi apenas uma gota d'água no oceano... 

.

Mas se não tivéssemos feito essa gota faltaria"


Madre Tereza de Calcutá 
.

.

.

Marketing Inteligente

.
O Post-It é um dos produtos mais famosos do mundo para uso em escritórios. E pode se transformar em um ótimo presente para seus clientes. 

.

Um colega representante de São Paulo além de ter personalizado o post-it e sua base de mesa, pré-programou o envio mensal do refil do papel durante 1 ano para todos os clientes que receberam o seu presente inicial.

.

.

.
"A bolinha que saiu na loteria, não saiu porque deveria sair precisamente ela, 

mas porque uma delas teria de sair. Não poderia deixar de sair! 

.

Moral da história... 

.

Uma coisa só por ter acontecido não quer dizer que seja lá essas coisas!" 

.

Mário Quitana 
.

.

.

Simon Davies, diretor da Privacy International:
.

"Gostaria que as pessoas fossem mais agressivas na hora de proteger suas liberdades civis".
.

"O que provavelmente irá acontecer será que o governo vai continuar mentindo e manipulando as pessoas num esforço determinado para confundir a realidade. O governo se tornou um mestre da enganação. Ele está disposto a comprometer as frágeis liberdades que ainda restam, enquanto fornece aos órgãos oficiais um espectro de poderes em constante expansão. 

.

As autoridades públicas proclamam seu apoio aos direitos individuais e à privacidade enquanto trabalham silenciosamente para destruí-los. Eu realmente tenho esperança de que as pessoas aprendam a ficar descontentes com essa tendência".

.

.
Aprenda a dizer não, sem se sentir culpado ou achar que magoou. 

.

Querer agradar a todos é um desgaste enorme. 

.

Guerdjef

.
.0

.

Ouvir os clientes compensa

.

As reclamações constituem a última oportunidade que um cliente nos oferece para o mantermos, antes de ele procurar uma outra empresa fornecedora. Com efeito, uma das razões mais freqüentes da perda de clientes é um ineficiente atendimento das reclamações. Eventualmente, estará a pensar que não é habitual receber nenhuma reclamação. 

.

Cuidado! A inexistência de reclamações não deverá ser considerado sinônimo de que tudo vai bem na empresa. Um estudo realizado pela Technical Assistance Research Process, nos EUA, envolvendo 200 pessoas, mostrou que:

  • apenas 4% dos clientes insatisfeitos reclamam 

  • por cada reclamação recebida, haverá 26 outras que não são apresentadas, das quais 6 são muito graves

  • dos clientes insatisfeitos que não reclamam, entre 65% e 90% nunca mais voltarão à empresa e não nos darão qualquer oportunidade de sabermos o que de fato se passou 

  • dos clientes que reclamam, quando a reclamação é tratada satisfatoriamente, 54% mantêm-se como clientes. 

  • Se o atendimento for rápido e eficiente, a percentagem sobe para 90% a 95%. 

  • No caso da reclamação ser atendida ineficientemente, mesmo assim, 10% dos clientes voltarão, o que significa que só a possibilidade de reclamar já ajuda.

As pessoas retêm mais facilmente os aspectos negativos e serão estes que tenderão a comunicar a outras pessoas. Foi exatamente esta conclusão que ficou provada num estudo publicado pela Harper’s Magazine, que mostrou que, em média, comunicamos a nossa satisfação com um grupo de cerca de 8 pessoas o nosso círculo de relações mais próximo, mas, se estivermos descontentes, as nossa insatisfação será comunicada a qualquer pessoa disposta a ouvir (22 pessoas, em média).

De uma coisa pode estar seguro:  - Ainda que ponha todo o cuidado e atenção na produção dos seus produtos ou na execução dos seus serviços, eles nunca serão perfeitos para todos os clientes, por isso, o melhor mesmo é estar consciente de que as reclamações vão sempre surgir.

..

Leite Condensado

. 
Ao pensar numa maneira de facilitar o transporte e o armazenamento de leite, o americano Gail Borden teve a idéia de o desidratar. Dependendo do estágio dessa operação, ele obtinha tanto leite condensado quanto leite em pó. 

.

Quando a sua descoberta foi patenteada, em 1856, a invenção não despertou interesse, até que começou a Guerra Civil dos EUA e Borden ficou rico. 

..

.
"Censura o amigo à parte e louva-o perante outrem" 

.

Leonardo Da Vinci
.

.

..

..

Organize o seu Dia de Vendas

.

Tempo não é dinheiro, é VIDA! Preste atenção à maneira que você investe o seu tempo no seu dia-a-dia. A qualidade da sua organização diária será diretamente proporcional aos resultados que você terá como profissional. Horas mal gastas hoje, podem ser necessárias amanhã. Algumas idéias para você organizar o seu Dia de Vendas

Tenha Horas de Produção de Vendas. Organize o seu dia para que você realmente tenha horas onde você interaja com os seus clientes. Atividades que não produzem vendas devem ser feitas fora desses horários. 
.
Tenha Horas de Prospecção. Dedique uma certa quantidade de horas por dia ou semana para prospectar novos clientes ou novos negócios dentro de clientes atuais (Regra 80/20/30). 
.
Tenha Horas de Follow-up. Tempo para dar continuidade as iniciativas já iniciadas e ainda não finalizadas. (Aprender sobre produtos, clientes, propostas, visitas etc). 
.
Tenha Horas de Desenvolvimento Profissional. Agende horas para você desenvolver as suas habilidades como profissional de vendas, melhorar os seus conhecimentos sobre a indústria em que trabalha, e os produtos que vende. 

Entenda o quanto vale o seu dia:  - DIAS DE VENDAS. Saiba quantos dias de vendas tem no mês e no trimestre. Saiba onde você está e o quanto falta para atingir os seus objetivos. 

ESTATÍSTICAS DE VENDAS. Entenda quais são as suas estatísticas de vendas e planeje a sua melhoria. Confira o número de contatos (ligações, visitas etc), o número de contatos qualificados, número de qualificados para contratos, contratos para clientes, clientes para clientes-de-novo, ligações por hora, follow-up nessas ligações etc 
.
TEMPO EXTRA. 15 minutos a mais de trabalho por dia adiciona um dia a mais de trabalho no seu mês. 01 ligação a mais por dia são 250 ligações a mais por ano. 
.
HORAS NÃO-PRODUTIVAS PRODUTIVAS. Tenha sempre algo à mão para ler - caso o seu computador ou outra ferramenta fique indisponível -, ou em filas, trânsito etc. 
.

RESPEITO A SUA VIDA. Organize o seu DIA DE VENDAS!
.

PROF. RICARDO JORDÃO
PRESIDENTE, FUNDADOR E SEU AMIGO

BIZREVOLUTION CONSULTORIA DE MARKETING.

.

.

.

.

.

.
"Nunca pare de aprender e de se adaptar. O mundo está sempre mudando. 

.

Se você se limitar àquilo que sabia e com que você se sentia à vontade em outra época da vida, 

.

irá se isolando à medida que envelhecer e sentindo cada vez maior frustração 

.

com as circunstâncias à sua volta". 

.

Patterson
.

.

.

.

.

.

..

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

" CAVALO CANSADO "

.

SENTE ATÉ O PESO DO PRÓPRIO RABO

.

.

FÁBIO LUCIANO VIOLIN

.

Mestre em Estratégias e Organizações - UFPR

.

E-mail: flviolin@hotmail.com  - flviolin@terra.com.br

.

..

“Cavalo cansado sente o peso até do próprio rabo”

.

Provérbio Tcheco


.

Muitos querem um amanhã melhor, com mais prosperidade, com uma vida mais estável e gratificante. O que poucos percebem é que não existe a hora certa, o dia certo, o ano certo. O que existe é a capacidade e determinação que nos impulsiona a realizarmos algo. 
.
Esqueça esta coisa de que o
“Brasil é o país do futuro”, “o que é nosso está guardado”, “amanhã será um dia novo e melhor”, estas frases não passam de jargões para esconder o inevitável:

.

temos a tendência nos acomodarmos.
.

É preciso deixar de arranjar desculpas, explicações, justificativas para as situações da vida, é preciso acabar com o comodismo, sair da bolha do ostracismo.
.
O tempo, a vida, as pessoas não irão parar para esperar que estejamos prontos para brilhar. É imprescindível desenvolver-se ao longo do caminho apesar de todas as pedras que ele tem.
.
Despertar a força que todos temos é uma obrigação, no entanto, muitos passam a vida e nem ao menos desconfiam que possuem um vulcão no peito, pronto para acordar e causar um grande impacto.
.

É preciso saber ousar e dar saltos de melhoria na vida.
.

A competência ainda é o melhor caminho, o qual não é o mais curto, nem o mais fácil, mas certamente é o mais seguro. Armado de competência e capacidade de realização mesmo os maiores obstáculos ficam menores. 
.
Porem é uma espécie de escravidão permitir que outras pessoas ou situações guiem nossas vidas, assim nos outorgarmos o direito de influenciar o meio no qual estamos e nos dotarmos de condições de sairmos do lugar comum, sair da fila de espera do
“grande dia”, assim como os pássaros é preciso criar asas para voar, garras e bico para arrebentar correntes e metas para saber em qual direção voar depois de estar pronto. Se deixar ser dependente é permitir que lhe coloquem nos pés duas correntes presas a uma imensa bola de ferro.
.
As fórmulas do passado parecem ser tentadoras, pois mais e mais pessoas insistem em usa-las, porém,não esqueça que quem vive com os olhos no passado, também mantém presos lá seu corpo e sua mente. 
.
Em tempos no qual a qualificação profissional cada vez mais acessível a todos, o mercado de trabalho mais seletivo e com maior quantidade de opções é quase loucura estarmos com olhos voltados no passado, repetindo conceitos que não são mais válidos nem úteis.
.
Vivemos o que se pode chamar de era do caos, nos quais os concorrentes são mais diversos possíveis, por exemplo uma locadora não disputa espaço apenas com outras locadoras de vídeo, disputa sim com cinemas, com a internet, com a lanchonete, com a violência, com um encontro com amigos, uma noite romântica em casa ou a viagem para a casa dos pais por exemplo.
.
Os suíços relutaram muito tempo em aceitar que a lógica dos consumidores de relógios já havia mudado, e amargaram com a imensa perda de mercado para produtos que não eram anteriormente considerados por eles como capazes de estarem ocupando os braços dos consumidores.
.
O Brasil foi campeão do mundo no futebol por cinco vezes, isto todos lembramos. 

  • Mas você se lembra de quem ficou em segundo lugar no GP de Mônaco de 3 anos atrás? 

  • Que equipe ficou com o vice-campeonato brasileiro de 4 anos atrás? 

Pois é, para chegar na frente é preciso desenvolver meios de estar na frente, como por exemplo, mantermos uma rede contatos com pessoas, buscarmos qualificação profissional no jornal do SDR: - "DICAS DA SEMANA", em livros, cursos, palestras, direcionarmos nossos esforços para sermos visíveis dentro e fora do nosso local de trabalho.
.
Certa vez assisti pela
tv a declaração de um jogador de vôlei da equipe brasileira. Nesta ocasião o repórter perguntou a ele: - E agora é torcer para a Rússia não cair na chave do Brasil, assim fica mais fácil não é verdade?
.
A resposta do jogador foi simples mas brilhante: - Se queremos ser campeões teremos que pegar a Rússia ou qualquer outro pais seja nas quartas de final ou em qualquer outra rodada. Assim que venha quem tiver que vir, nos preparamos para enfrentar sempre o mais forte a cada jogo.

.

.

.

.

.FÁBIO LUCIANO VIOLIN

.

Mestre em Estratégias e Organizações - UFPR

.

..Especialista em Planejamento e Gerenciamento Estratégico - PUC-PR 
Professor universitário, palestrante e consultor de empresas.
 
