Sistema de Representação Comercial para Representantes Comerciais

Adicionar a Favoritos

.

JORNAL De REPRESENTAÇÃO comercial sdr - EDIÇÃO Nº 253 - 30.04.2004

.

SDR - SISTEMA DE REPRESENTAÇÃO E VENDAS

MIGUEL PEDRO TERRA VELAZCO

EDITOR DO JORNAL SDR

fone: 51 3019 2817.

.

Funções do Sistema de Representação Comercial e Vendas - SDR

Testes do Sistema de Representação Comercial e Vendas - SDR

Solcite seu Orçamento

Manual do Sistema de Representação Comercial e Vendas - SDR

Biblioteca dos Jonais de Representação Comercial SDR

Assinatura livre e gratuita do Jornal de Representação Comercial

Contrate os melhores e mais capacitados Representantes Comerciais

Contato com a Equipe do SDR Sistema de Representação

As melhores Dicas sobre softwares livres, Bibliotecas, Links...

FUNÇÕES

TESTE

ORÇAMENTO

MANUAL

JORNAIS

ASSINe

saiba

contato

dicas

.

.

.

.

.

." LEIA NESTA EDIÇÃO "

..

.

..FÁBULA DA SEMANA - "A RAPOSA E O LENHADOR" - E AS CARTAS RECEBIDAS DO JORNAL Nº 252

..ADMINISTRAÇÃO COMERCIAL INFORMATIZADA
..HISTÓRIA DA MARCA - "PORQUE MONTANHA RUSSA?"

..CURIOSIDADES, IDÉIAS E FRASES

..ARTIGO DO PROF. ANTÔNIO B. DE PÁDUA - "QUEM ENTENDE DE TUDO NÃO SE DIFERENCIA"

..TRANSPORTES E LOGÍSTICA Nº 30

..ARTIGO DO PROF. FÁBIO LUCIANO VIOLIN - "NÃO FECHE VENDAS, ABRA RELACIONAMENTOS"

..PRINCIPAIS NOTÍCIAS DA SEMANA

..REFLEXÃO DO DIA NACIONAL DA MULHER

..ARTIGO DO PROF. PAULO SILVEIRA - "CRIATIVIDADE NAS EMPRESAS - VERDADE OU ILUSÃO"

..PIADAS DO SDR

..ARTIGO DO PROF. FRANCISCO BITTENCOURT - "LÍDERES TAMBÉM ACOMPANHAM SUA EQUIPE"

..MARKETING, FUTURO, TENDÊNCIAS, PESQUISAS

...

.

RECOMENDAMOS AOS LÍDERES DE EQUIPES LER ESTE ARTIGO: - "MANUAL DE VENDAS"

..

.

..

.

" DICA DA SEMANA "

.

.

qual é o maior motivo pelo qual o consumidor troca de produto, serviço ou fornecedor? 
.

Se você disse: - "preço" ou "marca" ou "mal-atendimento", você errou longe. O principal motivo pelo qual um consumidor troca de fornecedor corresponde a mais de 70% dos casos é a: - "Falta de atenção"
.

.

Experimente ficar mais de 30 dias sem fazer um mínimo contato 

com a sua namorada para ver o que acontece... 

.

Ela troca você por outro 
.

No mundo dos negócios, a estória não é muito diferente. Se uma empresa deixa de enviar a sua mensagem para o seu cliente com uma certa regularidade, seja ele uma outra empresa ou um consumidor pessoa física, a tendência é a lembrança do seu produto, serviço ou empresa ir desaparecendo gradualmente da cabeça do consumidor. 
.
Você poderia dizer: - Enviar mensagens com regularidade para o meu cliente demanda tempo, dinheiro, recursos, pessoas, planejamento... coisas que só existem em grandes empresas, certo ? Errado. 

.

A massificação da Internet popularizou uma das ferramentas de comunicação mais poderosas já inventadas: - "o Correio Eletrônico". Através do correio eletrônico, a sua empresa pode criar um canal de comunicação freqüente e consistente com o seu consumidor a um custo/benefício incrivelmente baixo. 
.
Entretanto, o número de mensagens que os seus consumidores estarão recebendo também deve triplicar até 2005. Por essa razão, se você deseja utilizar o correio eletrônico como um poderosa de comunicação e marketing com os seus clientes, e se destacar em meio a tantas outras mensagens, algumas regras devem ser observadas.

.

1 - Seja claro e objetivo. Vá direto ao assunto. De acordo com o Instituto Jupiter Communications, somente 15% dos usuários de correio eletrônico lêem toda uma mensagem. 51% dos usuários lêem apenas os primeiros 2 parágrafos. Qual a oferta que a sua mensagem está trazendo ? Vá direto ao assunto. Não escreva um tratado de negócios. Não prolongue o assunto.
. 
2 - Esteja disponível. Ao final da mensagem, coloque um aviso de "Para maiores informações" ou "Compre agora" ... e adicione um e-mail ou fone para contato.
. 
3 - Seja um Editor. O seu cliente precisa ter a impressão que está negociando com profissionais. Antes de enviar um e-mail a qualquer pessoa, confira, e depois confira de novo, os erros de texto de português e gramática que a mensagem pode trazer. Seja criativo. A forma com que você escreve e comunica a mensagem é fundamental para prender a atenção do seu cliente. 
.
4 - Público-Alvo. O texto pode estar perfeito, a oferta ainda mais perfeita, mas se o público-alvo não tiver sido escolhido cuidadosamente, você pode ter resultados muito baixos. 
.
5 - Oferta. Qual é a grande oferta que o seu cliente está recebendo ? A mensagem deve deixar bem claro o que é a oferta. Por exemplo: Preços Baixos, Lançamentos, Promoções por tempo limitado, Atualizações de Produtos, Concursos etc. Encontre o foco da sua oferta e seja simples na comunicação. 
.
6 - Nunca envie e-mails para quem não solicitar. O feitiço pode virar contra o feiticeiro. Não adicione e-mails a sua lista de envio sem haver pedido permissão do usuário para fazê-lo. 

O Correio Eletrônico pode mudar a estória da sua empresa. Se você ainda não utiliza este meio de comunicação para conquistar e reter clientes, é importante que você saiba que o seu concorrente talvez o esteja.
.

COMUNICAÇÃO... Nada menos que isso interessa

..

PROF. RICARDO JORDÃO
.PRESIDENTE, FUNDADOR E SEU AMIGO

BIZREVOLUTION CONSULTORIA DE MARKETING

.

.

.

.

.

.

.

.

.

 .

dicas da semana 

"CARTAS RECEBIDAS DAS AMIGAS/OS DO JORNAL SDR N°252"

.

..

SEJAM MUITO BEM VINDOS.

.

" Portal www.sdr.com.br de Administração Comercial "

...

SALA DAS FÁBULAS

.

.

.

.

A raposa e o lenhador
..

.

Uma raposa estava sendo perseguida por uns caçadores quando chegou à casa de lenhador e lhe suplicou que a escondesse. O homem se apiedou e a deixou entrar em sua cabana. Quase de imediato chegaram os caçadores, e perguntaram ao lenhador se havia visto a raposa.
.
O lenhador com a sua voz disse que não, mas com as mãos sinalava a cabana onde a raposa havia se escondido. Os caçadores não compreenderam os sinais da mão e confiaram unicamente no que havia dito com as palavras. A raposa ao ver que se retiravam, saiu silenciosa, sem dizer nada ao lenhador.
.
O lenhador reprovou sua atitude, porque apesar de a ter salvo dos caçadores não lhe agradecia. Ao que a raposa lhe falou: - Te agradeceria se tuas mãos e tua boca tivessem dito o mesmo!
.

MORAL: - "Não negues com teus atos o que pregas com tuas palavras!"
..

BIOGRAFIA DE ESOPO

.

VIVEU ENTRE O ANO DE 640 AO DE 560 ANTES DA ERA CRISTÃ

.

.

Obrigado a todos por escreverem. Reservamos este espaço, para publicar as primeiras vinte cartas, que representam todas as que recebemos na semana e agradecemos a todos pelos elogios e carinho que nos oferecem, o que nos incentiva para continuar e melhorar o jornal desta excelente comunidade.

..EQUIPE DO SDR

.

RACHEL BARBOZA - estilo assessoria - rio de janeiro (RJ)
PARABÉNS!!!
PREZADOS SENHORES, VENHO PARABENIZÁ-LOS PELAS EXCELENTES MATÉRIAS AQUI PUBLICADAS. TRABALHO COM REPRESENTAÇÃO COMERCIAL E TEM SIDO DE GRANDE VALIA PARA MEU TRABALHO TAIS INFORMAÇÕES. GOSTARIA DE SABER SE O SDR DISPÕE DE CURSOS E PALESTRAS PARA QUE EU POSSA PARTICIPAR, DESDE QUE POSSA SER NO RIO DE JANEIRO.
ATENCIOSAMENTE, RACHEL BARBOZA.

ROBERTO SPACH representações ltda.
PREZADOS SENHORES,
GOSTARIA DE SABER SE OS SENHORES DISPONIBILIZAM ALGUM SERVIÇO DE ASSESSORAMENTO OU INTERMEDIAM CONTATOS PARA A CONTRATAÇÃO DE REPRESENTANTE PARA FORMAÇÃO DE EQUIPES DE VENDAS. TENHO A EXCLUSIVIDADE DE VENDAS DE UMA LINHA DE ... DE UMA GRIFE NACIONAL PARA TODO O ESTADO DE SÃO PAULO COM OPÇÃO DE ABERTURA PARA OUTROS ESTADOS E TENHO NECESSIDADE DE FORMAR UMA EQUIPE URGENTE E DE PREFERÊNCIA JÁ PRÉ SELECIONADOS POR VOCÊS.
AGUARDO UMA RESPOSTA,
OBRIGADO, ROBERTO.

RICARDO WAGNER CAPUCHINHO - CORCESP F228750 - SIRCESP (SINDICATO DOS REPRESENTANTES COMERCIAIS DO ESTADO DE SÃO PAULO MATRICULA 7912).

ATUALMENTE ESTAMOS FAZENDO UMA ANÁLISE DE VÁRIOS SOFTWARES DA ÁREA DE REPRESENTAÇÃO COMERCIAL (INCLUSIVE PARA INDICAÇÃO JUNTO AO CORCESP - CONSELHO REGIONAL DO REPRESENTANTE COMERCIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO - 80.000 FILIADOS), E OPTEI POR FAZER UMA CÓPIA DE DEMONSTRAÇÃO DE SEU PRODUTO, GOSTARIA DE OBTER MAIORES INFORMAÇÕES (QUE SEJAM PRATICAS), INCLUSIVE PARA "QUEM SABE" DEMONSTRA-LA NO CURSO DE FORMAÇÃO DO REPRESENTANTE COMERCIAL.
RECEBA UM FRATERNAL ABRAÇO
RICARDO WAGNER - MUITO OBRIGADO POR SUA ATENÇÃO.

PROFESSOR ANDRÉ BRASIL
OLÁ, MEU NOME É ANDRÉ BRASIL. SOU JORNALISTA, EDUCADOR E CONSULTOR, ALÉM DE ATUAR COMO PALESTRANTE FILIADO A AGÊNCIA FUTURUS (AO LADO DE EUGÊNIO MUSSAK, GILCLÉR REGINA, SÉRGIO BUAIS, E OUTROS). TAMBÉM SOU AUTOR DO LIVRO "FALE BEM, FALE SEMPRE", E ESTOU LANÇANDO MINHA NOVA OBRA: "MEGAMEMÓRIA". 

ESTOU ENTRANDO EM CONTATO, POIS GOSTEI MUITO DO TRABALHO REALIZADO POR VOCÊS E GOSTARIA DE COLABORAR COM O JORNAL. 

SOU COLUNISTA DE ALGUNS JORNAIS E REVISTAS E, ASSIM COMO OUTROS ASSOCIADOS FUTURUS EM SEU QUADRO DE PROFESSORES, VALORIZO MUITO O TRABALHO JUNTO A EMPRESAS E PUBLICAÇÕES DE ALTO NÍVEL. ENTRE EM MEU SITE (WWW.ABRASIL.NET) E CONHEÇA UM POUCO MAIS DO MEU TRABALHO. ESPERO ASSIM PODER COMEÇAR A COLABORAR COM VOCÊS EM BREVE.

ANDREIA VILLA - MÓVEIS CARRARO SA - BENTO GONÇALVES-RS
TOMEI CONHECIMENTO DO JORNAL ATRAVÉS DO E-MAIL DE MINHA COLEGA, E GOSTEI MUITO, POR ISSO ESTOU SOLICITANDO ENVIO PARA MEU ENDEREÇO ELETRÔNICO.
GRATA - ANDREIA.

RONESIO MUNIZ - AUTÔNOMO - RIO DE JANEIRO
MUITOS ARTIGOS DISPONÍVEIS, ADOREI.
FAZENDO PESQUISA NO SITE CADE, SOBRE O ASSUNTO DE VENDA CONSULTIVA.

DIOVACIR VOLPATO - VOLPATO REPRESENTAÇÕES LTDA - CRICIÚMA (SC)
CONHECI ATRAVÉS DE UM COLEGA DE PROFISSÃO QUE REMETEU UM ARTIGO DO JORNAL MUITO INTERESSANTE..

NEI ROBERTO BUENO - CHERRY MODA INTIMA - Curitiba (pr)
BOM DIA, COMO CURIOSO E PESQUISADOR DE ASSUNTOS INERENTES À MINHA FORMAÇÃO (ADM. DE EMPRESAS), ESTAVA NAVEGANDO PELA INTERNET E ACHEI INTERESSANTE OS ASSUNTOS ABORDADOS ATRAVÉS DE TEXTOS COM TÍTULOS CONVENIENTES AO QUE ME INTERESSA, HAJA VISTO ATUAR NA ÁREA DE VENDAS. SOU GERente COMERCIAL DE UMA INDUSTRIA DE LINGERIE NA MAIS BELA CAPITAL DESTE PAÍS, CURITIBA-PR.
FICAREI MUITO GRATO SE ME CONCEDEREM A HONRA DE RECEBER O SEU JORNAL.
ATENCIOSAMENTE,
NEI ROBERTO BUENO

HERNANDES ORTIZ - FACULDADE INTEGRADA DE NOVA ANDRADINA - nova andradina - ms
CONHCECÍ O JORNAL DO SDR ATRAVÉS DE UMA ALUNA DA FACULDADE QUE ASSINA O JORNAL E GOSTA MUITO (VERIDIANA KANASHIMA). DESEJO ASSINAR O JORNAL DO SDR.

SONIA GUIMARAES - VIVER ASSESSORIA ltda - SÃO JOSE DOS CAMPOS
OI, PESQUISANDO ALGUNS ASSUNTOS NA INTERNET, ME CHAMOU ATENÇÃO  A SUA IDÉIA DE ASSINATURA DO JORNAL.
ACREDITO QUE É UM MEIO DE LEVAR A COMUNICAÇÃO A TODOS AQUELES QUE TEM ACESSO A INTERNET.

ADRIANA DE SOUZA RAMOS MOREIRA - GREMONI IND. DE BIC. LTDA ME - rIBEIRÃO PRETO - SP
ESTE JORNAL É INDISPENSÁVEL.... desejo assinar o jornal do sdr, obrigada.

OTAVIO ANGELOTI PIRES - ANGELOTI TELECOMUNICAÇÕES ltda. - SÃO BERNARDO DO CAMPO
ADORO O CONTEÚDO DO JORNAL SDR, JÁ O CONHEÇO POR INDICAÇÃO DE UM COLEGA.

CLAUDIA ADRIANA - ECOLOGIA E PLANEJAMENTO - MAUÁ
SOU NOVATA NA EMPRESA E NUNCA TRABALHEI COM TELE-MARKETING, DESESPERADAMENTE, ESTOU HA 2 DIAS NAVEGANDO PROCURANDO AJUDA, E HOJE, GRAÇAS A DEUS ENCONTREI VOCÊS. AGRADEÇO AS DICAS FORNECIDAS!!!!!
CONTINUEM AJUDANDO SEMPRE QUEM PRECISA.
DEUS OS ABENÇOE!!!!!
VALEU - ADRIANA

NAIR RODRIGUES DE SOUSA OLIVEIRA CIA LTDA ME - SANTA ROSA DE VITERBO-SP
CONHECI, ATRAVÉS DE UM COLEGA E CLIENTE, QUE MUITO ME INTERESSOU E FIQUEI CURIOSA QUANTO AO ASSUNTO.

Eduardo Nunes - representante comercial

Saudações, A muito tempo venho acompanhando vossos e-mails mas este realmente marcou muito pelo seu conteúdo de altíssimo valor.
Parabéns...
Cordialmente, Eduardo Nunes
.

PAULO CESAR DE ALMEIDA - S.A.ALMEIDA REP. COM.LTDA. - Curitiba (pr)
MEU IRMAO que me indicou o site - desejo assinar o jornal do sdr.

DÊNISSON LUIZ DA SILVA SANTOS - D & L ASSESSORIA DE SEGUROS - ARACAJU (se)
É DE SUMA IMPORTÂNCIA LER ESTES ARTIGOS PARA AGREGARMOS CONHECIMENTOS E ENCONTREI ESTE ENDEREÇO EM UMA BUSCA DO ENDEREÇO DO SITE DO PROFº LUIZ MARINS.

HELDER SOUSA - ALEMANHA - teRESINA-PI
ESTOU CONHECENDO AGORA O SITE E ESTOU GOSTANDO MUITO.

NIVALDO DONIZETE DE OLIVEIRA - TELECOMUNICAÇÕES POLONI LTDA - RIBEIRÃO PRETO-SP
ATRAVÉS DE UM COLEGA DE TRABALHO QUE REPASSOU UM E-MAIL RECEBIDO E ACHEI MUITO INTERESSANTE, E GOSTARIA DE RECEBER TAMBÉM.

CHRISTOPHER HENRIQUE O TRIGUEIRO - NETZSCH SERVICE NORDESTE LTDA - NATAL/RN
TOMEI CONHECIMENTO ATRAVÉS DE UM COLEGA DE TRABALHO. ACHEI INTERESSANTE E GOSTARIA DE ESTAR RECEBENDO VOSSO NEWSLETTER.
DESDE JAH NOSSO OBRIGADO, 
HENRIQUE

NEVERSON RENE RIBEIRO - PETROBRAS S/A - MAUA - SP
EU ACHEI INTERESSANTE O JORNAL ATÉ PORQUE GOSTO MUITO DESTA ÁREA DE COMUNICAÇÃO. COSTUMO ATUAR COMO MESTRE DE CERIMÔNIA. CONHECI O JORNAL POR ACASO NAVEGANDO PELA INTERNET.

ARABELLA MARIA ROCHA DE AZEVEDO - CASA NORTE ATACADO LTDA - NATAL/RN
TOMEI CONHECIMENTO ATRAVÉS DE MEU MARIDO. IMPORTANTE COMO DICA DE TRABALHO PARA O PROFISSIONAL QUE DESEJA MANTER-SE ATUALIZADO.

.

.

.

..

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

futuro e tendências

"JORNAL DO SDR" Nº253 DO WWW.SDR.COM.BR

.

.

ADMINISTRAÇÃO " Portal www.sdr.com.br de Administração Comercial "  INFORMATIZADA

....

.

.

PARA ACESSAR AS BIBLIOTECAS DO PORTAL SDR - CLIQUE NOS LINKS

.

.

.

..

"PRINCIPAIS NOTÍCIAS DA SEMANA EM tecnologia e web"

.

.

Novas falhas do Windows já estão sendo exploradas - www.terrainformática.com.br 
A Microsoft revelou na última quinta-feira que tomou conhecimento da existência de códigos maliciosos para exploração das falhas de segurança divulgadas na semana passada pela empresa. As vulnerabilidades afetam várias versões do Windows com níveis de perigo diferentes e permitem execução remota de código, elevação de privilégios de usuários locais, estouro de memória e negação de serviço. O Centro de Atendimento a Incidentes de Segurança (CAIS), responsável pela segurança da rede universitária brasileira, confirma a descoberta do código malicioso (exploit). Segundo o CAIS, o código permitiria a um atacante controlar remotamente o computador afetado, comprometendo todo o sistema por meio de uma shell (área de trabalho, o equivalente ao desktop do Windows). O exploit também pode servir de base para a criação de novos vírus e worms. Por isso, deve-se instalar o quanto antes as atualizações já disponíveis.

.

.

A nova onda: internet sem fio e mais barata - www.valoronline.com.br 
O acesso de alta velocidade à internet é tão raro quanto a luz do sol no inverno em Campsie, a pequenina vila na costa norte da Irlanda do Norte. A cidade está localizada em uma área rural pouco povoada, o que torna muito caro a instalação da tecnologia tradicional de banda larga. E a cidade é longe demais de grandes centros como Londonderry para usar suas instalações de internet. Mas a população de Campsie não deixa de ter esperança. No começo deste ano a BT, gigante britânica da telefonia, convidou cerca de 100 surfistas da internet da vila e três outras áreas rurais a aderirem a um novo e promissor serviço da internet sem fio. A BT instalou uma série de torres de rádio que emitem sinais através do país para pequenas antenas localizadas ao lado das residências dos clientes. O sistema é tão rápido quanto a banda larga tradicional, mas muito mais barato para ser instalado. A BT está usando equipamentos menos caros e uma parte livre e não licenciada do espectro de rádio, evitando bilhões de dólares em taxas. Se for tudo bem com o teste em Campsie, a BT poderá lançar o serviço para clientes de todo o Reino Unido no ano que vem.

.

.

Dois mil servidores serão capacitados em Linux - Renata Mesquita, do Plantão INFO
Durante toda esta semana, 2 200 servidores públicos estão sendo treinados em software livre pela Universidade dos Correios, que fica em Brasília. Segundo a Agência Brasil, são ao todo 150 cursos de capacitação técnica dentro da chamada Semana de Capacitação em Software Livre, uma iniciativa do Comitê Executivo do Governo Eletrônico com a intenção de "ampliar o conhecimento em software livre, transformando os participantes em agentes multiplicadores do conhecimento e da tecnologia das plataformas em código aberto". 

.

.

.

COMO FAZER PASTAS NO OUTLOOK EXPRESS

.

Clique com o botão direito em "PASTAS LOCAIS", depois em "NOVA PASTA", e insira o nome que deseja colocar nela, tipo de uma representada, de um cliente, de um sub-representante, de um vendedor, de um cliente, etc.

.

.

Depois de ter feito a pasta "MÃE", você pode clicar nela com o botão direito do mouse, clique em "NOVA PASTA" e digite o nome da pasta interna que corresponderá tipo:

.

  • se for da representada, você poderá fazer uma ou várias pastas filhas dessa mãe, com o nome do departamento ou contato.

  • se for de seu cliente, você poderá fazer uma ou várias pastas filhas dessa mãe, com o comprador ou contato, com os quais maiores números de e-mails troca.

  • se for de seu sub representante, idem e por aí vai.

não tem limite nos números de pastas, claro que não precisa exagerar...lembre da lei da saturação: - "numa xícara de café pode-se colocar até um certo número de colheres de açúcar, mas depois de certa quantidade, o sabor doce não irá mais mudar. "isso é saturação".

.

Sistemas de e-mails grátis ampliam serviços

.

IDG Now!

A briga entre os provedores vai mais além do que a capacidade de armazenamento de mensagens, e envolve também atributos como antivírus e anti-spam. Saiba os diferenciais dos principais serviços do Brasil

.

No início do mês o Google surpreendeu os internautas de todo o mundo com o anúncio do desenvolvimento do Gmail, um serviço de e-mail gratuito que pretende lançar ainda neste ano com capacidade de armazenamento de 1 Gigabyte (GB).

.

Se por um lado os usuários comemoraram a possibilidade de ter uma caixa de e-mail gratuita com tamanha capacidade, por outro, alguns provedores já começaram a se movimentar para garantir que seus clientes continuem fiéis a seus serviços. Um exemplo disso foi a iniciativa do Spymac.com, grupo de discussão que reúne usuários de Macintosh, em oferecer a seus membros também uma caixa postal com 1 GB de capacidade.

.

No Brasil, no mesmo dia da notícia bombástica do Google, o provedor gratuito iBest anunciou a ampliação de dez vezes na capacidade de seu correio eletrônico, totalizando 120 Megabytes (MB).

.

Também apostando na capacidade de armazenamento como ferramenta de atração de usuários está o POP, que anunciou na semana passada a ampliação de sua caixa de e-mails de 100 MB para 200 MB. Na opinião de Roberto Almeida, vice-presidente de Marketing do provedor POP, 200 MB de capacidade de armazenamento é algo que condiz com as necessidades dos internautas em geral. “Não vemos espaço no Brasil ainda para uma demanda de 1 GB de capacidade, caso ele "Google" venha a implantar esse sistema. Nem todo mundo precisa de uma capacidade assim”, destaca Almeida, em referência ao Gmail.

.

Os diferenciais: - A briga entre os provedores para segurar seus usuários, entretanto, vão bem além do tamanho da caixa postal. Atributos como antivírus, anti-spam, e ferramentas de personalização também podem fazer a diferença entre os internautas.

.

Além da caixa postal de 200 MB, o POP, por exemplo, oferece como diferenciais o concentrador de e-mails, que permite o recebimento de mensagens de outras caixas postais por seu serviço de e-mail e o compactador de mensagens, que torna o envio de anexos mais “leve”, além de outros atributos.

.

O Yahoo! Brasil, possui 6 MB de capacidade de armazenamento, e oferece uma pasta especial para spam, evitando que as mensagens indesejadas se confundam com as verdadeiras na caixa de entrada. O serviço também conta com 15 filtros especiais de proteção, antivírus, corretor ortográfico, formatação do texto e a inclusão de pequenas imagens (emoticons) nas mensagens, entre outras ferramentas.

.

Já o iG Mail tem capacidade para armazenar até 15 MB e oferece corretor ortográfico em três línguas (português, inglês e espanhol), além de anti-spam, resposta automática de e-mails entre outros atributos. Cada mensagem enviada pode ter no máximo 10 MB de tamanho. De acordo com o provedor, ferramentas como estas levaram ao número recorde de 17 milhões de contas de e-mail.

.

O verificador de vírus Mcafee, que adverte sobre o risco de arquivos anexados, e a tecnologia Smartscreem, exclusiva da Microsoft que usa o recurso de “relato” de lixo eletrônico para ampliar a base de conhecimento de spams, são alguns dos diferenciais do Hotmail, que tem capacidade de 2 MB de armazenamento.

.

De acordo com a Microsoft, a ferramenta anti-spam do Hotmail, após a última atualização em dezembro de 2003, tem permitido o bloqueio de 80% das mensagens indesejadas antes que cheguem à caixa de entrada do usuário. Novidades em ferramentas anti-spam também serão o trunfo da companhia para este ano.

.

Lançamentos de novas funções de antivírus e personalização de mensagens como fontes, interfaces, entre outros atributos gráficos são as metas para 2004 do iBest, que hoje, com 800 mil usuários ativos, oferece entre suas ferramentas anti-spam, corretor ortográfico e criação de grupos de contato.

.

Restrições: - A preocupação com a utilização de seus serviços por spammers também faz com que alguns provedores tomem medidas restritivas em relação ao envio de mensagens. O POP declara que bloqueia as contas de e-mail que enviam mais de 50 mensagens por dia.

“Entramos em contato com o usuário por e-mail e questionamos sua conduta. Aguardamos uma resposta para então desbloquear a conta. Se for um spammer e entrar numa lista de spam do POP, logo saberemos e cancelaremos a conta”, destaca o vice-presidente de Marketing do provedor.

Já o Yahoo! Brasil, por exemplo, afirma que existe controle entre o número de destinatários da mensagem e o intervalo de tempo entre uma mensagem enviada e outra. Embora não especifique quais tipos de medida são efetivamente tomadas, o provedor relata que “existem medidas rigorosas para impedir o abuso do sistema Yahoo! Mail por parte dos usuários, bem como para evitar que robôs utilizem o Yahoo! Mail para enviar spam”.

.

.

Aprendendo a reconhecer mensagens de e-mail fraudulentas

www.terra.com.br 

..