E-mail:
flviolin@hotmail.com  - flviolin@terra.com.br

.

.

.

.

.

.

..

.

.

.

.

.

.

.

.

.

dicas e curiosidades 

"JORNAL DICAS DA SEMANA" Nº240 DO WWW.SDR.COM.BR

.

TRANSPORTES   LOGÍSTICA

..

 

.

Não existe 2 clientes iguais

.

Quando você vende os seus produtos e serviços para potenciais clientes, você cai na armadilha de fazer a mesma apresentação sobre a sua empresa ou produtos várias vezes ? Se você está fazendo isso, você está falhando na arte de reconhecer que não existe dois clientes iguais com as mesmas necessidades.

. 
O que você pode fazer ? Uma maneira de determinar o quanto um cliente em particular está reagindo a sua apresentação é fazendo perguntas, muitas perguntas! Experimente durante diferentes momentos da sua apresentação, fazer perguntas que necessitam que os seus clientes respondam de maneira a permitir você identificar o quanto o seu discurso está afetando os seus clientes. 

.

A partir daí você terá informações para modificar a sua apresentação 

.

de acordo com as particulares de cada um. 

.

..

.

Exportações por hidrovia podem triplicar em MS 
.

A Hidrovia Paraguai-Paraná, com 3.442 quilômetros de extensão, de Cáceres (MT) a Nueva Palmira (Uruguai), vai dar um salto expressivo em movimentação de cargas e modernização de seus portos este ano. As exportações em 2003 no trecho brasileiro, de 2,8 milhões de toneladas, devem triplicar este ano.  Além da questão ambiental, a hidrovia deixou de ser prioridade do Governo brasileiro e pouco se investiu em infra-estrutura e manutenção na última década, embora reconhecidamente a hidrovia seja um corredor estratégico para o País garantir competitividade de seus produtos no exterior. A hidrovia, no trecho que vai de Cáceres ao Uruguai, transportou mais de 20 milhões de toneladas em 2003. 
.

Fonte.: Correio do Estado - 20/01/2004

.

.

..

.

O quanto custa Boas Pessoas?

.

Muito. Perder um bom funcionário é prejuízo certo para qualquer empresa. Os custos são altos. Existe o custo do seu tempo para olhar novos currículos, o custo do seu tempo para entrevistar candidatos, o custo dos gastos administrativos necessários que existem quando da dispensa de uma pessoa, e acima de tudo, o custo da propriedade intelectual e o histórico da empresa perdidos. 
.

O que pode ser feito a respeito? 
Você precisa reter os seus melhores funcionários. Para determinar como mantê-los, você precisa saber por que eles querem deixar a empresa, ou porque eles consideram deixar a empresa. 
.
Sempre em uma entrevista com um funcionário que deseja sair da empresa, pergunte a ele porque ele deseja sair. No inicio, eles não irão dizer a você o verdadeiro motivo de sua saída. Você terá que cavar, cavar e cavar até chegar na causa da causa da causa de suas decisões. Tenha paciência, e faça muitas perguntas. 
.
Para aqueles que ainda não saíram da empresa mas pensam a respeito, ouça com atenção aos comentários que eles fazem durante as reuniões. Você pode encontrar os verdadeiros motivos e consertar as falhas a tempo. 
..

Não se dê ao luxo de perder bons funcionários!

.

PROF. RICARDO JORDÃO
PRESIDENTE, FUNDADOR E SEU AMIGO

BIZREVOLUTION CONSULTORIA DE MARKETING.

.

.

.

...

..

Soja enfrenta problemas de logística

. 

Os números falam por si. Se a safra brasileira de soja atingir os 58,7 milhões de toneladas previstas para este ano, a produção dessa oleaginosa será 13% maior do que o recorde de 52 milhões de toneladas registrado em 2002. 

Além disso, o volume mais do que dobrará em relação aos 31,4 milhões de toneladas colhidas em 1999 um salto espetacular num espaço de tempo tão diminuto. Esse crescimento da produção, naturalmente acompanhado pela expansão das vendas externas do complexo soja grão, farelo e óleo, coloca em tela as deficiências logísticas do Brasil no que diz respeito ao escoamento da safra, tanto na movimentação interna quanto nos embarques para os mercados internacionais.
.
A possibilidade de colapso no escoamento desta safra já é motivo de preocupação para os agentes da cadeia da soja, em especial os grandes importadores da commodity agrícola. O alerta vem de Paranaguá, o maior escoadouro da soja para o mercado externo. Como este jornal informou, teme-se que neste ano as filas de caminhões carregados de soja que se dirigem ao porto ultrapassem a
espantosa distância de 100 quilômetros de congestionamentos, que em 2003 atravancaram as vias de acesso ao terminal marítimo paranaense. .

Congestionamentos já se tornaram rotineiros em Paranaguá e espelham a insuficiência da infra-estrutura portuária para armazenar e embarcar volumes cada vez maiores. .

No ano passado, foram exportados por Paranaguá:

  • 5,932 milhões de toneladas de soja em grão, volume 15,4% superior aos 

  • 5,140 milhões de toneladas embarcados em 2002. 

Em alguns dias do ano passado, foi atingida a capacidade máxima de movimentação do porto, de 105 mil toneladas/dia. Convém lembrar que Paranaguá também lidera os embarques de farelo de soja (5,547 milhões de toneladas em 2002). É certo que esse terminal marítimo vem recebendo investimentos públicos e privados para aumentar sua eficiência e capacidade de movimentação de cargas, aí incluídos contêineres, granéis sólidos e líquidos e carga em geral. .

No ano passado, o governo federal acertou ao repassar R$ 160 milhões à Administração dos Portos de Antonina e Paranaguá (Appa), com exigência de contrapartida de 20% do governo paranaense, para construção de três berços de atracação (que se somam aos 16 existentes), com extensão total de 820 metros..

Empresas privadas também firmaram acordos de parceria com a Appa, que prevêem investimentos totais da ordem de R$ 117 milhões. Por exemplo, a Cooperativa Agropecuária Morãoense (Coamo) vai alocar R$ 18 milhões em projetos que incluem a ampliação, em 50 mil toneladas, da sua capacidade estática de armazenamento, a construção de um ramal na chamada "pêra" ferroviária do porto e a implantação de uma moega para recebimento de vagões e caminhões, com capacidade inicial de descarga de 500 toneladas por hora. Segundo a Appa, as outras companhias com operações de comércio exterior que já definiram novos investimentos em Paranaguá são: 

  • Cotriguaçu (R$ 20 milhões), 

  • União Volpak (R$ 7 milhões), 

  • Rocha Top (R$ 25 milhões), 

  • CBL (R$ 10 milhões), 

  • Céu Azul (R$ 20 milhões), 

  • Cattalini (R$ 2 milhões) e 

  • Coinbra (R$ 15 milhões). 

Contudo, esses empreendimentos demandarão tempo para serem concluídos e entrar em operação. A perspectiva para este ano é de aumento acentuado das exportações brasileiras do complexo soja, devido à esperada redução da safra norte-americana dos 80 milhões de toneladas previstos para 65,8 milhões de toneladas, em conseqüência de fatores climáticos. 

.

Se a quebra se confirmar, as exportações dos EUA, que chegaram a 28,5 milhões de toneladas em 2003, cairão para 24,5 milhões de toneladas neste ano. Haverá, portanto, um déficit de 4 milhões de toneladas na oferta do produto norte-americano, segundo a Agência Rural, de Curitiba. 

.

De acordo com a mesma fonte, a demanda mundial, estimada em 201,5 milhões de toneladas, será superior à produção, da ordem de 198,7 milhões de toneladas. Deve-se levar em conta, ainda, que a China maior comprador de soja brasileira vai expandir suas importações do produto. 

.

Nesse contexto, torna-se ainda mais estranha a decisão do governador do Paraná, Roberto Requião, de proibir o embarque de soja transgênica em Paranaguá. Essa medida obrigará os embarcadores a desviar as rotas terrestres de escoamento do produto geneticamente modificado para os portos de Itajaí (SC) e Santos (SP). Não é necessário ser especialista em logística para imaginar o impacto, nos custos de transporte, desse ato, que pode ser prejudicial às exportações..

 

.

.

.

.

.

.

.

.

..

.

.

.

.

.

.

.

.

.

dicas e curiosidades 

"JORNAL DICAS DA SEMANA" Nº240 DO WWW.SDR.COM.BR

.

PRINCIPAIS NOTÍCIAS   NÚMEROS DE MERCADO

..

 

.

V Í R U S.

 

O QUE OS BANCOS SABEM E NÃO NOS AVISAM...

Antes de mais nada... Obrigado ao nosso colega Representante COMERCIAL (manteremos no anonimato), que nos enviou o relato deste novo vírus e todas as provas, junto com a cópia do e-mail do banco, que tinha mais de três folhas e lhe foi respondido em poucos minutos. Ou seja o e-mail estava pronto e com isso entendemos que os BANCOS já sabem do vírus com antecedência e não o anunciam para não sentar precedente de responsabilidade.

.

Já falamos dos vírus que enviam uma isca (link para acesso a uma página bancária falsa) para os correntistas desavisados. Sempre nosso título foi: - "NUNCA ABRA SEU BANCO PELO LINK, PROCURE A PÁGINA DIRETAMENTE". Com isso evitamos o risco de deixar nas mãos alheias nossos dados e senhas...

.

Mas este relato que explanamos a seguir é demais para nossa cabeça: - Nosso colega será chamado pelo apelido de "ATENTO" para preservar a identidade do mesmo.

.

Resulta que "ATENTO" foi acessar o banco via internet e após ter digitado seus dados na página, apareceu mais uma janela (pop up) idêntica aquela que costuma-se preencher para informar os dados e a senha e entrar no sistema de operações financeiras (retiradas, pagamentos, transferências, consultas de saldo, etc.).

.

"ATENTO" ficou por um momento na dúvida e se preparou para preencher os dados. Como ele sua muito, mas muito mesmo para ganhar suas comissões em dinheiro advindo da sua atividade como REPRESENTANTE COMERCIAL, enviou um e-mail ao banco, perguntando o porque de aparecer uma janela (pop up), acima da pagina inicial do banco, explicando que ele tinha digitado o endereço diretamente no BROWSE do explorer (janelinha onde você digita o nome do site), ou seja que não cabia dúvidas, tinha que ser do BANCO... (veja exemplo das janelas a seguir e verifique ate nos mínimos detalhes se não idêntica A AQUELA QUE SEU BANCO LHE OFERECE!!! - Para verificar as imagens já classificadas pela empresa SYMANTEC e as informações do vírus trojan clique aqui: 

.

.

.

Mas "ATENTO" duvidou, graças a Deus e salvou-se de tomar um rombo na conta, daqueles que demoram horrores de tempo para se recuperar... Por isso fique atento a este aviso que lhe oferecemos em nome de um "ATENTO" REPRESENTANTE COMERCIAL que teve a delicadeza, o companheirismo e o interesse por todos, de nos revelar o mais novo golpe que a internet proporciona e que os Bancos se calam...

.

Todo o golpe funciona assim: - Tem um vírus trojan de nome "PWSteal.Freemega" (a ultima atualização dele é: January 12, 2004 12:24:11 PM) que se instala por meio de um executável no seu computador e que faz aparecer a janela (POP UP) para depois enviar por e-mail seus dados e poderem assim acessar sua conta, transferir e se divertir com seu dinheiro sem que nem o banco saiba que não foi você!!!

.

Esse vírus trojan chega por meio de um e-mail ou acessando alguma página de mal intencionados, instalando-se no seu computador após clicar no arquivo:  - ( OMF4.EXE ). Procure esse arquivo dentro do localizar de seu computador para saber se está infectado e se não estiver mesmo assim, atualize seu antivírus e mande dar uma varrida a cada dois dias (nós fazemos varridas diárias), para evitar uma tremenda dor de cabeça.