Não se iluda com os endereços de e-mail e nomes que aparecem no campo do remetente das mensagens eletrônicas. Qualquer pessoa com um mínimo de conhecimento do funcionamento do serviço de correio eletrônico sabe fazer com que um endereço de e-mail forjado apareça, por exemplo, com o nome do seu banco. Funciona da mesma forma como você associa seu próprio nome a qualquer endereço de e-mail que escolhe ao assinar um provedor de Internet. 
.
Há uma maneira praticamente infalível de verificar de onde partiu qualquer mensagem eletrônica, não importa quão forjada ela tenha sido: basta aprender a ler as informações presentes no cabeçalho (header) do e-mail.
.
Estas informações normalmente não estão aparentes, mas é simples chegar até elas. Os procedimentos abaixo servem para acessar o cabeçalho das mensagens recebidas com a versão 6.0 (a mais recente) do Outlook Express, um dos softwares para gerenciamento de e-mail mais usados no mundo. Para outros softwares de uso comum, você poderá encontrar links para explicações aqui <http://informatica.terra.com.br/virusecia/spam/interna/0,,OI195627-EI2403,0 0.html>

 

1 - Dê um duplo clique na mensagem para abri-la
2 - Clique no item "Arquivo" e depois em "Propriedades"
3 - Na janela que se abre, clique na guia "Detalhes"

Feito isto, você verá um monte de símbolos e informações aparentemente ininteligíveis, mas que escondem dados preciosos para quem souber interpretá-los. Abaixo está o exemplo real do cabeçalho de uma mensagem fraudulenta que circulou no Brasil há alguns meses, imitando uma mensagem legítima da Receita Federal (o endereço de e-mail do destinatário foi suprimido para proteger pessoas inocentes):

Return-path: 
Envelope-to: (suprimido)
Delivery-date: Mon, 10 Mar 2003 03:55:41 -0300
Received: from mail by viper.ism.com.br with spam-scanned (Exim 3.35 #2)
id (suprimido)
for (suprimido); Mon, 10 Mar 2003 03:55:41 -0300
Received: from "200 228 90 152" (helo=receita.fazenda.gov.br)
by viper.ism.com.br with smtp (Exim 3.35 #2)
id (suprimido)
for (suprimido); Mon, 10 Mar 2003 03:55:37 -0300
From: "Receita Federal - RECEITANET" 
To: (suprimido)
Subject: Receita Federal Faça Sua Declaração de IR
Sender: "Receita Federal - RECEITANET" 
Mime-Version: 1.0
Content-Type: text/html; charset="ISO-8859-1"
Date: Thu, 9 Mar 2000 06:59:49 -0300
Reply-To: "Receita Federal - RECEITANET"

Perceba que há várias referências ao endereço real do site da Receita. No entanto, todas estas referências caem por terra quando se analisa o IP do remetente. IP significa Protocolo da Internet em inglês, e se refere ao número que está associado a uma determinada máquina conectada à Internet num determinado momento. O IP é único no mundo para cada usuário, por isso não pode haver dois usuários com o mesmo IP no mesmo instante. 
.
Para encontrarmos o IP de quem nos enviou a mensagem, via de regra devemos procurar no cabeçalho, de baixo para cima, pela primeira linha onde está escrita a palavra "received" (recebido, em inglês). No nosso exemplo, há duas linhas com esta palavra, significando que a mensagem foi recebida por dois servidores antes de chegar ao computador do destinatário. A primeira linha de baixo para cima (assinalada em vermelho), que é a que nos interessa, traz a seguinte informação:
.

Received: from 200 228 90 152 (helo=receita.fazenda.gov.br)
.

Tudo que nos importa é o número 200.228.90.152. Este é o IP do computador de onde a mensagem partiu e é este número que nos revelará a verdadeira origem do e-mail, mesmo que as outras informações apontem para origens diferentes.
.
Nosso próximo passo é consultar bancos de dados on-line, que nos fornecerão a resposta de que precisamos. No Brasil, todos os IPs nacionais (geralmente iniciados por 200) podem ser consultados no site www.registro.br , que é o endereço do órgão que centraliza o registro de todos os domínios terminados em ".br". 

.

Se você inserir o IP acima no site do Registro.br, verá que ele está associado a um provedor de
Internet de uma cidade do interior do Pará e não à Receita Federal, cujos servidores centrais estão em Brasília.
.
O IP poderia ser de um cliente do provedor, ou o servidor da empresa poderia ter sido usado à revelia de seu proprietário, devido a falhas de configuração, invasão ou outros problemas de segurança. Portanto, não se
deve tirar conclusões precipitadas. Mas uma coisa é certa: a mensagem não partiu da Receita Federal e qualquer oferta que ela tenha trazido em nome do órgão pode ser encarada como falsa.
.
Faça alguns testes e habitue-se a verificar o cabeçalho de mensagens das quais você desconfia. Provavelmente você se surpreenderá com os resultados e com a possibilidade de, em minutos, verificar por conta própria a autenticidade de um e-mail com uma margem mínima de erro.

..

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

futuro e tendências

"JORNAL DICAS DA SEMANA" Nº252 DO WWW.SDR.COM.BR

.

.

HISTÓRIA DAS MARCAS " Portal www.sdr.com.br de Administração Comercial "  HISTÓRIA DOS PRODUTOS

....

.

.

PARA ACESSAR AS BIBLIOTECAS DO PORTAL SDR - CLIQUE NOS LINKS

.

.

.

.

.

.

PORQUE MONTANHA RUSSA ?
.

No século 18, na Rússia, a jovem Imperatriz Catarina, a Grande, se aborrecia muito durante o verão. Descer de uma montanha era sua grande diversão: foi o começo das Montanhas Russas que hoje estão presentes em todos os parques de diversão.
.
Quando Catarina chegava lá em cima, entrava em um caixote de madeira ao qual usava como trenó e deslizava montanha abaixo à uma grande velocidade. E assim passava todo o dia. Mas no verão a neve derretia e não se podia brincar, e por isso Catarina, a Grande se aborrecia. 
.
Até que um dia lhe ocorreu mandar que colocassem em seu caixote de madeira quatro rodas. Foi a solução: A partir de então pôde deslizar pelas montanhas em qualquer estação do ano. Logo a idéia de Catarina ficou conhecida em todas as campinas russas e os carrinhos entraram em moda.

 .

Em 1884, um senhor chamado Marcus A. Thompson decidiu construir um novo jogo no parque de diversões da cidade de Nova York - USA; duas vias paralelas sobre um plano inclinado. Esta foi a primeira montanha russa moderna.

.
As pessoas iam sentadas dentro de um carrinho que percorria as vias. O carrinho ganhava bastante velocidade na descida e o desenho era rudimentar, mas causou uma grande sensação:  - "Mobilizou gente de todos os lugares do mundo".

.

Tanto sucesso fez que no ano de 1888, Marcus A. Thompson já havia construído cerca de 50 montanhas russas na Europa e nos EUA.

 

Mais adiante foram agregando melhorias. As montanhas começaram a serem feitas mais altas e os carrinhos começaram a subir mediante uma corrente. A medida que se ganhava em velocidade também se fizeram necessárias mais medidas de segurança como os cintos de segurança, rodas que deslizavam embaixo dos trilhos das vias e sinais de não parar-se.
.
Hoje em dia as montanhas russas incorporaram descidas, voltas em espiral e saca-rolhas, que é quando ficam de cabeça para baixo tipo as voltas de um saca-rolhas.

.

É incrível a velocidade que são capazes de conseguir em uma volta que dura apenas dois minutos. Imagina como não teria se divertido a imperatriz nesta época!

.

.

.

.

..

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

dicas e curiosidades 

"JORNAL DO SDR" Nº253 DO WWW.SDR.COM.BR

.

FRASES, CURIOSIDADES " Portal www.sdr.com.br de Administração Comercial "  NEGOCIAÇÃO, VENDAS

..

.

PARA ACESSAR AS BIBLIOTECAS DO PORTAL SDR - CLIQUE NOS LINKS

.

.

.

.

NÃO PERCA A CABEÇA

  • DEVEMOS APRENDER A VARIAR os ESTILOS NAS NEGOCIAÇÕES, NÃO AGINDO sempre igual, PARA CONFUNDIR OS NEGOCIADORES E CONCORRENTES. 

  • NÃO PODEMOS AGIR PELA PRIMEIRA INTENÇÃO, POIS NOS CAPTARÃO A ROTINA E SE ANTECIPARÃO PARA FRUSTRAR NOSSAS AÇÕES.

  • TAMBÉM NÃO TEMOS QUE AGIR PELA SEGUNDA INTENÇÃO, POIS ENTENDERÃO A TRETA QUANDO SE REPITA.

BALTASAR GRACIÁN - A ARTE DA PRUDÊNCIA

. 

.

prof. Márcio Miranda E A TÁTICA DO BOM E O MAU

BIBLIOTECA EXCLUSIVA DO PROFESSOR
..

.

Você foi comprar um carro de um casal e quem conduz o negócio é a mulher. Vocês vão conversando animadamente, começam a discutir preços e até a engatinhar para um acordo, quando de repente o marido dá um soco na mesa:

"Acho que estamos sendo ludibriados em nossa boa-vontade e que esse moço não tem nenhuma intenção séria de comprar o carro".

E sai da sala deixando você e a esposa perplexos. 

“Desculpe, senhor, meu marido às vezes fica desse jeito, mas não se ofenda, por favor”, desculpa-se ela. E acrescenta: - “Eu vou chamá-lo e tenho certeza de que vamos desfazer o mal-entendido... Mas para isso, talvez, uma oferta um pouquinho melhor pudesse ajudar: Vejamos, creio que se o senhor subisse uns 15%, eu o convenceria a retomar a conversa...” 

Você suspira aliviado e cede à argumentação dela. Vinte minutos de espera angustiosa depois, ela volta com um sorriso de vitória: - “Meu marido já vem vindo, finalmente consegui convence-lo a voltarmos a conversar, a partir de sua nova oferta..." 

.

Boazinha ela, não? Parecia que estava até jogando de seu lado... Mas só parecia, porque nisso consiste a tática do bom e do mau. 

.

O mau está lá para assustar, intimidar. O bom está ali para fingir que está do seu lado, que joga em seu time.
.
.

.
Antitática do bom e do mau
.

Identifique a tática e mande chamar o “mau”, peça para entrar em contato pessoalmente com ele. Muitas vezes ele está escondido ou só existe na imaginação:

  • "a gerência não concordou com..." "nosso diretor não confia em acordos desse tipo..." 

Quando diante do "mau" em carne e osso, não deixe que sua "maldade" o distraia do assunto principal. Trate o “bom” do mesmo modo, sem nunca assumir que ele está de seu lado.

..

.

PROF. MÁRCIO MIRANDA
PRESIDENTE DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NEGOCIADORES

...

BIBLIOTECA EXCLUSIVA DO PROFESSOR

.

.

A situação de pobreza de nosso país, está longe de ser causada pelo mercado de trabalho, está mais próxima de ser causada pelo cenário político, onde pessoas fazem seu circo tirando dinheiro do rico e voto do pobre, prometendo livrar um do outro. 
.
Nossa pobreza de civismo, cultura e esperança neste país tem se mostrado maior que a miséria material. 
.
Jogar um povo na miséria, para que possa surgir um político salvador é tática medieval, incrivelmente ainda usada com eficácia nestes tempos, sinal que a miséria progrediu muito, pelo menos por aqui.

.

PROF. CÉSAR ROMÃO

BIBLIOTECA EXCLUSIVA DO PROFESSOR

.

.

.

NÃO É NADA PESSOAL...

.

.

Quando o cliente apresentar uma queixa  (recheada de puteadas), não a leve para o lado pessoal. Você representa uma empresa e o que o cliente vê é "seu trabalho"

.

Sua pessoa não está em jogo quando você está trabalhando, em todo caso, o que está em jogo é "o conjunto de suas habilidades para este trabalho"

.

Quando um cliente o agride, não está atacando a sua pessoa, está atacando o que você representa profissionalmente, seja uma idéia comercial, um produto, um serviço ou uma empresa. 

.

.

.

o dinheiro é uma nova forma de escravidão, que só se distingue da antiga pelo fato de que é impessoal, de que não existe uma relação humana entre amo e escravo..

.
Leon Tolstoi - 1828 a 1910

.

.

Novelista russo, pensador social e moral, 

um dos eminentes autores de narrativa realista

.

.

.

GUINADA COMERCIAL - Farmácias começam a fisgar clientes de supermercados

.

Marta Barcellos Do Rio - www.valoronline.com.br
.

Os consumidores estão trocando os supermercados pelas farmácias na hora de comprar produtos de higiene pessoal. O fenômeno do avanço das farmácias, drogarias e perfumarias é revelado em um estudo inédito da LatinPanel/Ibope e se reflete na grande movimentação da indústria e do varejo para se adaptar à mudança de hábito dos brasileiros especialmente no eixo Rio-São Paulo. Em dois anos, o percentual de consumidores que compram em farmácias pulou de "46,5% para 59,6%".

  • os supermercados perderam 8 pontos percentuais das vendas de higiene pessoal nos últimos dois anos 

  • as farmácias/drogarias ganharam 3 pontos 

  • e o canal chamado porta-a-porta, 4 pontos 

"Existe uma forte migração do consumidor de um canal para outro", diz Ana Cláudia Fioratti, diretora da LatinPanel. A movimentação, acredita ela, é impulsionada por dois fatores: - 

"a diversificação do mix de produtos das farmácias, que passaram a se concentrar menos em medicamentos, e a abertura de novas lojas". 

Os supermercados ainda são o principal canal: - 

"as cinco maiores redes respondem por 10% das vendas, enquanto as lojas menores são responsáveis por 45% do faturamento. Mas a perda de uma fatia importante do negócio está gerando uma reação no setor supermercadista, que investe na apresentação das seções de perfumaria para tentar recuperar seus clientes. Além de incluir produtos com margens de lucro mais generosas que a de outras seções dos supermercados, o setor de higiene pessoal é considerado "à prova de crise", pois se mostra menos suscetível à queda de renda da população.

A recuperação dos supermercados, porém, não será fácil, pois os números indicam uma mudança de hábito, diz Ana. Além disso, as grandes redes de farmácias estão firmando parcerias com os fabricantes, que passaram a dispensar funcionários exclusivos para as negociações comerciais com essas empresas e investir em promotores nos pontos-de-venda numa relação semelhante à desenvolvida com os grandes varejistas. As farmácias já são responsáveis por:

  • 55% das vendas de tinturas de cabelos, 

  • 23% das fraldas e 

  • 21% das colônias. 

  • Em categorias como desodorantes (11%) 

  • e pasta de dentes (3%)

Para as quais as farmácias não são tão representativas, houve um aumento da importância do canal nos últimos dois anos.

O mercado está em movimento e ainda pode mudar bastante", diz a Ana Cláudia. A conclusão baseia-se na observação de que o mesmo consumidor, hoje, está comprando produtos de higiene pessoal tanto em supermercados como em farmácias. Ou seja, quem oferecer mais vantagens para este cliente pode acabar fisgando-o definitivamente.

Outro fator que demonstra um vigor na mudança de hábito é o fato de a migração não ser impulsionada por uma guerra de preços. O estudo mostra que as farmácias cobram acima da média de preço em sete das nove categorias pesquisadas:

as mais caras são, por ordem, colônia, sabonete, creme dental, desodorante, xampu, absorvente higiênico e tinturas. 

Os únicos produtos mais baratos são os:

"cremes/loções hidratantes e os chamados pós-xampus reflexo principalmente dos cremes para pentear, tradicionalmente vendidos neste canal e mais baratos que os condicionadores"..
.

O estudo mostra uma preferência da classe C pelo canal, seguida das classes A e B. Por regiões do país, é possível verificar a mesma tendência de norte a sul. No entanto, o fenômeno ganha proporções gigantes nas regiões metropolitanas de Rio e São Paulo..

A Associação Brasileira das Redes de Farmácias e Drogarias (Abrafarma), que representa as grande redes, calcula que no ano passado o setor aumentou em 20,8% as suas vendas. A venda de remédios cresceu em 22,4%, enquanto os não-medicamentos tiveram aumento de 18,9%.

.

.

Contemplando o perigo

.

O discípulo disse ao mestre: - "Tenho passado grande parte do meu dia vendo coisas que não devia ver, desejando coisas que não devia desejar, fazendo planos que não devia fazer."

.
O mestre convidou o discípulo para um passeio. No caminho, apontou uma planta e perguntou se o discípulo sabia o que era.

Beladona. Pode matar quem comer suas folhas.

.
Mas não pode matar quem apenas a contempla. 

Da mesma maneira, os desejos negativos não podem causar nenhum mal 

se você não se deixar seduzir por eles.
.
Prof. paulo Coelho

.

.

"Somente os Pobres de Espírito ficam parados"

.

2

.

Você está procurando por idéias sobre como promover a sua empresa e conquistar clientes? 

.

Aqui vai uma nova lista de idéias práticas que não requer grandes somas de investimentos, mas simplesmente ATITUDE para serem implementadas.

.

.

26

Analise a sua estrutura de custos, procure por áreas que requer modificações e ajustes. 

27

Estabeleça uma nova opção de pagamento para os seus clientes. 

28

Dê condições especiais a clientes regulares. 

29

Ofereça planos de financiamento. 

30

Publique uma newsletter para clientes e potenciais clientes (não precisa ser caro). 

31

Desenvolva folhetos de serviços da empresa. 

32

Produza diferentes folhetos para os diferentes mercados que você atua, por exemplo: Governo, Escolas, Pequenas Empresas, Grandes Empresas. 

33

Crie um Pôster ou Calendário para distribuir gratuitamente a clientes e potenciais clientes. 

34

Crie um slogan ou um parágrafo que consiga descrever em 10 segundos o que a empresa faz e publique sempre que possível. 

35

Tenha um web site na Internet. Digitalize os seus serviços. Se possível, compre e venda pela internet. 

36

Crie uma auto-assinatura para ser usada em todas as suas mensagens eletrônicas. A auto-assinatura deve conter o seu nome, cargo, fone, e-mail, endereço do web site da empresa, slogan da empresa. 

37

Inclua “Testemunhais” de clientes nos seus materiais de marketing. 

38

Teste novos mercados. Se produzir resultados, adicione a sua lista de mercados de atuação. Se der MUITO resultado, considere substituir mercados que estejam produzindo poucos resultados. 

39

Use envelopes de tamanhos e cores diferentes para a confecção de suas malas diretas. 

40

Mantenha atualizada a sua lista de contatos na imprensa. Envie notícias à imprensa com regularidade. 

41

Escreva artigos para jornais locais e publicações especializadas que você, o seu cliente ou potencial cliente leiam. 

42

Publique um artigo e circule cópias dele entre os seus clientes. 

43

Faça publicidade sobre algum marco da sua empresa. Exemplo: 10º Aniversário de Fundação, 1.000º Cliente a comprar, 100º Projeto Vendido etc. 

44

Crie Prêmios anuais. Exemplo: Funcionário do Ano, Gerente do Ano, Diretor do Ano, Cliente do Ano. 

45

Crie o seu próprio programa de televisão sobre a sua indústria e promova em canais regionais. 

46

Leve jornalistas para almoçar. 

47

Inclua fotos em todas as notícias que você envia para publicações. 

48

Sempre leia jornais e revistas a procura de possíveis oportunidades de promoção da empresa. 

49

Envie artigos de idéias (como esse) para jornais e revistas. 

50

Conduza pesquisas de mercados ou desenvolva uma notícia sobre uma importante descoberta na sua indústria de atuação. (O quê somente você faz mas nunca tem tempo de dizer aos outros que você faz?) 

.

.
.

.

Ah, Se eu fosse o seu chefe...
.

.

.

.PROF. RICARDO JORDÃO
.PRESIDENTE, FUNDADOR E SEU AMIGO

BIZREVOLUTION CONSULTORIA DE MARKETING

.

.

.

.

.

.

..

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

..

BIBLIOTECA EXCLUSIVA DO PROFESSOR

.

.

QUEM ENTENDE DE TUDO NÃO SE DIFRENCIA

..

.

SR. PROF. ANTÔNIO DE PÁDUA B. BRAGA

Consultor da SAGRA - Consultoria em Vendas

.

.

 

..
"Muitas pessoas são muito educadas para não falar com a boca cheia, 

porém não se preocupam em fazê-lo com a cabeça oca"
.

Orson Welles
.

.
É comum ouvirmos expressões do tipo: - “Esse cara entende de tudo; é muito competente!”. Mas será que entender de tudo um pouco significa competência? Ou é necessário algo mais? Diz o ditado que o pau-pra-toda-obra dificilmente é competente em qualquer uma delas”

.

Você arriscaria se submeter a uma cirurgia cardíaca com um médico, 

que entende de tudo um pouco, mas não é especialista em coração? 

.

Não que esse médico não tenha competência para exercer a profissão. Muito pelo contrário, mas deve ter alguma especialidade que ele tenha um maior domínio. Além do mais, a função do clínico geral é fazer um diagnóstico inicial para em seguida encaminhar o paciente a um especialista. Na verdade devemos sempre ampliar nossos conhecimentos, ser generalistas, por curiosidade, mas é fundamental sermos especialista em algo, para o melhor desempenho das nossas profissões.
.
Em
vendas, por exemplo, é fundamental que o profissional conheça bem o seu segmento, seus produtos, seus serviços, seus mercados, seus concorrentes, seus clientes etc. Nada impede (e é muito bom) que ele tenha conhecimento de outros segmentos, mas é necessário que seja um especialista naquilo que está vendendo. Caso contrário, não transmitirá confiança e segurança para seus clientes, além de não conseguir resultados positivos nas vendas. Assim também, dificilmente encontraremos jogadores de futebol que atuem bem ao mesmo tempo no gol, no ataque, na defesa. São geralmente especialistas em uma posição, onde devem demonstrar competência, conhecendo bem o que fazem, conseguindo o máximo de eficiência.
.
Para desenvolvermos uma atividade com competência, além do conhecimento, da especialidade, entre outros fatores, é de vital importância o comprometimento. E esse comprometimento tem que ser tanto conosco, como com os outros, pois o nosso sucesso depende também do sucesso daqueles com quem estamos nos relacionando. Um profissional de vendas não terá sucesso se o seu cliente for mal sucedido. O mesmo acontece com o médico, com o advogado, com o dentista e também com o jogador de futebol, que depende do sucesso do seu time e da satisfação dos torcedores. Portanto, a falta de comprometimento geralmente leva o profissional ao insucesso. E o não comprometimento, faz com que as pessoas ao invés de construir pontes rumo ao sucesso, passem a construir muros para o isolamento, para o ostracismo.
.
Por outro lado, a
informação nos leva ao conhecimento, o qual é poder em potencial. A partir do momento em que colocamos esse conhecimento em prática, que entramos em ação, passaremos a ser poderosos, pois o conhecimento é o bem mais valioso que possuímos e ninguém nos toma, a exemplo de um bem material. Então a competência depende, e muito, das atitudes. De nada adianta sermos especialistas se não agimos no sentido de executar, de construir algo que nos leve ao sucesso. Como disse Napoleon Hill: .

“O mundo não lhe dá medalhas pelo que você sabe, 

mas poderá coroa-lo com glórias e riquezas pelo que você faz”.
.

Infelizmente, muitas pessoas não são especialistas e muito menos generalistas, pois de tudo um pouco entendem muito pouco, por falta de capacitação, de leitura, de estudo no que fazem no seu dia-a-dia. No segmento de vendas, é lamentável! Muitos profissionais acham que vender é executar atividades mais físicas do que mentais, quando na realidade o esforço mental é muito mais importante. O cliente está cada vez mais informado e exigente. Para se identificar quem é ele e o que espera do profissional, da empresa, dos produtos e serviços, é importante que se esteja preparado, a fim de não passar por situações constrangedoras e, conseqüentemente, sem êxito por mau desempenho da profissão. 
.
Na economia moderna o
cliente é quem determina o que quer, como quer, onde, em que quantidade e qualidade, que preço está disposto a pagar etc. Ou seja, é quem dita as regras do jogo. Se o profissional não tiver um bom domínio, um bom conhecimento do que faz, fica totalmente sem argumentos para agregar valor aos seus produtos/serviços, a fim de atender a essas necessidades. Portanto, conhecer um pouco de cada coisa não é suficiente para convencer o cliente, a exemplo daquele que é especialista no que faz. 

.

E entre conhecer um pouco de cada coisa e não conhecer nada, é melhor ficar com a segunda opção, pois pelo menos evita-se o constrangimento de passar por situações difíceis perante o cliente, tentando vender-lhe algo com argumentos frágeis, não convincentes, resultando sempre no fracasso profissional. Por outro lado, sem conhecimento algum, ou força o aprendizado pela necessidade ou então a desistência da profissão pela falta de resultados, conseguindo, talvez, oportunidade e êxito em outro campo de trabalho.
.
Aliás, o fracasso e a
grande desistência da profissão de vendedor estão exatamente na falta de especialidade em vendas e não no mercado em si, nas crises, como muitos pensam. O pau-pra-toda-obra, aquele que faz de tudo um pouco, está ficando sem espaço no mercado, o qual está cada vez mais exigente e carente de bons profissionais. Mas daqueles que queiram realmente investir na sua carreira, que estejam dispostos a estudar, buscando sempre o aprimoramento rumo ao sucesso. E na profissão de vendas, como em qualquer outra, ser bom o suficiente não resolve, pois só se diferencia quem trilha o caminho da excelência, do melhoramento constante, que os japoneses chamam de KAIZEN.
.

.

SUCESSO EM 2004! 
.

.

SR. PROF. ANTÔNIO DE PÁDUA B. BRAGA

Consultor da SAGRA - Consultoria em Vendas

.

.
BIBLIOTECA EXCLUSIVA DO PROFESSOR

.

.

.

.

..

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

curiosidades 

"JORNAL DO SDR" Nº253 DO WWW.SDR.COM.BR

.

TRANSPORTES   LOGÍSTICA

..

.

PARA ACESSAR AS BIBLIOTECAS DO PORTAL SDR - CLIQUE NOS LINKS

.

.

.

"PRINCIPAIS NOTÍCIAS DA SEMANA EM TRANSPORTES E LOGÍSTICA" 

.

Ministro recebe missão do BID para tratar da duplicação da BR-101 - www.netcomex.com.br  
O ministro dos Transportes, Alfredo Nascimento, se reuniu nesta segunda-feira (26) com a missão do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), que está no Brasil para tratar do projeto de duplicação do Trecho Sul da BR-101, entre
Florianópolis (SC) e Osório (RS). A missão tem como objetivo estabelecer um plano de ação para a preparação do empréstimo e vai se encontrar novamente com o ministro na próxima sexta-feira (30).

.

.

Produtos ficam mais caros com estradas ruins  - www.ntc.com.br 
As precárias condições das estradas brasileiras são um grande entrave para o desempenho da economia. Além de prejudicar a competitividade das empresas no exterior, também elevam o custo dos produtos consumidos no mercado doméstico. Segundo o gerente da Tintas Suvinil, Otávio Gerbasi, pelo menos 1% da carga transportada pela companhia sofre algum tipo de avaria até chegar ao destino. "Pode parecer pouco, mas o custo dessa perda é enorme." Nos últimos anos, a empresa decidiu explorar outras formas de transportes, como a ferrovia e a cabotagem. Mas a maioria das mercadorias é entregue por rodovias, já que é a única alternativa para a distribuição final ao consumidor. Segundo dados do estudo do Centro de Estudos de Logística (CEL), da Escola de Negócios da UFRJ, o transporte rodoviário representa hoje cerca de 60% da carga transportada no Brasil. Enquanto isso, nos EUA essa participação é de 26%; Austrália, 24%; e China, 8%. "O ideal seria termos uma malha ferroviária eficiente e que reduzisse os custos de frete", diz o presidente da trading SAB Company, João Batista de Paula. Segundo ele, os problemas nas estradas estão encarecendo demais o preço do produto nacional no exterior, "onde a competitividade é fenomenal". A ineficiência do sistema de transporte brasileiro é medida pelo estoque das empresas. No Brasil, a indústria carrega em média 22 dias adicionais de estoque comparada à americana. Esse índice significa um seguro adicional para se proteger de um sistema pouco confiável, onde ocorrem atrasos constantes e perdas, devido a roubos, acidentes e avarias, explica Paulo Fleury, diretor do CEL. 

,

,

Cargas crescem e animam transportadoras - www.ntc.com.br  
O aumento do transporte de cargas em Minas traz expectativa de crescimento para o setor neste ano. O volume de cargas transportadas no primeiro trimestre foi maior que no ano passado, principalmente dentro do Estado. Subiu de 2,5 milhões toneladas para 3,5 milhões toneladas nestes três primeiros meses em comparação com o mesmo período de 2003, segundo pesquisa do Sindicato das Empresas de Transporte de Cargas de Minas Gerais
Setcemg. O emprego no setor de transporte também progrediu, aumentando 6% no primeiro trimestre deste ano em relação a 2003, passando de 47 mil para 50 mil postos de trabalho oferecidos. Minas conta com cerca de 2.500 transportadoras registradas, "mas apenas 900 têm o transporte de cargas como negócio principal", avalia o presidente do Setcemg. A política do governo do Estado de incentivar a indústria com vistas a recuperar as empresas que já saíram daqui. "O investimento anunciado para as reformas das rodovias vai estimular a implantação de novos segmentos no Estado", acredita. O problema, para Costa, é que, embora Minas tenha a maior malha viária do país, as estradas não têm condições sequer para receber todo o tráfego atual. Um tráfego intenso, segundo ele, pois só a frota de caminhões emplacados no Estado é de cerca de 200 mil veículos. O Setcemg está em campanha contra as condições das estradas. "Estamos preparando uma ação judicial contra o governo federal para cobrar os prejuízos causados pelo aumento do consumo de combustível, pelo atraso no tempo de viagem e pela manutenção dos carros", afirma o presidente. Segundo ele, o governo já recolheu R$ 18 bilhões desde que a criação da Cide (Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico), mas só investiu R$ 3 bilhões em estradas. "Agora, só falta colocar a mão na massa e acabar com a burocracia", conclui Costa. 