.

Lembre sempre de atualizar seu antivírus diariamente NO COMEÇO DO TRABALHO

.

DEMORA APENAS UM MINUTO E PODE LHE SALVAR...

 

.

TECNOLOGIA

.

MERCADOS DE CONSUMO...

  • BRASIL 46,3 MILHÕES DE CELUlARES OU 25% DA POPULAÇÃO

  • CHINA 63 MILHÕES DE CELULARES EM UM ANO

China bateu 63 milhões de novos usuários de celulares durante 2003, com o que o número total de usuários ultrapassa os 270 milhões. Essa cifra traduz um incremento médio mensal de 5,25 milhões de novos usuários. 
.
Os assinantes de linha fixa cresceram em 49 milhões em 2003. Se esperam para 2004 apenas 54 milhões, mostrando um declive no crescimento de usuários de celulares, pela saturação e pelos índices da economia no mercado operado por
China Mobile e China Unicom

A pesquisa consolidada pela E-Consulting revelou que a receita média por usuário (average revenue per use ou ARPU) de celular no Brasil caiu 41,9% entre 1999 e 2003. Em dezembro de 1999, o ARPU dos celulares operantes no Brasil era de R$ 62,00 por mês. O estudo aponta que este valor não ultrapassará R$ 36 mensais em 2004, ou cerca de US$ 12. Na Europa Ocidental, por exemplo, o ARPU atual é de cerca de US$ 35 por mês. 
.
De acordo com
Daniel Domeneghetti, diretor da E-Consulting e vice-presidente da Camara-e.net, essa redução é reflexo do crescimento do número de celulares pré-pagos no país, que saltaram de 42% para mais de 74% do total de aparelhos ativos, passando de 15 milhões de unidades, em 1999, para 46,3 milhões, em 2003. 
.
Para
Daniel Domeneghetti, as operadoras só conseguirão aumentar a Receita Média Por Usuário com o desenvolvimento de novos serviços que possam estimular o incremento do tráfego na rede; interoperabilidade entre operadoras distintas para cobertura fim-a-fim dos serviços de dados; incentivo do uso de roaming de dados e voz com interface user-friendly, além da migração de clientes do plano pré-pago ao pós-pago.

...

Celular é a invenção mais odiada, revela estudo do MIT - IDG Now!
Quase um entre três adultos afirma que o telefone celular é a invenção tecnológica mais odiada de todos os tempos. Por outro lado, o mesmo número de pessoas afirma que não consegue viver sem ele, conforme destacou o oitavo relatório de invenções do MIT, divulgado nesta quarta-feira (21/01). 
O telefone celular atingiu a primeira colocação entre os equipamentos mais detestados, ficando com 30% do ranking. Na segunda posição aparece o relógio despertador, com 25% dos votos, e na terceira, a televisão, com 23%. Produtos como lâminas de barbear, cafeteiras, computadores e aspiradores de pó também foram citados na pesquisa, embora tenham sido apontados como essenciais pela maioria dos entrevistados.

.

China será o maior mercado de banda larga em 2004 
A China será o maior mercado mundial de banda larga baseada em ADSL (Asynchronous Digital Subscriber Line) em 2004, de acordo com um relatório divulgado na terça-feira (20/01) pelo Gartner. O país encerrará o ano na frente do Japão, Estados Unidos e Coréia do Sul. 
Depois de vários anos reduzindo custos, as operadoras chinesas querem crescer neste ano, especialmente em novas tecnologias que podem combinar voz e dados, além de novos serviços como os de dados e vídeo em alta velocidade. De acordo com o Centro de Informações de redes e internet na China, o país encerrou 2003 com 17,4 milhões de assinantes de internet em banda larga.  O relatório da empresa de pesquisas prevê que os investimentos feitos na China neste ano serão cerca de 9% maiores do que em 2003, embora ainda fique 11% abaixo do recorde de investimentos alcançados em 1999. 

.

.

Linux é ameaça à economia dos EUA, diz SCO - IDG Now!
A briga da SCO com a comunidade Linux chegou ao Congresso dos Estados Unidos. Em carta para os 535 parlamentares, datada de 8 de janeiro, a empresa chamou o Linux e os software de código aberto de ameaça à segurança e à economia dos EUA. A carta foi publicada na internet por um grupo chamado de Open Source and Industry Alliance (OSAIA). Ela argumenta que a commoditização do software aberto é ruim para a economia norte-americana e que evita o controle comercial do governo nos produtos. “Um expert em computador da Coréia do Norte, que tem vários computadores pessoais e uma conexão à internet pode fazer o donwload da versão mais recente do Linux, com capacidade de multiprocessamento e, em pouco tempo, construir um supercomputador virtual”, diz a carta, que é assinada por Darl McBride, CEO da SCO. A carta pode ser lida neste endereço de internet: http://www.osaia.org/letters/sco_hill.pdf  

.

.

Usuários na rede: Brasil ocupa o 7º lugar no mundo
A quantidade de usuários de Internet no Brasil, hoje, é de aproximadamente 18 milhões, uma parcela que representa cerca de 8% da população brasileira, um número reconhecido na área técnica e que representa a sétima posição no mundo. O secretário adjunto acredita que um dos fatores que dificulta o acesso é o custo, não só o custo de domínio, mas o custo do provedor, dos equipamentos, das conexões. “Uma de nossas preocupações é exatamente criar mecanismos que possam permitir essa difusão”, define. O secretário declara que o controle é um dos assuntos que vai ser objeto de discussão no âmbito desse comitê gestor, por isso existe a preocupação por parte do agente do governo no processo democrático.

.
Um abraço e bom fim de semana.
Vanderlan Vasconselos
Coordenação MCT/FINEP/RS

.

.

.

MERCADO EXTERNO

 

.

Brasil TOMA espaço de europeus na exportação - www.valoronline,com.br 
A alta do euro em relação ao dólar está ajudando exportadores brasileiros, compensando os efeitos negativos da recente valorização do real. Os exportadores estão sendo beneficiados com aumento das vendas para a Europa e, indiretamente, com o deslocamento de concorrentes europeus em outros mercados, como os Estados Unidos. A alta do euro aumentou os custos de produção em dólar dos fabricantes europeus e, em contrapartida, deixou mais baratos os produtos brasileiros em euros. Têxteis, calçados, autopeças, papel e celulose, motores, cerâmicas e até a indústria de turbinas e vagões estão entre os setores que ganham com o euro forte. A força da moeda européia também está contribuindo para transformar subsidiárias brasileiras de multinacionais em plataformas de exportação para o mercado europeu e latino-americano. Além da maior competitividade brasileira na Europa, economistas citam uma série de outros fatores que colaboram para o bom desempenho da balança comercial. Eles não decorrem das variações cambiais, mas predominaram em 2003 e devem se manter em 2004, ajudando nas previsões de um superávit comercial elevado. 

.

.

.

Brasil exportará alimentos orgânicos para o Japão - http://www.netcomex.com.br 
O Japão está interessado nos alimentos orgânicos produzidos no Brasil. A falta de espaço para o cultivo de produtos suficientes para atender a demanda japonesa fez com que a
"Jetro" órgão do governo japonês responsável pelos negócios externos começasse a prospectar países com capacidade de produção e comercialização de alimentos produzidos sem agrotóxicos e sem modificações genéticas.

 

O país importa cerca de 80% de seus alimentos. E cerca de 10% desse mercado já é de produtos orgânicos.

.

O presidente da Agência de Promoção de Exportações (Apex), Juan Quirós, vê nos orgânicos uma boa possibilidade de negócios para o Brasil. A exportação para o Japão representará o crescimento da participação do País num mercado que movimenta US$ 30 bilhões anualmente. Uma técnica da Apex deve viajar para o Japão para buscar informações sobre embalagens e produtos com maior demanda e com possibilidade de cultivo no Brasil. “Em duas semanas já devemos estar com a lista de produtos que poderão ser exportados”, diz Juan Quirós. 

A
" Jetro" custeará a viagem da técnica brasileira e ofereceu um espaço para a Apex e produtores nacionais na BioFach, uma feira internacional de produtos orgânicos que será realizada no Japão, no segundo semestre.

.

“É uma demonstração do interesse deles (o governo japonês) em fazer negócios com o Brasil”, 

conclui Quirós. A intenção é dar início às exportações no segundo semestre.
.

A Alemanha e os Estados Unidos são os maiores importadores de alimentos orgânicos brasileiros, principalmente de frutas tropicais, como açaí, acerola, banana, caju, maracujá e melão. O consumo dos orgânicos no mercado externo cresce anualmente entre 20% e 30%. A Apex pretende incentivar produtores a se organizar e a criar uma boa estrutura para atender aos compradores de outros países. De 10 a 22 de fevereiro, a agência e seus parceiros vão atrás de novos negócios na edição da BioFach que acontecerá em Nuremberg, na Alemanha. Na edição passada da feira, os brasileiros fecharam negócios da ordem de US$ 5,5 milhões, em torno de 8.800 toneladas de produtos. (ABr)

.

.

Exportações de couro superaram US$ 1 bilhão em 2003
Dados elaborados pela Associação das Indústrias de Curtume do Rio Grande do Sul (AICSul), indicam que as exportações brasileiras de couros apresentaram em 2003 crescimento de 10% em receita e de 9% em volume. O resultado foi de aproximadamente US$ 1 bilhão. Os italianos foram os que mais compraram, com 40% do volume total. Houve aumento na participação dos chineses, que ficaram com 32% de tudo que o Brasil exportou. O Canadá, no entanto, registrou o maior crescimento, com 144% acima de 2002 em termos monetários e 143% no físico. Os canadenses compraram principalmente couros para vestuário. Também teve aumento significativo a comercialização para o Japão, com 76% em relação à receita e 70% em quantidade. As exportações de couros wet blue encerraram 2003 com incremento de 6% em volume, mas com queda de 1% no faturamento em dólares. As vendas externas de couros acabados tiveram aumento de 48% em termos físicos e de 29% em dólares.

.

.

Vaca louca provocará aumento das exportações de ovos
A descoberta doença “vaca louca” agora também nos Estados Unidos acendeu o sinal amarelo em todos os mercados consumidores. Além do reflexo direto no consumo de carnes, a Associação Paulista de Avicultura (Apa) prevê aumento das exportações de ovos para Europa, Japão e Oriente Médio. Trinta países suspenderam a compra de carne bovina norte-americana. Até ser resolvida a crise da doença da “vaca louca” nos Estados Unidos, a tendência do mercado mundial é substituir a carne vermelha pelas carnes de frango, suína, peixe e ovos importando de países como o Brasil. Em 2004, o setor de avicultura estima aumentar 6% a produção de ovos no País em relação a 2003 - quando alcançou a marca de 15 bilhões de unidades, segundo números da entidade. Outro fator importante que deve provocar o aumento das exportações brasileiras do setor é a decisão da Alemanha em suspender a produção intensiva de ovos em 2005, motivada por restrições internas tais como aquelas que se reportam ao bem estar das aves, abrindo enormes possibilidades do ovo brasileiro ser importado por aquele país, bem como pela Espanha e Inglaterra, que também estudam a adoção dessas medidas.
.
“A extensão dos problemas causados pela doença da “vaca louca” no mercado norte-americano ainda não podemos avaliar. Mas, com certeza, haverá um aumento no consumo mundial de ovos. Por isso, estamos nos preparando para elevar a produção brasileira, inclusive para exportar à Europa, Oriente Médio e Japão”, prevê diretor-executivo da Associação Paulista de Avicultura (APA), José Carlos Teixeira da Silva. Gripe do Frango - Os produtores do setor avícola do estado de São Paulo estão monitorando a propagação da “gripe do frango”, que ocorre em países da Ásia, e seus reflexos no mercado internacional. No entanto, descartam a possibilidade da chegada da doença ao Brasil. “Não há nenhuma ameaça real. Só estamos recomendando aos empresários do setor a manutenção de medidas sanitárias normais, o chamado ‘feijão com arroz’. Nunca é demais zelar”, afirma Teixeira da Silva.

..

Crise internacional pode abrir novos mercados para o frango brasileiro
Os casos da influenza aviária, a chamada gripe do frango, na Ásia podem render bons negócios para o Brasil. Para o presidente da Associação Brasileira de Exportadores de Frango (Abef), Júlio Cardoso, ainda é cedo para dizer que as exportações brasileiras vão aumentar, mas as perspectivas são boas. “Com os problemas que estão ocorrendo em outros países, sem dúvida, o que acaba acontecendo é que os mercados importadores começam a se voltar para o Brasil”, diz. No ano passado, o Brasil passou a ocupar o segundo lugar no ranking dos maiores exportadores mundiais, em volume, de carne de frango. Em faturamento, superou os Estados Unidos e se tornou o maior exportador do planeta. O Japão é um dos principais compradores da carne de frango brasileira. Júlio Cardoso explica que o Brasil tem capacidade de aumentar a sua produção, caso a demanda internacional por carne de frango cresça. Os produtores nacionais elogiam as medidas adotadas pelo Ministério da Agricultura, como a proibição da entrada de aves, seus produtos e subprodutos de países onde tenha ocorrido casos da influenza aviária. Mas o presidente da Abef alerta que é preciso unir forças com o governo federal e com os governos estaduais para manter o controle rigoroso na área de defesa animal. A grande distância entre o Brasil e a Ásia é vista como uma barreira natural para a chegada do vírus da influenza aviária. (ABr)
.
.

Rússia pode rever cota para importação de carne brasileira 
A visita de uma missão brasileira à Moscou pode aumentar as possibilidades do Brasil derrubar as cotas impostas no ano passado pelo governo russo à carne brasileira. Segundo informou o Ministério do Desenvolvimento, as autoridades russas se dispõem a rever as cotas de importação impostas ao frango, suínos e bovinos brasileiros. A primeira medida para facilitar as negociações está tomada. Uma comissão especial foi criada para que Rússia e Brasil cheguem, no próximo mês, a um consenso sobre o assunto. A primeira reunião da comissão, formada por autoridades dos departamentos de agricultura e comércio exterior dos dois países ocorrerá no dia 2 de fevereiro, em Moscou. Outro encontro está previsto para 18 de fevereiro, em Brasília. “Conseguimos que o governo russo reabrisse as negociações e vamos formar uma comissão bilateral de alto nível para discutir o assunto”, disse o ministro Furlan, que está no país. O setor exportador de carnes, especialmente de aves e suínos, também aguarda uma decisão favorável ao Brasil, já que antes da medida a Rússia importava suínos e aves brasileiras. Segundo o ministro, a manutenção das cotas pode levar o Brasil a deixar de vender mais de 200 mil toneladas de suínos, acarretando um prejuízo de US$ 500 milhões em exportações. (ABr)
.

.

.

Comitiva de 104 empresários vai acompanhar Lula na viagem à Índia
O presidente Luiz Inácio Lula da Silva chega à Índia no próximo fim de semana como promotor comercial do Brasil. Acompanhado de 104 empresários de 78 companhias, o presidente quer intensificar os negócios bilaterais em diversos setores, de olho num mercado promissor: um país com uma população de mais de um bilhão de habitantes e um PIB de US$ 545 bilhões. O governo brasileiro e os empresários avaliam que o comércio entre os dois países pode ser muito maior do que o registrado em 2003, de US$ 1 bilhão. E o interesse pelo mercado indiano não é só do Brasil. Durante a viagem, os países do Mercosul vão assinar um acordo de preferências fixas tarifárias com a Índia envolvendo aproximadamente 800 produtos de setores como agro-negócios, farmacêutico, automotivo e químico. Será o primeiro passo para a assinatura do acordo de livre comércio ainda neste semestre. "É uma lista pequena, mas selecionada, que deve criar um clima para estimular o acordo de livre comércio", observou João Pereira, chefe da divisão da União Européia e negociações comerciais extra-regionais do Itamaraty.

.

Itamaraty leva empresários ao Sri Lanka 
O Itamaraty está organizando missão de empresários brasileiros ao Sri Lanka, nos dias 29 e 30. O país destaca-se como o maior produtor mundial de chá. A agricultura concentra-se na produção de arroz, borracha, coco e temperos. A indústria local produz têxteis, vestimentas, artigos de couro, alimentos processados, químicos, petróleo refinado e artigos de madeira, metal e papel. Os principais recursos naturais de Sri Lanka são pedra calcária, grafite, argila, areias, gemas, fosfato e hidroeletricidade. O Sri Lanka teve significativo crescimento econômico nos últimos anos. De 1991 a 2000, o PIB cresceu 5,2% em média. Em 2002, 4%, em grande parte impulsionado pelo crescimento do setor de serviços. De janeiro a abril de 2003, o país cresceu 5,5%. Novamente, o setor de serviços (telecomunicações e turismo) foi o de maior destaque. Naquele ano (jan/out), as exportações do país atingiram crescimento da ordem de 10,6%, tendo as vendas externas de produtos industrializados crescido em torno de 11,6%. No mesmo período, as importações aumentaram em 8,6%. As taxas de juros diminuíram e a inflação se situa em 9%. Estima-se que a economia do Sri Lanka cresça 6,5% em 2004.

.

.

Destaque entre os países que mais avançam na área espacial 

A Índia será o próximo signatário de acordos de cooperação com o Brasil. Na pauta da viagem do presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva, está prevista a assinatura de acordos nesta área. Segundo o presidente da Agência Espacial Brasileira (AEB), Luiz Bevilacqua, que integra a comitiva, o documento abrange setores como pesquisa e desenvolvimento de sistemas de satélites, ciência espacial básica, técnicas e aplicações de sensoriamento remoto e telecomunicações, e biotecnologia espacial. 
"Sua importância política vem porque diz publicamente que há a decisão mútua de cooperar em um setor que lida com tecnologia avançadíssima, cheio de implicações estratégicas", diz o chefe da Assessoria de Cooperação Internacional da AEB, embaixador Carlos Campelo. A interação com a Índia representa um caso significativo de cooperação Sul-Sul, a exemplo do que já ocorre com China.
Ainda na área de C&T, outros temas estão na pauta de negociação como biotecnologia, tecnologia industrial, intercâmbio entre cientistas e pesquisadores através de bolsas de estudos do CNPq e tecnologia da informação.

.
.

.

MERCADO INTERNO

.

BB e Caixa selam parceria para o uso de terminais e pontos de atendimento
 A Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil assinaram ontem um acordo de compartilhamento de todos os terminais de auto-atendimento localizados fora de agências. O contrato inclui também os correspondentes bancários lotéricos da Caixa, o que eleva para 14.794 o número total de pontos de atendimento compartilhados. Ao anunciar a formalização da parceria, os presidentes das duas instituições, Jorge Mattoso, da Caixa, e Cássio Casseb, do BB, manifestaram a intenção de se unir também a outros bancos no futuro. O objetivo do projeto anunciado ontem é aumentar a oferta de máquinas e estabelecimentos para uso da clientela, sem a necessidade de fazer grandes investimentos. Além de suas 8.914 casas lotéricas, a Caixa disponibilizará aos correntistas do BB 1.080 caixas eletrônicos. O BB, por sua vez, colocará à disposição dos clientes da Caixa cerca de 4.800 terminais.
.
.

Requião ameaça anular contrato com montadoras 
O governador Roberto Requião ameaçou ontem decretar a nulidade dos contratos firmados pelo estado com as montadoras Renault e Volskswagen/Audi caso as duas empresas não aceitem negociar o aumento da compra de insumos automotivos diretamente da indústria paranaense em troca dos incentivos fiscais concedidos pelo ex-governador Jaime Lerner. A "paranização" das peças compradas pelas montadoras está sendo discutida pelo Conselho de Política Automotiva, formado em novembro de 2003 e do qual as multinacionais estão participando. Requião fez questão de ressaltar que a decretação da nulidade dos contratos seria a última alternativa a ser tomada pelo estado, caso não haja acordo.

.

.

Mercado animal - Wagner Roque - www.valoronline.com.br  

O número de pet shops explodiu nos últimos anos no país. Em São Paulo, já existem mais lojas do ramo que padarias e farmácias. Será que ainda há espaço para novos empreendimentos? 

.

A ATRAÇÃO das pet shops: com o aumento da concorrência, só deverá sobreviver quem oferecer novidades ao consumidor. Não é segredo para ninguém que o faturamento das pet shops, as lojas que oferecem produtos e serviços para bichinhos de estimação, aumentou em progressão geométrica nos últimos anos no país. As principais revistas de informação, como Época, também publicada pela Editora Globo, trataram do assunto em recentes reportagens de capa, e os jornais, de tempos em tempos, voltam ao tema. Até publicações especializadas surgiram no mercado para aproveitar a onda. Afinal, o setor já movimenta mais de 5 bilhões de reais por ano e deve crescer, segundo estimativas da Associação Nacional dos Fabricantes de Alimentos para Animais (Anfapet), mais 5% em 2003.
.
De acordo com o Ibope, o Brasil já ocupa o 2º lugar na lista dos países com a maior população de animais de estimação do mundo, com cerca de 28 milhões de cães e 12 milhões de gatos. Só nos últimos quatro anos, houve um crescimento de 17,6%. Pelos cálculos do Ibope, 59% dos brasileiros têm algum animal em casa. Se continuar neste ritmo, em pouco tempo haverá mais cães e gatos do que gente no país.
.
MULTIPLICAÇÃO - Para tentar beliscar um pedaço desse filão, o número de pet shops explodiu. Só na cidade de São Paulo existem, hoje, cerca de 4.700, mais do que o número de farmácias (4.000) e de padarias (3.200) em atividade. O mercado tornou-se tão atraente que até os supermercados passaram a vender acessórios para os animais domésticos, além dos alimentos que já ofereciam à clientela.
.
Por tudo isso, é provável que você esteja pensando que o setor está saturado, certo? Ledo engano. Há espaço, sim, para novos empreendimentos. Mas, se você pretende entrar na área, esqueça, desde já, a idéia de abrir uma pet shop que ofereça apenas o básico, como ração, acessórios, banho e tosa. Segundo o consultor de marketing do Sebrae de São Paulo, João Abdala Neto, muitos empresários abrem com poucos recursos, na tentativa de aproveitar a demanda, mas acabam se dando mal, porque a concorrência para os produtos e serviços de primeira necessidade está acirradíssima. Sem experiência no ramo, alugam um ponto de pouca visibilidade, empilham sacos de ração e algumas coleirinhas e acreditam que vão ganhar dinheiro. É difícil prosperar assim.
.
Atualmente, para atuar no ramo, é preciso se profissionalizar cada vez mais. Como em qualquer setor, isso envolve desde a habilidade para administrar o negócio até o conhecimento detalhado das necessidades da clientela. Uma feira voltada exclusivamente ao mercado de animais domésticos, a Pet South América, que teve a sua segunda edição este ano, por exemplo, promoveu palestras sobre formação de preço de venda, marketing e merchandising na pet shop e sobre higiene animal.
.
Como as indústrias têm interesse em que seus produtos encontrem canais eficientes de venda até chegar ao consumidor, também oferecem treinamento para os empreendedores. A Nestlé Purina, voltada para alimentos de cães e gatos, por exemplo, criou um curso em São Paulo, em parceria com a Fundação Getulio Vargas (FGV), para os empresários que atuam ou pretendem atuar na área.
.
O consumidor, por sua vez, segundo empresários bem-sucedidos do setor, quer mais do que um lugar para comprar alimentos e acessórios para seus bichinhos. Em geral, ele prefere lojas que sirvam como pretexto para o passeio da família toda: pai, mãe, filho e, claro, o animal. De preferência, a qualquer hora do dia ou da noite. O empresário Sergio Zimerman, coordenador geral do Pet Center Marginal, inaugurado em agosto de 2002 na zona norte de São Paulo, procurou seguir a nova tendência. Sua loja, que funciona 24 horas, tem 4.000 metros quadrados, divididos em dois andares, e oferece estacionamento para 90 carros. Nela, os clientes encontram uma variedade de 13.000 itens, além de serviços como banho e tosa, veterinários, estúdio de fotografia e escola de obediência. Zimerman diz que pretende acrescentar pelo menos mais 2.000 novos itens nas prateleiras a curto prazo. Para evitar surpresas desagradáveis, ele realiza uma pesquisa de opinião com o público, antes de oferecer os novos produtos na loja. 
.