.

.

.

"Somente os Pobres de Espírito ficam parados"

.

.

PARTE 3
.

.

Você está procurando por idéias sobre como promover a sua empresa e conquistar clientes? 

.

Aqui vai uma nova lista de idéias práticas que não requer grandes somas de investimentos, mas simplesmente ATITUDE para serem implementadas.

.

.

51

Crie um kit da empresa para imprensa e o mantenha sempre atualizado e pronto para distribuição.

52

Peça para os seus clientes sempre voltarem. 

53

Retorne rapidamente as suas ligações. 

54

Use caixas postais eletrônicas para capturar suas mensagens quando você não estiver disponível. 

55

Grave uma mensagem de correio de voz MEMORÁVEL na sua caixa postal. 

56

Pergunte aos clientes o que você pode fazer para ajudá-los. 

57

Envie entradas para teatro, shows, cinema, jantar para os seus melhores clientes com regularidade.

58

Realize seminários na sua empresa para clientes e potenciais clientes. 

59

Envie cartas de agradecimento por negócios realizados. 

60

Envie cartões de aniversário e cartões de festas. 

61

Envie artigos que possam interessar aos seus clientes com uma nota de abertura escrita por você. 

62

Envie um livro do interesse do seu cliente com um comentário seu a respeito. 

63

Crie uma área no seu web site para uso exclusivo dos seus clientes. 

64

Redecore o escritório ou sala onde você encontra os seus clientes. 

65

Envie um folheto da sua empresa para os membros da associação ou organização a qual você pertence. 

66

Organize festas comemorativas. Exemplo: Festa Junina da Empresa. 

67

Após a realização do evento, envie um e-mail ou carta de agradecimento àqueles que compareceram, e uma nota de pesar pelo não-comparecimento àqueles que haviam confirmado presença. 

68

Faça marketing durante os tempos de vagas gordas e vacas magras. 

69

Desenvolve Políticas de Marketing Cooperado com seus Fornecedores e Parceiros. 

70

Faça brindes, tais como: mouse pads, canetas e camisetas. 

71

Crie uma lista de Clientes Potenciais. 

72

Comece o seu dia com duas ligações para clientes potenciais. 

73

Leia Revistas e Jornais em busca de notícias de novos empreendimentos que possam trazer novos negócios para a sua empresa. Envie cartas de apresentação personalizadas para essas empresas. 

74

Distribua o portfolio da sua empresa para todos aqueles que se relacionam com a sua empresa: fornecedores, parceiros, clientes, bancos etc. 

75

Relembre os seus clientes sobre produtos e serviços que você distribui, mas que eles ainda não compram. (O cliente nunca sabe tudo que você tem). 

.



.

Enquanto houver um desempregado nesse mundo, 

existe TRABALHO a ser feito

. 
.

.
SOMENTE OS POBRES DE ESPÍRITO FICAM PARADOS!

..

.

.PROF. RICARDO JORDÃO
.PRESIDENTE, FUNDADOR E SEU AMIGO

BIZREVOLUTION CONSULTORIA DE MARKETING

.

.

 

.

.

..

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.BIBLIOTECA EXCLUSIVA DO PROFESSOR

 

..

NÃO FECHE MAIS VENDAS

ABRA RELACIONAMENTOS

.

.

.

prof. FÁBIO LUCIANO VIOLIN

.

Mestre em Estratégias e Organizações - UFPR

.

E-mail: flviolin@hotmail.com  - flviolin@terra.com.br

.

..

Nunca queira fechar uma venda, ou invés, prefira abrir uma relação de longo prazo com seu CLIENTE.

.

Entenda que ele tem a chave do poder e do seu sucesso.
.

.
Neste mundo quase louco em vivemos surge um novo homem de vendas, ao contrário do tradicional, este novo profissional deve vender relacionamentos e não produtos, idéias ou serviços. 
.
Esse
profissional deve se preocupar em descobrir e satisfazer ou quando possível extrapolar as necessidades do comprador, tornando o momento de negociação mais claro e aberto e não uma queda de braço, para que o cliente se sinta mais à vontade para tomar uma decisão sem ser induzido de forma agressiva ou sutil a uma compra que, pode não é a melhor opção para ele, e mais cedo ou mais tarde seu cliente vai perceber que não está satisfeito ou que foi manipulado e isto gera um sentimento negativo em relação à empresa ou profissional que o atendeu.
.
Aliás, esse é o grande dilema do
“vendedor de relacionamentos”, não pensar só no seu desempenho, mas pensar, também, na satisfação e uso do produto; serviço pelo seu cliente, pois só assim se consegue um relacionamento no longo prazo, um relacionamento onde o profissional ganha e o cliente também ganha.
.
Não existem regras para se vender relacionamento, mas aqui vão alguns conselhos que podem, em algum momento, serem úteis:

1. Um vendedor que prima pelo relacionamento: - Age como um consultor do seu cliente, apresentando-lhe as opções disponíveis e tentando lhe entregar o melhor conjunto de produtos e serviços dentro das possibilidades e condições existentes.
.

2. É necessário que se abandone formas preconcebidas: - E que não agregam mais valor e buscar uma interação entre onde suas necessidades de venda se harmonizem com as necessidades de compra de seu cliente.
.

3. Saiba como agregar valor naquilo que vende: - Lembre-se que o preço, a qualidade e produtos de primeira linha já não são, por si só, fatores determinantes do sucesso em vendas, isso porque estes itens estão presentes na maioria dos produtos ou serviços no mercado. Assim, mantenha relacionamentos com seus clientes baseando-se em meios de conhecer melhor seus consumidores e manter um contanto mais estreito. 
.

4. Busque sempre uma negociação mais franca, leal e aberta: - Onde seu comprador sinta que realmente fez uma boa compra e que realmente pode confiar em você, isto só ocorre quando entendemos e falamos a língua dos clientes.
.

5. Seja um solucionador de problemas: - E não parte dele. 
.

6. Não trave uma queda de braço com seus potenciais consumidores: - Eles sempre ganharão, pois se não fecharem o negócio com você ele com certeza tem a possibilidade fechar com outras pessoas ou empresas.
.

7. Dê ao seu cliente sempre mais do que ele espera de você: - Fazer a obrigação qualquer um pode fazer, exceder ou buscar exceder as expectativas poucos tem a capacidade.

Por fim, entenda que o novo profissional de vendas deve buscar meios de se diferenciar, e isto se dá através da constante busca de refinamento da nossa forma de agir. Busque ler livros, revistas, participar de cursos ou palestras e aplicar estes conhecimentos a seu favor.
.

.
Não feche mais vendas...Abra relacionamentos... 
 

.
.

...FÁBIO LUCIANO VIOLIN

.Mestre em Estratégias e Organizações - UFPR

.

..Especialista em Planejamento e Gerenciamento Estratégico - PUC-PR 
Professor universitário, palestrante e consultor de empresas. 

E-mail:
flviolin@hotmail.com  - flviolin@terra.com.br

.

..BIBLIOTECA EXCLUSIVA DO PROFESSOR

.

.

 

.

.

.

..

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

dicas e curiosidades 

"JORNAL DO SDR" Nº253 DO WWW.SDR.COM.BR

.

PRINCIPAIS NOTÍCIAS " Portal www.sdr.com.br de Administração Comercial "  NÚMEROS DE MERCADO

...

...

.

sites consultados PARA COMPILAR AS notícias.

.

.

.

DOA A QUEM DOER!!!.

.

.

Uma nação que gasta mais dinheiro em armamento militar 

que em programas sociais se aproxima da morte espiritual


Martin Luther King 

.

.

A FOME E A GUERRA

.
Há uma diferença
"ridícula" entre os bilhões de dólares gastos no mundo com defesa e atividades militares e o valor gasto na tentativa de reduzir a pobreza global, disse hoje o presidente do Banco Mundial, James Wolfensohn

.
Cerca de 900 bilhões de dólares por ano são usados em defesa, em comparação aos apenas 60 bilhões de dólares destinados à ajuda estrangeira, segundo
James Wolfensohn. "Isso me parece a coisa mais sem sentido que poderia imaginar", disse Wolfensohn durante os encontros de primavera do Fundo Monetário Internacional (FMI) e do Banco Mundial, em Washington. O investimento nas causas para combater a pobreza poderia ajudar a prevenir conflitos, segundo o Banco Mundial.

Eu sugeri outro dia com humor que se você gasta 900 bilhões de dólares em desenvolvimento, provavelmente não precisaria gastar mais do que 50 bilhões de dólares com defesa. Wolfensohn fez as declarações em um evento destinado a chamar a atenção para a falta de financiamento para educação em países pobres.

Um dos objetivos da Organização das Nações Unidas (ONU) para as Metas do Milênio, que têm apoio dos países mais ricos do mundo, é garantir que todas as crianças do mundo em idade de ensino primário tenham acesso à educação até 2015. A iniciativa precisa de mais 5,6 bilhões de dólares em financiamento. 
.
O grupo de ajuda
Oxfam estima que os EUA maior economia do mundo gasta 300 vezes mais na guerra no Iraque do que em apoio à educação em países pobres. 
..
O Congresso dos EUA aprovou 87 bilhões de dólares para a guerra, enquanto a contribuição anual para educação básica em países em desenvolvimento é de 300 milhões de dólares. 

Precisamos manter o foco nas causas de conflitos e nos motivos de instabilidade. E uma das principais causas de tudo isso é educação e oportunidade, disse Wolfensohn.

.

.

MERCADO INTERNO.

.

.

.

No Brasil tomar dinheiro emprestado, é colocar sua empresa na fila da execução. 

Gerar o próprio capital, pode retardar seu crescimento, mas solidificará sua permanência no mercado.

.

PROF. CÉSAR ROMÃO

BIBLIOTECA EXCLUSIVA DO PROFESSOR

 

.

.

Juro "CÂNCER" médio para empresa tem ligeira alta em março - www.valoronline.com.br 
Em março, o juro médio do crédito livre para as empresas subiu de 30,2% para 30,4% ao ano. Para pessoas físicas, o movimento foi inverso e a taxa média praticada pelo sistema financeiro caiu de 64,2% para 64% ao ano. Ainda assim, na média geral, os juros do crédito livre subiram de 45,1% para 45,3% ao ano, segundo levantamento mensal do Banco Central divulgado ontem.

.

.

quer baixar os juros no brasil ?

.

ABRA SUAS CONTAS CORRENTES E POUPANÇAS, NO BANCO DO BRASIL, CAIXA ECONÔMICA FEDERAL E BANCOS DOS ESTADOS.  - DESSA MANEIRA OS BANCOS PRIVADOS E AS FINANCEIRAS, MAIORES AGIOTAS DA ECONOMIA E PROMOVEDORES DAS MAIORES TAXAS DE JUROS EXTORSIVOS E TOMADORES DE BENS DOS DIDADÃOS BRASILEIROS, TERÃO QUE BAIXAR OS JUROS, PORQUE NÃO TERÃO A QUEM EMPRESTAR O DINHEIRO!!! 

.

O Banco do Brasil (BB) colocou no crédito para investimentos de pequenas e médias empresas o foco de sua estratégia para ampliação de financiamentos. Só em linhas com essa finalidade o BB planeja emprestar este ano 3 bilhões de reais, disse o vice-presidente de varejo da instituição, Edson Monteiro. O crescimento previsto da carteira de empréstimos total em 2004 é de 30% a 35%.

.

"O que é assaltar um banco comparado a fundar um?"

Bertolt Brecht

 

.

.

.

Vendas reais de março sobem 22,3% ante fevereiro, diz Fiesp - www.pegn.com.br 
O Levantamento de Conjuntura da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) de março revelou alta de 22,3% nas vendas reais ante fevereiro, sem ajuste sazonal. Na comparação com março de 2003, as vendas demonstraram crescimento de 30,7%. No acumulado de janeiro a março, as vendas reais da indústria paulista aumentaram 17,3%, em comparação ao mesmo período do ano passado. O nível de utilização da capacidade instalada da indústria paulista alcançou 82,6% em março. O percentual representa alta ante a taxa de 81,3% apurada em março de 2003. Por setores, o que apresentou maior nível de uso de sua capacidade em março foi o de papel e papelão, com 89,9%, seguido de têxtil, com 89,3%. No outro extremo, entre os setores apresentados, o segmento material plástico, com 73,4%, registrou o menor nível de utilização da capacidade. Já o total de salários reais pagos pelas indústrias paulistas subiu 2,1% em março ante fevereiro, sem o ajuste sazonal. Na comparação com março do ano passado, a massa salarial verificou alta de 9,9%. No trimestre, o total de salários reais subiu 7,8% ante o igual intervalo de 2003. O total de horas trabalhadas na produção cresceu 10,2% em março ante fevereiro, sem ajuste sazonal. Perante o o terceiro mês de 2003, houve aumento de 8,6%. No trimestre, a alta foi de 4,1%

.

.

Setor de serviços abre mais empregos, diz IBGE
O setor de serviços lidera o crescimento de postos de trabalho em Santa Catarina e a tendência é ampliar a oferta neste ramo, prevê
Luiz Carlos Floriani, secretário geral do Movimento Nacional das Micro e Pequenas Empresas (Monampe). O segmento desbanca a indústria e o comércio na criação de novas oportunidades, segundo o Diário Catarinense. Um levantamento do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revela que no estado 26,1% da População Economicamente Ativa (PEA) Ocupada atua neste ramo da economia. Do total de 2,9 milhões da PEA ocupada catarinense, 756,7 mil exercem atividades de serviços. No Brasil, a inserção no mercado de trabalho é caracterizado pela concentração de trabalhadores nesta área que, se somada às atividades de comércio e reparação corresponde a quase 58% de brasileiros ocupados. Os dados são de 2002 e integram a Pesquisa Nacional por Amostragem de Domicílio (Pnad). Na avaliação de Floriani, de 2002 para cá, o segmento cresceu cerca de 20%. De acordo com o empresário, a indústria substitui cada vez mais a mão-de-obra pelas máquinas - mais eficientes e com menos custo - e o comércio está estagnado, o que obriga os trabalhadores a buscar alternativas. Resultado: o mercado de serviços torna-se o plano B para os desempregados ou para quem decide ser dono do próprio negócio.