O que atrai os clientes: - Alguns itens são essenciais ou até obrigatórios em uma pet shop:

  • A presença de um veterinário na loja, de acordo com lei federal 

  • Banho e tosa, de preferência em sala envidraçada, para que o dono do cão possa acompanhar o serviço 

  • Atendentes com conhecimento técnico sobre as mercadorias 

  • Estacionamento na porta 

  • Auto-serviço. Balcões inibem a escolha de produtos 

  • Entrega de mercadorias em domicílio e transporte de animais 

PRIMEIRO MUNDO - Quando montou o Pet Center, Zimerman acreditava que o carro-chefe das vendas seriam as rações. Enganou-se. Os alimentos representam aproximadamente 48% do faturamento. O restante fica com acessórios e serviços. 'É um índice de país desenvolvido', diz o empresário. A cada fim de semana circulam 6.000 clientes pelo Pet Center Marginal, número seis vezes maior do que há um ano. Se tal movimento se mantiver, Zimerman acredita que conseguirá obter o retorno do investimento de 1 milhão de reais empregados na montagem da loja e na compra do primeiro estoque em, no máximo, 36 meses.
.
O negócio vai tão bem que Zimerman pretende montar uma rede de pequenas lojas dentro de shopping centers, com o nome 'Bicho sem Grilos'. As lojas vão funcionar apenas como pontos-de-venda de acessórios e rações em pequenas embalagens para clientes que foram fazer compras no shopping ou estão saindo do cinema e dispõem de pouco tempo. Se a idéia der certo, o Pet Center deverá se tornar também um centro de distribuição para a rede. A primeira loja acaba de ser inaugurada no shopping Eldorado, na zona oeste de São Paulo.
.
A referência de Zimerman para montar o Pet Center Marginal é a Cobasi, maior revenda de alimentos, acessórios e medicamentos para animais de estimação no Brasil. Ele conta que pesquisou o mercado e descobriu que o ranking era muito desequilibrado. A Cobasi estava em primeiro lugar, com um enorme volume de vendas, e os demais concorrentes se colocavam de forma pulverizada num patamar muito inferior. 'Praticamente não existia um segundo colocado e é nesse espaço que queremos nos encaixar', diz.
. 
ZIMERMAN, do Pet Center Marginal, de São Paulo: atendimento 24 horas, 13.000 itens nas prateleiras e planos de criar uma rede em shopping centers
. 
LIDERANÇA CONSOLIDADA - A trajetória da líder Cobasi comprova o potencial do mercado. Com a proposta de oferecer lojas amplas, com o máximo de comodidade aos clientes, a empresa inaugurou sua primeira unidade na Lapa, zona oeste de São Paulo, em 1985. Desde então, abriu outras três unidades em regiões estratégicas da cidade. A mais recente foi inaugurada em março no Brooklin, bairro de classe média da zona sul paulistana. Nos próximos meses, uma nova unidade da rede deve ser inaugurada.
.
Cada uma das unidades da empresa tem cerca de 2.000 metros quadrados de área interna, mais de 20.000 itens à venda, além de sala para banho e tosa, farmácia e clínica veterinária. A supervisora de marketing da Cobasi, Mariane Gaddy Ramos, diz que as lojas passam por grandes reformas, em média, a cada dois anos. O motivo é a necessidade de acomodar as constantes novidades. 'Só em alimentos, recebemos ao menos um item novo a cada mês', diz Mariane. Isso exige uma reciclagem semanal no treinamento oferecido aos atendentes da loja, para que eles estejam sempre afiados sobre cada produto na hora de atender o público.
.
Quem não é o maior, nem pretende sê-lo, precisa oferecer diferenciais para atrair os clientes. O ETC & Cão Pet Shop, situado nos Jardins, sofisticado bairro de São Paulo, por exemplo, dispõe de apenas 150 metros quadrados, dos quais metade para acomodar 3.000 artigos e o restante para banho, tosa e clínica veterinária. Segundo o veterinário Álvaro Devecz Jr., fundador da loja, seu segredo para compensar a falta de espaço está na boa organização da loja e na oferta de serviços, como entrega de mercadorias em domicílio e transporte de animais para banho e tosa, e vacina, o chamado táxi-cão. 
.
FINO TRATO - Há grande demanda também por produtos e serviços sofisticados para os bichinhos, como padaria canina e fábrica de chocolates para cães. A Vip Dog de Curitiba, por exemplo, vende uma média de cinco toneladas mensais de chocolates caninos. E, como não existem limites para o glamour do mundo pet, tem sempre consumidor disposto a pagar preços em dólar por perfumes importados, coleiras de strass e até jóias para cachorros. Existem até butiques sofisticadas, como a Daslu, templo de consumo dos milionários em São Paulo, que abriu uma linha de produtos, a Daslulu, para vender roupas e acessórios desenvolvidos por grifes como Louis Vuitton e Gucci para os fashion dogs dos clientes.
.
Como se vê, já foi o tempo em que qualquer pet shop da vida conseguia se consolidar no mercado. Não basta gostar dos bichinhos de estimação e investir alguns tostões para fazê-lo. Mas, com criatividade, conhecimento das características do setor e dos desejos do cliente, é possível encontrar um espaço para ganhar dinheiro no ramo. Até porque os donos de animais domésticos parecem cada vez mais dispostos a provar que vida de cachorro (ou de gato, coelho, passarinho, etc.) está muito longe de significar um problema.
.

Endereços: Cobasi, (11) 3831-8999, www.cobasi.com.br; ETC & Cão Pet Shop, (11) 3061-5426; Pet Center Marginal, 6097-7408, sergiozimerman@aol.com.br; Vip Dog, (41) 643-4664, www.vipdog.com.br

.

www.valoronline.com.br 

.

.

TA LOUCO!!!

.

Computer Associates

A 3ª maior empresa de software do mundo, está sendo acusada de maquiar os balanços no final dos anos 90. A Securities Exchange Comission, a xerife do mercado financeiro americano, diz que a empresa registrou vendas acima do obtido. Nesse mesmo período, os três maiores executivos, incluindo o presidente Sanjay Kumar, receberam US$ 1,1 bilhão em bônus pela valorização das ações. A companhia registrou a mesma venda de softwares em vários relatórios trimestrais sucessivos.

.

.

.

Coca-Cola suspeita de fraude de US$ 2 bilhões
Coca-Cola é o novo alvo de investigação de um escândalo contábil nos EUA. A Securities and Exchange Commission, xerife do mercado acionário americano, formalizou a apuração de denúncia feita por um ex-executivo de que a empresa teria fraudado seus balanços em US$ 2 bilhões, informou a própria Coca-Cola. Até então, a SEC vinha conduzindo uma investigação informal das contas da companhia que já durava sete meses. A oficialização dá ao órgão poder de intimar atuais e ex-executivos a depor e exigir documentos relativos ao caso. 

.

.

Metron envolvida na Operação Anaconda
Matérias publicadas no jornal Folha de S. Paulo indicam que o delegado da Polícia Federal Nivaldo Bernardi, também envolvido no escândalo, teria ajudado a liberar componentes eletrônicos contrabandeados para a Metron em dezembro de 2002. O caminhão com o contrabando, proveniente da importadora Delta, havia sido apreendido pelos agentes do delegado Carlos Tadeu Tarso antes de chegar à sede da fabricante. A descoberta foi feita em conversas telefônicas gravadas pela Operação Anaconda nos dias 17 e 18 de dezembro daquele ano, diz a Folha. A liberação da muamba foi comandada pelo delegado da PF José Augusto Bellini e pelo empresário Wagner Rocha, ambos já presos sob a acusação de integrar o grupo que vendia sentenças judiciais. 

.

.

.

.

.

.

.

..

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

 

..

.. " AO FINAL O QUE É NEGOCIAÇÃO G/G ? "

..
..

SR. PROF. JOSÉ AUGUSTO WANDERLEY

.

.

.

.

Existe muita confusão sobre o que seja negociação Ganha/Ganha (G/G). - Por um lado, os céticos, os cínicos e os competitivos, que consideram o G/G impossível. - Por outro, os ingênuos que acham que G/G é ser "bonzinho".
.
Os céticos, cínicos e competitivos partem do princípio que se um ganha o outro tem que, necessariamente, perder. No fundo consideram cada situação como uma torta a ser divida entre duas pessoas. Uma, fatalmente levará a maior fatia. Ou ainda, acreditam que houve
Ganha/Ganha quando ganham duplamente. 

.

Já os "bonzinhos", são, invariavelmente, perdedores. Em geral, em nome da cooperação, não lutam pelo desejável e acabam obtendo o mínimo necessário, ou o que é pior, até menos que o mínimo. Mas sempre têm uma boa justificativa: - "Estou cedendo em nome do G/G".
.
Assim, é necessário que se entenda que o desfecho
G/G é fruto de muita competência e entre estas competências está a de identificar todos os procedimentos, truques e ardis de quem negocia Ganha/Perde (G/P). E mais:

Entender que só existe negociação G/G caso se possa encontrar alternativas de ganho comum, isto é, que atendam aos interesses das partes. Caso elas não sejam encontradas não existe negociação G/G
.

Para que haja negociação G/G, a efetividade do acordo deve ser produto da qualidade pela aceitação. Qualidade, quer dizer que os interesses legítimos das parte foram atendidos. Aceitação quer dizer que as partes ficaram satisfeitas e se comprometem com o cumprimento do que foi acordado..

.
ASPECTOS A CONSIDERAR
É necessário ainda, que se esteja atento a três outros aspectos que são: 

  • a postura negocial, 

  • os desfechos da negociação 

  • e a forma de negociar.

postura negocial diz respeito ao sistema de crenças e valores de uma pessoa. Exemplo: "Querer que os interesses das partes sejam atendidos". Em última instância, indica se uma pessoa é bem ou mal intencionada. Se está negociando para encontrar acordos que atendam aos interesses das partes ou tão somente visando atender aos próprios interesses, mesmo que isto importe em danos expressivos para o outro lado. Portanto, a postura negocial está relacionada tão somente às intenções dos negociadores. De qualquer forma, para os "bonzinhos" vale a expressão: - "de boas intenções o inferno está cheio".
.
desfechos da negociação se referem aos resultados, isto é, se os interesses e necessidades das partes foram atendidos através do acordo a que se chegou. E aí temos os três desfechos possíveis: G/G, G/P e P/P
.
Não existe relação de causa-efeito entre postura negocial e desfecho de uma negociação, isto é, uma pessoa bem intencionada - postura negocial G/G, pode chegar a um desfecho Ganha/Perde, tanto a seu favor como contra. 

Isto pode depender de questões relacionadas ao conhecimento do negócio, às maneiras como as etapas são desenvolvidas, como não se ter feito uma boa preparação, ou da utilização de táticas Ganha/Perde pelo negociador oponente; depende também do fato de o negociador afirmar que tem recursos limitados, R$ 200.000,00, quando na realidade dispõe de R$ 800.000,00 e em nome do bom relacionamento e outras "causas nobres", solicitar e obter concessões indevidas. 

.

Isto mostra que um negociador bem intencionado, postura G/G, pode acabar perdendo. Mas também, o que pode ser paradoxal, é que um negociador mal intencionado, postura G/P, pode chegar a um desfecho G/G. Tudo depende da forma de negociar do seu oponente, ao fazer face às táticas G/P que tenha utilizado. 

.

Assim, gostaríamos de deixar claro, mais uma vez, que não existe correlação entre postura negocial e desfecho de uma negociação. Portanto, a intenção, por si só, é apenas um dos elementos que devem ser considerados.
.
Aos dois conceitos anteriores, devemos acrescentar o de
"formas de negociar", que são: - "a barganha de propostas e a solução de problemas. 

A barganha de propostas é, basicamente, a queda de braço, sem um aprofundamento dos entendimentos compartilhados do que se está negociando. 

.

A solução de problemas, ao contrário, busca o entendimento da situação e a busca de soluções que atendam aos interesses das partes. Na barganha o negociador já tem a sua solução e procura impô-la ao outro lado.

Não há uma forma correta de negociar. Tudo depende da situação. Se você for comprar uma camisa, por que não barganhar? Entretanto, se a situação demanda um desfecho que necessite de sinergia, como uma negociação visando uma mudança organizacional ou uma pesquisa tecnológica cooperativa, a barganha e a postura negocial G/P levam, quase que inevitavelmente, ao desfecho Perde/Perde. Isto é, o mocinho e o bandido acabam morrendo no final do filme.
.
De qualquer forma, quando alguém fala em negociação
G/G, tenha muito cuidado. Por princípio desconfie. Tanto você pode estar diante de um "bonzinho", como de um lobo com pelo de cordeiro, que tenta convencê-lo que o seu péssimo resultado é tão somente um excelente acordo G/G

.

E o pior de tudo é você realmente acreditar.


.

.

SR. PROF. JOSÉ AUGUSTO WANDERLEY
..
CONSULTOR

.

.

.

.

.

..

.

.

.

.

.

.

.

.

dicas e curiosidades 

"JORNAL DICAS DA SEMANA" Nº240 DO WWW.SDR.COM.BR

.

REFLEXÃO   PENSAMENTOS

..

.

SEMPRE DEVEMOS LEMBRAR
.

.
Todas as pessoas são diferentes uma das outras, mas todos somos iguais. 

E devemos fazer tudo para que assim continue sendo. 

.

A todo ser humano, lhe foram concedidas duas formas de atuar: - A ação e a contemplação. Ambas conduzem ao mesmo lugar.
.
A todo ser humano lhe foram concedidas duas qualidades: - O poder e o Don. O poder dirige a pessoa ao encontro de seu destino, o don lhe obriga a compartir com os outros o que há de melhor em se mesmo. Uma pessoa deve saber quando usar o poder e quando usar o don.
.
A todo ser humano lhe foi dado uma virtude: - A capacidade de escolher. Quem não utiliza esta virtude a transforma em uma maldição, e sempre os outros escolherão por ele.
.
Todo ser humano tem direito a duas benção: - A benção de acertar e a benção de equivocar-se. No segundo caso, sempre existe um aprendizagem que o conduzira ao caminho correto.
.
Todo ser humano tem um perfil sexual próprio, e deve exerce-lo sem culpa, sempre que não obrigue aos outros a exerce-lo com ele.
.
Todo ser humano tem uma lenda pessoal a ser cumprida, e esta é sua razão de estar no mundo. A lenda pessoal se manifesta através do entusiasmo com o que faz. Pode-se abandonar um certo tempo esta lenda pessoal, sempre que não a esqueça e volte a ela tão rápido quanto possível.
.
Todo homem tem seu lado feminino e toda mulher tem seu lado masculino. É necessário usar da disciplina com intuição e usar a intuição com objetividade.
.
Todo ser humano tem que conhecer duas linguagens: - A linguagem da sociedade que vive e a linguagem dos sinais. Uma serve para a comunicação com os demais. A outra serve para entender as mensagens que recebemos.
.
Todo ser humano tem direito a procurar a alegria e se entenda por alegria alguma coisa que o deixe contente, não necessariamente aquilo que deixa contentes aos outros.
.
Todo ser humano deve manter viva dentro de se, a chama da loucura. E deve comportar-se como uma pessoa normal.
.
Somente devemos considerar faltas graves: - O não respeito aos diretos do próximo, deixar-se paralisar pelo medo, sentir-se culpável, acreditar que não merece o bom ou o ruim que lhe sucede na vida e ser covarde. Por isso amaremos aos nossos inimigos, mas não faremos alianças com eles. Foram colocados em nosso caminho para provar nossa espada e merecem todo o respeito de nossa luta. De igual forma poderemos escolher nossos inimigos.
.
Todas as religiões conduzem a
ELE e todas merecem o mesmo respeito. A pessoa que escolhe uma religião, também está escolhendo uma maneira coletiva de adorar e compartir os mistérios. Não obstante, é o único responsável pelas suas ações no caminho, e não tem o direito de transferir para a religião, a responsabilidade de seus passos e decisões. .

Devemos dar fim ao muro que separa o sagrado do profano: - a partir de agora, tudo é sagrado. Tudo quanto é feito no presente, afeta o futuro como conseqüência e ao passado como redenção.

.
Autor Desconhecido

.

.

.

.

.

.

..

.

.

.

.

.

.

.

.

.

 

SR. PROF. ANTÔNIO DE PÁDUA B. BRAGA

.

.
Consultor da SAGRA - Consultoria em Vendas

..

.

" CAROÇO HOJE, FRUTO AMANHÃ "

 

.
Quando um provável cliente entra numa loja com a intenção de comprar algum produto, faz alguns questionamentos com o vendedor que o está atendendo e depois sai sem realizar a compra, é logo taxado de: -
“caroço”. 

.

Quando o cliente diz algo como:

  • “vou pensar mais um pouco”

  • “depois eu volto” etc.

O vendedor diz logo: - “eu sabia que não que ele não ia comprar”. Infelizmente, atitudes como essas são bastante comuns no dia-a-dia do comércio varejista, o que contribui para afugentar cada vez mais os clientes, os quais percebem a mudança de comportamento do profissional. Lamentavelmente, isso ocorre pela falta de profissionalismo de muitos vendedores, que por desconhecerem as técnicas de abordagem, técnicas de vendas, de relacionamentos pessoais etc., perdem o equilíbrio emocional. 
.

O vendedor profissional, ao contrário, demonstra bastante equilíbrio numa situação como essa, pois ele sabe que nem sempre a venda se concretiza no primeiro contato. Aproveita então a oportunidade para plantar a semente, a fim de colher o fruto em seguida. Por isso, trata o cliente com o máximo de respeito, educação, cortesia, presteza, demonstrando entusiasmo e alegria do começo ao fim do contato. Mesmo que o cliente não compre, o sorriso natural e sincero permanece estampado no rosto, acompanhando o agradecimento pela visita num tom bastante profissional e agradável. 
.
O vendedor não profissional é mestre em atitudes negativas, com o humor variando freqüentemente, predominando geralmente o mau humor, pois obtém mais respostas negativas do que positivas, justamente por não estar preparado para vender. Está sempre reclamando da vida, dos clientes chatos e indecisos, dos colegas produtivos, do patrão, do salário, ou seja, de tudo, mas é incapaz de perceber o óbvio, onde está a verdadeira falha. Demonstra sempre falta de entusiasmo, cansaço e geralmente está encostado em algum lugar, torcendo para que o cliente não se aproxime dele, pois já faz o seu pré-julgamento, que não é necessário ser adivinhão para saber o que vai acontecer. 
.
Esse tipo de profissional está sempre com baixa auto-estima, razão por quê relaxa na aparência pessoal, estando também sempre fora de sintonia com os vendedores profissionais. Não acredita em si, nos seus produtos e muito menos nos seus preços, ficando sem argumentos quando os clientes dizem que o produto é caro. Realmente não pode argumentar por desconhecer os reais benefícios dos produtos, ficando numa situação sem saída quando o cliente deseja esclarecimentos de dúvidas. A única coisa que sabe informar é o preço, mas despeja logo sobre as condições a prazo e todos os descontos. 
.
O vendedor profissional faz tudo o contrário, começando pela abordagem até a conclusão da venda. Está sempre preparado e com argumentos convincentes que transmitem segurança e deixam o cliente tranqüilo. Faz questão de demonstrar o produto com entusiasmo, emoção, convicção, mostrando vantagens e benefícios, agregando valor, para que o preço deixe de ser uma objeção, comum na maioria das relações comerciais. Presteza e disposição fazem parte da sua rotina normal de trabalho, demonstrando bastante interesse pelo cliente, que é o seu foco principal. 

.

Antes de falar do preço, pergunta ao cliente qual a opção de pagamento que prefere para usar as estratégias adequadas que satisfaçam as duas partes. Vendendo ou não, quando a situação permite, o profissional acompanha o cliente até a porta, despedindo-se sempre com educação, nunca deixando de agradecer pela visita e se colocando a disposição para novos contatos. Se a venda foi efetivada, também, quando possível, acompanha o cliente até o caixa da loja e ainda faz uma ligeira apresentação à atendente, de modo a personalizar o atendimento, que ficará gravado na mente do cliente. 

.

Boas sementes, quando plantadas com técnicas adequadas, irão gerar árvores vigorosas, saudáveis, que darão frutos de excelente qualidade por muitos e muitos anos. Portanto, antes de desprezar um caroço, pense nos frutos que virão e na felicidade que irão lhe proporcionar.
.

.

SUCESSO EM 2004! 
.

.

SR. PROF. ANTÔNIO DE PÁDUA B. BRAGA

.

.
Consultor da SAGRA - Consultoria em Vendas



Fazemos treinamentos, seminários e palestras em Vendas e Qualidade no Atendimento, para grupos abertos ou fechados, na sua empresa ou na sua cidade. Entre em contato conosco!

.

Fone: (81) 3327-8084 / Fone-Fax: (81) 3465-4266 - E-mail: sagracv@terra.com.br 
Rua Agenor Lopes, 292 - Sl 503 - Boa Viagem - CEP 51021-110 - Recife-PE

.

.

.

.

.

.

..

.

.

.

.

.

.

.

.

.

vendas e representação  

dicas e curiosidades 

"JORNAL DICAS DA SEMANA" Nº240 DO WWW.SDR.COM.BR

.

PIADAS   DITADOS

..

PIADA DE COR AZUL = LINDINHAS
PIADA DE COR ROXA = PICANTES
PIADA DE COR MARROM = POLÍTICA
PIADA DE COR VERMELHO = PAHH
PIADA DE COR VERDE = ENJÔO!
PIADA DE COR PRETO = FEIA

Um senhor num restaurante chama o Maitrê...Por fineza, o peixe vem acompanhado ?
Sim Senhor, do nosso Garçom...

O rapaz diz à mãe que se apaixonou e vai casar. Propõe uma brincadeira: - Trazer três mulheres para a mãe adivinhar qual delas é a eleita. No dia seguinte, chegam três mulheres lindíssimas. Depois de horas de conversa, o rapaz pergunta: – Então, mãe, com qual vou casar?
A mãe nem hesita: – Com a do meio.
Incrível! Como você adivinhou?
Não gostei dela.