.

.

Indústria siderúrgica terá programa de investimentos de US$ 8 bilhões  - www.netcomex.com.br  
Um programa de investimentos de US$ 8 bilhões em siderurgia nos próximos três anos, para elevar a capacidade de produção de aço no país de 34 milhões de toneladas para 50 milhões de toneladas, foi apresentado ao presidente Luís Inácio Lula da Silva pelo Instituto Brasileiro de Siderurgia, que congrega as indústrias do setor. A informação foi dada pelo ministro da Casa Civil da Presidência da República, José Dirceu, citando opinião de um dos grandes empresários do setor siderúrgico, Jorge Gerdau, segundo o qual o plano é uma conseqüência da política adotada pelo presidente Lula, que devolveu a credibilidade ao país, apesar dos sacrifícios necessários para mantê-la. O ministro ressaltou a retomada dos investimentos também pelo governo, com R$ 12 bilhões garantidos no orçamento de 2004, além dos recursos do BNDES, Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil para financiar infra-estrutura, exportação e pequena e média empresas. Dirceu concluiu afirmando que o País tem condições de crescer em 2004 com esses investimentos e também porque os juros vêm caindo e já são os mais baixos dos últimos 12 anos, o que justifica uma visão otimista do futuro.

.

.

.

MERCADO EXTERNO

..

..

Brasil aumenta volume de calçados exportados - Da redação Pequenas Empresas & Grandes Negócios
De janeiro a março deste ano, as exportações do setor calçadista brasileiro resultaram em 453,3 milhões de dólares, 17% a mais em relação ao mesmo período de 2003, quando o setor obteve 386,2 milhões de dólares. O aumento no volume de pares exportados no trimestre registrou o mesmo percentual. Em 2003, foram destinados ao exterior 57,8 milhões de pares, sendo que em 2004 foram 67,7 milhões. As informações são da Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados). Isoladamente, março contabilizou um incremento de 41% sobre o faturamento e 30% em relação ao volume de pares, na comparação com o mesmo mês de 2003. Foram negociados 164,8 milhões de dólares, resultando no embarque de 23,7 milhões de pares. Os Estados Unidos continuam na liderança como principal importador do calçado brasileiro, com 57% do total. O Reino Unido, por sua vez, detém 6% dos embarques brasileiros. No terceiro lugar do ranking vem a Argentina.

.

.

Brasil vence os EUA em disputa inédita na OMC - www.valoronline.com.br 
Em decisão inédita, a Organização Mundial de Comércio (OMC) deu ontem prazo de seis meses para que o governo dos EUA retire os subsídios às exportações agrícolas contestados pelo Brasil na altamente sensível disputa do algodão. Pela primeira na história do sistema multilateral, a OMC tomou uma posição sobre subsídios domésticos à agricultura, que no caso do algodão americano beneficia 25 mil produtores. Em decisão de grande importância, e não só para o Brasil, a OMC concordou sobre os efeitos negativos causados pelo programa ´´Step 2´´, pelo qual os EUA compensam exportadores de algodão e industriais pela compra do produto americano mais caro. Isso constitui um subsídio proibido à exportação, pelas regras internacionais, e deve ser eliminado. O país também conseguiu vitória com a decisão de que o Commodity Credit Corporation (CCC), que dá garantia de créditos à exportação agrícola, rompe compromissos assumidos pelos EUA para algodão, soja e arroz, e devem ser removidos. O Brasil alegou que os subsídios via CCC ao algodão foram de US$ 1,6 bilhão de 1999 a 2002. Sobre subsídios domésticos, Washington deve eliminá-los ou retirar seus efeitos em prazo a ser definido. A base da decisão está no desmonte da ´´cláusula de paz´´. Pela primeira vez, a OMC analisou e concordou com o argumento brasileiro de que os subsídios ao algodão não são cobertos pela ´´cláusula de paz´´, que até o começo deste ano impedia que subvenções fossem contestadas.

,

,

Março confirma aumento de exportação de wet blue - www.netcomex.com.br 
As exportações brasileiras de couros trouxeram US$ 122 milhões para o País em março, apresentando um crescimento de 56% no faturamento em relação ao mesmo mês em 2003, segundo dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex), elaborados pela Associação das Indústrias de Curtume do Rio Grande do Sul (AICSul). Porém, o valor poderia ter sido maior caso não tivesse ocorrido queda no preço pago pelo produto exportado. Em termos físicos, as vendas para o exterior cresceram 60% em março deste ano na comparação com o mesmo mês no ano passado. Com o bom desempenho de março, o acumulado de crescimento no primeiro trimestre de 2004 é de 26% em termos físicos e de 21% no faturamento. No primeiro trimestre deste ano, o aumento das vendas para a China é de 133% em relação ao mesmo período de 2003, além de 61% dos negócios para Hong Kong e de 81% para Taiwan. Estes três destinos somados absorveram 47% no total de couros exportados pelo Brasil de janeiro a março de 2004.

.

.

Exportações de agro-negócios somam US$ 7,84 bilhões até março - www.netcomex.com.br 
As exportações do agro-negócio em março totalizaram o recorde histórico de US$ 3,26 bilhões, um aumento de 66% sobre 2003. O superávit do mês, outro recorde, chegou a US$ 2,77 milhões, resultado 75% inferior aos US$ 1,58 bilhão de março de 2003. No acumulado dos últimos 12 meses, entre abril de 2003 e março de 2004, as exportações do agro-negócio já somam US$ 32,74 bilhões, mais um recorde histórico para esse período e um desempenho 25,3% superior aos US$ 26,13 bilhões embarcados nos 12 meses anteriores. O superávit da balança do agro-negócio desse período somou US$ 27,9 bilhões, um resultado 29% acima dos US$ 21,6 bilhões alcançados entre abril de 2002 e março de 2003. 

..

..

Brasil pode multiplicar por dez as trocas comerciais com a China - www.netcomex.com.br
O ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Luiz Fernando Furlan, disse hoje, ao participar da segunda reunião informal do Conselho Empresarial Brasil-China (CEBC), ter confiança de que é possível multiplicar por dez, em curto espaço de tempo, as relações comerciais e econômicas entre os dois países. Furlan afirmou que espera que o investimento direto chinês no Brasil alcance US$ 5 bilhões nos próximos três anos. Segundo o ministro, há espaço para investimentos nas áreas de mineração, energia, transporte, alimentos, móveis e equipamentos hospitalares. Ele também destacou o potencial do agro-negócio e do álcool. “Está havendo um crescimento médio de 30% na produção de veículos na China e eles têm um problema sério de poluição, o álcool seria uma boa alternativa”, disse. 

.

.

.

Tá LOUCO!!!

.

.

Esta semana não tivemos nenhum "tá louco" QUE VALEsSE A PENA... Vamos ver semana que vem....

..

.

.

..

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

dicas e curiosidades 

"JORNAL DO PORTAL SDR" Nº253 DO WWW.SDR.COM.BR

.

REFLEXÃO   PENSAMENTOS

..

.

ACESSO AS BIBLIOTECAS DE:

.

.

.

30 de abril - DIA NACIONAL DA MULHER !

.

.

Muitas são as versões sobre a origem do Dia da Mulher. A mais mencionada é a data de 8 de março de 1857, dia em que 129 operárias da fábrica têxtil "Cotton" em Nova York (usa), entraram em greve, com o objetivo de conseguir uma redução da jornada de trabalho de 16 para 10 horas e o descanso aos domingos. Lamentavelmente, todas as grevistas se trancaram ou foram trancadas na fábrica e a fábrica pegou fogo... Todas as grevistas morrem queimadas.
.
O encontro socialista internacional, realizado em
Copenhagen, estabeleceu o Dia da Mulher, em caráter internacional, para homenagear o movimento pelos direitos da mulher e de voto. Foi marcado como Dia Internacional da Mulher, o dia 19 de março, na Áustria, Dinamarca, Alemanha e Suíça, aonde mais de 1 milhão de mulheres e homens participaram de manifestações. Além do direito de voto e de participação pública, foi pleiteado o direito de trabalhar, de treinamento vocacional e do fim da discriminação no trabalho.

Como parte das manifestações pela paz, às vésperas da 1ª Guerra Mundial, as mulheres Russas comemoraram o seu primeiro Dia Internacional da Mulher no último domingo de fevereiro de 1913. No restante da Europa, no próprio dia, ou por volta do dia 8 de março, as mulheres promoveram manifestações em protesto a guerra, bem como em solidariedade às suas irmãs.

.

Com 2 milhões de soldados russos mortos durante a guerra, as mulheres Russas novamente escolheram o último domingo de fevereiro para fazer greve por "pão e paz".

.

Líderes políticos opuseram-se ao momento da greve, mas, as mulheres fizeram suas manifestações mesmo assim. 4 dias depois o Czar foi forçado a abdicar e o governo provisório garantiu às mulheres o direito ao voto. Aquele domingo histórico ocorreu no dia 23 de fevereiro do Calendário Juliano em uso na Rússia mas, no dia 8 de março do Calendário Gregoriano em uso nos outros lugares.
.

Entre conquistas e decepções, as mulheres voltam a ser lembradas com especial atenção no dia 8 de março, data consagrada a todas elas, independentemente do nível social, raça, cor e nacionalidade. Para a mulher, o novo milênio começou com uma grande conquista: a de que, pela primeira vez, casos de violência sexual foram reconhecidos pelo Tribunal Penal Internacional para a ex-Iugoslávia (TPI), em Haia, na Holanda, como crimes contra a humanidade.

.

Antes fechada entre quatro paredes, atualmente a violência familiar tornou-se uma questão de luta mundial. Um direito à defesa conquistado pela mulher, que ainda no início deste novo milênio é vítima de torturas medievais. Nos últimos três anos, em termos mundiais, pelo menos uma entre cinco mulheres foi vítima de violência doméstica, segundo o relatório mais recente da Anistia Internacional, intitulado "Corpos quebrados, mentes abaladas". Uma violência que não está relacionada com nível social ou econômico. Ainda de acordo com o documento da Anistia Internacional, qualquer mulher está sujeita a ela.

.

As mulheres correspondem hoje, a 41% da População Economicamente Ativa (PEA) do Brasil (31 milhões de trabalhadoras), e mais de ¼ das famílias do país são por elas chefiadas. Com maior nível de instrução que os homens, não exercem, porém, funções compatíveis com a sua formação: ocupam, em maior percentual, postos mais precários, além de terem menor remuneração.

.
Dia Nacional da Mulher:  - Foi a 30 de abril que nasceu a fundadora do Conselho Nacional da Mulheres, Sra. Jerônima Mesquita. Como homenagem àquela extraordinária mulher, grande filantropa, foi escolhido o dia de seu nascimento, 30 de abril para o Dia Nacional da Mulher." - O Dia Nacional da Mulher, 30 de Abril, foi criado pela Lei 6.971 de 9 de Junho de 1980, assinada pelo então presidente da República João Figueiredo. São três artigos. O primeiro destaca que fica Instituído Dia Nacional da Mulher, a ser comemorado anualmente na data de 30 de Abril do calendário oficial, tendo como objetivo estimular a integração da mulher no processo de desenvolvimento.

.

.

.

 

..

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

BIBLIOTECA EXCLUSIVA DO PROFESSOR

....

.

" CRIATIVIDADE NAS EMPRESAS - VERDADE OU ILUSÃO "

..

PROF. PAULO SILVEIRA
...
DIRETOR 
.
tdc - treinamentos, desenvolvimento e consultoria

....

.

.

.

.

Um dos assuntos mais falados nas empresas, hoje, vem a ser a necessidade de funcionários criativos. 

Na teoria esse assunto é maravilhoso, mas na prática não é bem isso que presenciamos.

.

.
Vejo treinamentos e palestras sobre o assunto diariamente e quando estou dentro das empresas o que observo quase sempre são efeitos negativos no dia seguinte a esses treinamentos
“mágicos”, principalmente os de auto-ajuda. 
.
“Criatividade” não é o caminho milagroso que conduz ao crescimento empresarial como tantos “gurus” afirmam hoje em dia. O que a experiência e evidências vem nos mostrando nos depoimentos e comentários que colhemos com gerentes e REPRESENTANTES COMERCIAIS que trabalham na linha de frente das empresas, vem a ser uma grande necessidade de treinamentos mais racionais, onde tenham ferramentas para uso imediato e que envolvam não só fatores emocionais, e sim fatores como: 

  • cultura geral, 

  • habilidades de comunicação e 6

  • treinamento intenso nas áreas de atuação.

A síndrome do excesso de informação é hoje um dos maiores dilemas dos profissionais. Priorizá-las e filtrá-las é um imenso desafio. E guardar tudo na memória é ainda mais complicado. Veja no exemplo abaixo quanta informação o seu cérebro consegue reter, e porque a Andragogia é o melhor método de aprendizado do adulto. 

Palestras: - Absorção de 5% de aprendizado conceitual, isso levando em conta que o instrutor é um excelente orador e fornece material de apoio; 
.
Leitura: - A leitura traz uma absorção média de 10% do conteúdo conceitual e neste caso devemos considerar que a pessoa está lendo o que gosta e não o que é obrigado a ler. Por isso a disciplina será citada durante todo este artigo, porque às vezes devemos fazer o que é necessário para crescermos e não apenas o que nos convém; 
.
Audiovisual: - Absorção de 20% devido ao uso de imagens ligadas aos conceitos; esta combinação muitas vezes é o que diferencia uma equipe de outra, pois já dizia o provérbio: “Uma imagem vale mais que mil palavras”; 
.
Demonstrações: - A demonstração de como se faz traz a absorção de 30% pelo exemplo e neste particular deveremos deixar o PROFISSIONAL fazer o que viu para que torne o seu aprendizado mais eficaz; 
.
Grupos de discussão: - Absorção de 50% devido à riqueza de detalhes e possibilidade de troca imediata de conceitos e casos de sucesso compartilhados; 
.
Praticar fazendo: - Absorção e aprendizado chegam a 75%;

.

Ensinar os outros em treinamento vivencial e praticar o que se aprendeu de imediato com ferramentas e trabalho diário: - A absorção chega a 95%, porque estamos levando em conta que sempre teremos coisas novas para aprender. 