Um irlandês, um mexicano e um louro estavam trabalhando na construção de um edifício de 20 andares.
Eles começaram a abrir suas marmitas para almoçar e o irlandês disse, irritado: "Bife com repolho de novo! Se eu abrir essa maldita marmita amanhã e encontrar bife com repolho me jogo desse prédio!"
O mexicano abriu sua marmita e gritou, "Burritos de novo!
Se amanhã meu almoço também for burritos, me jogo daqui!"
O louro abriu a sua e disse, "Sardinha de novo! Se meu sanduíche amanhã for de sardinha de novo, me
jogo também".
No dia seguinte o irlandês abriu sua marmita, viu o bife com repolho e pulou para a morte.
O mexicano abriu sua marmita, viu os burritos e pulou também.
O louro abriu o sanduíche, viu que era de sardinha e também se jogou do prédio.
No enterro, a mulher do irlandês chorava sem parar, dizendo: "Se eu soubesse o quanto ele estava cansado de comer bife com repolho, eu nunca mais teria posto na marmita dele!"
A mulher do mexicano também chorava, "Eu poderia ter feito tacos ou enchiladas! Não percebi o quanto ele estava odiando comer os burritos!"
Todos se voltaram e olharam para a esposa do louro:  - "Ei, nem olhem para mim. Ele sempre fez seu próprio almoço!"

Pouco antes da meia-noite o guarda fazia sua ronda quando viu um carro parado em um local deserto, com os vidros embaçados. - Desconfiado, o guarda aproximou-se do veículo e dirigiu a luz da lanterna para dentro do carro, viu uma adolescente lendo um livro no banco de trás e um rapaz ao volante, ouvindo rádio.
Quantos anos vocês têm e o que estão fazendo? perguntou ao motorista.
Eu tenho 19 anos e estou ouvindo música!
E ela, o que está fazendo?
Está lendo!
E quantos anos ela tem?
Daqui a 10 minutos terá 18!

Um ladrão assalta um cara pela rua e o faz com um alicate, apertando-lhe a barriga firmemente, enquanto o assaltado cheio de dor gritava: - Leva tudo, relógio, anel, corrente, ai como dói,  não apertes mas o alicate que dói demais...
O ladrão pega as coisas, afrouxa o alicate e vira para ir embora, quando o assaltado lhe grita: - No sapato tenho mais 500 reais...
O ladrão não entende nada e lhe pergunta: - Porque estás me avisando se nem ia te revisar os sapatos ?
Para que te compres uma arma filho da puta, porque com o alicate dói demais ser assaltado!!!

O Dr. Delegado que tinha fama de nunca deixar um caso sem solução pergunta: - Acharam alguma coisa?
Não.
Nem uma pista?
Não.
Nem um fio de cabelo?
Nenhum.
Ótimo! Vão lá e prendam o careca filho da puta, não tenho mais dúvidas!

Pinóquio tinha uma namorada humana, e sempre que iam fazer amor, tinham que parar porque ela reclamava das farpinhas de madeira, que machucavam as partes íntimas. 
Um dia Gepetto passou pela sala e viu Pinóquio todo tristonho... O que foi, meu filho ? 
- Ah, pai. - E contou seu problema a Gepetto, que com sua experiência de grande artesão lhe deu a solução: É só passar uma lixinha no pintão, ate deixar bem lisinha e sem farpas! 
Gepetto deu uma lixa novinha a Pinóquio. - Passado algum tempo, lembrou-se do caso e perguntou a Pinóquio:
- E a namorada ? Como vai ?
Pinóquio deu um sorriso maroto: - Ora... E quem precisa de namorada ? 

Em um bar, a prostituta mais velha pergunta a um homem: - Que é mais importante, ter o pinto grande ou saber move-lo?

Saber move-lo sem dúvida que é o mais importante, tamanho não quer dizer nada!!! 

Ao que a tia acrescenta: - Outro de pinto pequeno...

Um leitão tenta entrar na casa do caseiro com uma rosa na mão, e o capataz quando o vê o chuta longe. De novo o leitãozinho tenta entrar, mas agora pela janela com a rosa na boquinha, mas o capataz de novo o vé e fecha a janela na fuça dele e o mesmo caí feio. 

Mas dá a volta pela casa e tenta a porta dos fundos, e o caseiro já curioso pelo motivo que levava o leitãozinho a querer entrar com a flor, deixa entrar e se esconde atrás da porta para poder ver...e o leitãozinho vá para a cozinha, abre o forno e deixa a rosa dentro e diz... - Feliz dia Mãe! 

Dom Mengano (famoso pelo mão de vaca), pai da Fulana, preocupado por esta, pergunta: - "Filhinha, tens algum pretendente ? 
"Sim Pai, tenho três...

O Pai decide submeter a prova cada um deles para saber em qual poderia confiar e entregar a quitanda que tinha no bairro e sustentava a casa!

Na noite marcada para serem postos a prova, o sogro deu para cada um dos três, diferentes coisas e manda eles embora e que era para que voltassem no dia seguinte...

O primeiro se apresenta e o velho lhe pergunta: - Que fizeste das laranjas que te dei ?

Comi, o que ia fazer ?

O velho mandou embora na hora reclamando que poderia ter guardado as cascas para queimar e afugentar mosquitos, que poderia ter guardado as sementes para novas árvores e por lá vai.

Chama o segundo e pergunta que tinha feito com os ovos ?

Foi demais responde o cara, fizemos uma omelete daqueles!

Te manda daqui seu abestalhado, gritou o velho. Poderias ter guardado as cascas para moer e dar as galinhas como cálcio...

Assim manda chamar o terceiro e pergunta que tinha feito com o salamito?

Bem, tirei a cordinha e costurei o botão da calça. Depois comi o de dentro e trouxe um sanduba para o Sogrinho amigo, com a pele fiz uma camisinha porque é importante cuidar, comi sua filha e aqui está o leite para o gatinho...

.

.

.

.

..

.

.

.

.

.

.

.

.

.

 

...

.... " UMA SEGUNDA CHANCE "

..

.PROF. RICARDO JORDÃO

.PRESIDENTE, FUNDADOR E SEU AMIGO

BIZREVOLUTION CONSULTORIA DE MARKETING

....

.

.

http://www.bizrevolution.com.br         ricardom@bizrevolution.com.br

.
.

"O cínico é aquele que sabe o preço de tudo e o valor de nada"

Autor desconhecido 
.

.
Querida Amiga (o), 
.
Alguém que você ama muito acaba de sofrer algo terrível. Dias depois você está frente-a-frente com a pessoa que machucou quem você ama e lhe é dada a oportunidade de fazer essa pessoa sofrer da mesma maneira que a pessoa que você ama sofreu.
O que você faz? Esquece quem você é e de onde você veio e passa a se parecer com todo mundo, ou faz com que todo o mundo se pareça com você? 
.
Para aqueles que são cínicos, céticos, sarcásticos e imprudentes, essas palavras devem soar como vazias e cheias de
"você fala isso porque você ainda não passou por isso". Mas mesmo para esses eu digo, se você realmente quer dar o troco, a pior coisa que você poderia fazer para uma pessoa é não fazer nada, ser indiferente, deixá-la ir embora. 

.

Existe sempre um peixe maior no oceano..., e quando essa pessoa encontrar esse peixe maior... (E ACREDITE! Esse encontro IRÁ ACONTECER), coisas que você nunca imaginaria fazer (porque você decidiu ser uma pessoa de valores), irão acontecer e ela. 
.

Ou talvez uma Segunda Chance 
.

Todos os dias você tem e terá a oportunidade de dar e se dar uma Segunda Chance em muitas diferentes situações. Como naqueles casos onde um cliente pede a você mais do que deveria, e não valoriza você tanto quanto poderia. Não se preocupe. Não fique triste em perdê-lo caso você não consiga atendê-lo. Deixe-o ir embora. Quando ele encontrar um peixe maior do que ele aí fora, ele volta. 

.

E acredite: - "DEIXE DE SER CÉTICO", ele volta. 
.

Do seu lado, não pense que você também não foi cínico com esse cliente para que a situação chegasse onde chegou. Quando ele retornar, você também terá uma Segunda Chance para começar a fazer por ele algo que você talvez não tenha feito até agora. 
.
Em 1985 um terrível terremoto atingiu o México. A Etiópia, um país que ainda não tem a mínima condição de ajudar ninguém, enviou um cheque de 5 mil dólares para tentar aliviar a dor da catástrofe. Ninguém conseguia imaginar porque um país com milhões de famintos havia feito tal gesto. Um jornalista, sensibilizado com a história, descobriu que em 1935 o México havia enviado para a Etiópia um cheque de 5 mil dólares para ajudar a acabar com a fome por lá. 40 anos depois, o governo da Etiópia encontrou a oportunidade certa para retribuir o gesto de carinho. 
.
Os
Clientes, os melhores Seres Humanos, estão cada vez mais sofisticados. A cada dia que passa eles demandam que você AJA com uma reciprocidade genuína com eles. Você bate a sua meta porque um determinado cliente "comprou" de você, e o máximo que você faz é levá-lo para almoçar, jantar, dar a ele alguns ingressos para um determinado seminário, ou uma viagem gratuita para o exterior. É isso? Só isso? Você tem uma Segunda Chance, o que você faz? 
.

O mundo das corporações (CORPORAÇÃO = CORPO) 

em que você e eu vivemos é exatamente isso: 

.

CORPO! E corpo sem alma não é NADA. 
.

O ESPÍRITO do nosso TRABALHO é levar ALMA para dentro desse CORPO e em tudo que essa corporação faz pelas pessoas. Ou seja, FAZER ALÉM das coisas palpáveis, ALÉM dos manuais escritos, ALÉM do que lhe é pedido, ALÉM do que lhe é passado nos treinamentos e nos contratos, DAR IDÉIAS DE GRAÇA e FAZER algo sem esperar retorno algum das pessoas. 
.

Difícil de acreditar nessa possibilidade? 
.
Seja menos cínico. Eu dou a você uma Segunda Chance. Nada menos que isso interessa.

.

.
..

.
QUEBRA TUDO!    Foi para isso que eu vim e vocês?

..

.

.PROF. RICARDO JORDÃO MAGALHÃES
.PRESIDENTE, FUNDADOR E SEU AMIGO

BIZREVOLUTION CONSULTORIA DE MARKETING

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

futuro e tendências

"JORNAL DICAS DA SEMANA" Nº240 DO WWW.SDR.COM.BR

.

.

FUTURO - TENDÊNCIAS   MARKETING - PESQUISAS

..

.
Demonstre iniciativa
.

Não sente em sua mesa e espere por alguém dizer a você o que fazer. Demonstre iniciativa. Ofereça ajuda ao seu chefe para preparar aquela apresentação que ele deve fazer. Ofereça ajuda para revisar os custos daquele projeto que foi barrado. 

.

Se o seu departamento precisa enviar alguém para aquela reunião 

que ninguém gosta de ir, seja voluntário. 
.

.

Conhecimento é mais do que informação
.

Um dos livros de maior impacto nas últimas décadas do século passado referia-se ao futuro. “O Choque do Futuro” do jornalista americano Alvin Toffler começa a partir de uma análise interessante da evolução da sociedade humana. Diz ele que se considerarmos um período de evolução de cinqüenta mil anos para a espécie humana, e dividirmos esse tempo em gerações de 62 anos cada, teremos um total de oitocentas gerações. 
.
Dessas, 650 foram passadas nas cavernas. A escrita surgiu há 70 gerações, permitindo o início da comunicação efetiva entre as gerações. A grande massa da população só viu alguma pagina impressa há seis gerações. Nas últimas quatro começamos a medir o tempo com precisão e, somente nas duas últimas é que começamos a utilizar o motor elétrico. Diz ele, também, que a imensa maioria dos bens materiais que usamos na nossa vida diária de hoje foram desenvolvidos dentro da atual geração, a 800ª.

.

Outro autor, o pesquisador britânico Kevin Desmond, conhecido estudioso da evolução das tecnologias, publicou o livro "A timetable of inventions and discoveries" (M.Evans & Co, Inc – NY, 1986), não lançado no Brasil. O autor apresenta, nesse livro, uma curiosa e, ao mesmo tempo, preocupante visão da evolução do conhecimento acumulado pela humanidade.
.
Segundo o mesmo, todo o conhecimento que a humanidade conseguiu produzir até o início do cristianismo, foi multiplicado por dois até a revolução industrial. Desse ponto teoricamente o ano de 1750, em diante, o conhecimento voltou a dobrar, primeiro em duzentos e cinqüenta anos, depois em cinqüenta e finalmente em dez, até o surgimento dos primeiros computadores pessoais, no início dos anos oitenta. Na penúltima década do século XX o conhecimento foi multiplicado por quatro e na última – pasme - "
por dez".

.

A realidade é que somos assaltados com velocidade crescente por uma verdadeira avalanche de informações, através dos meios de comunicação cada vez mais competentes. Nesse cenário de velocidade alucinante surge um novo tipo de ansiedade:

.

a de lidar com o excesso de informações, uma espécie de “informatite”

..

.

EDUCADOR

.

fone: [11] 3661.2765

.

.

PESQUISA

.

SE APROXIMA O FIM DO E-MAIL MARKETING?

.
A maioria dos profissionais de marketing direto em Alemanha, opinam que o e-mail marketing é uma ferramenta pouco efetiva devido ao problema do SPAM. Esse é o resultado de uma enquête on-line não representativa, realizada pela empresa alemã "One-to-One", especializada em temas de marketing e publicidade.
.
Dela se desprende que somente o 42% dos consultados acredito que dito canal publicitário se manterá, a pesar da oleada do
SPAM, frente a um 52,44% que opina o contrário e 5,5% que se reserva o direito de opinião.

.

.

é preciso parecer bom

O sucesso pessoal ou na carreira está vinculado à conjugação das práticas do marketing funcional e do marketing pessoal, dois instrumentos de projeção e novas conquistas. 
.

Imagem: - "Esta é a palavra que diretamente se associa ao marketing pessoal e marketing funcional" 
.

O primeiro diz respeito ao profissional, tem a ver com o quão bem ele é capaz de expressar o que é nas palavras que usa e nas ações que pratica. 
.
O segundo, marketing funcional, tem seu foco mais voltado para as atividades da empresa, isto é, ressaltam-se os valores, as atividades, os resultados da organização ou de uma área específica. 
.
Em ambos os casos, o processo é conduzido por um profissional, que deverá conciliar as duas modalidades de marketing. O resultado dessa fusão estará na imagem projetada, a qual, nos dias de hoje, poderá ser o céu ou o inferno de uma pessoa ou empresa. 

"Não adianta saber; é preciso fazer alguma coisa com esse conhecimento. As pessoas valem não pelo que sabem, mas pelo que fazem com o que sabem. O resultado dessas frases é o seguinte: faça marketing ou você está morto."

L. A. COSTACURTA JUNQUEIRA
.
VICE - PRESIDENTE 
.
Instituto MVC  M. Vianna Costacurta Estratégia e Humanismo

.

Contatos: 11 3171-1645 / 3285-2438 - costacurta@institutomvc.com.br  

 

www.institutomvc.com.br

.

.

ESTRATÉGIA

.

SABEDORIA POPULAR

.

Tendo chegado ao conhecimento do Delegado de Homicídios a notícia de um crime, instaurou-se o devido inquérito policial.  Apurou-se, no decorrer do processo de investigação, a existência de uma testemunha que havia presenciado os fatos. Argüida pelo Delegado, a testemunha levou-o ao suspeito.

. 
Lá chegando, o Delegado deparou-se com um problema grave: - O suspeito tinha um irmão gêmeo, idêntico. Diante da circunstância, a testemunha não conseguiu apontar o autor do fato delituoso. Na dúvida, o delegado prendeu os dois irmãos.

.
Após os 30 dias da prisão preventiva um dos dois irmãos tinha engordado quase quinze quilos, enquanto o outro permaneceu com o mesmo peso de quando fora preso. Analisando pormenorizadamente os fatos e os acontecimentos, o delegado concluiu quem seria o autor do crime. Ato seguinte, liberou o gêmeo gordo e indiciou o outro.

você como detetive ficou com a pulga atrás da orelha, e se pergunta: - como o delegado e de acordo com qual fundamento se baseou para a sua decisão de liberar um e indiciar o outro ?
.

.

Tomou por base a sabedoria popular. - e É muito simples: - "O que não mata, engorda"!

.

.

Dick Robinson - CEO da Scholastic 

.
.

.

  • Provérbio favorito: "Não faça aos outros o que você não quer que seja feito com você"

  • A qualidade mais importante que um Líder deve ter: "A Habilidade de entender as pessoas. Especialmente Clientes e Funcionários" 

  • O melhor treinamento que um Líder pode ter: "Trabalhar em todas as áreas de uma empresa" 

  • Qual é a pior característica que um líder pode ter? "Egocentrismo. Colocar a si mesmo na frente das necessidades da empresa, dos funcionários e clientes" 

  • Como um CEO deveria investir o seu tempo livre ? "Apresentando a missão, metas, objetivos financeiros e a mensagem corporativa para funcionários, clientes, fornecedores e comunidade" 

.

MATANDO A SEDE DO BRASIL - Istoé

.

Cinco pequenas sílabas podem valer R$ 500 milhões? Se elas forem "Ex-pe-ri-men-ta", não há dúvida de que sim. Foi com esse convite ao consumidor que a Schincariol ampliou seu faturamento em meio bilhão de reais. 

.

Nas fábricas da empresa, a ociosidade caiu a zero. Os operários trabalham em três turnos, sete dias por semana. Além disso, 500 pessoas foram contratadas, 200 caminhões foram comprados e investimentos de R$ 160 milhões em uma nova fábrica, a ser instalada no Rio Grande do Sul, foram antecipados. Tudo para atender uma demanda que, em poucos meses, foi às alturas. 

.

Desde setembro do ano passado, quando o “experimenta” foi ao ar pela primeira vez, as vendas da Nova Schin cresceram 50% a participação de mercado da empresa saltou de 10,1% para 15,2%, segundo o instituto Nielsen, enquanto os rivais encolheram quase 10%. 

.

Isso fez da Nova Schin um dos maiores sucessos da história do marketing no Brasil, numa estratégia conduzida pelo publicitário Eduardo Fischer. Com sua palavra mágica, ele fez renascer a guerra das cervejas, abalou as estruturas da AmBev e relançou a discussão sobre o conceito de eficiência no mercado publicitário.

.

LEIA O ARTIGO COMPLETO DA ISTOÉ CLICANDO AQUI

.

..

.

..

.

.
Reuniões PODEM SER produtivas
.

Reuniões podem ser bastante produtivas mas podem ser também um verdadeiro desperdício de tempo e dinheiro. Aqui vão mais algumas idéias que podem ajudá-lo a gerenciar melhor as suas reuniões. 
.
Toda reunião para ser produtiva deve ter: o seu Propósito, a sua Agenda e o seu Tempo de Duração. Se um desses itens faltar, a reunião não deve ser realizada. 
.
Você deve ser capaz de definir o propósito de uma reunião em uma ou duas sentenças, por exemplo, "Essa reunião é para planejar a nova campanha de marketing da empresa". Dessa maneira, todos sabem por que eles estão ali, o que é preciso ser feito, e como saber se todos conseguiram ser bem-sucedidos. 

Defina a agenda. Liste os itens que serão discutidos, revistos, analisados, apresentados etc. Eu gosto de definir um tempo limite para cada item da agenda e identificar uma pessoa responsável para liderar a discussão. 
.
Defina o tempo de duração. Desde o princípio, defina quando a reunião começa, e às vezes ainda mais importante, quando ela termina. É incrível a quantidade de gerentes que não sabem terminar uma reunião dentro do horário previsto!!!! Se você ainda tem esse hábito..., PENSE NOVAMENTE! 
.
Não espere pelos outros. Reuniões precisam começar no horário determinado. Não espere pelos atrasados. Não espere por aqueles que precisam ser chamados para uma reunião. Você já não os avisou previamente? Pois então, eles que apareçam no horário. E quando os atrasadinhos chegarem, NÃO VOLTE A REVISAR O QUÊ JÁ FOI FALADO. O tempo daqueles que seguem o horário deve ser respeitado. .

Se o organizador da reunião não chegar no horário, considere a reunião cancelada e volte ao trabalho. 
.

Quanto tempo esperar até o organizador aparecer pode variar de empresa para empresa, mas eu não esperaria mais do que cinco minutos. 
.
Tenha o hábito de documentar a reunião. Alguém, além do organizador da reunião, deveria ser responsável por tomar nota daquilo que foi falado durante a reunião. 
.
O quanto detalhado deve ser essas anotações varia de acordo com a natureza daquilo que foi discutido. O resumo deve conter o nome das pessoas presentes, o que foi discutido, os acordos que foram alcançados, e os próximos passos que foram determinados com datas e seus respectivos responsáveis. 
.
Assim que a reunião terminar não deixe passar mais do que 24 horas, as anotações devem ser distribuídas para todos os participantes, para aqueles que foram chamados para participar e não compareceram, e para todos aqueles que possam ser influenciados pelas decisões tomadas. O correio eletrônico é a melhor maneira de distribuir as anotações.
.

FOCO, FOCO, FOCO! Toda reunião deve ter uma pessoa determinada para avisar os outros participantes quando esses fogem do tópico que deve ser discutido. Peça por um voluntário no início de cada reunião. O trabalho desse profissional é interromper qualquer discussão que fuja do tema principal. Esses novos tópicos podem ser anotados e virar tema de discussão para as próximas reuniões. Caso surja alguma dúvida sobre determinado assunto estar dentro do foco da reunião ou não, o Organizador da Reunião deve dar a palavra final.

.

Reuniões DEVEM SER produtivas! 
 

.

PROF. RICARDO JORDÃO
PRESIDENTE, FUNDADOR E SEU AMIGO

BIZREVOLUTION CONSULTORIA DE MARKETING.

.

.

.

.

..

.

.

Sistema de Representação para Representantes Comerciais

.

SISTEMA DE REPRESENTAÇÃO, VENDAS E SERVIÇOS SDR

.

o sistema sdr já inclui NO PREÇO o uso em rede ilimitado sem custos extras E não tem taxa de manutenção mensal. a única taxa que o sistema sdr tem, é a anuidade de R$:120,00 para efeitos de suporte e atualização, com vencimento em março de cada ano (2007 bonificada)

.

.

Sistema de Representação para Representantes Comerciais

FONE: 51 3019 2817

.

sistema de representação comercial e vendas

.L

.

.

caso deseje alterar ou cancelar sua assinatura, clique no link a seguir:

ALTERAR ASSINATURA

.

.

ÓTIMO TRABALHO E ATÉ A PRÓXIMA EDIÇÃO!

.

SDR - SISTEMA DE REPRESENTAÇÃO E VENDAS

MIGUEL PEDRO TERRA VELAZCO

EDITOR DO JORNAL SDR

fone: 51 3019 2817.

.

Clique aqui para nós enviar um e-mail

.

INDIQUE SEU TEMA  ..-  ENVIE-NOS SUA OPINIÃO

.

Av. Caçapava 425 - sala 03 - Petrópolis -  Porto Alegre (RS) - BRASIL cep: 90460-130

 FONES: 51 -  3019 2817  -  FAX 51 3333 3553

.

.

Sistema de Representação para Representantes Comerciais

Como página inicial  Adicionar a Favoritos

Resolução mínima de 800x600 © Copyright 2007 - SDR