Algumas verdades: - A grande questão em relação a treinamentos que evidenciam apenas a auto-ajuda focada no trabalho emocional traz sérias seqüelas num curto prazo de tempo e trazem conseqüências como:

  • Após passar a euforia das risadas, o funcionário cai na real e a sua auto-estima fica abalada, e seu comportamento fica pior do que era;

  • Os funcionários confundem ter idéias e flexibilidade de trabalho, com falta de hierarquia e excesso de libertinagem;

  • Acreditam que a criatividade abstrata resolve tudo, não enxergando que a inovação depende de ações práticas, com persistência, disciplina e melhorias contínuas nas suas atitudes e hábitos diários;

  • São passados conceitos “milagrosos” em palestras de auto-ajuda e criatividade, onde a maioria dos funcionários não compreendem os problemas do dia-a-dia dos executivos operacionais e ao ver essas palestras passam a criticá-los ainda mais, dificultando ainda mais o crescimento da empresa.

O grande problema do excesso de “criatividade” pregado é o ato de subestimar a grande complexibilidade das organizações empresariais e sua prática com o “abismo”, onde as maiorias dos “gurus” nunca estiveram na frente de batalha, principalmente nas áreas que envolvem os departamentos operacionais e de vendas, que ao meu ver são as áreas que mais sofrem com esse tipo de conceito errado. 
.
A necessidade da disciplina e trabalho de educação continuada: 

 

O fato de uma pessoa consistentemente ser muito criativa, quase sempre retrata uma pessoa irresponsável em termos hierárquicos. Esses criativos diários raramente representam cargos executivos, onde raramente lideram pessoas. A questão é tornar grupos em equipes, fazendo assim que o trabalho diário torne-se mais prazeroso, gerando menos stress e mais resultados positivos para todos. 

A necessidade da disciplina se faz necessário como fator de decisão onde toda a organização pode adotar ações como : 

  • Fazer da comunicação a principal aliada da empresa, evitando que a “rádio-peão” seja mais eficaz que os outros veículos de comunicação internos e externos, evitando assim que os clientes fiquem sabendo de fatores que só interessam a própria empresa;

  • Fazer pequenos melhoramentos no trabalho do dia-a-dia dos funcionários seja na indústria ou nas empresas prestadoras de serviços; 

Aumentar gradativamente a cultura geral da empresa, tanto nos fatores acadêmicos, no currículo social e de atitudes; adotando assim treinamentos contínuos, onde o funcionário fique com a auto-estima mais alta sim, mas que eleve também sua educação, cortesia, melhoria das relações humanas, organização, disciplina e principalmente sua capacitação profissional. Assim sendo tenho plena certeza de que a sua “sorte” aumentará, lembrando que: 
.

.

A Sorte acontece quando a Preparação se encontra com a Oportunidade.
.

.

.

Tenha um excelente dia hoje e sempre!!!
.

“POIS O MERCADO É DO TAMANHO DA SUA IMAGINAÇÃO”
.

.

.

.

PROF. PAULO SILVEIRA
.
DIRETOR 
.

tdc - treinamentos, desenvolvimento e consultoria

......

BIBLIOTECA EXCLUSIVA DO PROFESSOR

.

.

..

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

vendas e representação  

"JORNAL DO SDR" Nº253 DO WWW.SDR.COM.BR

.

PIADAS " Portal www.sdr.com.br de Administração Comercial "  DITADOS

..

PARA ACESSAR A BIBLIOTECA DO PORTAL SDR - CLIQUE NO LINK

 

PIADA DE COR AZUL = LINDINHAS
PIADA DE COR ROXA = PICANTES
PIADA DE COR MARROM = POLÍTICA
PIADA DE COR VERMELHO = PAHH

PIADA DE COR VERDE = ENJÔO!
PIADA DE COR PRETO = FEIA

 

.

Eu não confio nos cirurgiões. São expertos em manejar facas, tapam a cara para não serem reconhecidos, e usam luvas para não deixar digitais...

.

.

Que disse uma impressora a outra impressora?

Esta folha é sua ou é impressão minha.

.

.

Era um cara de tão pouca sorte que sentou no palheiro e cravou a agulha...

.

.

A loira não conseguia passar no teste para emprego nenhum, então resolveu tomar uma atitude extrema para ganhar dinheiro: - Vou seqüestrar uma criança! - pensou! Com o dinheiro do resgate eu resolvo a minha vida...
Ela encaminhou-se para um playground, num bairro de luxo, viu um menino muito bem vestido, puxou-o para trás da moita e foi logo escrevendo o bilhete: - "Querida mãe isto é um seqüestro. Estou com seu filho. Favor deixar o resgate de R$10.000,00, amanhã, ao meio dia, atrás da árvore do parquinho".
Ass: Loira seqüestradora!
Então ela pegou o bilhete, dobrou-o e colocou no bolso da jaqueta do menino, dizendo: - Agora vai lá, corre e entregue esse bilhete para a sua mãe.
No dia seguinte, a loira vai até o local combinado. Encontra uma bolsa!
Ela abre, encontra R$10.000,00 em dinheiro limpinho e um bilhete junto,dizendo: - "Está aí o resgate que você me pediu. Só não me conformo como uma loira pode fazer isso com outra...!!!!!!!"

.

Enviada por Boris, da boris Representações do Rio de Janeiro

.

.

Um soldado que está louco por uma noitada, encontra uma mulher que vende amor, se aproxima dela e pergunta... - Desculpe senhorita, você aceitaria a minha companhia por 100 reais.
Claro que sim!! 
Nisso o soldado se vira e grita:
- COMPANHIA FIIIIIIIRMES!!! VÃO PASSANDO DE UM EM UM!!!! 

.

.

Três senhoras estavam no vestiário de seu clube quando de repente passa correndo um homem, peladão só com um balde na cabeça parecendo um abajur com o fio solto...

As mulheres riem e uma delas comenta: Ha ha, não estava mal o cara....pelo que pude ver com certeza não era meu marido.

Entre risos outra das amigas acrescenta: Pois o meu marido também não.

Seguem as gargalhadas e a terceira das amigas pára de rir de supetão e exclama: Um momento!!! Esse cara nem sequer é sócio do clube!!!.

 

.

Um cara que estava a ponto de se suicidar por causa de dívidas que não conseguia pagar. Estando a ponto de faze-lo chega um amigo e diz: - Não faça isso!! Está louco? Para melhorar por que não vende sua alma ao diabo? Este te dá o cheque de uma vez.

É verdade?

Sem pensar se dirige para sua casa e o invoca com velas e fumo. Começam a sair raios e faíscas e nesse momento aparece um diabinho de uns 50 centímetros de altura, e o homem lhe pergunta: Quem é você?

E o diabinho responde: - Olhe, meu pai disse para te matar por que agora não tem dinheiro...

.

.

.

..

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

..

" LÍDERES TAMBÉM INTEGRAM SUAS EQUIPES " 

. ..

SR. PROF. FRANCISCO BITTENCOURT 
.
CONSULTOR 
.
Instituto MVC  M. Vianna Costacurta Estratégia e Humanismo

..

.

.

BIBLIOTECA EXCLUSIVA DO PROFESSOR

..

Quando se aborda o tema liderança e trabalho em equipe, em geral, observa-se o papel do líder como condutor de sua equipe e das particularidades do trabalho coletivo. Não se dá, via de regra, o tom, em relação à liderança, de mais um membro da equipe. Um membro privilegiado e singular, mas, sem dúvida, um componente entre tantos outros.
.
Questionar um líder sobre sua participação como membro da equipe, levantar seus sentimentos a respeito da sua visão como mais um componente, mas com a particular responsabilidade de conduzir os demais ao resultado, pode mostrar aspectos nem sempre registrados como significativos.
.
 O entendimento do papel de um líder como componente de sua própria equipe nos remete à visão de Kanter (1), ao indicar as habilidades e sensibilidades essenciais, para que líderes se transformem no que denominou como: "atletas empresariais":

  • Aprender a trabalhar sem apoiar-se na hierarquia

  • Saber como "competir" visando aumentar e não podar a cooperação

  • Operar com padrões éticos elevados

  • Ter uma certa dose de humildade

  • Desenvolver o foco nos processos

  • Ser multifacetado e habilidoso

  • Obter satisfação por meio de resultados

Esta visão de Kanter (1) leva em consideração as questões relacionadas às pessoas, que, em sua visão foram, durante bom tempo ignoradas pelas grandes empresas (Crainer, ibidem).
.
Ao assumir um papel integrado à sua própria equipe, o líder assume uma postura privilegiada, de crítico e participante ao mesmo tempo. O exercício da liderança, nestas condições, exige uma percepção crítica acentuada do líder, capaz de estabelecer diagnóstico real da situação vivenciada, sem perder a autoridade da liderança, mas sendo capaz de praticar uma escuta eficaz (Rogers2) que permite decodificar a troca de mensagens entre ele e a equipe, sem perda de substância ou perda de significado.
.
.

Líderes como membros da equipe:

Segundo Lawler (3),: - "a democracia é inevitável, até mesmo no local de trabalho, e as evidências levam a crer que esse sistema está se tornando cada vez mais uma realidade. Organizações hierárquicas são muito inflexíveis e rígidas para competir efetivamente no atual ambiente de negócios. Elas não atraem o capital humano certo, não produzem as competências essenciais e os recursos organizacionais certos. Como resultado, precisam ser substituídas por formas laterais de organização pesadamente baseadas em equipes, tecnologia da informação, redes, liderança compartilhada e funcionários engajados".

Esta visão leva a observar o quão importante é a postura do líder, que, sem abdicar de seu poder, sua autoridade e sua influência, fatores caracterizados pela função que exerce, consegue mergulhar a fundo no conhecimento das expectativas, dos sentimentos e de outras manifestações de sua equipe.
.

.
A visão do iceberg organizacional (4) nos ajuda a compreender este papel:

.

Os aspectos formais (parte de cima) da organização mostram:

  • seus recursos, 

  • sua tecnologia, 

  • seus objetivos, 

  • sua estrutura organizacional

São fatores conhecidos, com divulgação direta e espontânea. Na organização todos os conhecem.
.
Os aspectos informais
(parte de baixo) da organização envolvem:

  • os valores que permeiam as atitudes e comportamentos de seus colaboradores 

  • suas atitudes em relação à empresa 

  • seus sentimentos em relação à empresa e suas lideranças 

  • as interações informais que conduzem as relações interpessoais na equipe 

  • e as normas que regem a conduta das equipes na organização

.

Ao se colocar como um membro do grupo, o líder passa a "mergulhar" nas águas geladas e conhece as dimensões reais deste iceberg. Ao efetuar este mergulho o líder assume alguns papéis e estes papéis têm uma relação objetiva com suas próprias atitudes (5):

  • o papel de contribuinte

  • o papel de colaborador

  • o papel de comunicador

  • o papel de desafiador

Para melhor entender estes papéis, Parker identifica cinco funções, que podemos denominar como instrumentos de ação:

  • planejamento

  • comunicação

  • riscos

  • resolução de problemas

  • tomada de decisões

Cada uma das funções apresenta uma relação característica em relação aos papéis desempenhados pelo líder. Para melhor consolidar esta reflexão é interessante verificar como o autor tratou esta relação:

No papel de contribuinte: - O planejamento é feito de forma tática, com componentes específicos (não genéricos), é mensurável e apresenta um perfil conservador; a comunicação é sucinta, em geral é escrita, elaborada formalmente, é objetiva em suas abordagens e plena de detalhes; os riscos são calculados, o perfil das decisões é assumidamente conservador, prevê o desenvolvimento dos processos, há testes experimentais e pesquisas prévias antes da decisão; as soluções são adotadas com análises prévias, estruturadas e construídas com coerência, com fundamento em dados, pareceres técnicos e rigorosos em escolher recursos e objetivos a alcançar; a decisão tende a ser lógica, alinhada com a realidade, eficaz em termos de custo, prática, objetiva, consistente, coerente com o contexto. 
.
No papel de colaborador: - O planejamento tem visão estratégica, é visionário (vislumbra opções futuras), é abrangente (visão global) e envolvente (abrange todo o campo do estudo ou ação); a comunicação é verbal, não necessariamente escrita, não estruturada e voltada para o espírito organizacional; o ato de assumir riscos envolve uma visão liberal, aberta a todas as idéias dos membros da equipe, orientação para as metas, há aceitação dos riscos, com investimento no planejamento; discute o contexto em que o problema se insere, analisa cuidadosamente as implicações, dá crédito aos componentes da equipe para a decisão, apóia na obtenção de recursos necessários; como líder deseja o compromisso da equipe, propõe abertura a discussões com a equipe, decisões coerentes com as metas a alcançar, reexamina e dá feedback das decisões como líder, faz-se presente. 
.
No papel de comunicador: - O planejamento envolve todo o conjunto (comunidade e temas), não encontra resistências das partes envolvidas e está coerente com o processo adotado pela equipe; a comunicação é calorosa e amigável, informal, usa o senso de humor, enfatiza as zonas de conforto, e dá importância à escuta eficaz (ouvidos atentos); ao assumir riscos, leva em consideração o impacto sobre o processo da equipe, verifica os riscos específicos conhecidos, discute as conseqüências e mantém um permanente feedback; envolve a equipe no processo de solução do problema, enfatiza a forma como as coisas devem ser feitas, gera conflitos pelas divergências, e prefere soluções onde todos compartilhem a ação; a decisão é participativa, com a adoção do consenso, prefere trabalhar com autonomia, investiga possíveis causas de resistência à decisão ou às mudanças implementadas. 
.
No papel de desafiador: - O planejamento vislumbra a possibilidade de novas direções, amplia os objetivos iniciais, questiona a importância dos pontos abordados, tem perfil mais estratégico que tático; a comunicação é aberta, sincera, confrontadora, questionadora, prefere discutir os temas em reuniões, para compartilhamento das idéias; o ato de assumir riscos está ligado diretamente à focalização de potenciais na equipe, incentiva o alargamento de fronteiras, investe na motivação, apóia as atitudes e maneiras que levem à qualidade; a decisão não é estruturada, busca a identificação do problema real, analisa cuidadosamente as questões que o envolvem, examina a fundo os dados disponíveis, estudando a relação custo-benefício; a decisão se caracteriza pelo fundamento legal, pela postura ética, pela correção em relação aos padrões vigentes e que tragam novas contribuições ao universo da equipe e da liderança. 

O desempenho do líder no gerenciamento de sua equipe deve ser percebido como um complemento à sua ação, e não entendida como uma função diferente. O líder conquista sua posição como tal a partir de uma eficaz movimentação como gerente de sua equipe de trabalho exercendo de forma coerente o poder que dispõe, usando de maneira adequada sua autoridade e praticando a influência para que os resultados sejam alcançados.
.

Conclusão: - Bennis (6) define que: - "liderança e gerenciamento são dois sistemas de ação distintos e complementares. Cada um tem sua própria função e atividades características. Ambos são necessários para êxito em um contexto empresarial cada vez mais complexo e volátil... Gerenciar é lidar com a complexidade... Liderar é lidar com a mudança".
.

Diante de sua equipe de trabalho, um líder deve estar preparado para buscar as fontes de informação e conhecimentos suficientes para agregar valor à sua busca produtiva de resultados, sem descuidar-se da multiplicidade de interferências que se farão sentir e notar em sua ação produtiva. Ele deverá se preparar para a mudança, de forma a antecipar-se a determinadas alterações de rumo (pró-agir e não reagir a elas).
.
Um líder deve estar consciente que os problemas e as ocorrências em sua área de atuação não acontecem de forma linear, ou, usando uma linguagem matemática, em progressão aritmética, e sim que a incerteza fará parte de seu cotidiano. Cabe a ele aprender com os fatos que interferem em sua realidade, entender os seus erros como base de aprendizados futuros e ser o agente de transformação do aprendizado de sua equipe.

.

.

1 - KANTER, Rosabeth Moss. Quando os gigantes aprendem a dançar, apud CRAINER, Stuart. Os grandes pensadores da administração. SP: Futura, 2000. 

2- ROGERS, Carl, aput KAPLAN, Burton. Comunicação Estratégica. SP: LTC, 1992.

3 - LAWLER III, Edward. A era do capital humano finalmente chegou, apud BENNIS, Warren et allii . 

4 - O futuro da liderança. SP: Futura, 2001. 

5 - WENDELL L. FRENCH, Wendell L., BELL Jr., Cecil. Organizational Development – Behavioral Science Interventions for Organizational Improvement, Englewood Clifts. N.J. Prentice Hall, 1973

6 - PARKER, Glenn. Team Players Teamwork. SF: Jossey Bass Publishers, 1996

7 - BENNIS, Warren. Afinal o que fazem os líderes – a nova face do poder e da estratégia. RJ: Campus, 1999. 
.

Obs.: Material retirado do programa Liderança Empreendedora.




,
,

SR. PROF. FRANCISCO BITTENCOURT 
.
CONSULTOR 
.

Instituto MVC  M. Vianna Costacurta Estratégia e Humanismo

....


.

Contatos: 11 3171-1645 / 3285-2438 - costacurta@institutomvc.com.br  (Luiz Augusto Costacurta) (SP) ou 21-2518-2321 - mvcmt@uninet.com.br  (Maria Teresa) (RJ) - www.institutomvc.com.br 

.

.

.

.

..

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

futuro e tendências

"JORNAL DO SDR" Nº253 DO WWW.SDR.COM.BR

.

.

FUTURO - TENDÊNCIAS " Portal www.sdr.com.br de Administração Comercial "  MARKETING - PESQUISAS

....

.

.

PARA ACESSAR AS BIBLIOTECAS DO PORTAL SDR - CLIQUE NOS LINKS

.

.

.

..

.

PRAS CABEÇAS!.

  

o que nos favorece, prejudica aO CONCORRENTE.

o que favorece ao CONCORRENTE, nos prejudica.

JamAIS TEM que SE levar A EQUIPE aO EMBATE sEM HAVER comproVado suA moral, constatado que NÃO TEM MEDO E verificado que estÃO BEM organizadas. NÃO HÁ que compromete-la eM uma aÇÃO, A NÃO SER Quando TEM moral de vitória..

Durante uma batalha, um general japonês decidiu atacar mesmo quando seu exército era inferior em número. Estava confiante que ganharia, mas seus homens estavam cheios de dúvidas. A caminho da batalha, se detiveram em uma capela. Depois de rezar com seus homens, o general tirou uma moeda e disse, "Agora jogarei esta moeda. Se der cara ganharemos. Se der cruz perderemos. O destino se revelará".

..
Jogou a moeda ao ar e todos olhavam atentos enquanto caía. Deu cara. Os soldados estavam tão felizes e confiantes que atacaram vigorosamente o inimigo e conseguiram a vitória. Depois da batalha, um tenente disse ao general. "Ninguém pode mudar o destino"."É verdade", disse o general enquanto mostrava a moeda ao tenente, que tinha cara dos dois lados.

.

.

SIMPLICIDADE E CLAREZA
.

Comunicar-se excede o fato de falar, relatar características do produto, descrever as formas de uso do mesmo, formas de pagamento, garantias, serviço pós venda e... seguir falando. 
.
Terá momentos em que
"levado pela paixão" de querer persuadir o cliente, caímos no erro de falar mais que o devido, pensando que essa é a estratégia adequada para entusiasma-lo e conquista-lo (ou entedia-lo e afasta-lo?). Comunicar é facilitar o diálogo. 
.

Você poderá conhece-lo para poder ajustar sua proposta as suas necessidades, e ele também a você. 

.

.

APENAS 7% dos empresários registram suas marcas

.

Só 7% dos empresários brasileiros registram suas marcas no Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI). A falta de informação sobre o direito de registrar a marca e a falta de conscientização do empresário nacional são apontadas como principais causas para este reduzido índice. Estatísticas de 2003 revelam que entram no INPI cerca de 35 milhões de marcas por ano. Dessas, apenas 30% conseguem o registro. Muitos empresários não conseguem registrar sua marca porque a documentação não está correta ou porque chegaram tarde e outra empresa já registrou a marca na frente. Para evitar que outro tome sua marca, é preciso haver uma conscientização maior dos empresários brasileiros para a importância do registro da marca no INPI.

.

.

VACILOU? JÁ ERA...

.

Um empresário do oeste de Alemanha, que comprou os diretos do emblema oficial comunista da extinta Alemanha Oriental, defendeu sua decisão nesta quarta dizendo que os críticos estavam com ciúmes, por que não haviam pensado nisto antes. Manfred Jansen pagou no escritório alemão de patentes 300 euros (1.100 REAIS) pelo direito de reclamar privilégios de qualquer um que o utilize "um martelo e compasso dentro de uma coroa de centeio" em camisetas, isqueiros, cintas e um sem fim de produtos. 

Somente sou um homem de negócios com uma agência que negocia lindos logotipos. Não tenho motivação política, disse jansen depois que a notícia de sua compra provocou críticas de que não tinha o direito de comprar um emblema nacional. 

Jansen disse que, ainda que ninguém pode reclamar uma patente sobre emblemas nacionais que ainda existem, não havia esta proteção sobre os emblemas de estados desaparecidos, como a Alemanha Oriental, que desapareceu com a unificação da Alemanha em 1990. 

Tenho bons amigos no leste e rimos muito disto, disse Jansen. Estou seguro de que há pessoas no leste que teriam feito o mesmo, se lhes tivesse ocorrido a idéia, acrescentou.

Alemanha Oriental, formalmente conhecida como República Democrática Alemã, deixou de existir em outubro de 1990, 41 anos depois de sua fundação baixo a influência soviética, ao reunificar-se com a Alemanha Ocidental, formalmente conhecida como República Federal da Alemanha. 
.
Nos últimos anos tem havido um florescimento de nostalgia pela Alemanha Oriental no leste onde um elevado nível de desemprego e uma população descrente tem impulsionado muitos a recordarem com carinho as vantagens da vida com o governo comunista.
.
A ola de nostalgia tem sido produzida por vários livros, programas populares de TV e filmes, incluída
"Good Bye, Lenin!", que ganhou numerosos prêmios de cinema alemães e internacionais no ano passado e que foi um êxito de arrecadação em toda Europa. 
.
Matthias Oehme, diretor de um editorial do leste da Alemanha, planeja iniciar uma ação legal contra a venda do emblema, com o argumento de que contravém ao direito do falecido Heinz Behling, quem desenhou o símbolo da Alemanha Oriental na década de cinqüenta.

.

www.cnn.com  

.

.

ESTRATÉGIA

.

Fingir ir para o leste, enquanto se entra pelo Oeste

.

Se deve produzir uma falsa impressão para fazer o concorrente pensar que o ataque vem de um lado, quando na realidade está chegando de outro. O concorrente não deve descobrir as intenções dos falsos movimentos:

. .

Se não se faz com inteligência, volta-se contra si próprio

.
Se os dois concorrentes tem potência similar, inclinar a situação à nosso favor, requer mais habilidade e maior complexidade na preparação delas. Estas estratégias se baseiam no sigilo e na astúcia
(muito importante é conseguir com que o concorrente nos subestime).

.

Fazer investidas no mercado, na retaguarda do concorrente, infiltração nos negócios e aproveitamento dos pontos fracos, fazem a diferença para nosso lado.

.

Os líderes que sabem quando atacar, fazem com que seus concorrentes não saibam quando defender-se.
.
O livro dos cinco anéis - Manuscrito do fogo - Miyamoto Musashi

.

.

ONDE ESTÁ O DINHEIRO? PARTE 001/3
.

Uma das mais importantes responsabilidades do profissional de marketing é analisar o portfolio de produtos/serviços da empresa e (re) definir os segmentos de mercado nos quais ela deve atuar. Se fizermos uma observação mais atenta do comportamento de alguns produtos, poderemos observar que muitos executivos parecem estar negligenciando este importante dever de casa. 
.
Os bons manuais de marketing orientam que, para minorar o risco de tão importante decisão, deve-se analisar a atratividade dos diversos mercados potenciais e avaliar criteriosamente as potencialidades da empresa/produto. A
McKinsey and Co. transformou essa idéia numa conhecida matriz e passou a estimular seus clientes a utilizá-la. Sem a pretensão de esgotar o assunto, queremos traçar alguns comentários a seu respeito. 
.
Em primeiro lugar, não podemos deixar de reconhecer que cada segmento tem suas peculiaridades. Por isso é fundamental que o
profissional de marketing avalie atratividade do mercado levando em consideração pelo menos os seguintes fatores:

  • Tamanho do mercado

  • Taxa de crescimento do mercado

  • Número de concorrentes

  • Intensidade da concorrência

  • Grau de mudança tecnológica

  • Necessidades de recursos financeiros

  • Nível de rentabilidade do setor

É preciso estar atento para o fato que, variando conforme o caso, alguns desses fatores podem ser mais importantes do que outros e portanto devem receber pesos e ponderações diferenciadas.

.

 

. 

.

.

"Somente os Pobres de Espírito ficam parados"

.

.

PARTE 1

.

.

Você está procurando por idéias sobre como promover a sua empresa e conquistar clientes? 

.

Aqui vai uma nova lista de idéias práticas que não requer grandes somas de investimentos, mas simplesmente ATITUDE para serem implementadas.

.

.

01

Nunca deixe um dia passar sem ter realizado pelo menos uma atividade de marketing

02

Determine uma porcentagem da receita anual da empresa a ser investida em marketing

03

Determine metas específicas de marketing para cada ano, reveja e ajuste-as trimestralmente

04

Mantenha um arquivo de idéias de marketing para usar amanhã ou mais tarde

05

Carregue SEMPRE cartões de visita com você (TODOS os dias e o dia INTEIRO)

06

Crie um pequeno botão com a marca da sua empresa e use-o durante eventos de negócios

07

Esteja alerto para tendências e fatos que talvez tenham impacto sobre o seu Mercado alvo, produto ou atividades de marketing

08

Colecione o material de marketing dos seus concorrentes, estude as suas estratégias, características de produtos, benefícios etc.

09

Pergunte aos clientes porque eles contrataram você e peça por sugestões de melhoria

10

Pergunte a ex-clientes porque eles deixaram de fazer negócios com a sua empresa

11

Junte-se a uma lista de discussão na internet relacionada a sua profissão

12

Crie um novo serviço ou produto

13

Ofereça uma versão mais simples ou menor do produto ou serviço que você oferece

14

Ofereça uma versão mais complexa, cara, maior ou melhor do produto ou serviço que você oferece

15

Atualize os seus serviços

16

Estabeleça um Conselho de Idéias com amigos, vizinhos, fornecedores e empresários onde você possa trocar idéias e discutir questões que se relacionam a comunidade de vocês e aos seus negócios. Programe encontros trimestrais. Que tal um café da manhã?

17

Crie uma caixa de sugestão para os seus funcionários

18

Participe de algum seminário, curso ou palestra sobre marketing

19

Leia um livro sobre marketing

20

Assine alguma publicação sobre negócios

21

Eduque os seus funcionários a fazer o mesmo

22

Lidere uma reunião mensal sobre marketing com os seus funcionários para discutir a estratégia da empresa, o seu posicionamento atual e solicitar idéias de marketing a todos

23

Junte-se a uma organização ou associação relacionada a sua profissão

24

Mantenha um arquivo de profissionais de marketing que permita a você encontrar rapidamente designers, consultores, agências, produtores, mídias, promotores etc.

25

Embarque em uma viagem criativa para cidades ou países mais desenvolvidos para observar e aprender técnicas de marketing que poderiam ser usadas aqui

.

.

Existe tanto trabalho a ser feito… 

Como alguém pode estar parado nesse momento?

..

.
SOMENTE OS POBRES DE ESPÍRITO FICAM PARADOS! 

.

.

Ah, Se eu fosse o seu chefe...
...

 

PROF. RICARDO JORDÃO MAGALHÃES
.PRESIDENTE, FUNDADOR E SEU AMIGO

BIZREVOLUTION CONSULTORIA DE MARKETING

.

.

.

Sistema de Representação para Representantes Comerciais

.

SISTEMA DE REPRESENTAÇÃO, VENDAS E SERVIÇOS SDR

.

o sistema sdr já inclui NO PREÇO o uso em rede ilimitado sem custos extras E não tem taxa de manutenção mensal. a única taxa que o sistema sdr tem, é a anuidade de R$:120,00 para efeitos de suporte e atualização, com vencimento em março de cada ano (2007 bonificada)

.

.

Sistema de Representação para Representantes Comerciais

FONE: 51 3019 2817

.

sistema de representação comercial e vendas

.L

.

.

caso deseje alterar ou cancelar sua assinatura, clique no link a seguir:

ALTERAR ASSINATURA

.

.

ÓTIMO TRABALHO E ATÉ A PRÓXIMA EDIÇÃO!

.

SDR - SISTEMA DE REPRESENTAÇÃO E VENDAS

MIGUEL PEDRO TERRA VELAZCO

EDITOR DO JORNAL SDR

fone: 51 3019 2817.

.

Clique aqui para nós enviar um e-mail

.

INDIQUE SEU TEMA  ..-  ENVIE-NOS SUA OPINIÃO

.

Av. Caçapava 425 - sala 03 - Petrópolis -  Porto Alegre (RS) - BRASIL cep: 90460-130

 FONES: 51 -  3019 2817  -  FAX 51 3333 3553

.

.

Sistema de Representação para Representantes Comerciais

Como página inicial  Adicionar a Favoritos

Resolução mínima de 800x600 © Copyright 2007 - SDR